Pular para conteúdo

Drogas nos Esportes: Estimulantes, Anabólicas e outras

Publicação: | Atualização: 09 Set 2014 05:12 | Categoria: Anabolizantes Esteroides

Foto

Por Luiz Carlos Chiesa

Colaborador(a) desde outubro de 2013

Drogas nos Esportes: Estimulantes, Anabólicas e outras
O problema do uso de substâncias ilícitas para promoverem o aumento da performance física não é novo. Nunca em toda a história esportiva houve tanto consumo de drogas, principalmente por praticantes de modalidades não olímpicas. Paralelamente observamos na população em geral o uso descontrolado de medicamentos e drogas estimulantes e alucinógenas.

A partir da década de oitenta, houve um grande estímulo à prática de exercícios físicos, que culminou na imensa procura por academias de ginástica. A valorização da estética muscular desenvolvida ou hipertrofiada inclusive para mulheres, passou a ser bem vista e explorada pela mídia.

Existe hoje um comércio paralelo que vende drogas anabolizantes e outros ergogênicos, o qual é denunciado constantemente por matérias televisivas. A busca desequilibrada por um corpo escultural, e o baixo nível de conhecimento dos praticantes de musculação e outras atividades físicas, mantém o presente mercado negro em plena ascensão.

Devemos tomar muito cuidado no trato com as novidades que surgem no mercado de suplementos alimentares. Os produtos anunciados pelo fabricante são muitas vezes colocados como verdadeiros os efeitos que promovem sobre a performance e estética. Trazem ainda declarações de usuários e afirmações não concluídas por meio de pesquisas cientificamente desenvolvidas.

Os volumes para ingestão e os possíveis efeitos das substâncias contidas nos produtos, mesmo que indicadas para suplementação alimentar, variam de um indivíduo para outro, as recomendações terão que ser ajustadas e feitas por médico ou nutricionista, para que não haja dano ou mesmo efeito tóxico sobre o organismo.

O cuidado para não confundir substâncias dopantes, com suplementos alimentares faz-se urgente. O doping é considerado quando do uso de recursos que promovem o aumento da performance por meio de substâncias artificiais e proibidas pelos comités esportivos.

Os anabolizantes esteróides são manipulações químicas sintéticas de substâncias que promovem o anabolismo tecidual orgânico tais como a testosterona, e são usados por atletas ou praticantes de esportes de força e visam principalmente aumentar a massa muscular.

Os anabolizantes podem ser ingeridos por via oral (anabólicos alquilados) ou por via intramuscular (anabólicos ésteres)

Os pais e ou responsáveis precisam ficar atentos aos recursos que estão sendo usados no treinamento. É possível o indivíduo estar usando recursos ergogênicos dopantes, afirmando serem de procedência natural e inócuos. O uso de qualquer substância ou suplemento deve ser verificado pelos pais e pesquisado sempre junto a um nutricionista ou médico.

Abaixo encontra-se uma lista contendo algumas substâncias dopantes e as categorias ou classes a que pertencem. As mesmas só podem ser administradas por médicos e estão restritas no uso para tratamento de doenças. Algumas drogas são lícitas e nem por este motivo são menos degradantes da saúde. Fique sempre atento!!!

Drogas Estimulantes
  • Anfetaminas;
  • cafeína em altas dosagens;
  • cocaína;
  • efedrina;
  • salbutamol e outras.
Drogas Anabólicas
  • Nandrolona;
  • 19- norandrostenediol;
  • 19- norandrostenediona;
  • oxandrolona;
  • androstenediol;
  • androstenediona;
  • dehidroepiandosterona ou DHEA;
  • testosterona etc.
Outras:
  • Maconha;
  • álcool;
  • tabaco;
  • insulina;
  • HGH etc.
Alguns Efeitos Colaterais sobre o Organismo e Saúde:

Câncer de fígado, hipertrofia cardíaca, hipertensão arterial, dores ósseas, hipertrofia da próstata, cefaleia grave, redução grave dos níveis de colesterol HDL, aumento do colesterol LDL, morte.

Conclusão:

Os pais ou responsáveis, os profissionais de saúde e da educação física devem excluir qualquer forma de doping relacionada a elevar o rendimento no treinamento e ou visando fins estéticos.

As drogas só devem ser usadas ou administradas sob estrita recomendação médica competente.

Profissionais bem graduados e sérios, não utilizam em hipótese alguma, o doping para alto rendimento de seus alunos, esta atitude quando constatada, deve ser denunciada aos conselhos regionais e órgãos de repressão, com urgência.
16358 visualizações
Avaliar Matéria   * * * * * 4 votos

Comente esta Matéria

2 Comentários

muito bom  vai ajudar muita jenti

 

  • Citar
  • Denunciar

muito bom,me ajudou bastante.

  • Citar
  • Denunciar

ou Entrar

Comente no Facebook

Sobre o Colaborador

Foto

Luiz Carlos Chiesa

Membro desde 28 Out 2013

Todo profissional da área da saúde pode colaborar com matérias para a nossa comunidade, principalmente nutricionistas, educadores físicos, endocrinologistas e fisioterapeutas. Participe!

Quero Ser Colaborador

drogas esportes estimulantes


Lipo 6