mvbr

Hipercalorico e creatina

Avalie este tópico:

13 posts neste tópico

Oi , me ajude Pf ahahaha To a 1 Ano treinando , ee nao ganho peso , então fui no Nutricionista e ela passo uma dieta de ganho de massa ' ai eu tenho um Hipercalorico e Creatina , qual devo Tomar Creatina ou Hipercalorico , ou posso tomar os 2 Juntos , ? se poder tomar os 2 Juntos Poderia fala o melhor Horario pra tomar eles e quantas vezes ao dia ? Muitoo obrigado , abraços ;) '

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Sim fui na nutricionista , e ela nem Disse o Horario pra tomar os suplementos , ela falo que nem era pra mim tomar pq mais pra frente ia da falenci dos rins , ai o quee eu serviu dela foi a dieta , mais daqui uns 3 Meses vou marca um nutricionista esportivo , Obrigado , a Massa então posso tomar quantas vezes ao dia ? Obrigado abrçs |

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Minha Opnião:
Toma o Hipercalorico depois de Acordar e Antes de Dormir.
Toma a Creatina 3g antes do Treino e 5g Depois (Depois do Treino a Creatina é mais eficiente)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Sim fui na nutricionista , e ela nem Disse o Horario pra tomar os suplementos , ela falo que nem era pra mim tomar pq mais pra frente ia da falenci dos rins

 

troque de nutricionista o mais rápido possível!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Minha Opnião:

Toma o Hipercalorico depois de Acordar e Antes de Dormir.

Toma a Creatina 3g antes do Treino e 5g Depois (Depois do Treino a Creatina é mais eficiente)

Opa , então ja me falaram que antes de dormi se eu tomar ia vira gordura , Ou tem nada a ver , ? Obrigado abrç

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Desculpa , encher o saco haha ', então a creatina tomo 5g No Pos , e o Hipercalorico , 2 Vezes Ao dia

tem algum horario 'específico ? ou tanto faz de Manha tarde e noite  ' ? Obrigado , abrçs 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Eu tomaria hiper ao acordar e depois do treino junto com 3 a 5 gramas de creatina.
Não acho necessário tomar creatina duas vezes ao dia. De 3 a 5 gramas por dia!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

cara desculpa pela ignorancia , Posso tomar a creatina no pre , ee o Hipercalorico e Whey com glutamine  ? Obrigado Abrçs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Ja li varios artigos falando que a Creatina é mais eficiente usada no Pós treino. ja o hipercalorico anoite acho q não tem problema! vai depender da estrutura da sua dieta.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Creatina pode ser pre ou pos treino ja que o efieito dela náo é imediato, ou seja, tu so vai começar a sentir alguma difernça com umas 3 semanas... sobre o hiper depende mto da tua dieta, se ela tiver mto deficinte em carbos toma mais de uma vez mais nao esquece da proteina... o hipee tem proteiba mais a maioria deles esta subdosado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Tudo vai depender da dosagem indicada para cada suplemento e da sua dieta, mas os que vc falou aí, seria legal usar assim:

 

Hiper ao acordar, Malto + Creatina no pré e Whey + Glutamina no pós.

Ou

Hiper ao acordar e Whey + Hiper + Glutamina + Creatina no pós.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta em nossa comunidade! É rápido, fácil e grátis!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora

Gostou? Compartilhe!
  • Conteúdo Similar

    • Por Samuel Moura Rosa
      A cada dia a indústria de suplementação lança uma nova tecnologia, uma nova linha, uma nova denominação, uma nova classificação, uma nova super promessa milagrosa, diferenciada e única. Carregado de nomenclaturas, os suplementos nutricionais vem evoluindo notavelmente em relação à qualidade da matéria prima, concentrações, velocidade de absorção, aromas e sabores que agradam ao paladar, mas muitas vezes com um custo benefício questionável.
      Que a tecnologia e os estudos nesta área evoluem a cada dia, melhorando cada vez mais a qualidade dos produtos, é indiscutível. Agora afirmar que estas evoluções - carregadas de hiper, super, ultra, mega, pump, nitro, black, power, monster - que trazem junto às promessas, um valor de mercado fora da realidade do público praticante de musculação, garantindo que os resultados são extremamente satisfatórios, aí já é demais!
      A cada treino, a cada dia, a cada verão, aumenta a população de praticantes de atividades físicas em geral, em partes mal informados, carentes de resultados, objetivando o sucesso em seu programa de treinamento, na busca por modificações rápidas. Hora, com esta situação fica muito fácil explorar a ambição do público insatisfeito com seus avanços naturais, com promessas e estratégias promissoras e tentadoras.
      Mas nesta indústria inteligente, nasceu uma nova categoria de suplementação: os chamados Suplementos Pré Treino. Bom, antes de explorar sua ação e eficácia, vamos analisar. Para quem treina de maneira programada, séria, centrada, comprometida e objetiva, a sessão de treinamento é um momento sagrado e único.
      Com isso, além dos objetivos de avanços à médio e longo prazo, o sujeito tem imenso prazer em treinar, em começar a primeira série, em tirar o 100%, o algo a mais, o maior recrutamento muscular possível, e com isto, a maior intensidade desejada. Logo, o crescimento muscular não diz respeito somente ao que ele irá construir como conseqüência do treinamento, mas também ao que ele percebe naquele exato momento que termina uma série máxima até a falha muscular.
      Então, toda estratégia que lhe beneficiar para o rendimento naquele momento, que torne seu corpo mais resistente, mais forte, mais inchado e vascularizado, e com maior disposição para realizar sempre mais uma repetição, ou utilizar mais um quilograma, terá uma aceitação preferencial deste público.
      Para estes, não basta os alimentos e suplementos construtores básicos (proteínas, carboidratos, aminoácidos isolados), pois o treinamento é uma competição diária consigo mesmo. É claro que esta categoria também contempla e muito os eternos iniciantes, atletas de Outubro até Dezembro, que acham que é possível uma construção muscular consistente à curto prazo, e que acreditam que apenas estar inchado representa hipertrofia muscular.
      Mas sobre o efeito e ação dos suplementos pré treino, aí sim a industria caprichou: cada marca, nacionais ou importadas, produziu os seus, com suas promessas tentadoras. Os mais encontrados provavelmente são o Nano Vapor, o Shot Gun, o Super Charge, o Super Pump, o Hemorage, o Blade, o Anabolic Halo, o Trac Extreme, alguns Packs, os precursores de Óxido Nítrico, e até mesmo a consagrada Creatina.
      Mas o que mesmo eles prometem? Se você procurar poraí encontrará: maior pump no treinamento, maior vascularização, durante e pós treino, maior disposição e energia para realizar o treino, maior concentração mental, aumento no nível de força, melhora na recuperação entre as séries, aumentos extremos de volume muscular, queima de gordura, maior liberação hormonal de anabolismo, redução do catabolismo no treinamento. Perfeito! Quanta coisa boa para um único produto! Quem não deseja tudo isso!
      Bom, mas a questão não é discutir se isso tudo é bom, se tem algum efeito adverso ou coisas do tipo. Agora compare você o que é prometido, o relato de quem já utilizou, o que realmente modificou-se, e agora, o valor pelo qual são vendidos, principalmente se forem importados. Chama-se custo benefício!
      Cada produto tem o seu. Mas o que leva estes produtos em frente e mantém seu custo elevado, são as vendas realizadas com sucesso. Afinal, encontramos muitos relatos positivos à favor de um ou outro suplemento pré treino. E por quê? Porque quando realizamos alguma escolha, principalmente se envolve um valor financeiro significativo, é mais natural afirmarmos que foi uma boa escolha, que acertamos, que deu resultado, do que confessar que erramos, que colocamos dinheiro fora, que não foi a melhor estratégia de suplementação, que não deu aquela modificação toda prometida. Atitude natural do ser humano ambicioso.
      O que estes suplementos pré treino realmente promovem não é discutível. Uns mais, outros menos, tudo bem. Mas as proporções as quais eles se propõem, ai sim. Prometem 80, mas realizam 8. Daí aqueles 200, 300 reais investidos tornam-se caros. Compramos uma coisa e levamos outra. E é assim mesmo.
      Pra quem não tem paciência e coerência, de trilhar o caminho correto, treinar sério e contínuo, comer e descansar adequadamente, investir em suplementos que pouco modificam à curto prazo, mas que realmente são construtores, ai sim resta escolher estes milagrosos e caros. Só não vamos colocar à culpa do insucesso no treinamento! Fiquem atentos, pois aquilo que você realmente constrói não te abandona à curto prazo, agora modificações agudas podem cessar na hora que você parar de investir.
    • Por fisiculturismo
      A publicação do mês de março de 2009 da revista FLEX abarca um artigo acerca de suplementação alimentar escrito por Jordana Brown e o PHD Jim Stoppani. Segundo os autores, os suplementos alimentares oferecem melhores resultados se utilizados aos pares.
      WHEY + CARNITINA = SUPLEMENTAÇÃO MATINAL
      O organismo, ao acordar, está com o nível de testosterona elevado e irriquieto por proteínas, as quais são retiradas dos músculos. O whey é essencial pela manhã e funciona melhor do que outras proteínas de rápida digestão (a exemplo da soja), eis que, além dos aminoácidos serem levados ao sangue, também são dilatados os vasos sanguíneos.
      Depreende-se da leitura que a carnitina aumenta o número de receptores de androgênio, responsáveis pela captação de testosterona no interior das células musculares, portanto, possibilita a sua ação anabólica, tal como o crescimento dos músculos. A carnitina garante que toda T seja absorvida.
      Os pesquisadores da Universidade de Connecticut (Storrs) concluíram que tomar o whey e a canitina conjuntamente é o rumo certo ao crescimento muscular. A carnitina aumenta o número de receptores de androgênio que se ligam à testosterona e o whey encaminha o excesso de testosterona ao interior dos músculos. O shake de whey, quando ingerido depois da malhação (outra hora que a testosterona atinge o cume), diminui o nível de testosterona.
      A dose recomendada na matéria é de 40g (quarenta gramas) de whey protein associados a 1-3g (um-três gramas) de L-carnitina, acetil-L-carnitina, L-carnitina L-tartarato ou proprionil-L-carnitina logo que acordar.
      CAFEÍNA + CoQ10 = ANTES DO TREINO
      Todo mundo precisa preparar o corpo para treinar. Isso quer dizer que não é só comer a correta combinação de proteínas e de carboidratos de lenta digestão, mas também um suplemento alimentar energético, o que pode favorecer o aumento da força.
      A cafeína é o mais popular estimulante legalizado. Estudos têm mostrado que a cafeína pode reduzir a dor muscular, o que faz com que a musculação torne-se mais confortável, e deixar a pessoa mais forte. Em 2006, no Jornal de Pesquisas sobre a Força e o Condicionamento Físico, cientistas reportaram que quem tomou cafeína uma hora antes do treino foi capaz de realizar mais séries com muito peso do que aqueles que ingeriram placebo.
      A coenzima Q10 é um poderoso antioxidante utilizado, na maioria dos casos, para manter o coração saudável, prevenir o câncer e, principalmente, produzir adenosina trifosfato (ATP) – combustível que as células usam para a contração muscular, que é exatamente o que os músculos tem de fazer ao levantar peso. A ingestão de CoQ10 antes da malhação proporciona energia para um treino mais pesado e mais difícil, consoante demonstrado num estudo do Jornal Nutrição.
      Assim, tomar CoQ10 junto com cafeína pode aumentar tanto a força quanto a resistência corporais, de modo que o treino apresente resultados mais efetivos. A cafeína permite a liberação de gordura a ser queimada pela produção de ATP e a CoQ10 melhora a conversão da gordura pela ATP em energia continuada.
      No que diz respeito à dosagem, a revista FLEX indica de 200 a 400mg (duzentos a quatrocentos gramas) de cafeína e 300mg (trezentos miligramas) de CoQ10 de 30 a 60 (trinta a sessenta) minutos antes de ir à academia.
      ARGININA + PICNOGENOL = EFEITO “PUMP”
      O aumento do volume muscular ocorre porque os resíduos produzidos durante a contração retiram água do sangue e das células musculares, causando inchaço. O alongamento também atua nas membranas que cercam as células musculares, o que estimula o crescimento dos músculos.
      A arginina é o combustível tradicional para o inchaço muscular, pois, no organismo, ela se converte em óxido nítrico – responsável pela dilatação dos vasos sanguíneos –, permitindo a passagem de mais fluidos e nutrientes até às células musculares e o efeito “pump”.
      Derivado do pinheiro marítimo francês, o picnogenol oferece uma enorme quantidade de benefícios, como a mantença de articulações sadias, a habilidade de melhorar a conversão de arginina em óxido nítrico e, consequentemente, o acirramento de seu nível. Além disso, o picnogenol força a sintase do óxido nítrico – enzima que converte arginina em ON – a trabalhar mais e os seus antioxidantes eliminam os radicais livres que podem degradar o óxido nítrico. Acrescente-se que um estudo publicado no Jornal de Pesquisas sobre a Hipertensão mostrou que o picnogenol também eleva a produção de ON do próprio organismo.
      Os autores recomendam de 3 a 5g (três a cinco gramas) de L-arginina, arginina alfa-cetoglutarato, arginina cetosocaproate, arginina malato ou arginina éster etílica acompanhada de 100 a 200g (cem a duzentos gramas) de picnogenol de 30 a 60 (trinta a sessenta) minutos antes do treino.
      WHEY + CASEÍNA = APÓS A MUSCULAÇÃO
      A malhação rasga as fibras musculares em pedaços, uma vez que o processo de cura é que torna os músculos maiores. E é por isso que a ingestão de proteínas é essencial após o treino: os músculos necessitam da quantidade máxima de proteínas possível para que sejam recontruídos grandes.
      Tradicionalmente, de acordo com o exposto no artigo, o whey protein é conhecido como a pedra angular da refeição pós-treino: é de rápida digestão, o que permite que os aminoácidos se dirijam diretamente às carências dos músculos, a fim de iniciar o seu processo de reparação e crescimento. Ele contém a maior parte dos aminoácidos de cadeia ramificada, quais sejam, leucina, isoleucina e valina – responsáveis pelo crescimento muscular. O whey ainda deixa o nível de insulina mais alto do que as demais proteínas em pó, o que é importante para guiar os aminoácidos e outros nutrientes para o interior das células musculares.
      Já a caseína é uma proteína digerida lentamente, que se transforma em gel no estômago. Há alguns anos, ela não era recomendada depois de malhar, todavia, um estudo publicado em agosto de 2006 no Jornal de Pesquisas sobre a Força e o Condicionamento Físicos mudou tal pensamento, pois, após 10 (dez) semanas de suplementação e de treino pesado, aqueles que tomaram um mix de whey e de caseína experimentaram um maior aumento de massa muscular em comparação aos que não fizeram a mistura.
      A dose aconselhada no texto é de 20 a 30g (vinte a trinta gramas) de whey e de 10 a 20g (dez a vinte gramas) de caseína 30 (trinta) minutos posteriores à musculação.
      CREATINA + BETA-ALANINA = MASSA E FORÇA
      Um antigo recurso utilizado para o crescimento muscular, sustentado por centenas de estudos, é a creatina. As pesquisas demonstram que ela aumenta a ATP, logo, aumenta a força e o tamanho dos músculos, puxando mais água para o interior das células musculares. A creatina também eleva a quantidade do fator de crescimento I semelhante à insulina, primordial ao crescimento muscular.
      A beta-alanina é descoberta recente e ainda vem ganhando suporte clínico devido ao reforço muscular que oferece. A creatina pode funcionar ainda melhor se ingerida juntamente com o aminoácido beta-alanina, tendo em vista que, dentro das células musculares, a beta-alanina liga-se à histidina, formando um dipeptídeo chamado carnosina; os estudos mostram que o nível elevado de carnosina acirra a força e a resistência e aumenta os músculos.
      Uma reportagem de 2006 do Jornal Internacional de Nutrição Esportiva e do Funcionamento do Metabolismo informa que quem usou ambos os suplementos alimentares (creatina e beta-alanina), em 10 (dez) semanas, obteve maiores ganhos no que tange à força e aos músculos do que os que só usaram a creatina.
      A FLEX indica de 3 a 5g (três a cinco gramas) de creatina e de 1 a 2g (um a dois gramas) de beta-alanina 30 (trinta) minutos antes e 30 (trinta) minutos depois de malhar.
      CRONOGRAMA
      AO ACORDAR => WHEY + CARNITINA
      30-60 MINUTOS ANTES DO TREINO => CAFEÍNA + CoQ10 / ARGININA + PICNOGENOL
      30 MINUTOS ANTES DO TREINO => CREATINA + BETA-ALANINA (ACRESCIDO DO SHAKE)
      30 MINUTOS APÓS O TREINO => WHEY + CASEÍNA / CREATINA + BETA-ALANINA
      FONTE do artigo: Revista FLEX de março de 2009
      Interpretação do texto em inglês realizada por: Oksana Maria
    • Por Vanessa Vichi Girotto Corrêa
      A creatina (do grego kreas, que significa carne) foi descoberta no ano 1832 pelo fisiologista francês Michel Chevreul como sendo um componente natural dos músculos contráteis. Cerca de dez anos mais tarde, Lieberg (fisiologista sueco) confirmou que ela era um dos constituintes regulares da carne extraída de mamíferos.
      No ano de 1847, em pesquisas feitas com raposas selvagens, o mesmo Lieberg confirmou que o trabalho muscular envolve o acúmulo de creatina. Dois anos mais tarde, o médico alemão Rudolf Heintz e seu colaborador, o fisiologista Petterkoffer, comunica a descoberta da creatinina, a qual era uma substância presente na urina de seres humanos. Naquela época, especulou-se a possibilidade da mesma ser originada a partir da creatinina muscular.
      No início do século 20 teve início uma enorme febre de pesquisas, tendo-se observado que o conteúdo intramuscular de creatina podia ser elevado consumindo-se suplementos de creatina e que nem toda a creatina ingerida era recuperada na urina. Esta foi a primeira prova de que parte da creatina ingerida é retida pelos tecidos corporais em seres humanos.
      No início do século XX, os fisiologistas ingleses e Denis confirmaram que a ingestão de suplementos de creatina na forma oral era capaz de elevar em cerca de 70% o conteúdo de creatina muscular. Um pouco mais tarde, no ano de 1923, o médico alemão Hans Meyer descobriu que o ser humano possui uma média de 140 gramas de creatina compartimentalizada no corpo, sendo que tal valor foi mensurado para seres humanos do sexo masculino, com 70 kg de peso corporal e declaradamente não-vegetarianos. Quatro anos mais tarde, os fisiologistas norte-americanos Fiske e Subaron comunicam a descoberta da fosfocreatina (forma fosforilada da creatina).
      A partir da descoberta da fosfocreatina em 1927 e da reação enzima creatina kinase em 1934, os esforços de pesquisa tiveram seu foco principal sobre os aspectos bioquímicos, fisiológicos e patológicos da reação da creatina kinase por si só e sobre o seu envolvimento no metabolismo de fosfatos de alta energia tanto de células quanto de tecidos com elevada demanda energética.
      Contrastando com isso, o metabolismo da creatina inicialmente atraiu bem menos atenção da comunidade científica. No entanto, a partir de 1940 realizou-se uma longa série de novas e fascinantes descobertas dentro do ambiente de pesquisa. A partir de então, os análogos de creatina provaram ser potentes substâncias anticancerígenas que atuam sinergicamente com agentes quimioterapêuticos utilizados na prática médica.
      A maioria dos estudos modernos investigou as ações da creatina sobre o metabolismo muscular e na degradação/resíntese de fosfatos de alta energia. Embora a gigantesca maioria dos trabalhos iniciais já havia demonstrado a existência de benefícios ergogênicos, o uso maciço da creatina veio a ocorrer com o programa estatal de maximização de performance humana estabelecido pelo governo da antiga Alemanha Oriental.
      No que diz respeito ao ocidente, sua utilização maciça deu-se após as declarações públicas do ex-campeão mundial de 100 metros rasos, Linford Christie, quando ele comunicou ao mundo que devia grande parte de seu recorde mundial ao consumo de creatina. Além disso, também nessa época iniciou-se a comercialização da forma sintética de creatina a preços bem mais acessíveis comparado à natural.
      Desta forma, atletas recreativos e seres humanos em geral aderiram a seu consumo, enquanto que explodiu o número de trabalhos científicos sobre este suplemento. Até o início de comercialização da forma sintética, o único fabricante mundial de creatina era a empresa SKW-Trostberg, estabelecida em um condomínio de empresas de química fina no parque tecnológico da cidade de Trostberg situada no interior da Alemanha. A empresa, então, participou de várias fusões e, a partir de 2006, foi anexada à Alz-Chem Trostberg, GmbH.
      DESCUBRA COMO MAXIMIZAR OS EFEITOS DA SUPLEMENTAÇÃO COM CREATINA
      Para que a suplementação diária com creatina resulte em benefícios ergogênicos e clínicos eficazes, é necessário que os critérios indicados sejam observados:
      Dosagens. A suplementação está relacionada diretamente à quantidade de massa muscular a ser preenchida e com a intensidade da atividade física empregada, já que gordura corporal branca (abdominal e visceral) não utiliza creatina nos processos metabólicos. A maior parte dos trabalhos tem trabalhado com dosagens da ordem de 0,3 gramas de creatina por quilograma de peso corporal, porém o correto seria avaliar-se a massa muscular total para estabelecer-se a dosagem alvo adequada para cada caso.
      Tipo de suplemento. O monohidrato de creatina é a única forma de creatina razoavelmente estável e é justamente a forma de creatina mais estudada em protocolos de pesquisa. Quando se abre um frasco ou uma cápsula, é importante verificar se há algum odor ou sabor identificável: neste caso, o produto poderá estar degradado ou estar contaminado ou até mesmo ser qualquer coisa menos o monohidrato de creatina.
      Utilização de ciclos. Dependendo do objetivo e da quantidade de massa muscular a ser preenchida, o ideal é a adoção de ciclos de carregamento e manutenção.
      Manipulação da insulina. A absorção de monohidrato de creatina aumenta significativamente quando se prepara uma bebida contendo mirtilo, romã, pêssego, cromo, vitamina E completa (tocotrienóis e tocoferóis), chá verde e uva.
      Hidratação adequada. Um dos aspectos mais importantes dentro da estratégia de suplementação é assegurar-se com que haja quantidade suficiente de líquido na bebida à base de monohidrato de creatina. Um valor adequado seria 300 ml de líquido para cada 5 gramas de monohidrato de creatina.
      CREATINA E PERFORMANCE
      A quase totalidade dos estudos de curto prazo (cinco a sete dias de duração) e de longo prazo (140 dias de duração) verificou inequivocamente a ocorrência de ganhos significativos em diversos fatores associados com performance humana:
      - força pura e potência; - performance no sprint repetitivo; - capacidade de trabalho em séries múltiplas de contração máxima; - eficiência metabólica - qualidade do treino com melhores respostas adaptativas; - esforços de alta intensidade; - esforço simples; - resistência/agilidade no futebol; - performance em esforços longos; - retardamento em até 100 segundos no surgimento da fadiga; - massa muscular; - utilização do glicogênio; - tiros de 300 metros e 1.000 metros; EFEITOS CLÍNICOS NÃO LIGADOS À PERFORMANCE
      Desde o final da década de 80, o trabalho científico tem vislumbrado inúmeras aplicações não relacionadas ao esporte recreativo ou competitivo pela suplementação com creatina, sendo que praticamente todas elas através do uso do monohidrato de creatina:
      - efeitos anti-colesterolêmicos e anti-hiperlipídicos; - efeitos antiinflamatórios; - tratamento e profilaxia neuroprotetores; - proteção sobre o sistema nervoso central em condições de hipoxia; - profilaxia contra asfixia orgânica; - síndrome primária de deficiência de creatina cerebral em crianças; - tratamento de desordens musculares primárias e secundárias; - tratamento de atrofia de girato; - falha cardíaca crônica; - profilaxia contra distrofias musculares; - efeito inibidor de crescimento tumoral; - suplementação para vegetarianos e ovo-lacto-vegetarianos; - deficiência hereditária do transportador de creatina; - efeitos na função cognitiva em idosos; - tratamento de miopatias e sarcopenia; - tratamento de desordens ligadas à depressão; - profilaxia contra diabetes tipo II e resistência à insulina; - profilaxia contra condições isquêmicas do miocárdio em cirurgias; - profilaxia contra níveis anormais de homocisteína e, - profilaxia contra esteatose hepática. Com base, nos estudos e informações apresentadas, é possível certificar que, a Creatina se utilizada de maneira correta, pode levar a ganhos significativos na performance, pois aumenta os níveis de concentração de creatina intracelular. Para tanto se faz necessário respeitar etapas e períodos de treinamento, como também métodos de utilização.
      DESENVOLVIDO PELO COMITE CIENTÍFICO VITAFOR NUTRIENTES (CCVN)
    • Por Rolke
      ESSE TÓPICO SERÁ UTILIZADO PARA REUNIR AS INFORMAÇÕES MAIS BÁSICAS ACERCA DE SUPLEMENTOS. (Tipo aquelas perguntas repetidas 1000 vezes e 100000000 de vezes ao se aproximar o bendito VERÃO..)

      Os usuários que completarão o tópico. Se houver discordâncias a respeito de um determinado assunto, será levado em consideração...mas após
      encerrada, o tópico será limpo, deixando apenas as informações úteis! Conto com a ajuda de todos para completar as informações.

      Colaboradores:
      Tópico base: Rolke e oozaru.
      Contribuições: bicepsman.
       
      PESQUISE, frango não é aquele cara que tem 20 cm de braço, frango é quem não pesquisa, não se alimenta direito, não treina, ou seja PESQUISE! Dieta é a coisa mais importante, caso não tenha uma vá para a sessão nutrição, leia, leia e leia. Procure uma dieta boa para seu dia a dia e a ponha em prática.https://fisiculturismo.com.br/forum/forum/2-tópicos-sobre-nutrição/ Treino é importantíssimo, saber dividir, que músculos treinar, tudo o treino só fica em segundo lugar pois as refeições são mais importantes. Perca um treino mas não uma refeição. https://fisiculturismo.com.br/forum/forum/1-tópicos-sobre-treinamento/ Descanse.
      *Como tomar whey? Quais os melhores horários?

      O whey preferencialmente toma-se com água. Porque? Porque a função do whey é suprir rapidamente o seu corpo com uma fonte rapida de proteinas. Adicionando leite por exemplo, vc estará retardando o rápido efeito de absorção do whey. Esta é a forma mais correta, porém nada impede que vc tome com leite, suco etc...
       
      Ao adicionar o whey ( e veja bem, a dose é de mais ou menos 35g, ou seja mais q isso por dose vc nao estara absorvendo o whey, resumindo: vai estar urinando seu rico dinheiro) coloque um pouco de malto ou de dextrose. A quantidade vai de acordo com o seu peso. Para uma pessoa de 76kg podemos usar 2 col de sopa bem cheias.
       
      O horário como podemos ver de acordo com a função do whey, é o pós-treino. Imediatamente ou tem que esperar um pouco? Ae vai de cada um...A maioria dos usuarios do forum ao sair da academia sente fome ou seja manda imediatamente após o treino para matar a fome.
       
      Nada impede tbm que vc use o whey para complementar sua alimentaçao, ou seja, vc pode tomar whey a tarde, a noite etc....whey antes de mais nada eh um alimento. Porem, nao é uma alternativa viavel em termos de custo x beneficio, por isso 99% das pessoas usa whey somente no pós-treino.

      Links relacionados:

      Mais uma matéria sobre Whey Protein:
       
      *Qual a melhor marca de whey?

      Definitivamente nossa industria de suplementos esta anos luz das gringas....por isso podemos perfeitamente dizer que os wheys americanos sao melhores que nossos brazucas. A marca mais conhecida americana é a Optimum, sendo a mais vendida também. Enfim, é uma questão de gosto e de sentir confiança no produto.

      *Como tomar creatina? Qual a dosagem? Precisa de saturação?

      A creatina pode ser tomada no café da manha, no pré-treino, no pós-treino, enfim não existe um horário obrigatorio.
      Enfim, a dosagem vai variar de pessoa para pessoa. Eu diria que 5g p/ dia sao mais q suficiente. Porem ha que se ter um certo cuidado. Nosso corpo ja produz creatina, ou seja, uma suplementaçao de longo prazo com creatina pode fazer com que afete nossa propria produçao (tal qual os PH's com nossa Testosterona). Ou seja, é interessante que se faça um intervalo (de 2 ou 3 meses) entre os ciclos de creatina.
      Quanto a saturação, mtos marombeiros de plantao adoram saturar.....mas existe um porém. Saturar com 20g p/dia por exemplo é um crime contra seus rins. Existe um limite ao qual o corpo absorve a creatina e a transporta aos musculos.....o excesso disso é processado pelo rim tbm e eliminado.
      Este processo vai stressar demais os rins podendo ocasionar problemas de saude.....a custo de que? Somente ficar mais inchado nas primeiras semanas do que uma outra pessoa que nao esta saturando.....a longo prazo, quem satura e quem nao satura terão seus niveis de creatina iguais, só que um com um rim melhor q o outro.
      Atualmente existe a CEE ( Creatine Ethyl Esther) que é uma creatina que nao causa retençao hidrica, atuando somente no ganho de força. A Creatine Monohydrate é a mais comum, porem retem agua no seu corpo.

      *Como tomar albumina? Como melhorar o horrível sabor?

      A Albumina ( ou claras de ovos, mesma coisa) é uma proteina que ao contrario do whey, é de lenta absorçao. Pode ser tomada em qualquer horario, ate alguns marombas mandam ela no pós-treino mesmo, apesar de nao ser o mais indicado. Porém, os horarios que a maioria das pessoas preferem sao ao acordar e ao dormir.
      Ponto negativo: peidos. Não da pra evitar. Porem existem pessoas que sao sensiveis ao processo de industrializaçao das claras. Ou seja, se vc tem problema com os peidos, tente comer as claras de ovos cozidas. Eh a mesma coisa. Ferva 3 ovos e retire as gemas e bola pra frente.
      A maneira de tomar depende dos seus objetivos: se vc esta numa dieta cutting ( perda de gordura) é bom tomar a albumina com água ou entao se vc nao aguenta o sabor do bixo, procure alternativas como misturar com Clight ou entao Activia 0%.
      Se vc estiver em bulking ( ganho de peso) manda com leite mesmo ou qualquer outra coisa q vc quiser. Sempre respeitando os limites de kcal de sua dieta. A albumina pelo fato de ficar no seu trato digestivo por mais tempo, nao tem a obrigatoriedade de ser tomada com agua....

      *Devo tomar BCAA's além da whey?

      [OPINIÃO 1 - "Rolke"] Nao. A maioria dos wheys (mesmo os nacionais) ja vem com BCAA. Lembre-se que seu corpo possui um limite de absorçao de proteina.....nao adianta nada vc tomar whey +bcaa pois vai estar ingerindo em excesso. Do contrario, se o cidadao precisa de digamos, 160g de proteinas p/dia, era soh o cara ingerir isso no almoço por exemplo. Sem sentido nao eh?

      [OPINIÃO 2 - "bicepsman"] Os efeitos metabolicos da ingestão de bcaa na forma livre(suplementos) sao diferentes dos efeitos metabolicos do bcaa que esta em conjunto com o whey protein ou qualquer outra cadeia de proteinas.Na forma livre os aminoacidos sao ingeridos bem mais rapidos e com uma eficiencia bem maior,se vc consumir 5 gramas de bcaa em forma livre,teria que consumir uma quantidade bem superior de whey para ter o mesmo efeito,mas nao a mesma velocidade de absorção e aproveitamento.

      Links relacionados:
       

      *Hipercalórico à noite engorda?

      Amigo, tudo engorda.
      Vamos a uma conta simples.....digamos q vc gasta 2.500kcal para viver. Ou seja se vc ficar o dia inteiro deitado na cama vendo Sextime, vc gasta 2500kcal para se manter vivo. Pois bem, ae vc vai pra academia treina igual um louco e gasta no treino umas 1200kcal. Somando os dois estamos com um gasto de 3700kcal correto?
      Agora se tudo que vc come durante o dia somado esta dando 4500kcal, o resultado sera = 4500kcal - 3700kcal = 800kcal. Ou seja, VC ENGORDOU.
      Percebeu?
      Porém é fato que esta conta nao é taaaaaaaao simples assim.....é sabido que durante o dia e a tarde nosso metabolismo é mais agressivo, ou seja, o periodo de queima de energia é mais intenso nesses horarios, deixando para a noite uma queima menor. Resultado: se vc tomar hipercalorico de dia ele sera melhor usado como fonte de energia ao inves de virar acumulo de gordura.

      *Quais os melhores horários para tomar hipercalórico?

      Se vc toma hipercalorico quer dizer que vc quer peso. Digo peso, pq vc nao fica somente mais forte com hipercalorico, vc ganha PESO tbm. Vai ganhar musculos e gordura. Nao existe horario correto. O que precisa se fazer é saber o seu gasto calorico total e ae sim, vc ingerir mais calorias que vc esta queimando, para poder haver uma sobra nessa conta e vc engordar.

      *Qual multivitamínico vocês indicam?

      Existem inumeras marcas. A mais simples de todas claro, Centrum.
      Porem existem Ast Multi Pro 32x, Daily Formula, Multi Men etc.. pegue uma que vc confia no fabricante. Ate mesmo o Animal Pak é um multivitaminico apesar de nao haver comparaçao com os demais pois ele possui 308905849433,5 coisas a mais que os outros multivitaminicos.
      Se vc é daqueles marombeiros que se recusam a tomar centrum pq "porra minha avó toma, eu que sou bruto nao posso tomar um treco que a minha avó toma", opte pelo Daily Formula ou Multi Pro 32x.

      *À noite é melhor ingerir whey ou albumina?

      A resposta vai ser baseada na definiçao do produto.
      Na verdade nua e crua, vc pode tomar tanto um como o outro.
      Porem, o custo x beneficio nos diz que albumina é melhor.

      *Albumina é melhor com leite ou com água? Pq? (a mesma serve para a whey)

      Ja respondi acima.

      *Devo suplementar nos dias que não treino?

      Depende do que estiver usando. Thermogenicos e PH's sim. Os demais nao. Porem nao esqueça da sua dieta. Lembre-se que seu processo de hipertrofia continua durante os dias que vc nao treina, ou seja, mantenha sua ingestao de proteinas e carbs em um nivel similar ao que vc esta usando em dias de treino no qual vc suplementa.
      Varios usuarios usam o fds como "o periodo da folga" aonde o corpo fica sem receber os suplementos numa forma de "limpar" o corpo. Eu particularmente soh concordo em nao tomar whey, pois como a funçao dele é pós-treino e eu nao estou treinando, nao vejo pq tomar. Mas nem por isso deixo de me alimentar bem.

      *SOU NOVATO(LEIGO), PODERIAM ME DAR DICAS DE SUPLEMENTOS?

      Regras:
      Treino em academia é aconselhado para acima de 18 anos. Ta, vc pode fazer com 15-16-17 sem problemas. Eh que em tese, abaixo de 18 anos vc ainda esta em formaçao da sua estrutura corporal e ossea, ou seja, pode haver danos na sua estrutura uma vez q nao esta 100% formada. Suplementaçao é acima de 18 anos. Veja bem, querendo ou nao, o ato de suplementar ja é um stress aos orgaos que filtram e processam tudo q ingerimos. Se vc ja suplementa com 15 anos, imagina quando estiver com 25 anos???? Pra que estressar seu corpo sendo que quando vc tiver 21 e ate os 30 e poucos anos, sera a epoca que vc vai mais usufruir dos beneficios de uma boa suplementaçao, devido a sua produçao hormonal que vai estar no pico. Enfim, respondendo a pergunta: o basico do basico é Albumina ao acordar e ao dormir Whey (35g) + Malto ou Dextrose no seu pós-treino. *Depois do treino é melhor malto ou dextrose? Qual a diferença entre os dois?

      A maltodextrina é mais complexa que a dextrose. Porem É A MESMA COISA. Tanto faz Malto ou Dextrose. A diferença é ridicula entre elas. Compra a mais barata e seja feliz.

      Links relacionados:


      *Qual o melhor, Superpump, Supercharge, NOShotgun, NO Explode, Nitrix, etc?

      Vai depender do gosto de cada um. Eu diria ate que o White Flood da uma chinelada em todos esses ae....o tal do "GABA" que vem nele é sinistro!!!! Agora, numa leitura simples de bula, o NO Shotgun parece ser mais bem balanceado. Mas enfim, DEPENDE DO GOSTO E DA PERFORMANCE QUE O PRODUTO AGE EM CADA UM.
      Fato eh: qualquer um desses NO gringos, vc estara mto bem servido.

      *Animal Pak, Animal Mega Pack, Anabol Pack, Monster Nitro Pack, Carái de Asa Pack, prestam?

      A questao é: qual o proposito de vc tomar um pak desse?
      Eu acredito que a alimentaçao vem SEMPRE em primeiro lugar. Com isso em mente, um whey, albumina, malto, um multivitaminico e um NO vc vai ser grande igual sua mamae sempre quis. Leia a bula. Se vc achar que um PAK desses resolve seu problema em relaçao a um NO, ok manda pra dentro.
      AGORA PRESTA ATENÇAO.
      Baseie seus conhecimentos nos produtos americanos. Igual ja escrevi, nossa industria esta a milhoes de anos luz atras da industria americana em se tratando de produtos para performance esportiva ( grande parte devido a nossa legislaçao ridicula) Ou seja: leia a bula de um NO ou de um PAK americano primeiro e depois compare com a bula de um PAK ou de um NO nacional. Vc tera uma bela e triste surpresa....

      *Qual a diferença entre Centrum e Animal Pak? Qual o melhor?

      Nao tem comparaçao. Apesar de ambos serem complexos vitaminicos, o AP tem por exemplo, enzimas digestivas que ajudam nos processos digestivos. Enfim, o que vc tem q se perguntar eh o seguinte: pra q eu tomo multivitaminico? Eh pra suprir vitaminas e minerais certo? Entao nao tome AP. Opte por algo mais barato e q vá suprir suas necessidades.
      Enfim, depende do seu objetivo.

      *Como importar suplementos? É seguro? E se a ANVISA barrar?

      boa leitura!!



      *Midway, DNA, Integralmédica, Bad Boy, Neo-Nutri, prestam?

      Se vc ta na grana curta amigo....opte pelos produtos nacionais mais conhecidos. Probiotica é uma bela saida. Nem sempre o mais barato é o melhor e nem sempre o mais caro tbm é o melhor.....mas em se tratando de algo q vc vai ingerir, ou seja, vai pra dentro do seu corpo, e tbm em se tratando de todo aquele sofrimento de puxar ferro na academia, pra que arriscar comprar produtos que nao vai estar 100% ajudando vc a conquistar seus objetivos?

      *Comprei esses suplementos, poderiam me ensinar a utilizá-los?

      Se mesmo assim esse topico nao serviu para vc tirar suas duvidas, poste ela no forum ou mande uma MP para qualquer usuario que vc sinta confiança. Eu pelo menos respondo na medida do possivel..... ( sem pergunta imbecil neh o caramba!!!!!!!)

      *Como usar M-Drol, D-Drol, etc? É perigoso?

      Ph's podem ate ser mais perigosos que AE's injetaveis.....alem de serem altamente hepatoxicos, eles podem alterar drasticamente seus niveis hormonais.
      Alem disso é necessario fazer acompanhamento com exame de sangue para avaliar os efeitos do PH no seu corpo.
      Para com a palhaçada de Tribulus, ZMA, 30g de Similarina pra TPC
      ( para os leigos, TPC eh a terapia pos ciclo, aonde vc vai normalizar seu corpo aos niveis anteriores do uso do PH)
      Na verdade o TPC vai ser feito sob medida para cada pessoa. Ou seja o que um toma de TPC nao necessariamente serve para vc. Como saber entao?

      Resumão do que pedir em um exame de sangue
      Hemograma Triglicerides Glicemia-Jejum Colesterol Total e Fraçoes Creatinina Ureia Acido Urico Calcio Cloretos Potassio Sodio Transaminase Oxalacetica Transaminase Piruvica Gama GT Calcio Ionico Lipoproteina Proteina C Reativa Quantitativa Alta Sensibilidade Vit B12 Ferritina Serica Acido Folico TSH Ultra Sensivel Hormonio Foliculo Estimulante - FSH Hormonio Luteunizante - LH Prolactina Androstenediona Dehidroepiandrosterona Estrona Sulfato de Dehidroepiandrosterona Testosterona Livre Testosterona IGF -1 Somatomedina C Insulina Homocisteina Dihidrotestosterona
      Esses exames podem ser pedidos a qualquer endocrinologista. Muitas vezes, vc pode abrir o jogo com seu medico e dizer o produto q esta tomando. De acordo com o principio ativo, ele pode pedir mais ou menos exames do que esses que eu citei.

      Depois de tudo isso feito (que na verdade é um resumo de como seu corpo esta após realizar um ciclo de PH), um medico ira lhe passar os melhores medicamentos a se tomar. PH é seguro se tomado corretamente, porem é preciso sempre um acompanhamento médico. Isso nao eh Whey ou NO.....doses erradas podem causar graves problemas.

      *Tenho 12, 13, 14, 15, 16 anos...como faço para deixar minha barriga um "tanquinho"? Meu braço grande? Só tenho 2 meses até o VERÃO!!!

      O amigao......vc pode começar agora visando o proximo verão, porem nesse vc vai ter q ficar de camisa ok?
      Nao existe isso de crescer em 2 meses.
      Treino pode servir para diversos objetivos, uns querem ser tanquinho, outros brutamontes, enfim, mais uma coisa ambos compartilham.
      O tempo.......eh crucial pra atingir seus objetivos.

      ( Colaboração do amigo oozaru)

      *O que é a Caseína?

      A caseína é uma proteína TIME RELEASE(forma um gel em seu estômago), assim como a albumina, porém derivada do soro do leite. A vida da caseína no seu organismo é maior que a da albumina e possui um gosto muito melhor, claro que por ela ser tão superior o custo é quase 3x mais caro que uma albumina. Deve se tomar antes de dormir ou ao acordar em jejum. E existem teorias que comprovam que é bom tomar no pós treino junto com o Whey e o carboidrato, sendo utilizado 10~15gr no pós e 30~40 antes de dormir e como desjejum.

      *O que é HMB?"

      O HMB é a quebra de um BCAA (Leucina). É utilizado para diminuir o catabolismo, aumento de força, aumento de massa magra. Deve se utilizar de 1,5~4gr de HMB por dia.

      *O que é Glutamina?"

      A glutamina é um aminoácido essencial para qualquer praticante de atividade física já que impede o catabolismo e ajuda no sistema imunológico. Estudos recentes provam que a ingestão de 10gr~20gr de glutamina por dia tem efeitos anabólicos. Divididas em 3/4 vezes ao dia de 5gr cada.

      *O que é um Thermogênico?"

      Thermogenicos são suplementos que vão acelerar seu metabolismo para queimar o máximo de calorias e assim você perder peso, de nada adianta comprar um desses se não tiver uma dieta, aliás, não adianta nem ir na academia se tu não tem dieta!
      protein-quality-comparison-chart.pdf