Jump to content
  1. fisiculturismo

    fisiculturismo

  • Similar Content

    • By angelica_transex
      Olá! meu nome é Angélica Castro, Sou trans vivo no Rio de Janeiro!
      Comecei a malhar tem 2 semanas e com tantos suplementos por ai, fico em dúvida em quais tomar!
      minha professora me recomendou o Aminoácidos de cadeia ramificada da marca DNA Suplementos para dar mais ânimo pra malhar
      só que ao pesquisar sobre o produto descobri que vai além, com tantos suplementos no mercado qual seria o melhor para iniciantes?
      a minha intenção é ter um bumbum mais durinho, pernas mais torneadas e um abdômen chapado não quero ser musculosa, para mim não acho bonito ser muito musculosa igual a (gracyanne barbosa) podem me sugerir algo?




    • By Rumpelstiltskin
      Estou tendo problemas com a Loja de Suplementos CorpoPerfeito. Já havia comprado nesta loja a uns 3 anos e no mês passado (agosto/2016) efetuei uma compra que ate o momento não chegou. Eles não atendem telefone, não retornam e-mail e no Reclame Aqui está cheio de Reclamações contra a Corpo Perfeito. Um monte de consumidor reclamando que não está recebendo os produtos e nem estão devolvendo o dinheiro. Alguém recebeu alguma compra efetuada no Corpo Perfeito recentemente?

    • By Regis Rock
      No Conexão Repórter desta semana, o documentário especial "Músculos proibidos". Roberto Cabrini revela os bastidores de parte das academias. A compulsão pelo corpo perfeito que leva jovens ao uso de drogas proibidas.

      O diário impressionante de um viciado em esteróides anabolizantes. A autodestruição, a vaidade sem limites, os esquemas clandestinos para se conseguir substâncias de uso restrito.

      Músicas com mensagens subliminares que incentivam um viagem sem volta. Riscos diários, sequelas ,mortes. Câmeras escondidas...Revelações acachapantes em uma investigação de vários meses.

      O 'Conexão Repórter' vai ao ar nesta quarta-feira, logo após o 'Programa do Ratinho', no SBT!"
      Pelo que eu vi o Leo Stronda vai participar.... Se preparem.... Lá vem muuuuuuita merda!!!!!!!
    • By ProzisBrasil
      Esteja ou não ligado ao mundo do fitness, é bem provável que já tenha ouvido dizer que a proteína é a rainha suprema e absoluta dos suplementos. De fato, é mesmo. Mas isso não significa que você deva se entupir de proteína. O segredo está em encontrar a dose ideal que te permita alcançar os seus objetivos, quer seja no fisiculturismo, no halterofilismo, nos treinos de força ou em qualquer outro esporte.
      Porque é que a proteína é importante?
      As proteínas são moléculas grandes e complexas formadas por unidades menores, denominadas aminoácidos, que estão unidas entre si por ligações peptídicas. Variam em tamanho e estrutura e são tão diversas quanto as funções que desempenham. Os aminoácidos são amplamente conhecidos pelo seu papel na construção, reparação e manutenção dos tecidos corporais, mas participam igualmente na regulação da secreção hormonal, na digestão e no transporte de nutrientes e oxigênio, entre outros processos orgânicos. De certa forma, podemos dizer que as proteínas são o “faz tudo” das nossas células.

      Qual a quantidade de proteína necessária?
      De acordo com a U.S Food and Nutrition Board, a DDR (dose diária recomendada*) de proteína é de 0,8 gramas de proteína por cada quilo de peso corporal para adultos sedentários. Para bebês e crianças, esse valor duplica ou triplica devido à sua rápida taxa de crescimento. No entanto, esses valores de DDR não são tidos em conta entre a comunidade do fisiculturistas, dado que esses não os consideram adaptados às necessidades específicas da modalidade. Mas antes de descartarmos completamente esses valores, vamos ver como é que os cientistas chegaram a eles.
      Os pesquisadores realizaram vários estudos para determinar a quantidade de proteína utilizada e absorvida pelo corpo e chegaram à conclusão que o nosso organismo perde cerca de 0,36 gramas de proteína por cada quilo de peso corporal, através do suor, da urina, das fezes, da descamação da pele e da queda de cabelo. Seguidamente, adicionaram uma margem de segurança que aumentou o valor para 0,75 gramas por quilo: a DDR. Esse método de cálculo pretende garantir não só que substituímos a quantidade de proteína perdida pelo corpo, mas também que compensamos uma possível deficiência na qualidade das proteínas consumidas. Assim, os adultos sedentários que sigam essas indicações vão obter a quantidade necessária de aminoácidos para substituir os que perdem diariamente, isso caso não pratiquem exercício físico, nem pretendam ganhar massa muscular.
      De fato, a atividade física complica as coisas, pois aumenta as necessidades proteicas. O nosso organismo vai primeiro tentar obter as proteínas a partir da alimentação, antes de começar pelas suas reservas. Se o consumo de proteína não for o suficiente, o corpo recorrerá então ao seu próprio tecido muscular como fonte protéica, provocando a degradação muscular e dificultando, assim, o crescimento dos músculos.
      Por essa razão, estudos mais recentes indicam que a DDR parece não satisfazer adequadamente as necessidades de adultos que praticam exercício físico. Assim, segundo o American College of Sports Medicine (ACSM), o consumo diário de proteína para atletas de resistência oscila entre as 1,2 e as 1,4 gramas por quilo de peso corporal, ao passo que o consumo recomendado para esportistas de força é de aproximadamente 1,2 a 1,7 gramas por quilo de peso corporal. De acordo com as indicações da Sociedade Internacional de Nutrição Esportiva, esses valores podem chegar até 2 gramas, dependendo da intensidade do exercício.
       
      Em suma, se você pratica um programa de treino intenso, podemos afirmar que um consumo de 1,2 a 2 gramas de proteína por quilo de peso corporal poderá ajudar você a alcançar os seus objetivos de crescimento muscular e força. Se pratica exercício de resistência, deve ingerir as quantidades mais baixas desse intervalo; se combina treino de resistência e de força, deve considerar um valor intermediário; e, por último, se realizar atividades físicas de força/potência, voê deve fazer um consumo protéico em função dos valores máximos estabelecidos.
      Não obstante, tenha em mente que o crescimento muscular não depende diretamente da quantidade de proteína que você consome, mas antes da intensidade que aplica no seu treino, que irá estimular o crescimento muscular e, consequentemente, determinar o seu consumo diário de proteína.
    • By Everton Santos
      Para quem foi e para quem não foi na maior feira nacional do ramo!
       
      Exponutrition 2013 SP - Cobertura do evento dentro do que vi e pude registrar.
       
      Fotos de atletas e personalidades como: Eva Andressa, Ronnie Coleman, Gracyanne Barbosa, Fernando Sardinha, Félix Bonfim, Frank Mcgrath, etc...

      https://fisiculturismo.com.br/matérias/gente/cobertura-da-feira-expo-nutrition-2013-em-sp-r701
×
×
  • Create New...