Jump to content

Rate this topic

Recommended Posts

Tenho 40 anos e treino desde os meus 17,

Minhas medidas:

1,79 m

84kg

biceps 43cm

bf 10%

fui a um endócrino esportista com exames completos em mão... Nunca fui usuário de AES até então, sempre tive minha testosterona total entre 600 e 900, porém a livre sempre baixa e SHBG alto... O médico me prescreveu 10 Durateston sendo 1 por semana...nesse período mantive o E2 entre 50 e 60 nos exames e a testo chegou bater 2200.. . após o uso tive poucos ganhos 1,5 kg e pequena diminuição de BF .. retornei ao médico e o mesmo me prescreveu dessa vez 9 Deposteron sendo 1 por semana, isso pq segundo ele a Dura está difícil de se encontrar... No exame pôs as 10 duras tive o colesterol LDL 167 e HDL 34... Sendo q antes tinha o LDL baixo e HDL 61... Gostaria da opinião de vcs se eu deveria usar as Deposteron ou devia parar e entrar em TPC... Claro q estou com o eixo inibido... 

Qto ao colesterol seria preocupante esses valores? 211... LDL 167 e HDL 61

TGO e TGP deram pouca coisa acima da referência, em torno de 50.

Sigo o endócrino ou entre em TPC? Qual seria a TPC ideal nesse caso?

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
15 minutos atrás, swatpol disse:

Tenho 40 anos e treino desde os meus 17,

Minhas medidas:

1,79 m

84kg

biceps 43cm

bf 10%

Parabéns pelas medidas. Se puder, poste fotos do shape.

15 minutos atrás, swatpol disse:

fui a um endócrino esportista com exames completos em mão... Nunca fui usuário de AES até então, sempre tive minha testosterona total entre 600 e 900, porém a livre sempre baixa e SHBG alto... O médico me prescreveu 10 Durateston sendo 1 por semana...nesse período mantive o E2 entre 50 e 60 nos exames e a testo chegou bater 2200.. .

Impressionante o E2 ter ficado nesses patamares com 2,2k de testo total. Isso é, muito provavelmente, atribuível ao baixo BF.

 

15 minutos atrás, swatpol disse:

após o uso tive poucos ganhos 1,5 kg e pequena diminuição de BF ..

Você deve estar muito próximo do limite natural, por isso cresceu pouco... ou... faltou comida... ou poderia ter variado os treinos, muito embora, com tantos anos de treino, presumo que saiba treinar muito bem, restando, portanto, a questão da ingestão energética diária e a limitação natural.

 

15 minutos atrás, swatpol disse:

 retornei ao médico e o mesmo me prescreveu dessa vez 9 Deposteron sendo 1 por semana, isso pq segundo ele a Dura está difícil de se encontrar...

Veja como são as coisas. Eu estava atrás de deposteron e não achei, daí tive que trocar a receita e comprar durateston.

 

15 minutos atrás, swatpol disse:

No exame pôs as 10 duras tive o colesterol LDL 167 e HDL 34... Sendo q antes tinha o LDL baixo e HDL 61...

O bom colesterol aumentou e o mal, diminuiu. Isso é bom sim.

 

15 minutos atrás, swatpol disse:

Gostaria da opinião de vcs se eu deveria usar as Deposteron ou devia parar e entrar em TPC...

Isso depende de você, do que quer. Quer entrar em TPC ou continuar o uso??? Decisão totalme

 

15 minutos atrás, swatpol disse:

Claro q estou com o eixo inibido... 

Já fez exames para ver como andam o LH, FSH, Testosterona e SHBG após o ciclo, para saber se, de fato, está inibido? Pode conversar com o médico sobre o uso de low doses de algum SERM ou inibidores de aromatase para bloquear o feedback negativo do estrogênio e deixar o eixo funcionando (ainda que parcial e limitadamente). Ainda, utilizar HCG durante o ciclo (aprox. 500ui/sem divididos em aplicações dsdn ou 3x ou, ainda, 2x na semana) para manter estimuladas as células de Leydig.

 

15 minutos atrás, swatpol disse:

TGO e TGP deram pouca coisa acima da referência, em torno de 50.

Normal, contanto que não hajam alterações expressivae em outros marcadores hepáticos, como, por exemplo, as bilirrubinas.

15 minutos atrás, swatpol disse:

Sigo o endócrino ou entre em TPC? Qual seria a TPC ideal nesse caso?

 

Depende do que quer mas, se contratou um médico, deveria confiar nele ou buscar uma segunda opinião, de um outro médico habituado a trabalhar com performance.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Me parece que as quantidades foram baixas e o medico depois mudou o ester tab com dose muito baixa.

 

Eu também iria buscar uma outra opinião em algum medico de performance.

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
54 minutos atrás, ASTROVET disse:

Me parece que as quantidades foram baixas e o medico depois mudou o ester tab com dose muito baixa.

 

Eu também iria buscar uma outra opinião em algum medico de performance.

 

 

 

Não acredito que as doses foram baixas, pois a testo total dele bateu 2,2k, por isso cogitei alimentação inadequada ou limitação corporal mesmo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 20/06/2018 em 13:58, FitCoupleHim disse:

Não acredito que as doses foram baixas, pois a testo total dele bateu 2,2k, por isso cogitei alimentação inadequada ou limitação corporal mesmo.

Ele quis dizer que a dosagem semanal de testosterona abaixou, já que aplicando 1 Dura por semana rendia a ele mais testosterona do que vem na ampola de Deposteron. Tanto é verdade que o médico pensando nisso, colocou uma semana a mais de aplicações a ele, 9, em vez das 8 com Durateston.

 

Eu seguiria o que o médico planejou. É normal acontecer esse tipo de coisa num ciclo. Só pararia com o protocolo se os valores fosses muito alarmantes, não é seu caso.

Ademais, poste uma foto do shape se possível! Muito bacana ver alguém com mais anos de treino que nós com um físico bacana!

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, bdan disse:

Ele quis dizer que a dosagem semanal de testosterona abaixou, já que aplicando 1 Dura por semana rendia a ele mais testosterona do que vem na ampola de Deposteron. Tanto é verdade que o médico pensando nisso, colocou uma semana a mais de aplicações a ele, 9, em vez das 8 com Durateston.

Já calculou a quantidade de testosterona de cada uma das drogas descontando o peso dos esteres??? 

Ainda, deve-se levar em consideração a concentração máxima em estado de equilíbrio, para, então, dizer que Durateston entrega maior quantidade de testosterona do que Deposteron.

Não é porque dura tem 250mg e depo tem 200 que uma entrega mais testosterona que a outra. Essas variáveis devem ser consideradas no cálculo.

Há duas razões pelas quais acredito que o.medico prescreveu 9 semanas de Deposteron: a primeira é óbvia - Deposteron é vendido em caixas com 3 ampolas, então, seriam 3 cauxas; a segunda, é porque o Deposteron é esterificação com cipionato, OU seja, meia vida longa, o que é meio controverso, pois a Durateston tem decanoato na fórmula, sendo uma das maiores MV dos esteres mais conhecidos, podendo chegar a 15dias após atingia o CssMax.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, FitCoupleHim disse:

Já calculou a quantidade de testosterona de cada uma das drogas descontando o peso dos esteres??? 

Ainda, deve-se levar em consideração a concentração máxima em estado de equilíbrio, para, então, dizer que Durateston entrega maior quantidade de testosterona do que Deposteron.

Não é porque dura tem 250mg e depo tem 200 que uma entrega mais testosterona que a outra. Essas variáveis devem ser consideradas no cálculo.

Há duas razões pelas quais acredito que o.medico prescreveu 9 semanas de Deposteron: a primeira é óbvia - Deposteron é vendido em caixas com 3 ampolas, então, seriam 3 cauxas; a segunda, é porque o Deposteron é esterificação com cipionato, OU seja, meia vida longa, o que é meio controverso, pois a Durateston tem decanoato na fórmula, sendo uma das maiores MV dos esteres mais conhecidos, podendo chegar a 15dias após atingia o CssMax.

Não vejo como a concentração máxima em estado de equilíbrio consiga interferir na entrega da droga, já que o volume final aplicado seria o mesmo.

Quanto às concentrações de testosterona, não fiz cálculos precisos para responder este tópico, mas fiz por auto a seguinte comparação:

Além da concentração total da Dura já ser maior em 50 mg, o que, se fosse de igual pra igual já seria o desempate, temos ainda o fato que 3 dos 4 dos esteres serem mais leves que o cipionato. Somando a concentração do propionato, fenil, e isocaproato, temos 60% da fórmula. Mais os 100 mg restantes PROVAVELMENTE ultrapassam o valor ofertado pelo Deposteron.

Novamente, não fiz as contas antes, e não fiz agora por não estar em casa, mas acho que é uma boa base, e se eu errei, não foi por muita coisa, provavelmente. Se eu errei, desculpe.

Agora, você está absolutamente certo sobre as semanas do Deposteron! Não tinha me atentado à embalagem do produto, que vem com 3 unidades. Gostei desse médico, não desperdiça nenhuma gota hahaha Se fosse alguns que conheço, iria mandar descartar a ampola extra!

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, bdan disse:

Não vejo como a concentração máxima em estado de equilíbrio consiga interferir na entrega da droga, já que o volume final aplicado seria o mesmo.

Quanto às concentrações de testosterona, não fiz cálculos precisos para responder este tópico, mas fiz por auto a seguinte comparação:

Além da concentração total da Dura já ser maior em 50 mg, o que, se fosse de igual pra igual já seria o desempate, temos ainda o fato que 3 dos 4 dos esteres serem mais leves que o cipionato. Somando a concentração do propionato, fenil, e isocaproato, temos 60% da fórmula. Mais os 100 mg restantes PROVAVELMENTE ultrapassam o valor ofertado pelo Deposteron.

Novamente, não fiz as contas antes, e não fiz agora por não estar em casa, mas acho que é uma boa base, e se eu errei, não foi por muita coisa, provavelmente. Se eu errei, desculpe.

Agora, você está absolutamente certo sobre as semanas do Deposteron! Não tinha me atentado à embalagem do produto, que vem com 3 unidades. Gostei desse médico, não desperdiça nenhuma gota hahaha Se fosse alguns que conheço, iria mandar descartar a ampola extra!

 

 

Eu também não fiz os cálculos, foi apenas um comentário para reflexão.

Com relação ao CssMax,  as aplicações espaçadas de Durateston (1x/sem) a deixarão menor em comparação ao Deposteron, pois o Deposteron estará sendo aplicado dentro do espaço da MV, sendo que no, caso do Durateston, apenas 100mg (decanoato) estarão dentro da MV.  

Se a dura fosse aplicada dsdn, aí mudar-se-ia a dinâmica.

Eu aplico Durateston (de balcão) seg e qui, e sinto as variações das concentrações no humor, na disposição e na libido, sobretudo, aos fds.

Apenas complementando, eu aplico 1 ampola por semana. 1/2 na segunda e 1/2 na quinta. Guardo a dose de quinta na seringa.

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, FitCoupleHim disse:

Eu também não fiz os cálculos, foi apenas um comentário para reflexão.

Com relação ao CssMax,  as aplicações espaçadas de Durateston (1x/sem) a deixarão menor em comparação ao Deposteron, pois o Deposteron estará sendo aplicado dentro do espaço da MV, sendo que no, caso do Durateston, apenas 100mg (decanoato) estarão dentro da MV.  

Se a dura fosse aplicada dsdn, aí mudar-se-ia a dinâmica.

Eu aplico Durateston (de balcão) seg e qui, e sinto as variações das concentrações no humor, na disposição e na libido, sobretudo, aos fds.

Apenas complementando, eu aplico 1 ampola por semana. 1/2 na segunda e 1/2 na quinta. Guardo a dose de quinta na seringa.

Você prefere Durateston? Eu pssoalmente nunca gostei de Durateston, justamente por "precisar" aplicar DSDN para melhor aproveitamento e menores picos. Única vez que gostei do uso dela foi quando um amigo tomou durante 2 ou 3 semanas, não lembro bem, em um ciclo de Enantato de 12 semanas, mas aplicava apenas Dura e fez isso antes de começar a aplicar o Enan. Fez isso para não esperar o empilhamento do Enantato, ou seja, utilizou como KS. Penso seriamente em fazer parecido, ja que com ele foi um ciclo de ganhos muito bons... Esperavamos uma homeostase enorme, mas curiosamente não aconteceu, mesmo sem mexer na dose...

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, bdan disse:

Você prefere Durateston? Eu pssoalmente nunca gostei de Durateston, justamente por "precisar" aplicar DSDN para melhor aproveitamento e menores picos. Única vez que gostei do uso dela foi quando um amigo tomou durante 2 ou 3 semanas, não lembro bem, em um ciclo de Enantato de 12 semanas, mas aplicava apenas Dura e fez isso antes de começar a aplicar o Enan. Fez isso para não esperar o empilhamento do Enantato, ou seja, utilizou como KS. Penso seriamente em fazer parecido, ja que com ele foi um ciclo de ganhos muito bons... Esperavamos uma homeostase enorme, mas curiosamente não aconteceu, mesmo sem mexer na dose...

 Não, eu prefiro o Deposteron, também pela estabilidade, mas não achei nas farmácias (estava em falta) aí tive que trocar as receitas... Rsrsrs.

Olha, eu gosto da ideia de não fazer front load justamente em razão, do aumento paulatino. Eu estou na 8ª semana de dura 250mg +Deca 50mg (ambas de balcão) e sinto o aumento de força a cada dia. Eu acho que vou continuar com ganhos até o final (10 semanas).

Mas interessante a questão da não ocorrência da homeostase. Na verdade eu não acredito muito em homeostase, pois, além da hormonização, há uma série de variáveis que podem ser trabalhadas para evitar a estagnação.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 20/06/2018 em 09:24, FitCoupleHim disse:
Em 20/06/2018 em 08:55, swatpol disse:

No exame pôs as 10 duras tive o colesterol LDL 167 e HDL 34... Sendo q antes tinha o LDL baixo e HDL 61... 

Qto ao colesterol seria preocupante esses valores? 211... LDL 167 e HDL 61

 

O bom colesterol aumentou e o mal, diminuiu. Isso é bom sim.

 

Acredito que antes do ciclo o HDL dele era 61 e depois desceu para 34, mas logo em seguida ele diz que o HDL está em 61 então fiquei um pouco confuso quanto a isso. Entretanto, se subtrair o CT pelo LDL dá 44 que é o resto de todo o colesterol dele (VLDL, HDL e IDL), dessa forma o perfil lipídico está ruim. É normal que dê uma bagunçada durante o ciclo, então tem que cuidar bem da dieta. Aeróbicos também exercem efeitos positivos sobre o colesterol.

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 minutos atrás, hallspreta disse:

Acredito que antes do ciclo o HDL dele era 61 e depois desceu para 34, mas logo em seguida ele diz que o HDL está em 61 então fiquei um pouco confuso quanto a isso. Entretanto, se subtrair o CT pelo LDL dá 44 que é o resto de todo o colesterol dele (VLDL, HDL e IDL), dessa forma o perfil lipídico está ruim. É normal que dê uma bagunçada durante o ciclo, então tem que cuidar bem da dieta. Aeróbicos também exercem efeitos positivos sobre o colesterol.

Valeu pela observação. É complicado opinar em informações parciais.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 20/06/2018 em 08:55, swatpol disse:

Tenho 40 anos e treino desde os meus 17,

Minhas medidas:

1,79 m

84kg

biceps 43cm

bf 10%

fui a um endócrino esportista com exames completos em mão... Nunca fui usuário de AES até então, sempre tive minha testosterona total entre 600 e 900, porém a livre sempre baixa e SHBG alto... O médico me prescreveu 10 Durateston sendo 1 por semana...nesse período mantive o E2 entre 50 e 60 nos exames e a testo chegou bater 2200.. . após o uso tive poucos ganhos 1,5 kg e pequena diminuição de BF .. retornei ao médico e o mesmo me prescreveu dessa vez 9 Deposteron sendo 1 por semana, isso pq segundo ele a Dura está difícil de se encontrar... No exame pôs as 10 duras tive o colesterol LDL 167 e HDL 34... Sendo q antes tinha o LDL baixo e HDL 61... Gostaria da opinião de vcs se eu deveria usar as Deposteron ou devia parar e entrar em TPC... Claro q estou com o eixo inibido... 

Qto ao colesterol seria preocupante esses valores? 211... LDL 167 e HDL 61

TGO e TGP deram pouca coisa acima da referência, em torno de 50.

Sigo o endócrino ou entre em TPC? Qual seria a TPC ideal nesse caso?

 

Depende o que você quer.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, FitCoupleHim disse:

 Não, eu prefiro o Deposteron, também pela estabilidade, mas não achei nas farmácias (estava em falta) aí tive que trocar as receitas... Rsrsrs.

Olha, eu gosto da ideia de não fazer front load justamente em razão, do aumento paulatino. Eu estou na 8ª semana de dura 250mg +Deca 50mg (ambas de balcão) e sinto o aumento de força a cada dia. Eu acho que vou continuar com ganhos até o final (10 semanas).

Mas interessante a questão da não ocorrência da homeostase. Na verdade eu não acredito muito em homeostase, pois, além da hormonização, há uma série de variáveis que podem ser trabalhadas para evitar a estagnação.

Interessante seu ponto de vista!

Apenas por curiosidade... Essa dose de deca é semanal? Qual o motivo de ser tão pequena? Nunca usei deca, mas acredito que uma dose tão baixa sirva apenas como auxiliador de juntas rsrsrs

 

Na realidade todo o seu protocolo está com dosagens muito baixas, e isso por si só é bem interessante e louvável também, parabéns! Também sou a favor do uso da menor dosagem possível! (Mas ainda acho meio pouco o volume de Deca kkkkk)

Share this post


Link to post
Share on other sites
35 minutos atrás, bdan disse:

Interessante seu ponto de vista!

Apenas por curiosidade... Essa dose de deca é semanal? Qual o motivo de ser tão pequena? Nunca usei deca, mas acredito que uma dose tão baixa sirva apenas como auxiliador de juntas rsrsrs

 

Na realidade todo o seu protocolo está com dosagens muito baixas, e isso por si só é bem interessante e louvável também, parabéns! Também sou a favor do uso da menor dosagem possível! (Mas ainda acho meio pouco o volume de Deca kkkkk)

Eu fiquei pouco mais de 2 anos parado por causa de 2 cirurgias: em 2016 menisco bilateral e 2017 artrose na articulação acromioclavicular. Resolvidos estes 2 problemas, permaneceu uma tendinite triciptal no braço direito (com maior intensidade na inserção com o olecrano). O último médico que consultei, me desenganou dizendo que não havia o que fazer, afinal, eu já estava há mais de 2 anos com a dor e, após uma centena de sessões de fisioterapia, tratamento com AINEs, e uma infiltração, se não melhorou, não havia o que fazer. Consultei um.outro médico acerca do tratamento por ondas de choque mecânicas e ele disse que meu histórico não era favorável.

Como sou o tipo de pessoa que não se contenta com respostas domtipo "não há o que fazer", fui atrás de uma solução. Encontrei o protocolo de Alfredson, que nada mais é do que exercícios  de força excêntrica para tratar tendinopatia no tendão de Aquiles. Segui o protocolo para a tendinopatia triciptal e fui adaptando ao longo dos dias.

Aliado a isso, li alguns artigos acerca de Deca x tendões. Um deles falava acerca da aplicação direta de Deca em tendões bioartificiais criados a partir de pedaços de tendão extraidos do manguito rotador. Este estudo demonstrou que a Deca promoveu o melhor alinhamento das fibras e acelerou o crescimento dos tendões. 

Outro estudo demonstrou que a Deca promoveu o aumento da presença de procolágeno tipo III (diretamente ligado ao reparo de tendões).

Então fui ao médico do esporte com quem minha esposa consulta e expliquei a situação. Ele comprou a ideia é me sugeriu 10x Deca 50mg. Saindo de lá, eu sabia que meu eixo seria quase que totalmente supressão em duas semanas de Deca (os exames comprovaram a minha teoria) e, por isso, entrei com Durateston 250mg (era para ser Deposteron). 

Entrei com os medicamentos na 8ª semana de protocolo de exercícios para o tríceps.

A intenção era apenas segurar a libido, mas resolvi aproveitar para ganhar massa, lembrando que o ciclo é um tratamento para a tendinite, e não para ganhar massa. De toda sorte,  acertei a dieta e os exercícios conforme minhas limitações de movimento e carga.

Minha testosterona total foi de 583 para 1125 ng/dl e, com isso, venho ganhando cerca de 1kg/sem.

Obviamente, os treinos são intensos (pobres em carga mas ricos em intensidade) é a alimentação seguida à risca.

Ao final, farei uma nova avaliação antropométrica para comparado antes e o depois.

 

Ah, colaterais: um pouquinho de irritabilidade (por isso digo que sinto as variações) é uma espinha aqui, outra acolá. Isoladas. Ah, é o aumento da libido.

36 minutos atrás, bdan disse:

Apenas por curiosidade... Essa dose de deca é semanal? Qual o motivo de ser tão pequena? Nunca usei deca, mas acredito que uma dose tão baixa sirva apenas como auxiliador de juntas rsrsrs

Em tese, a Deca é 11x mais anabólica que a testosterona.

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 minutos atrás, FitCoupleHim disse:

Eu fiquei pouco mais de 2 anos parado por causa de 2 cirurgias: em 2016 menisco bilateral e 2017 artrose na articulação acromioclavicular. Resolvidos estes 2 problemas, permaneceu uma tendinite triciptal no braço direito (com maior intensidade na inserção com o olecrano). O último médico que consultei, me desenganou dizendo que não havia o que fazer, afinal, eu já estava há mais de 2 anos com a dor e, após uma centena de sessões de fisioterapia, tratamento com AINEs, e uma infiltração, se não melhorou, não havia o que fazer. Consultei um.outro médico acerca do tratamento por ondas de choque mecânicas e ele disse que meu histórico não era favorável.

Como sou o tipo de pessoa que não se contenta com respostas domtipo "não há o que fazer", fui atrás de uma solução. Encontrei o protocolo de Alfredson, que nada mais é do que exercícios  de força excêntrica para tratar tendinopatia no tendão de Aquiles. Segui o protocolo para a tendinopatia triciptal e fui adaptando ao longo dos dias.

Aliado a isso, li alguns artigos acerca de Deca x tendões. Um deles falava acerca da aplicação direta de Deca em tendões bioartificiais criados a partir de pedaços de tendão extraidos do manguito rotador. Este estudo demonstrou que a Deca promoveu o melhor alinhamento das fibras e acelerou o crescimento dos tendões. 

Outro estudo demonstrou que a Deca promoveu o aumento da presença de procolágeno tipo III (diretamente ligado ao reparo de tendões).

Então fui ao médico do esporte com quem minha esposa consulta e expliquei a situação. Ele comprou a ideia é me sugeriu 10x Deca 50mg. Saindo de lá, eu sabia que meu eixo seria quase que totalmente supressão em duas semanas de Deca (os exames comprovaram a minha teoria) e, por isso, entrei com Durateston 250mg (era para ser Deposteron). 

Entrei com os medicamentos na 8ª semana de protocolo de exercícios para o tríceps.

A intenção era apenas segurar a libido, mas resolvi aproveitar para ganhar massa, lembrando que o ciclo é um tratamento para a tendinite, e não para ganhar massa. De toda sorte,  acertei a dieta e os exercícios conforme minhas limitações de movimento e carga.

Minha testosterona total foi de 583 para 1125 ng/dl e, com isso, venho ganhando cerca de 1kg/sem.

Obviamente, os treinos são intensos (pobres em carga mas ricos em intensidade) é a alimentação seguida à risca.

Ao final, farei uma nova avaliação antropométrica para comparado antes e o depois.

 

Interessantíssimo seu caso.

Você possui o artigo para disponibilizar?

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 horas atrás, hallspreta disse:

Interessantíssimo seu caso.

Você possui o artigo para disponibilizar?

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/2233278 - nandrolona e procolágeno tipo 3


https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/15150040 -  nandrolona e tendões bioartificiais

O protocolo de exercícios está em PDF: alfredson2016.pdf

Share this post


Link to post
Share on other sites
28 minutos atrás, FitCoupleHim disse:

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/2233278 - nandrolona e procolágeno tipo 3


https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/15150040 -  nandrolona e tendões bioartificiais

O protocolo de exercícios está em PDF: alfredson2016.pdf

Muito obrigado!

Share this post


Link to post
Share on other sites
11 horas atrás, FitCoupleHim disse:

Eu fiquei pouco mais de 2 anos parado por causa de 2 cirurgias: em 2016 menisco bilateral e 2017 artrose na articulação acromioclavicular. Resolvidos estes 2 problemas, permaneceu uma tendinite triciptal no braço direito (com maior intensidade na inserção com o olecrano). O último médico que consultei, me desenganou dizendo que não havia o que fazer, afinal, eu já estava há mais de 2 anos com a dor e, após uma centena de sessões de fisioterapia, tratamento com AINEs, e uma infiltração, se não melhorou, não havia o que fazer. Consultei um.outro médico acerca do tratamento por ondas de choque mecânicas e ele disse que meu histórico não era favorável.

Como sou o tipo de pessoa que não se contenta com respostas domtipo "não há o que fazer", fui atrás de uma solução. Encontrei o protocolo de Alfredson, que nada mais é do que exercícios  de força excêntrica para tratar tendinopatia no tendão de Aquiles. Segui o protocolo para a tendinopatia triciptal e fui adaptando ao longo dos dias.

Aliado a isso, li alguns artigos acerca de Deca x tendões. Um deles falava acerca da aplicação direta de Deca em tendões bioartificiais criados a partir de pedaços de tendão extraidos do manguito rotador. Este estudo demonstrou que a Deca promoveu o melhor alinhamento das fibras e acelerou o crescimento dos tendões. 

Outro estudo demonstrou que a Deca promoveu o aumento da presença de procolágeno tipo III (diretamente ligado ao reparo de tendões).

Então fui ao médico do esporte com quem minha esposa consulta e expliquei a situação. Ele comprou a ideia é me sugeriu 10x Deca 50mg. Saindo de lá, eu sabia que meu eixo seria quase que totalmente supressão em duas semanas de Deca (os exames comprovaram a minha teoria) e, por isso, entrei com Durateston 250mg (era para ser Deposteron). 

Entrei com os medicamentos na 8ª semana de protocolo de exercícios para o tríceps.

A intenção era apenas segurar a libido, mas resolvi aproveitar para ganhar massa, lembrando que o ciclo é um tratamento para a tendinite, e não para ganhar massa. De toda sorte,  acertei a dieta e os exercícios conforme minhas limitações de movimento e carga.

Minha testosterona total foi de 583 para 1125 ng/dl e, com isso, venho ganhando cerca de 1kg/sem.

Obviamente, os treinos são intensos (pobres em carga mas ricos em intensidade) é a alimentação seguida à risca.

Ao final, farei uma nova avaliação antropométrica para comparado antes e o depois.

 

Ah, colaterais: um pouquinho de irritabilidade (por isso digo que sinto as variações) é uma espinha aqui, outra acolá. Isoladas. Ah, é o aumento da libido.

Em tese, a Deca é 11x mais anabólica que a testosterona.

São vários os pontos que merecem destaque neste texto.

Primeiramente, parabéns por sua superação! Você lutou contra si mesmo para voltar a fazer o que gosta!

Em segundo, parabéns por fazer algo que está bem escasso ultimamente, que é pesquisar e exercer boa leitura! Você foi atrás de opiniões diferentes e pesquisou por conta também, e parece ter encontrado a sua saída! Louvável!

 

Em terceiro, faço minhas as palavras do Halls, seu caso é interessantíssimo! Essa dose de deca você está aplicando diretamente na musculatura da região lesionada ou está misturando na seringa com a testo e mandando normal?

 

Estou ansioso pela sua recuperação! Eu mesmo estou com uma tendinopatia que não melhora nos 2 antebraços (como se fosse uma canelite, mas no antebraço, bem no meio), porém o esquerdo está pior, e seu post me deixou extremamente animado e entusiasmado a pesquisar sobre doses homeopáticas de Deca!

 

Obrigado pelas referências de estudo que deu acima, lerei com prazer! E considere seriamente abrir um tópico específico aqui no forum para detalhar sua jornada e experiência após o tratamento acabar. Com a bagagem que você tem, tenho certeza que será bem visto, quase uma utilidade pública para quem mais se interessar ao assunto rsrsrs

Share this post


Link to post
Share on other sites
52 minutos atrás, bdan disse:

 

Essa dose de deca você está aplicando diretamente na musculatura da região lesionada ou está misturando na seringa com a testo e mandando normal?

Misturo com a testo e mando IM (glúteos). Se eu soubesse fazer, experimentaria infiltrar com Deca, mas nem sonho em arriscar... Rsrsrs

Citar

 

Estou ansioso pela sua recuperação! Eu mesmo estou com uma tendinopatia que não melhora nos 2 antebraços (como se fosse uma canelite, mas no antebraço, bem no meio), porém o esquerdo está pior, e seu post me deixou extremamente animado e entusiasmado a pesquisar sobre doses homeopáticas de Deca!

Independentemente da Deca, eu estou sentindo dores nos extensores de ambos os antebraços (não sei se é contratura ou inflamação) e imagino que seja por não ter acompanhado o esforço. Nisso, a Deca não está surtindo efeito algum. Ah, lembrando que estou usando Deca durabolin comprado com prescrição médica no balcão da farmácia, ou seja, não há subdosagem.

O que está ajudando é a utilização de rolo de liberação miofascial.

Agora,se teu caso for, de fato, tendinopatia, considere o protocolo de Alfredson. Apenas atente-se ao fato de que panturrilhas recuperam à velocidade da luz, por isso, adapte o protocolo à velocidade de recuperação do grupo muscular envolvido.

Citar

 

 

Por fim, a melhora nas articulações e na estrutura de estabilização das articulações é evidente, tanto nos joelhos quanto no ombro. Aquele aluno que a Deca produz, aliado ao ganho de massa tem exponencialmente melhorado o sistema articular.

Agradeço os elogios. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 25/06/2018 em 12:28, FitCoupleHim disse:

Misturo com a testo e mando IM (glúteos). Se eu soubesse fazer, experimentaria infiltrar com Deca, mas nem sonho em arriscar... Rsrsrs

Independentemente da Deca, eu estou sentindo dores nos extensores de ambos os antebraços (não sei se é contratura ou inflamação) e imagino que seja por não ter acompanhado o esforço. Nisso, a Deca não está surtindo efeito algum. Ah, lembrando que estou usando Deca durabolin comprado com prescrição médica no balcão da farmácia, ou seja, não há subdosagem.

O que está ajudando é a utilização de rolo de liberação miofascial.

Agora,se teu caso for, de fato, tendinopatia, considere o protocolo de Alfredson. Apenas atente-se ao fato de que panturrilhas recuperam à velocidade da luz, por isso, adapte o protocolo à velocidade de recuperação do grupo muscular envolvido.

Por fim, a melhora nas articulações e na estrutura de estabilização das articulações é evidente, tanto nos joelhos quanto no ombro. Aquele aluno que a Deca produz, aliado ao ganho de massa tem exponencialmente melhorado o sistema articular.

Agradeço os elogios. 

Sinceramente, achei muito estranho você relatar esse tipo de problema no seu antebraço. De duas, uma: ou realmente sua condição atual interfere de alguma maneira na articulação do antebraço, ou então a dosagem de deca está bem reduzida. Isso porque, independente de uma "cura" final ou não, o que Nandrolona efetivamente faz é reduzir dores, pela relação que tem com progesterona/progestina, isso inclusive é notado no dia a dia quando mulheres que sofrem de artrite e derivados ficam grávidas... Durante a gravidez as dores melhoram bastante, justamente pela alta produção de progesterona. Então, a princípio, fico com a segunda opção na cabeça. Não que a dosagem não faça efeito para você, longe disso, mas acredito  melhores resultados articulares com uma dosagem maior, de acordo com o que você relatou. Curioso...

 

Vou ler ainda, não tive tempo. Tentarei adaptado o protocolo sim, tomara que não encontre dificuldades rsrsrs

Quanto ao elogio, foi sincero. Sei o que é ser forçado a não fazer o que gosta, e admiro quem luta contra essa falsa sentença de morte!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Similar Content

    • By trik22
      Não sei se postei no local certo, se for errado peço desculpas aos moderadores.
      Tenho 21 anos, já treino há uns 3 anos, acabei por mandar um ciclo de 8 semanas de Deca x Dura sendo que a dosagem foi de 500mg/semana de Durateston e 400 mg/semana de Deca, separado em duas aplicações semanais, na segunda e na quinta.
      Durante o ciclo tudo tranquilo, exceto a alta de pressão na ultima semana mas depois se normalizou, libido 100% e desempenho sexual também, apesar da retenção ganhei 9kgs e a principio estava tudo beleza, ao terminar o ciclo esperei os 14 dias da meia vida da droga e iniciei a TPC, sendo a TPC Serms, estrutura foi 1-14 Dias: 100mg de clomid e 40mg de tamox, e 14-28 Dias: 50 mg de clomid e 20 mg de tamox, 300 mg de silimarina e 1000mg de Tribulus, porém já durante a TPC começou meu pesadelo, libido la em baixo e pra deixar o garotão pra cima era difícil, achei que com o tempo iria voltando ao normal porém já faz 10 dias que terminei a TPC, e apesar de ter melhorado um pouco a libido continua baixa, e as ereções são fracas, perdi totalmente a segurança de sair com alguma mulher, e antes do ciclo meu desempenho sempre foi 100%.
      Não sei aonde foi meu erro, achei que as estruturas, os tempos estavam tudo certo, mas devo ter errado em algo, realizei os exames ontem e agora é aguardar os resultados para ver o problema, mas preciso da ajuda de vocês, faço outra TPC? Mando o Hcg? Espero a ajuda de vocês, preocupação ta foda.
    • By newmarombacwb
      salve salve galera,
      comecei meu ciclo quinta feira
      dao uma ajuda ae
      16 dura
      e 2 vidros nao sei de quantos :S, desculpe
      mais assim

      vou mandar dura 1 seg e 1 quinta
      stano 1ml dsdn

      tenho algumas duvidas
      tenho 1.77 de altura/ 68kg (ate antes de ontem) hj to com 69 kg

      e assim, tenho duvidas se quando terminar o ciclo vai da algum problema na libido? e se der, com o tempo ele volta sem a tpc? ou tem que fazer a tpc pra voltar ?
      nos dias das aplicações eu vou postar aqui oque eu sinto e tals, como foi o treino etc... abrass responde a pergunta ae fazendo o favor ?
    • By Pietra Araújo
      Olá amigos primeiramente Peço desculpas por ser leiga no assunto.
      Não tenho almejo perder gordura creio estar no peso legal e com a silhueta dentro dos padrões porém eu gostaria de trincar o quadríceps dar aquela empinada e automaticamente endurecida nos glúteos e dar um pouquinho de musculatura aparente no abdômen. Também gostaria de fazer aparecer o tríceps e um pouco do bíceps não treino muito superior pois minhas costas já são largas devido ha anos de natação.
      Dá certo este ciclo que mandei acima no tópico?
    • By Amanda Mayrinck Hallak
      Conceito de meia-vida
      A meia-vida de um esteróide refere-se ao intervalo de tempo necessário para que metade da droga seja metabolizada. Quando uma droga tem meia-vida de 10 horas, isso significa que depois deste tempo sua concentração em nosso organismo cai pela metade, sendo que a quantidade restante não estará mais em condição de cumprir sua tarefa apropriadamente.
      Exemplo: O decanoato de nandrolona tem uma meia-vida de 15 dias. Sendo assim, se alguém aplicar 100 mg de decanoato de nandrolona após 15 dias a concentração desta droga diminuirá para aproximadamente 50mg, mais 15 dias para 25 mg e assim sucessivamente caso uma nova aplicação não seja feita.
      Vale lembrar que drogas orais possuem uma meia-vida atípica comparada a outras drogas injetáveis, pois seus cristais se dissolvem lentamente, mas tão logo tenham se dissolvido, a concentração da droga declina rapidamente. Um exemplo é o stanozolol oral, sua meia-vida é em torno de 1 dia.
      Tipos de ciclos
      Os ciclos podem ser: curtos, médios ou longos.
      Independente do ciclo vale lembrar que toda droga possui riscos conhecidos e desconhecidos em curto, médio ou longo prazo; algumas, inclusive podem provocar óbito. Existe uma crença que a combinação de esteróides funciona melhor do que a utilização de apenas um deles. Se por um lado essa crença parece ser indiscutível, por outro é bem certo que determinadas combinações, apesar de parecerem produzir melhores efeitos quanto ao aumento da força e massa muscular, também salientam os efeitos colaterais.
      Um ciclo curto tem um período de 8 a 10 semanas. Com 5 a 6 semanas de administração de drogas e de 3 a 4 semanas de intervalo pelo menos. No intervalo não se utilizam esteroides anabolizantes. Ciclos curtos permitem menores intervalos de descanso entre os ciclos.
      Um exemplo tradicional de ciclo curto é utilizando as drogas Deca Durabolin e Durateston. Deca durabolin possuiu meia-vida de 15 dias e durateston meia-vida de 15 a 18 dias. Este é um tipo de combinação muito comum entre aqueles que estão começando. Para pessoas absolutamente iniciantes, doses pequenas podem ocasionar ganhos espetaculares. Lembre-se quanto mais próximo do inicio, maior é a magnitude dos ganhos. Mulheres jamais devem se envolver com esta categoria de drogas, pois os efeitos colaterais seriam muito salientes.
      Deca Durabolin (Decanoato de Nandrolona)
      Deca é um preparado anabólico injetável. Após a injeção, o decanoato de nandrolona é gradualmente liberado do depósito intramuscular e subseqüentemente hidrolisado em nandrolona.
      A duração de ação é de cerca de 2 semanas. O perfil anabólico de DECA-DURABOLIN, segundo estudos metabólicos realizados em seres humanos, demonstra os efeitos anticatabólico e poupador de proteína, como também os efeitos favoráveis no metabolismo do cálcio (em casos de excreção).
      A Deca é modernamente androgênica, com boas propriedades anabólica e reduzido efeito aromatizante, sendo atípico o pronunciamento de efeitos colaterais.
      Por outro lado, esta droga reduz o desejo sexual e provoca infertilidade em homens mais do que qualquer outro esteroide anabólico em altas dosagens. É uma droga facilmente coletada em exames anti-doping.
      Durateston (Decanoato de testosterona, fenilproprionato de testosterona, isocaproato de testosterona e propionato de testosterona)
      Durateston é um preparado androgênico para administração intramuscular contendo quatro ésteres diferentes do hormônio natural, a testosterona. Pela combinação desses ésteres de testosterona, a ação de Durateston inicia-se logo após a injeção e é mantida por aproximadamente três semanas.
      O propionato e o fenilproprionato de testosterona tem uma ação imediata, mas, de curto período. Já o isocaproato e o decantado tem um inicio de ação mais lento, porem de longa duração. Esta droga pode mostrar excelentes resultados em aumento de forca e ganho de peso e parece não promover muita retenção hídrica como a maioria dos esteróides altamente androgênicos.
      Outra vantagem observada pelos usuários é que só se pode utilizar esta droga por maior período de tempo pelo fato de não causar maciço fechamento dos receptores celulares, como acontece com muitos esteróides. Durateston é geralmente bem tolerado.
      Ao planejar um ciclo, o entendimento da meia-vida das drogas é fundamental e muito importante, pois se não for assim o usuário poderá, dentre outros enganos, se manter dentro de um ciclo durante muito tempo salientando assim todos os possíveis efeitos colaterais.
      Esta informação também pode contribuir para que o ciclo planejado não tenha muita flutuação de drogas no sistema e na concentração sanguinea.
    • By Hipotrofiado
      Bom, galera, sei que deve ter tópicos parecidos, mas o meu é bem específico para as minhas dúvidas que de certo não achei em outro lugar.

      Nunca tomei anabolizantes, pretendo portanto fazer um ciclo menos pesado para a primeira vez, entretanto a dúvida surgiu.



      Tomar anabolizante injetável, DURATESTON? (pretendo tomar de 4 a 6 ampolas)

      Ou

      Tomar algum dos pró-hormonais? Reign, M-DROL, Halovar?

      A primeira ou a segunda opção?
      Por quê?
      E em alguma das duas precisarei fazer TPC?
×
×
  • Create New...