Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  1. Sereiafit

    Sereiafit

  2. Apollo Galeno

    Apollo Galeno

  3. Joaninha

    Joaninha

  • Conteúdo similar

    • Por Thiago Carneiro
      Winstrol® é o nome comercial mais conhecido da droga estanozolol. O estanozolol é um derivado da diidrotestosterona. Ela foi alterado quimicamente para que as propriedades anabólicas (construção de tecidos) do hormônio sejam majoradas e sua atividade androgênica minimizada.
      O estanozolol é classificado como um esteroide anabólico e possui forte efeito anabólico e fraco efeito androgênico, numa das melhores proporções entre os agentes comercialmente disponíveis. Ele não pode ser aromatizado em estrogênios. É notável a sua capacidade em promover o crescimento muscular sem retenção de água, o que o torna altamente desejado por fisiculturistas em cutting e por atletas de competição.
      O estanozolol foi descrito pela primeira vez em 1959. Foi desenvolvido como medicamento pelo laboratório Winthrop, na Grã-Bretanha. Foi oficialmente lançado no mercado de medicamentos prescritos nos EUA em 1962, sob a marca Winstrol®.
      Era prescrito para uma variedade de finalidades médicas, incluindo a indução do apetite e ganho de tecido magro, em casos de perda de peso associada a muitas doenças malignas e não malignas. Também era prescrito para preservação da massa óssea em razão de osteoporose, para crianças com insuficiência de crescimento, e como anticatabólico durante a corticoterapia prolongada, ou para pacientes em pós-operatórios e em pós-traumáticos (queimaduras, fraturas), e até mesmo para tratar debilidade em idosos.
       O controle do FDA sobre o mercado de medicamentos prescritos ficou mais restrito em meados da década de 1970, e os usos indicados para o Winstrol® logo diminuíram.
      Durante esse tempo, o FDA considerava o Winstrol® como “provavelmente eficaz” como terapia adjuvante para o tratamento da osteoporose e para o tratamento do nanismo com deficiência hipofisária.
      O Winstrol® como agente terapêutico permaneceu sendo legalmente vendido nos EUA durante as décadas de 1980 e 1990, época em que muitos outros esteroides anabolizantes estavam desaparecendo do mercado.
      O estanozolol também foi promissor durante esse período para melhorar as concentrações de glóbulos vermelhos, combater o câncer de mama e (mais recentemente) tratar o angioedema, um distúrbio caracterizado pelo inchaço dos tecidos subdérmicos, muitas vezes com causas hereditárias.
      A Winthrop passou por uma série de mudanças corporativas durante a década de 1990, incluindo uma fusão em 1991 com a Elf Sanofi, para formar a Sanofi Winthrop.
      A Sanofi Winthrop continuou a vender Winstrol® nos EUA por aproximadamente mais 10 anos, até o momento em que a droga foi descontinuada por "problemas de fabricação".
      Em 2003, os direitos do Winstrol® foram oficialmente transferidos para a Ovation Pharmaceuticals. O Winstrol® continua sendo um medicamento aprovado no mercado farmacêutico dos EUA, embora não esteja sob produção ativa pela Ovation.
      Todas as formas de Winstrol® estão atualmente indisponíveis nos EUA, embora a marca Winstrol® permaneça disponível na Espanha. Inúmeras outras marcas e formas genéricas do medicamento são produzidas em outros países, tanto no mercado de medicamentos para uso humano, quanto veterinário.
      A composição e dosagem podem variar de acordo com o país e o fabricante.
      O estanozolol foi originalmente desenvolvido como um esteroide anabolizante oral, contendo 2 mg de medicamento por comprimido (Winstrol®). Outras marcas geralmente contêm 5 mg ou 10 mg por comprimido. O estanozolol também pode ser encontrado em preparações injetáveis (Winstrol® Depot). Estas são mais comumente suspensões à base de água contendo 50 mg/ml de esteroide.
      O estanozolol é uma forma modificada de dihidrotestosterona, com as seguintes diferenças:
      adição de um grupo metil no carbono 17-alfa para proteger o hormônio durante a administração oral; ligação de um grupo pirazol ao anel A, substituindo o grupo 3-ceto normal (isso dá ao estanozolol a classificação química de um esteroide heterocíclico). Quando visto à luz da 17-alfa metildi-hidrotestosterona, a modificação do anel A no estanozolol parece aumentar consideravelmente sua força anabólica, enquanto reduz a sua androgenicidade relativa.
      O estanozolol tem uma afinidade de ligação relativa muito mais fraca para o receptor de andrógeno do que a testosterona ou a diidrotestosterona.
      Ao mesmo tempo, ele exibe uma meia-vida muito mais longa e menor afinidade para proteínas de ligação do soro em comparação. Essas características (entre outras) permitem que o estanozolol seja um esteroide anabolizante muito potente, apesar de sua afinidade mais fraca para a ligação ao receptor.
      Estudos recentes também confirmaram que seu modo primário de ação envolve a interação com o receptor de andrógeno celular. Embora não totalmente elucidado, o estanozolol pode ter propriedades adicionais (algumas potencialmente únicas) em relação ao antagonismo do receptor de progesterona, local de ligação de glicocorticóide de baixa afinidade interação e atividades independentes AR / PR / GR (receptor androgênico / receptor progestínico / receptor gonadotrófico).
      Em doses terapêuticas, o estanozolol não tem atividade progestacional significativa. O estanozolol é conhecido por suprimir fortemente os níveis de SHBG (globulina ligada ao hormônio sexual). Este traço é característico de todos os esteróides anabólicos e androgênicos, embora sua potência e forma de administração tornem o Winstrol® oral particularmente eficaz nesse aspecto.
      As proteínas de ligação ao plasma, como SHBG, agem para restringir temporariamente os hormônios esteroides de exercerem atividade no corpo e reduzem a porcentagem disponível de esteroide livre (ativo).
      O estanozolol oral pode ser útil para fornecer uma maior porcentagem de esteroides não ligados no corpo, especialmente quando tomado em combinação com um hormônio que é mais avidamente ligado por SHBG, como a testosterona.
    • Por Thiago Carneiro
      O princípio ativo do estanozolol oral (em comprimidos ou tabletes) é a mesma do estanozolol em forma injetável. Inclusive, a forma injetável do estanozolol também pode ser administrada por via oral.
      Para mais informações, consulte estanozolol injetável.
    • Por will.torres1
      Boa Galera!
      Vou direto ao assunto!
      Idade: 38 anos;
      Altura: 1,80m;
      Peso: 87,5kg;
      Medicações em uso: Nenhum;
      Problemas de Saúde e história de cirurgias: Nenhum Problema; Cirurgia de Apendicite quanto tinha 13 anos; 
      Exames: Vou realizar os exames na terceira semana de ciclo como segue: HEMOGRAMA COMPLETO, CLICEMIA DE JEJUM, HEMOGLOBINA GLICADA, COLESTEROL TOTAL E FRAÇÕES, TRIGLICERIDES, UREIA, CREATININA, ÁCIDO ÚRICO, VITAMINA D3, CPK, TGO, TGP, BILIRRUBINAS, FA, GAMA-GT, TEMPO DE PROTROMBINA, TESTOSTERONA TOTAL E LIVRE, SHBG, DHT, PROLACTINA, ESTRADIOL, CORTISOL, TSH E T4 LIVRE, PSA LIVRE E TOTAL;
      Tempo de treino: 5 anos direto;
      Ciclos feitos com dose e tempo: 2018 12 semanas de Dianabol (30mg dia), Deca 300mg semana e Durateston 250mg semana;
      2020  09 semanas de: 300mg Deca semana, 250mg enantato semana, 01 comprimido de Hemogenin 5 horas antes dos treinos durante 50 dias.
      Ciclo Proposto: 250 mg por semana de Enantato Testosterona, 200mg de Primobolan por semana durante 10 semanas. Marca IDG Pharma (Laboratório Russo), sendo aplicado segunda 250mg de Enantato e 100mg Primobolan, quinta 100mg de Primobolan; Estou pensando em colocar 20mg de oxandrolona 30 minutos antes dos treinos, somente nos dias de treino.
       
      Divisão de Treino: A/B/C ás 12:00hs. Dar uma ênfase maior nos treinos de pernas, 3 vezes na semana. 
      Dieta:
      **Café da Manhã: 07:00hs**
      135g de Maça Fuji,
      30g de Pasta de Amendoim integral,
      2 fatias de pão integral,
      03 ovos mais 2 claras de ovo
      **Almoço: 13:40hs**
      Salada à vontade,
      150g de legumes
      150g filé de frango,
      150g de arroz,
      5ml azeite oliva,
      Lanche da tarde 17:00hs
      150g de frango
      100g de arroz,
      01 banana nanica
      **Jantar: 20:30hs**
      Salada à vontade
      150g de legumes,
      150g de frango
      150g de arroz,
      Pré Treino: 
      1 Xícara de café
      1 banana com aveia e mel.
      **Pós Treino**
      01 banana nanica,
      200ml leite,
      whey 34g
      05g creatina.
      Ingerir em média de 3 a 4 litros de água por dia, sendo que 1 litro durante o treino.
      Utilizar Vitamina D3 2000ui ao dormir
      01 Comprimido de Multivitaminico ao Acordar,
      Ômega 3 2000mg ao dormir
      Durante 30 dias  dois comprimidos IBUTAMOREM (MK-677) ao dormir
      HIIT 6 dias na semana.
      Obs: Trabalho em escala de 12 x 36 e na rua, as vezes trabalho em média 20hs por dia, mesmo assim sigo rigorosamente os treinos. Os horários de alimentação é somente uma base, porém a dieta seguirei a risca. Nunca segui uma dieta, sempre me alimento com qualidade, porém não levava a risca. Outra questão, fumo uma média de 10 cigarros ao dia, estou em uma luta constante para largar esse vício. 
      Objetivo disso tudo? Mais qualidade muscular, ganho de massa magra e redução no porcentual de gordura.
       
       
       
       





    • Por Munai
      Bom dia galera, estou há uns anos buscando os 80kgs em jejum com um bf baixo. esse ano consegui bater 77kgs, porem esse mes de agosto peguei uma inflamação forte na garganta (tomei antibiótico por 5 dias) e logo após uma semana acabei gripando, o que resultou eu falhar um pouco na dieta, falhar pra mim é não aguentar comer o que o plano propõe, fazendo assim eu perder 2kgs, me pesei hoje em jejum deu 75kgs. Conheci o este fórum esta semana mesmo e me impressionei como ele ta cheio de informações tanto de dietas, treinamento e ciclos, vi que os moderadores auxiliam bastante e resolvi criar meu tópico. 
      Idade: 25
      Altura: 1,71 m
      Peso: 75 kg (estimo que meu BF esteja em 10-15%.
      Medicações: 5g de omega 3 + 1 caps de multivitamínico antes de dormir + 1 vitamina d3 40.000 ( 1x na semana) 
      Problemas de Saúde e história de cirurgias: nenhum
      Tempo de treino: 5 anos 
      Ciclos FEITOS com dose e tempo: Já fiz combinações de deca e dura, enantato e bold, e dura e trembo ao longo desses anos, porém obtive mais resultados esse ano que decidi usar low doses o ano todo (200mg de dura por semana)
      Ciclo proposto:
        Enantato de testo 300mg semana  1-14 Boldenona 400mg semana 1-12   (achei interessante esse ciclo, vi o @Apollo Galeno sugerindo)    Divisão de treino:
      Seg: Costas e bíceps + abd / Ter: quadríceps e panturrilha/ Qua: peito e tríceps + abd / qui: posterior de pernas e panturrilha / sexta: ombro e trapezio + abd  
      Estou fazendo uma periodização por conta 3 semanas hipertrofia, 1 semana força e 1 semana regeneração 
      Cardio: não faço há mais de um ano 
       
      Dieta:
       
      DESJEJUM
      4 fatias de pão integral/branco 
      3 Ovos inteiros 


       
      REFEIÇÃO 1
      200g frango ou carne 
      300g macarrão 
      200ml de suco de uva integral 
      Legumes à vontade
      Salada verde à vontade 

       
      REFEIÇÃO 4 
      200g frango ou carne 
      300g Arroz
      Legumes à vontade
      Salada verde à vontade 
       
      REFEIÇAO 4 
      200g frango ou carne  
      300g macarrão 
      Legumes à vontade.
      Salada verde à vontade 
      1 snickers 
       
      CEIA  
      40g de Whey 
      5g de creatina
      30g de aveia 
      2 bananas 
      50g de pasta de amendoim 
      300 ml Leite desnatado/semi 
      1 maçã
      1 iogurte desnatado
      WhatsApp Unknown 2021-08-25 at 09.44.10.zip
    • Por cahhanka
      Bom dia senhores, 
      Alguem conheçe o "Vikings Labs", em particular o Enanantato de Testo de 300mg deles? Poderia comentar a experiência, obrigado.


×
×
  • Criar novo...