Jump to content
  1. KaliBlackMetal

    KaliBlackMetal

  2. Apollo Galeno

    Apollo Galeno

  • Similar Content

    • By v_shape
      Este texto é tradução de parte de artigo científico original em inglês, postado em 09 de Agosto de 2010.
      Como não sou tradutor, não me responsabilizo por eventuais erros de interpretação e radução meus nem pelas idéias do autor.
      Exercícios Resistidos com Alto Volume e Cargas Moderadas Estimulam Mais a Síntese Proteica Muscular Esquelética do que Exercícios Resistidos com Cargas Altas e Baixo Volume em Homens Jovens
      Nicholas A. Burd1, Daniel W. D. West1, Aaron W. Staples1,Philip J. Atherton2, Jeff M. Baker1, Daniel R. Moore1, Andrew M. Holwerda1, Gianni Parise1,3, Michael J. Rennie2, Steven K. Baker4, Stuart M. Phillips1*
      1 Grupo de Pesquisa sobre o Metabolismo do Exercício, Departamento de Cinesiologia, Universidade McMaster, Hamilton, Ontário, Canadá, 2 Escola de Graduação em Medicina e Saúde, Hospital City, Universidade de Nottingham, Derby, Reino Unido, 3 Departamento de Física Médica e Radiologia, Universidade McMaster, Hamilton, Ontário, Canadá, 4 Departamento de Neurologia, Michael G. Escola de Medicina DeGroote, Universidade McMaster, Hamilton, Ontário, Canadá
      Resumo
      Objetivo
      Nós procuramos determinar o efeito da intensidade (% da Repetição Máxima - 1RM) do exercício resistido e do volume sobre a síntese proteica muscular, sinalizadores anabólicos, e expressão do gene miogênico.
      Metodologia/Principais descobertas
      Cinquenta homens (com idade entre 20 e 22 anos; com IMC entre 23,3 e 24,9 Kg/m2) executaram 4 séries do exercício extensão de pernas com diferentes cargas e/ou volumes: a 90% da repetição máxima (1RM) até sua falha individual (Falha90), a 30% 1RM combinado com 90% (30CM - 30% da Carga Máxima), ou 30% 1RM executados até a falha individual (Falha30). Houve infusão de [anel-13C6] fenillalanina com uso de biopsias para mensurar as taxas de síntese de proeínas musculares mistas (MIX), miofibrilares (MYO) (87%), e sarcoplasmáticas (SARC) em descanso, e 4hs e 24 hs após o exercício. Exercícos a 30CM induziram a significante aumento sobre o período de descanso na síntesse de proteínas musculares mistas (MIX) (121%) e miofibrilares (MYO) de 87% após 4 horas do exercício físico, mas após 24 horas apenas as proteínas mistas (MIX) aumentaram. O aumento na taxa de síntese proteica muscular em MIX e MYO 4 horas após os exercícios com Falha90 em Falha30 foi maior que o 30CM, sem nenhuma diferença entre estas condições; porém, MYO permaneceu elevada (199%) sobre o restante das proteínas durante 24 horas após o treino somente no Falha30. Existiu um aumento significativo em AktSer473 (sinalizador celular) 24 horas após o exercício em todas as condições (P = 0,023 e mTORSer2448 fosofrilação em 4 horas após o exercício (P = 0.025). Fosforilação de Erk1/2Tyr202/204, p70S6KThr389, e 4E-BP1Thr37/46 aumentado significativamente (P<0.05) somente na condição Falha30 ao final de 4 horas após o exercício, enquanto que a fosforilação de 4E-BP1Thr37/46 foi maior 24 horas após o exercício do que em repouso em ambas as condições Falha90 (237%) em Falha30 (312%). A expressão Pax7 mRNA aumentou 24 horas após o exercício (P = 0.02) em todas as condições. A expressão mRNA da MyoD e miogenina foram constantemetne elevados na condição Falha30.
      Conclusão
      Estes resultados sugerem que exercícios físicos resistidos com cargas moderadas e alto volume são mais efetivos em induzirem mais anabolismo muscular do que os exercícios com cargas altas e baixo volume ou os dois combinados juntos.
      INTRODUÇÃO
      Exercícios resistidos estimulam a síntese de proteínas musculares esqueléticas, as quais são resumidamente chamadas de hipertrofia muscular. Normalmente se recomenda que contrações com altas cargas (exemplo, ≥70% da repetição máxima; 1RM) sejam executadas para fornecer um estímulo ótimo para o crescimento muscular. Foi estabelecido recentemente, contrariamente, que a síntese de proteínas miofibrilar (MYO) é na verdade maximamente estimulada em 60% da 1RM, no estado de pós-absorção, com nenhum aumento para a condição de cargas altas (ex., 75–90% 1RM) . Além disso, executar contrações com cargas moderadas (~20% 1RM) com oclusão vascular é suficiente para induzir a um aumento na síntese de proteína muscular mista (MIX), a qual explica os aumentos significativos em tamanho e força muscular, equivalente aqueles vistos em contrações de alta intesidade, que ocorrem com treinamento de oclusão sanguínea. Juntos, estes dados sugerem que cargas altas externas (ex., alta intensidade) não são pré-requisito para induzir aumentos na síntese de proteína muscular gerando assim hipertrofia muscular.
      O estudo de Henneman descreveu que o recrutamento das unidades motoras ocorre de forma progressiva das pequenas para as maiores (ex., o princípio do tamanho). Como oposto ao requerimento para alta contrações de alta intensidade nós acreditamos que o número total de contrações, independentemente da intensidade, podem resultar em uma ativação total das unidades motoras e recrutamento das fibras musculares e deve ter igual ou maior importância que a intensidade para atingir a estimulação da síntese de proteína muscular. Especialmente no mesmo de ativação da fibra muscular e presumindo uma estimulação similar da síntese de proteína msuclar miofibrilar (MYO), deverá ocorrer independentemetne da intensidade que o exercício tenha sido executado até a fadiga individual (falha) na mesma linha de observação do treinamento oclusivo.
      A regulação da síntese de proteína muscular é multifacetada e investigações recentes demonstram tanto as vias sinalizadoras quanto os Akt-mTOR e as proteína quinase ativadas por mitogeno (PKAMs; ex., Erk1/2) em cascata são importantes promotores de anbolismo induzido por exercício. Mesmo assim, destas investigações é difícil dicernir se as proteínas sinalizadoras de anabolismo por exercício são ativadas por longos períodos de tempo (ex., ≥24 h) e desempenham um papel importante na sustentação do aumento da síntese de proteína muscular que parecem ocorrer durante os dias após o exercício. De forma similar, a geradora de músculo nos adultos (células satélites) tem sido sugeridas como escenciais para a hipertrofia muscular como uma adaptação ao treinamento resistido. Mesmo assim é difícil determinar a importancia da expressão aumentada de Pax7, um marcador da ativação da célual satélite, o qual junto com outros fotores de regulação miogênica (FRMs), como o MioD, Mif5, MRF4, e miogenina, os quais estão envolvidos na ativação, proliferação e diferenciação das células tronco musculares, estão relacionandas ao aumento da respotas da síntese de proteína muscular induzido pelo exercício, especialmente em períodos pós treino (ex., >24hs) após a seção de treino.
      Neste estudo, nós procuramos sistematicamente investigar o impacto de dois tipos distintos de exercícios com cargas paralelamente com diferentes volumes de exercícios na sinalização anabólica, expressão do gene miogênico, e taxas de síntese de proteínas musculares (MIX, MYO e SARC). Utilizamos principalmente o modelo unilateral no qual os participantes executaram exercícios a 90% da 1RM até a falha (Falha 90), 30% da 1RM na qual o valor do trabalho externo foi combinada com o Falha 90 (30CM), ou 30% da 1RM até a falha (Falha30). Isto nos forneceu a ferramenta necessaria para desvendar as influências separadas entre carga (intensidade) e volume em variáveis anabólicas específicas após executar exercícios resitidos. Nós hipotetizamos que a resposta anabólica ao exercício poderia ser similar aos tipos de treinamento (as 3 condições) formulados para recrutar a ativação máxima de fibras (ex., Falha90 e Falha30); mesmo assim, a intensidade do exercício seria importante para maximizar a resposta anabólica entre entre os modos de exercícios envovlidos (Falha90>30CM).
      Fonte: https://journals.plos.org/plosone/
      Abraço.
    • By marcusvcf
      Galera estou fazendo um  ciclo de ciclo 6 + stano oral, de 8 semanas no total.
      Estou na terceira semana de ciclo. Ja apliquei 5 mls de ciclo 6 e estou sentindo o bico do peito sensível e maior. 
      Nada muito exagerado visualmente, mas dói quando raspo em algum lugar. 
      Minhas dúvidas são 
       
      1 - Eu metendo tamox durante o ciclo, isso pode diminuir ? Ou somente comprando um IA tipo letrozol ou anastrozol ? Pois ja tenho tamox sobrando, e comprar um IA é  uma opção mais cara.
       
      2- Se eu n tomar nada e levar assim até o final do ciclo, durante a tpc SERMS essa sensibilidade sai ? É reversível ou pode ser irreversível ?


      Tenho certeza que da pra levar assim até o final do ciclo do jeito que está, pode ser nóia da minha cabeça tbm né...
      O que aconselham ? 
       
    • By Julianamagalhaes2911
      Oi gente tudo bem? Vim relatar pra vocês meu primeiro ciclo de oxan 
       
      idade: 20 anos
      tempo de treino: sem faltar nenhum dia: 1 ano e alguns meses
      dieta: acompanhamento nutricional ( dieta voltada pra hipertrofia)
      suplemento: whey+ creatina+ Polivitaminico 
       
      medidas: vou colocar as medidas que o nutricionista tirou a 1 mês atrás pois ainda n tive como me medir ( comecei o ciclo a 2 dias só) 
       
      Peso atual: 63kg
      Cintura: 68.5
      abdomen: 80cm 
      Quadril: 97.5Cm
      coxa: 55cm
      vou deixar um pequeno relato e dúvidas pra quem tiver disposição pra me ajudar.
       
      desde que comecei a treinar sério e fazer dieta, venho obtendo bons resultados pois quando comecei a treinar pesava cerca de 54/55kg e agora já estou com 63, porém de alguns meses pra cá, notei meus treinos um pouco estagnado, força e senti vontade de começar a tomar oxandrolona( esperando q ela fosse da uma força tanto nos ganhos, como na força) pois sei que não faz milagre... outra coisa que vem me incomodando muito também eh a questão do ganho de peso, mesmo que eu tenho ganhado ótimos resultados na coxa, e quadril, ( pois era muito magra), acabei ganhando muito de abdômen também ( ele não possui a aparência que eu gostaria) só que como estou no processo de ganho de massa acaba atrapalhando pois eh muito carbo, e gordura! Gostaria que alguém pudesse me da dicas de como aproveitar bem esse ciclo de oxan, não fazer besteiras e também como posso conciliar o ganho de massa com o emagrecimento da minha barriga ( perca de percentual de gordura) no meio de uma dieta tão calórica.... em relação aos treinos estou dando o meu melhor!! Também gostaria de saber se eh normal pois estou sentindo pequenas tonturas assim que tomo a oxan, e fico pensando q ela pode fazer com que eu passe mal!! 
       
      Como eu estou fazendo o ciclo? 

      comecei com a primeira semana só 10mg de oxan, pra ver como meu corpo se adapta, estou apenas no 2 dia então n posso falar muita coisa sobre os efeitos ainda... e penso em aumentar pra 20 nas próximas 2 semanas e depois diminuir pra 10mg na última ( pretendo fazer só por 1 mês)
       
      aqui vai algumas duvidas
       
      - vcs indicam realizar exames antes de começar a tomar ou essa dosagem causa pouca toxicidade para o organismo ? 
       
      - como conseguir definir meu abdômen e perder gordura mesmo nesse processo de ganho de massa ( dieta calórica) 
       
      Essas são minhas maiores dúvidas!! Vou atualizando de semana em semana para ver se estou realmente obtendo resultados!
       
       
      vou colocar por cima um pouco da minha dieta:
       
      café da manhã: 
      1 tapioca ( 2 colheres de goma) 
      1 ovo / 1 colher de chia/ 2 pedaços de queijo coalho
       
      almoco: 5 colheres de patinho ou 2 pedaços de alguma proteína ( carne ou frango)
      6 colheres de arroz 
      salada a vontade 
      1 concha de feijao
       
      lanche da tarde
      6 colheres de cuscuz 2 ovos 2 colheres de requeijao 
      ou 1 iorgute natural+ 6 colheres de farelo de aveia + 1 colher de pasta de amendoim+ 1 banana
       
      jantar: 8 garfadas de macarrão integral com 4 colheres de patinho moído + requeijao 
       
      ceia: whey + banana+ leite + 1 ovo cozido 
      ou shake de whey+ abacate+banana+ aveia+ leite! 
       
       
    • By Marcelo_sm10
      Galera, sou novo na área, eu treino a 1 ano e meio, primeiros ano eu só perdi gordura e ganhei consciência corporal pois era bem gordinho meu bf foi a 26%, cheguei a 13% de bf porem muito magro  e percebi que nao estava evoluindo mais com o nutri deixei de ir. Hoje eu sei me alimentar ja, to tentando baixar só  BF porem inventei de começar a ciclar e ainda esta meio confuso a estrutura do ciclo, to aplicando 1 vez na semana 1ml cioionato 100mg/ queria ajuda de voces a refinar esse meu ciclo. Treino ta mais pesado a a alimentação está em manutenção calórica. Estou na 2 semana e se comprar com fotos anteriores ganhei peso ja aumento bastante braco e pernas.
      Me ajudem ai, dicas, to bem perdido nao quero ficar so aplicando sem saber mais detalhes, quero crescer mas nao quero ganhar gordura;
      - Idade
      24 anos
      - Altura
      167
      - Peso
      66 kg
      - Medidas(braço,peito etc)
       
      - Percentual de gordura(BF)
      17%
      - Tempo de treino
      1 ano e 6 meses
      - Objetivo
      hipertrofia



      20200115_202209.heic
×
×
  • Create New...