Jump to content

Rate this topic

Recommended Posts

Gostei deste espaço , eu improvisei um elastico pra treinar feito com garrote e  treinei bem meus MMSS e pra inferiores utilizei tambem ele, tinha uns pesos que meu cunhado tinha feito e deixado de lado eu tou usando agora pra fazer agachamento.

Share this post


Link to post
Share on other sites

@FitCoupleHim bom te ver por aqui meu nobre. As informações que eu recebo dos meus amigos médicos realmente não é boa. Apesar de atacar mais os idosos, também existe casos de pessoas jovens sendo infectadas o que mostra uma provável mutação do vírus. Não se sabe ainda se ela galera mais jovem já tinha algum problema de saúde, mas acredito que ninguém queira pagar pra ver, ainda mais quem depender de atendimento público. 

A coisa aqui ta só começando. Não conheço ninguém próximo de mim que tenha contraído o vírus mas continuo alertando as pessoas próximas de mim. Infelizmente muita gente não ta levando isso a sério. Ainda vejo idosos sentado em bares bebendo, indo pra rua sem necessidade e outros levando as vidas normalmente.

A economia vai ser prejudicada também, mas é algo possível de se restabelecer com o tempo, ao contrário das vidas que serão perdidas. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Maaaaassss....eu sou um cara de pensamento aberto e estou sempre ouvindo opiniões diversas. Em muitos casos, prefiro não concluir nada por saber que as vezes é precipitado quando não se tem muita informação. Gostaria de deixar como reflexão este vídeo do Roberto Justos, e saber a opinião do pessoal. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 horas atrás, Locemar disse:

Gostaria de deixar como reflexão este vídeo do Roberto Justos, e saber a opinião do pessoal. 

Se 15 pessoas/dia morrem de desnutrição, mesmo com a economia a funcionar, não é a breve cessação da economia que irá matar mais ou menos pessoas. Discordo dele neste ponto. Foi contraditório.

De fato, os números são poucos em tendo como referência a população mundial, naquilo que se refere aos percentuais de letalidade, entretanto, o problema ainda não bateu à porta dele.

Sim, ha um alarmismo, mas eu entendo que isso é necessário em razão da alienação de boa parte da população no que toca à educação e aos bons hábitos de higiene.

No início eu acahava que era bobagem, muito alarmismo mas, quando a realidade bateu à minha porta, entendi a real dimensão do problema. 

8 horas atrás, fisiculturismo disse:

Um dos melhores vídeos sobre o coronavírus (e segue a linha da contenção):

O Átila fez uma live de 1h falando acerca do Covid-19 e a propagação mundial. Com mais de uma semana de antecedência, ele "previu" que a Espanha passaria a Itália em números e, de fato, aconteceu. Eu diria que ele é a fonte mais fidedigna em razão do conhecimento que ele tem.

9 horas atrás, Locemar disse:

Infelizmente muita gente não ta levando isso a sério. Ainda vejo idosos sentado em bares bebendo, indo pra rua sem necessidade e outros levando as vidas normalmente.

Exato. O "FIQUE EM CASA" deve interpretado teleologicamente. Sair de casa apenas quando realmente necessário. Se possível, trabalhar em sistema de home office. Se tiver que trabalhar in loco, utilizar EPI. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Galera, temos diversos objetos em casa que podemos utiliza-los como pesos, como garrafas pet, recipientes de amaciantes de 2 e 5 litros, botijão de gás cheio
e vazio, vasos, mochilas, etc...

Com garrafas pet podemos fazer elevações, roscas, avanço, afundo...Botijão de gás agachamentos, levantamentos... use bancos ou cadeiras para afundo, repulsão, etc

Lembrem-se
O nº de repetições, séries e exercícios irá definir o volume...
A Velocidade de execução e a carga utilizada irá definir a intensidade...
Ficar atento ao tempo de descanso entre as sessões, séries e exercícios para deixar seus treinos mais intensos
 

Share this post


Link to post
Share on other sites
15 minutos atrás, Batata... disse:

Galera, temos diversos objetos em casa que podemos utiliza-los como pesos, como garrafas pet, recipientes de amaciantes de 2 e 5 litros, botijão de gás cheio
e vazio, vasos, mochilas, etc...

Com garrafas pet podemos fazer elevações, roscas, avanço, afundo...Botijão de gás agachamentos, levantamentos... use bancos ou cadeiras para afundo, repulsão, etc

Lembrem-se
O nº de repetições, séries e exercícios irá definir o volume...
A Velocidade de execução e a carga utilizada irá definir a intensidade...
Ficar atento ao tempo de descanso entre as sessões, séries e exercícios para deixar seus treinos mais intensos
 

Batata

e para as costas ? tem sido meu maior desafio.. o que vc faria se estivesse nessa situaçao? investir em uma barra de porta ou acha que da pra estimular o suficiente utilizando objetos para fazer remadas?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

  • Similar Content

    • By Frangote23a
      bem...
      queria uma orientação
      pra quem nunca praticou musculação e sequer frequentou academias na vida, e quer iniciar, esse site SARADO.com.br oferece boa orientação pra quem é totalmente ignorante no assunto?
      e se esse aparelho aqui substitui uma academia e se com a orientação dos profissionais do site e utilizando esse aparelho é possível modelar o corpo e melhorar a aparência etc
      https://www.netshoes.com.br/multi-estacao-prodeluxe-completa-com-204kg-em-anilhas-cinza-X51-0108-010
      por favor
      desculpem a minha ignorância, mas quero praticar exercícios sem ter de frequentar academia todos os dias
      obrigado

    • By paulocesarmr
      Alguem sabe como malhar em casa ,sem utilizar aparelhos ,ou seja improvisando,lugares,moveis,utensilhos?
    • By lctc123
      Meu nome é leticia, tenho 17 anos, 1,56 e 45 kg.
      estou fazendo exercicios em casa para as coxas, mas acho que nao to fazendo direito :/ estava fazendo agaxamento 6x10
      gostaria de alguem me ajudasse a fazer uma série de exercicios para as pernas com os dias da semana e tal.
      e eu tambem me acho muuuito magra e to com medo de em vez de ganhar corpo, eu emagrecer. entao queria a opniao de voces (;
    • By Sanderson Cavalcanti
      É de conhecimento geral, que a prática regular e periódica da atividade física constituída por exercícios resistidos, modifica progressivamente a estrutura física do corpo humano como um todo. Entretanto, convém destacar que, toda elaboração de exercícios resistidos numa sala de musculação, requer o planejamento de um trabalho muscular particularizado, inserido por outro lado, num programa constituído por séries e repetições distintas, pertencente a um praticante em particular. Contudo, as séries e repetições referentes ao exercício resistido em particular, deve estar por outro lado, em perfeita sintonia com o perfil do praticante de musculação, bem como, com os anseios almejados, direcionando todo o trabalho, seja ele para fins estéticos, terapêuticos ou profiláticos.

      Este procedimento consiste por satisfazer três exigências distintas entre si, sendo a primeira, direcionada a propósitos pertinentes à definição ou ao aumento da massa muscular, a segunda, direcionada a propósitos pertinentes à correção ou a desvios posturais, e por fim, a terceira, direcionada a propósitos pertinentes a integridade motora das articulações, quando submetidas a treinamentos de força ou de potência muscular. Os treinamentos de força e de potência muscular são comumente realizados nas academias de musculação, mediante o uso de equipamentos sofisticados, representados por uma ampla variedade de máquinas. As maiorias das salas de musculação são equipadas por máquinas que operaram através de mecanismos e engrenagens simples ou complexas, e ainda, são equipadas por uma ampla e variada gama de instrumentos livres que operam através de mecanismos ou engrenagens simples.

      A ampla variedade de instrumentos simples existentes nas salas de musculação serve de agente mecânico para qualquer trabalho muscular, e são representados por aparelhos ginásticos projetados no intuito de utilizar o próprio peso corporal como sobrecarga. Contudo, é possível realizar treinamento de força e de potência por meio de exercícios livres, sem necessariamente estar matriculado numa academia de musculação. Neste caso, é necessário dispor de um espaço apropriado, e ainda, é necessário dispor de acessórios indispensáveis, tais como: banco horizontal, diferentes tipos e formatos de barras, halteres e anilhas com pesos variados, e ainda, dispor de caneleiras e tornozeleiras com cargas variadas. Vale lembrar que, toda atenção deve ser dada quando se pretende treinar em casa. Neste caso, é viável que todo treinamento domiciliar seja devidamente acompanhado por um profissional de educação física, na qualidade de personal trainer.

      O aumento da massa muscular, diz respeito ao volume adquirido pelo músculo no sentido estrutural, e este volume adquirido pode variar de acordo com a idade, o sexo, a constituição física do indivíduo, e ainda, de acordo com o grau de esforço a que os músculos são submetidos numa sessão de treinamento com exercícios resistidos. A inatividade prolongada induzida pelo sedentarismo, ao longo do tempo pode provocar perda da massa muscular. Em contrapartida, a atividade física diária, mediante a prática de exercícios resistivos que se dão por meio de esforços musculares progressivos e repetitivos, proporcionam ao longo do tempo, um aumento do volume ou da hipertrofia muscular, e conseqüentemente, um aumento nos níveis de força e de potência muscular.

      Importa destacar que, ao passo que os treinamentos de força ou de potência muscular vão sendo realizados repetidamente e mensalmente, os ganhos de hipertrofia e de força adquirido pelo músculo vão ficando mais difíceis, chegando ao ponto de se atingir uma estabilização fisiológica descrita como platô. Este processo de estabilização fisiológica que se dá nas estruturas musculares, segue critérios individuais, segundo a natureza genética ou biológica de cada ser humano. No intuito por ultrapassar o platô, costuma-se recorrer a variações quanto ao método de treinamento empregado, e ainda, costuma-se recorrer ao uso de diferentes tipos de recursos ergogênicos nutricionais, seja por meio da suplementação vitamínica, mineral ou protéica. Cabe destacar que, quanto ao uso do recurso suplementar através da alimentação, é muito importante buscar pela orientação do nutricionista desportivo, a fim de que este profissional elabore estratégias nutricionais que favoreçam o incremento da hipertrofia almejada.

      Referências Bibliográficas:
      BADILLO, J. J. G.; AYESTARÁN, E. G. Fundamentos do Treinamento de Força - aplicação ao alto rendimento desportivo. Porto Alegre: Artmed, 2001.
      BOMPA, T.O. Periodização: teoria e metodologia do treinamento. São Paulo: Phorte, 2002.
      CHIESA, Luiz Carlos. Musculação: uma proposta de trabalho e desenvolvimento humano. Espírito Santo: Edufes, 1999.
      FLECK, S.J.; KRAEMER, J.W. Fundamentos do Treinamento de Força Muscular. Porto Alegre: Artmed, 1999.
×
×
  • Create New...