Carregando...
Ir para conteúdo

Dor na lombar

Avalie este tópico:


Post Destacado

Bom tarde pessoal, a um tempo atrás, uns dois meses, durante um treino de pernas, fui fazer agachamento livre, e acabei sentindo uma fisgada na lombar, imediatamente, parei com exercício e fui terminar o meu treino, acontece que durante a semana, fiquei com um incomodo na região lombar (apenas do lado esquerdo), que dificultava um pouco a locomoção, após essa semana foi passando e voltou ao normal, até que um dia fui me alongar, levando a pelve um pouco mais para a frente, e acabei sentindo uma fisgada na região da imagem abaixo, marquei o médico, mas é daqui 3 semanas só, alguém teria alguma hipótese de qual musculo eu me lesionei? ou apenas alongando eu consigo voltar ao normal? Eu penso que seja no nervo ciático, pois ontem fui fazer uma sessão se alongamento para a lombar e acabei sentindo muito mais o lado esquerdo, do que o direito.

 

https://imgur.com/XMfZEov

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Moderador

Difícil saber sem exames. Pode ser músculo, pode ser coluna, pode ser hérnia, protrusão, uma infinidade de coisas. Vai virar um jogo de adivinhação onde cada um chuta uma hipótese. Teria que no mínimo um fisioterapeuta te avaliar pra identificar o que poderia ser. 

Apenas por uma postagem de fórum realmente fica complicado.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta em nossa comunidade! É rápido, fácil e grátis!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
  • Conteúdo Similar

    • Por Luan Viana
      Deitar de bruço; Colocar as mãos na altura da cabeça; Fazer a extensão do tronco com o movimento da cabeça e dos pés.
    • Por Talles Sucesso
      Colocar uma das pernas à frente, afundar com a coluna ereta e pegar os halteres; Posicionar os pés na largura dos ombros; Fixar um ponto à frente para se equilibrar; Manter a coluna ereta (fazendo isometria da lombar e do abdome); Flexionar a perna da frente concentrando a força no calcanhar e levando a outra perna atrás até encostar ou quase o joelho no chão; Fazer o movimento na vertical (para cima) e não para frente; Evitar fazer força com a pena de trás, concentrar a força na perna que está à frente; Trocar a perna à frente e repetir o afundo, progredindo em passadas.  
    • Por Luan Viana
      Posicionar-se em frente da barra e fazer a pegada ligeiramente mais aberta do que a largura dos ombros; Manter a coluna ereta; Deixar o tronco paralelo ou quase paralelo com o solo e bem estabilizado, assim como o pescoço; Trazer a barra próxima ao peito com os cotovelos bem abertos, unindo as escápulas ao final; Voltar a barra com o máximo de amplitude possível, alongando bem lá embaixo.
    • Por Talles Sucesso
      Apoiar-se no banco na região proximal da coxa (não passar da linha do quadril); Cruzar o braço no peito; Manter a coluna completamente ereta; Manter a região de cervical estática; Flexionar o tronco o máximo que conseguir, sem perder a forma ereta da coluna; Subir até alinhar a coluna ereta com o restante do corpo.
    • Por Talles Sucesso
      Ajustar o apoio na altura próxima do glúteo médio, abaixo da crista ilíaca ("ossinho do quadril"), para permitir a movimentação lateral do tronco; Cruzar os braços no peito ou deixa-los próximos da cabeça; Manter a cervical (pescoço) estática; Fazer a flexão lateral do tronco com o máximo de amplitude possível;
×
×
  • Criar novo...