Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Post Destacado

Pessoal, me tirem uma duvida por favor,

Com uma dieta ajustada para cutting, ao fazer aeróbicos, irá mudar algo no processo de queima de gordura eu fazer 3km em 30 min ou 3km em 15 min? Algum irá impactar mais? ou são as mesmas coisa?

Link para o post
Compartilhar em outros sites
Madrugão suplementos

Não jogue dinheiro fora

Compre suplementos bem mais baratos com o cupom de desconto do FISIculturismo.com.br

Clique aqui para obter seu cupom

  • Respostas 116
  • Criado
  • Última resposta

Membros mais ativos neste tópico

Membros mais ativos neste tópico

Posts mais populares

Fala ae. No seu treino, eu concordo com o Janio sobre fazer aeróbicos todo dia. Se teu objetivo é secar, faça todo dia, se possível eu horário diferente do treino. E sobre o Treino A, eu aju

Peso não....massa muscular de preferencia.    

Uma dica do próprio mestre: não dispomos de cargas para treino de força, no caso treino de repetições caem bem nesse momento... Se tiver alguma dificuldade, dúvida, pede um auxílio pro pessoal aqui do

Imagens postadas

  • Moderador

Sim, intensidade é um fator a se considerar. Caso contrário, fazer 3km em 3 horas seria a mesma coisa que em 15min?

A frequência cardíaca é um bom parâmetro nestes casos. Por isso, existe um treinamento chamado HIT (High Intensive Training) ou HIIT (High Intensive Interval Training) que consiste em sessões de aeróbico bem curtas, intervaladas mas com intensidade muito alta. O gasto de energia neste processo é bastante elevado dada a intensidade do exercício, mas deve ser adaptado a cada pessoa.

Quem não tem bom preparo cardiovascular não vai começar com um HIT, então um aeróbico mais longo a 60~70% da FCM pode ser o melhor. 

Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Locemar Muito obrigado pela resposta mano, é que eu to fazendo 3km na velocidade 6,5 km/h (não chega a ser um trote, mas uma caminhada rápida), mas se eu fazendo esses mesmo 3km intercalando entre 14km/h durante 1 min e 6,5 km/h durante 1 minutos seria mais interessante? 

ou para curtir

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Moderador

Isso é relativo cara, porque eu não sei como você é. Por isso a gente pede pra completar a ficha com as informações. Não sei tua idade, teu peso, se você é sedentário, se tem problema no joelho, se tem alguma outra doença que eu deva saber. Responder como se tudo fosse igual pra todo mundo seria irresponsabilidade minha.

 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 minutos atrás, Locemar disse:

Isso é relativo cara, porque eu não sei como você é. Por isso a gente pede pra completar a ficha com as informações. Não sei tua idade, teu peso, se você é sedentário, se tem problema no joelho, se tem alguma outra doença que eu deva saber. Responder como se tudo fosse igual pra todo mundo seria irresponsabilidade minha.

 

Beleza mano, mais tarde irei criar um nesses padrões, se puder me ajudar, ficarei muito grato!

ou para curtir

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom pessoal, se alguém puder me ajudar..., a uns 5 anos atrás eu cheguei a pesar 103kgs, com 18 anos e resolvi mudar de uma vida sedentária para uma vida mais ativa, no começo, emagreci cerca de 25 kgs, chegando aos 75kgs, mas sem dieta certinha, apenas fui cortando comida, ficava sem comer, oq aconteceu? Virei um falso magro, continuava com o BF alto, mas só que com menos peso, a partir de então, a uns 2 anos atrás comecei a treinar e fazer dieta, cheguei as 90kg's, dei uma "melhorada" no aspecto físico, mas ainda to muito longe do que quero chegar e agora estou no processo de emagrecimento, queria diminuir o BF consideravelmente, se puderem me ajudar por favor...

Idade: 23

Altura: 1,79m

Peso: 87,00 kgs

Cutting

Medicações em uso (Anticoncepcional, antidepressivo,anti hipertensivo, etc...): - 

Problemas de Saúde e história de cirurgias: - 

Exames de sangue hormonais recentes OU que tiver recente= -

Tempo de treino: 2 ~ 2,5 anos 

Ciclos FEITOS com dose e tempo: -

Ciclo PROPOSTO com Aes (Marca) dose e tempo: - 

Divisão de treino e horario do mesmo: A/B/C 2x às 17:30

Treino A: Peito/Triceps/Ombro

Supino reto 4x 6~10 piramide crescente
Supino inclinado halter 3x 8~12  
Cross over 4x 6~10 pausa/descanso
Supino declinado 3x 8~12  
Triceps polia 3x 8~12 drop set
Supino fechado 4x 6~10  
Frances 3x 8~12  
Desenvolvimento halters 3x 8~12 pausa/descanso
Elevação frontal 3x 8~12

 

Treino B: Costas/biceps/antebraço

Puxada alta polia barra supinada 4x 6~8 pausa/descanso
Puxada alta polia barra pronada 3x 8~12 drop set ultima série
Pulldown 3x 8~12  
Levantamento terra 3x 8~12  
Rosca direta 3x 8~12 drop set ultima série
Rosca alternada halters 3x 8~12  
Rosca martelo halters 3x 8~12  
Rosca punho 4x 8~12  

 

Treino C : Pernas e trapézio

Leg press 45º 4x 8~12
Agachamento hack 4x 8~12
     
Extensora 3x 12~15
Flexora 3x 12~15
Elevação lateral 4x 8~12
Encolhimento 3x 8~12
Gêmeos sentado 5x Falha
Gêmeos em pé 5x Falha

 

(bi-set entre flexora e extensora)

Ter/quinta/sexta e sábado, faço esteira, 3km em 6,5km/h 

Dieta com quantidade de proteina/carboidrato/gordura por dia:

C : 140g

P: 180g

G: 70g 

 Café da manha:

170g iogurte natural batavo

15g albumina growth

2 fatias de pão integral

 

Lanche manhã:

150g de mamão

 

Almoço:

150g de arroz branco

150g de feijão carioca

250g de carne,frango

Alface 

Um colher de sopa de azeite

 

Lanche da tarde (pré treino)

150g de mamão

 

Janta/ceia

50g de arroz branco

50g de feijão carioca

250g de carne,frango

Alface/tomate

Duas colheres de sopa de azeite

 

 

Obs: comecei a seguir essa dieta a 2 semanas, ainda estou perdendo um pouco de peso ao longo do mês, e quando vou fazer algum ajuste eu abaixo cerca de 100 a 200 calorias de carboidratos

 

 

1.jpg

2.jpg

3.jpg

4.jpg

@Locemar

Veja se está tudo em ordem a postagem mano pf

ou para curtir

Link para o post
Compartilhar em outros sites
9 horas atrás, Giovani Fernandes disse:

Bom pessoal, se alguém puder me ajudar..., a uns 5 anos atrás eu cheguei a pesar 103kgs, com 18 anos e resolvi mudar de uma vida sedentária para uma vida mais ativa, no começo, emagreci cerca de 25 kgs, chegando aos 75kgs, mas sem dieta certinha, apenas fui cortando comida, ficava sem comer, oq aconteceu? Virei um falso magro, continuava com o BF alto, mas só que com menos peso, a partir de então, a uns 2 anos atrás comecei a treinar e fazer dieta, cheguei as 90kg's, dei uma "melhorada" no aspecto físico, mas ainda to muito longe do que quero chegar e agora estou no processo de emagrecimento, queria diminuir o BF consideravelmente, se puderem me ajudar por favor...

Idade: 23

Altura: 1,79m

Peso: 87,00 kgs

Cutting

Medicações em uso (Anticoncepcional, antidepressivo,anti hipertensivo, etc...): - 

Problemas de Saúde e história de cirurgias: - 

Exames de sangue hormonais recentes OU que tiver recente= -

Tempo de treino: 2 ~ 2,5 anos 

Ciclos FEITOS com dose e tempo: -

Ciclo PROPOSTO com Aes (Marca) dose e tempo: - 

Divisão de treino e horario do mesmo: A/B/C 2x às 17:30

Treino A: Peito/Triceps/Ombro

Supino reto 4x 6~10 piramide crescente
Supino inclinado halter 3x 8~12  
Cross over 4x 6~10 pausa/descanso
Supino declinado 3x 8~12  
Triceps polia 3x 8~12 drop set
Supino fechado 4x 6~10  
Frances 3x 8~12  
Desenvolvimento halters 3x 8~12 pausa/descanso
Elevação frontal 3x 8~12

 

Treino B: Costas/biceps/antebraço

Puxada alta polia barra supinada 4x 6~8 pausa/descanso
Puxada alta polia barra pronada 3x 8~12 drop set ultima série
Pulldown 3x 8~12  
Levantamento terra 3x 8~12  
Rosca direta 3x 8~12 drop set ultima série
Rosca alternada halters 3x 8~12  
Rosca martelo halters 3x 8~12  
Rosca punho 4x 8~12  

 

Treino C : Pernas e trapézio

Leg press 45º 4x 8~12
Agachamento hack 4x 8~12
     
Extensora 3x 12~15
Flexora 3x 12~15
Elevação lateral 4x 8~12
Encolhimento 3x 8~12
Gêmeos sentado 5x Falha
Gêmeos em pé 5x Falha

 

(bi-set entre flexora e extensora)

Ter/quinta/sexta e sábado, faço esteira, 3km em 6,5km/h 

Dieta com quantidade de proteina/carboidrato/gordura por dia:

C : 140g

P: 180g

G: 70g 

 Café da manha:

170g iogurte natural batavo

15g albumina growth

2 fatias de pão integral

 

Lanche manhã:

150g de mamão

 

Almoço:

150g de arroz branco

150g de feijão carioca

250g de carne,frango

Alface 

Um colher de sopa de azeite

 

Lanche da tarde (pré treino)

150g de mamão

 

Janta/ceia

50g de arroz branco

50g de feijão carioca

250g de carne,frango

Alface/tomate

Duas colheres de sopa de azeite

 

 

Obs: comecei a seguir essa dieta a 2 semanas, ainda estou perdendo um pouco de peso ao longo do mês, e quando vou fazer algum ajuste eu abaixo cerca de 100 a 200 calorias de carboidratos

 

 

1.jpg

2.jpg

3.jpg

4.jpg

@Locemar

Veja se está tudo em ordem a postagem mano pf

BOA NOITE IRMAO,SOBRE SEU TREINO UM CONSELHO QUE DOU HUMILDIMENTE E VC FAZER AEROBICOS NO MINIMO 5 VEZES NA SEMANA OU 40 MIN CAMINHANDO OU HITTS CORRENDO 1MIN NA VELOCIDADE MAXIMA QUE CONSEGUIR E ANDANDO UM MINUTO POR  15 MINUTOS TOTAIS, ACHO QUE ESSA ESTRATEGIA JA AJUDARIA BEM A REDUZIR SEU PERCENTUAL DE GORDURA. SO UM CONSELHO TA POIS A GALERA AQUI ENTENDE MUITO MAIS QUE EU KKKK

 

Editado por janio
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Moderador
9 horas atrás, Giovani Fernandes disse:

@Locemar

Veja se está tudo em ordem a postagem mano pf

Fala ae.

No seu treino, eu concordo com o Janio sobre fazer aeróbicos todo dia. Se teu objetivo é secar, faça todo dia, se possível eu horário diferente do treino.

E sobre o Treino A, eu ajustaria a ordem dos grupamentos para peito >> ombro >> tríceps pela sequência sinérgica que eles possuem. Peito >> músculo alvo que é auxiliado pelo ombro que é auxiliado pelo tríceps. 

Tanto no treino de peito quanto de ombro o tríceps é auxiliar, então fazer tríceps antes de ombro vai prejudicar o exercício de desenvolvimento, crucial para desenvolver a região.

Deixe o tríceps como último grupamento pois ele não depende de nenhum outro.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta em nossa comunidade! É rápido, fácil e grátis!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
  • Conteúdo similar

    • Por Vemgraciane
      Olá pessoas, então preciso de ajuda e vi que aqui vcs orientam real quem quer melhorar. Treino desde 2016. Treino e faço dieta flexível, contando macros, pesando comidas e suprindo minhas calorias diárias desde 2019. Inicio de 2020 deu uma quebrada mas consegui ficar de boa na alimentação e assim que pude voltei pra academia. Fui sedentária desde sempre, aquela magra que tem mais gordura que massa rsrs. Mas mudei, tenho foco, sem frescura que furar dieta e dou meu máximo nos treinos. Tento sempre progredir de carga e tudo mais. Consegui ganhar massa e perder gordura. Meu percentual inicial de gordura em 2019 era quase 25%. Agora tá na faixa dos 20% (usei a calculadora do gorgonoide, quase sempre bate com a avaliação da academia). Mas já esteve na faixa dos 18% (bons tempos).
      Entretanto não tenho sucesso em ganhar volume/peso. Pq digo isso? Pq no maximo que cheguei malhando e comendo cerca de 2700kcal dia foi em 53 kg. Não ganho coxas e posteriores, gluteo nem se fala. Superiores com foco aparecem que é uma blz. Sem falar que esse peso não me agrada, sou franzina e magrinha, mesmo comendo muito e sendo forte, noto que pego as mesmas cargas das mulheres muito maiores que eu na academia.
      Enfim, tô feliz pq me encontrei e já melhorei muito, já não sou mais uma tança desgovernada. Sei que quase tudo é dieta, agua, treino, descanso. Mas tbm sei que não é só isso. Cheguei nos 30 e quero dar um gás. Sei que não vou ficar gigante(ainda), mas quero ir além, ganhar uns bons kg de massa e definição e sobretudo manter. Então tenho aqui meu primeiro frasco de oxandrolona da vida haha. São 200 cap de 10 mg. Manipulado numa farmácia de confiança. O médico que receitou tbm pôs na receita a silimarina. 
      Ahh, sou baixa renda gente, então não me julguem. O que pude fazer fiz. Exames gerais que deram ótimos resultados. Nenhum indicio de alteração hormonal, parei com o anticoncepcional tem uns 3 anos amem, vit D ok, colesterol ok (o "Bom" bem alto) e é isso eu acho. Minha dieta é básica porem eficaz, e sim sempre muito repetitiva pq sou só uma, cuido de casa, bicho, estudos, marido. Então faço uma caralhada de comida por vez: tem peito de frango desfiado, tem arroz, feijão (sem mistura), batatas em geral, cenoura, abobrinha, beterraba, tudo básico...quando saio do peito é peixe. Ovo...muito ovo. Banana, leite, whey, pasta de amendoim, goma de tapioca, muita aveia, mingau de arroz. Agora tô comendo 2400kcal dia, sem muito critério, só batendo no myfitnesspal, tô com 52kg. Não tenho feito cardio, mas farei.
      O treino, bem esse que tô fazendo agora tá meia boca, o cara da academia nova passou um treino full body bem fraco. Mas a estrutura do local é ok, tem equipamentos que ate hj não tinha usado, tipo o pra levantamento pelvico e flexor nórdico. Queria um treino bacana pra esse ciclo.   
       
      Idade: 30 anos
      Altura: 1,55m
      Peso: 52kg
      Medicações em uso (Anticoncepcional, antidepressivo,anti hipertensivo, etc...): clenil pra asma
      Problemas de Saúde e histórico de cirurgias: tenho asma mas cuido 
      Exames de sangue hormonais recentes OU que tiver recente= em anexo
      Tempo de treino: 4 anos. Sendo 2 anos com dieta OK
      Ciclos FEITOS com dose e tempo: Nenhum
      Ciclo PROPOSTO com Aes (Marca) dose e tempo: oxandrolona manipulada 200 cp 10 mg; Tenho muitas dúvidas (me ajudem nisso) por ser o primeiro ciclo e pq quero conseguir manter aquilo que ganhar. Então pensei em: num ciclo de 10 semanas: fazer 1°sem 1cap dsdn; 2°sem 1cap por dia; 6 semanas tomando 2caps dia de 8-8h; volto pra 9°sem 1cap ao dia; e ultima semana 1cap dsdn. 
      Divisão de treino e horário do mesmo: treino de 5 a 6 dias na semana em geral pelas 3h da tarde, não tenho nenhum treino digno pra postar aqui sinceramente me ajudem.
      Dieta com quantidade de proteína/carboidrato/gordura por dia: 2400Kcal dia, sendo 1g de gordura por kg de peso, 2g de proteina por kg de peso e o restante carbo. Mas costumo consumir um pouco mais de proteina em alguns dias e menos de carbo. no geral fica 20% de prot, 20% de gordura e 60% carbo. No myfitnesspal isso dá 360g de carb ; 120g de prot; e 53g de gord.
      Em geral divididos nessas refeições:
      Cafe: em geral panqueca de ovo aveia e goma, recheio pasta de amendoim ou queijo ricota ou ketchup
      almoço: peito de frango com arroz e feijão, ou macarrão, ou pure de batatas. e sempre que dá incluo legumes.
      lanche: vitamina de banana, leite, whey, pasta de amendoim e aveia
      jantar: mesmo do almoço
      Fora isso é agua, cafe com adoçante e algum chá. nd de mais.
       










    • Por Yoka
      Olá pessoal, boa tarde 😊
      sempre leio muito sobre a ajuda de vocês c dietas, e gostaria que me ajudassem.
      Tenho 25 anos, 1,62 de altura, peso 61, treino há alguns anos, pedalo de bike todos os dias, sábado mais intenso, e domingo corrida de 8km, faço academia todos os dias.
      Perco massa muito fácil.
      Comprei a stano em comprimido de 10mg. Estou tomando 10mg a cada 12 horas.
      Não fiz nenhum exame.
      Podem me ajudar c a dieta?



    • Por Giovanna Sobenes
      Poucos sabem que a associação do saúde do intestino está totalmente ligada à saúde do Sistema nervoso central (SNC).Temos muitas terminações nervosas que ligam os órgãos e fazem essa conectividade de maneira imperceptível, afinal, somos completamente dependentes bioquimicamente falando. Nada acontece sozinho em nosso corpo, muitas respostas metabólicas acontecem simultaneamente.
      Cerca de dois a três quilos de bactérias compõem o nosso intestino, entre estas existem as benéficas e nocivas. As bactérias benéficas buscam minimizar o número de bactérias vilãs e seus efeitos, ao mesmo tempo que interagem de forma positiva tanto com o sistema imunológico quanto com o sistema endócrino. Ou seja, podem desligar a resposta crônica do sistema imunológico. Outro fator importante é o controle do cortisol e da adrenalina (dois hormônios associados ao estresse que podem desregular o corpo quando em fluxo constante).
      Bactérias patogênicas também interagem com o sistema imunológico do intestino, provocando liberação de moléculas inflamatórias e hormônios do estresse, o que basicamente liga o interruptor do sistema de resposta ao estresse em nosso corpo. Uma curiosidade é que elas podem alterar nossa percepção de dor, e pessoas com a microbiota doente podem ter uma sensibilidade maior à dor.
      Surpreendente saber que 80% a 90% de toda serotonina do corpo é fabricada pelas células nervosas do intestino. Estudos recentes comprovam que a mudança na dieta é mais eficaz que o uso de antidepressivos, visto que estes medicamentos atuam basicamente no SNC.
      O uso de probióticos em sachês ou cápsulas (bactérias benéficas que melhoram a digestão e absorção) e dieta adequada (sem aditivos químicos), têm sido de grande eficácia para a melhora do equilíbrio e manutenção da saúde do intestino.
      Portanto, talvez o cansaço, estresse, depressão, ansiedade e insônia que por muitas vezes têm tratamentos medicamentosos, possa ser resolvido com a melhora do equilíbrio da sua microbiota. Procure um nutricionista para que possa orientá-lo melhor sobre assuntos relacionados à sua alimentação.
    • Por Dário Rubens Ferreira
      Umas das coisas que eu mais admiro no fisiculturismo, além de corpos bem trabalhados e construídos, é a verdadeira paixão que os atletas têm pelo esporte que praticam.
      Porém existem algumas atitudes, que desestimulam os atletas como, por exemplo, a inexistência de vontade esportiva e olhos bem abertos, voltados para a valorização, estímulo e crescimento do nosso esporte. Vejo entidades, setores influentes que não influenciam positivamente no sentido da valorização, dignificação e crescimento do nosso esporte. E quem é atleta sabe muito bem disso.
      Quando alguns atletas grandes são vistos em lugares públicos, muitas pessoas os apontam e falam: “olha lá um bombado!” Outros dizem: “esses caras aí só sabem puxar ferro e ficar na academia o dia inteiro.” E tem aqueles que dizem: “esses caras sarados, não tem a menor cultura.” E tem gente que fala assim: “seu eu tomar uns anabólicos fico igual ou até melhor do que aquele ali.”
      Estas pessoas que pensam desta forma, não sabem que para se alcançar um físico como o de um fisiculturista, é necessário ter dedicação aos treinos, disciplina na dieta, genética privilegiada e também muito estudo para adquirir conhecimento ao longo de muitos anos de treino. Sem isso, fica difícil atingir tal nível. De modo que é muito fácil sair falando, “tomou isso e aquilo e ficou grande”.
      Umas das coisas que vejo é que os atletas pegam o seu salário, — que muitas vezes vem suado, — e investem tudo na preparação dos campeonatos. Quando na verdade acredito que deveriam aplicar seus ganhos em alguma coisa mais sólida. Afinal aqui no Brasil não se tem incentivo nenhum, para o nosso esporte. Já ouvi várias histórias sobre os extremos a que os atletas se submetem. Alguns atletas chegam até a vender seus próprios carros para terem mais recursos financeiros.
      Então vamos lá. Acredito que para o campeonato, o atleta deve investir uma soma considerável em dinheiro, numa boa preparação física. Esses gastos incluem: a dieta, suplementação, algumas vezes viagens até internacionais e tudo mais o que necessitam para chegar em boas condições para o dia D. Afinal, ninguém quer fazer feio.
      E na maioria das vezes todos esses gastos são custeados pelo próprio atleta, e ainda tem a despesa de inscrição no campeonato que vão disputar, e quando o atleta vence o que ele ganha? A resposta é: UM POTE DE WHEY PROTEIN, um muito obrigado e ainda ouve pelo alto-falante alguém que não colocou nenhum centavo para fazê-lo chegar até ali dizer: “Esperamos vê-lo na próxima temporada.”
      Ora essa... Falando francamente: ganhar um pote de WHEY de prêmio, É DESRESPEITO ao atleta que na pior das hipóteses representa a dedicação ao que há de positivo dos nossos jovens, representa não ingressar no mundo das drogas, representa um universo de hábitos saudáveis, e representa se possível o Brasil no exterior, quando conseguem e se conseguem sair do país para competir la fora.
      Já conversei com vários atletas amigos meus, e muitos me disseram que não competem mais por esses motivos. Não competem justamente porque não tem o incentivo para continuarem a competir. O atleta se esforça se prepara e investe às vezes até um dinheiro que não tem, e não ganha nada. Isso é sem duvida desestimulante! E isto já vem acontecendo há muitos anos e não vejo nada ser feito para mudar, melhorar, corrigir.
      Penso que se houvesse algum projeto conjunto entre as federações e as empresas de suplementos que patrocinam os campeonatos, as premiações e apoios poderiam ser melhores e mais estimulantes!
      Não quero dizer que se pague 10 mil reais para o primeiro colocado. Vamos lembrar que todos ganham, ou melhor, quase todos: as federações, o corpo de arbitragem, as empresas que mostram suas marcas, e seus produtos no dia do evento. Mas pergunto: E os atletas? O que ganham eles? Acho que vocês já sabem a resposta.
      Penso que já está mais que na hora dos atletas receberem um prêmio justo nos campeonatos. E não apenas um pote de WHEY. Que palhaçada! Qualquer um pode comprar um pote de WHEY PROTEIN nas lojas por aí. Lembro que os atletas são os verdadeiros protagonistas das competições, pois sem eles não haveriam os campeonatos.
      Está mais do que na hora de os campeonatos serem mais bem organizados. Várias e várias vezes eu estive presente em diversas competições e vi os atletas entrarem no palco e esperarem por sua música para iniciar suas apresentações e cadê a música?
      Simplesmente sumiu, e o atleta faz as poses sem música, ou usa uma outra qualquer, e com isso acabam prejudicados, pois não utilizam a música, ensaiada preparada dias e dias antes, para sua apresentação individual. Ou seja, o atleta não é apoiado e respeitado e assim não tem condições de apresentar o melhor do seu trabalho. Como pode? Em plena era do MP3 do “Blue ray” acontecer uma coisa dessas? Isso não deveria ocorrer jamais.
      Outro ponto importante é a iluminação na hora das apresentações. Sem uma boa luz não se vê os competidores direito, ou seja, o palco muitas vezes acaba sendo iluminado apenas em um ponto, ou mais na frente ou atrás, de modo que se o atleta vai pra frente ele fica na luz e se vai pra traz fica no escuro e desaparece.
      O público acaba não vendo direito os detalhes dos competidores, e pior, talvez até nem mesmo os árbitros a bem da verdade conseguem ver. O palco todo deve estar sempre bem iluminado para que os atletas mostrem todo o seu potencial.
      Bem, sobre os apresentadores... alguns deles, em dado momento, acabam por lançarem ao público, por conta própria, brindes, como camisetas, bonés e outras coisas. Acho que lugar de apresentador é atrás da bancada chamando as categorias e posteriormente anunciando os campeões.
      Eu nunca vi os apresentadores do Mr. Olympia ficarem jogando brindes para o público. Penso que seria bacana tentar seguir o exemplo dos profissionais, porque eles fazem os eventos bem feitos. Mas... alguém vai dizer: “Nós aqui somos amadores e não temos recursos como eles têm.” Ok concordo com isso, mas todos sabemos que sempre da para fazer melhor.
      Os eventos poderiam e deveriam ser realizados de maneira que não apenas o publico que curte a musculação e os fisiculturistas fossem prestigiados. E sim o público em geral. E com isso poderiam surgir quem sabe, até novos interessados em patrocinar os atletas, os campeonatos. E desta forma o esporte seria mais bem visto pela sociedade.
      Infelizmente é do nosso conhecimento que alguns competidores ainda desrespeitam os lugares que são oferecidos para os eventos, e colocam as suas mãos sujas de “pro tan” nas paredes brancas. E isto não é nada bom para a imagem do fisiculturismo, ou seja, mancha o esporte.
      Especialmente para quem cede, empresta estes espaços, que na verdade devem ser muito bem preservados, para que todos os campeonatos sempre tenham lugares de qualidade para serem realizados. E se contarmos com lugares de qualidade nas apresentações, o nível do espetáculo será cada vez melhor.
      Entretanto, sobre as federações, entendo que poderia haver sistemática de eleições. Como qualquer outro meio, universidades, cidades, estados países. Credos religiosos. Até os papas são eleitos...! Uma eleição de tempos em tempos seria muito bem vinda, para trazer novas pessoas, com novas idéias. Uma eleição onde seriam escolhidos novos visionários. Homens capazes de contribuir ainda mais para o crescimento do nosso esporte.
      Aqui na realidade, aqui no presente, em 2009, idealizo um futuro de reconhecimento aos atletas e ao fisiculturismo brasileiro. Espero que daqui a 5, 10 ou 20 anos, em 2029 eu possa ver os atletas serem mais respeitados e admirados pela nossa sociedade pelos patrocinadores e também pelas outras modalidades de esporte. E sonho que no futuro os atletas possam viver do esporte.
      Despeço-me de vocês desejando um, feliz natal e um 2010 com muita hipertrofia nas relações sociais!
    • Por Amanda Mayrinck Hallak
      A alimentação é uma preocupação constante na rotina das pessoas. Seja para obter um estilo de vida saudável, seja para perder peso, melhorar a saúde ou, simplesmente, satisfazer uma necessidade fisiológica, comer é sempre bom. Contudo, uma nutrição adequada se preocupa com algumas questões importantes: o que, quando, quanto e como consumir os alimentos.
      Muitas pessoas treinam adequadamente, mas sua disciplina termina ao sair da academia. Noitadas, álcool e alimentação inapropriada. Musculação, considerando como um esporte é muito diferente dos outros. Musculação começa quando você acorda e termina quando você dorme. Das 18 horas que você está acordado, você apenas passa 1 a 2 horas na academia. Nessas horas restantes é quando seu corpo realmente colhe os frutos do seu treino.
      E como a nutrição é a base de um trabalho de performance e/ou estética, seguem algumas dicas para aperfeiçoar seus resultados:
      Trace metas. Qual seu objetivo com o treino? Hipertrofia ou definição muscular? Crescer seco? Emagrecer? Condicionamento físico? Coma de 3 em 3 horas. Muita gente acha dificílimo comer de três em três. Não pela dificuldade de adequar os horários, mas sim de ter que preparar algo antes de sair de casa. Se você está seguindo um plano alimentar que as colações não são nutry, esteja pronto para comer um sanduíche no meio da manhã, ou atum no meio da tarde, por exemplo. Muita gente tem vergonha de levar algo mais elaborado para o trabalho ou escola, com medo de ser motivo de chacota. Se você leva um sanduíche de frango para o lanche, é estranho, mas um pacote de biscoito é normal.
      Mas seja razoável, levar de lanche ovo cozido com batata doce e comer dentro de um fórum, também não é adequando. É difícil de comer onde você trabalha ou estuda, suplementação em forma de shakes ou barras hipercalóricas/hiperproteicas sempre são bem bem-vindas, alem de não possuírem a inconveniência do preparo.
      Suplementos alimentares são muito potencializados quando associados a uma boa dieta e a um programa de exercícios profissional (musculação e aeróbico). A suplementação na musculação depende dos objetivos, o mais comum é: whey protein, albumina, hipercalóricos, creatina, HMB, maltodextrina, barras de proteína, barras de carboidrato, nitro, BCAA, pró-hormonais, packs, amino liquido, etc.
      Para cada tipo de pessoa existem os alimentos e suplementos que melhor se enquadre ao seu tipo físico e quantidades apropriadas que lhe dará um melhor resultado, consulte seu nutricionista.
      Esteja pronto para emergências. Sempre tente planejar onde estará e o que você poderá comer neste lugar. Às vezes saímos de casa e demoramos mais do que esperávamos. Ou vamos para um local onde achamos que terá uma opção saudável para comer e não tem. Assim sempre leve algo consigo ou deixe no carro, armazenado de forma apropriada. Cada um é cada um. Não tente dietas prontas, de revistas ou web sites. Elas são válidas para ter uma noção de opções e sugestões. Mas lembre-se que o metabolismo e as necessidades de cada um são diferentes. Exagerar tanto para cima como para baixo em relação às calorias, carboidratos, gorduras e proteínas, principalmente, pode lhe trazer mais problemas do que benefícios. Isso é o apenas o básico para iniciar um trabalho de nutrição levado a sério. Lembre-se que seus resultados nunca ultrapassarão seus limites.

Tudo sobre esteroides

Curso sobre esteroides anabolizantes!

Domine o uso de esteroides neste curso de 8 módulos do médico Dr. Luiz Tintore

Clique aqui para conhecer



×
×
  • Criar novo...