Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  1. VNS

    VNS

  • Conteúdo similar

    • Por fisiculturismo
      CarboFor 20 sachês de 25 g - Vitafor
    • Por Rafaela Pereira
      eu tenho 1,60 e peso 46, sou magra e tenho a cintura fina mas queria que meu quadril fosse mais largo, então pesquisei sobre, fiquei sabendo que só tinha dois jeitos, fazendo cirurgia ou engordando, então eu queria tomar o hipercalórico para engordar e ficar com o quadril maior, mas continuaria fazendo exercício, de perna e para manter a cintura, adiantaria ?? o meu quadril ficaria mais largo??
    • Por fisiculturismo
      Maltodextrina Malto Dextrin (1000g) - BodyAction
    • Por fisiculturismo
      Durante muitos anos os musculadores têm sido bombardeados com a ideia de que shakes de proteína devem ser ingeridos com maltodextrina ou outros carboidratos (dextrose ou waxy maize) para aumento da insulina e da síntese protéica.
      A insulina poderia estimular a síntese protéica e os carboidratos juntamente com a insulina reduziriam o catabolismo.
      O problema é que diversos estudos têm refutado essas ideias já sedimentadas no imaginário dos fisiculturistas e musculadores.
      Para testar se a teoria de que os "carboidratos são anabólicos", cientistas submeteram indivíduos ao consumo de:
      10g de aminoácidos essenciais (EAA); 10g de aminoácidos essenciais (EAA) + 30g de sacarose (CHO); 10g de aminoácidos essenciais (EAA) + 30g de alanina (ALA); Por que um grupo de estudo com alanina? Estudos recentes sugerem que o consumo de alanina antes e durante exercícios prolongados conservam os carboidratos e aumentam o metabolismo de proteína.
      Os pesquisadores verificaram que a insulina aumentou após 30 minutos nos três grupos de estudo e ficou elevada nos grupos que consumiram EAA + CHO e EAA + ALA. No entanto, não houve aumento de síntese proteíca nesses grupos, comparados com o grupo que só ingeriu EAA.
      Isso quer dizer que os carboidratos não aumentam a síntese protéica, logo, basta um bom suplemento protéico no pós-treino, sem a necessidade de maltodextrina, dextrose ou waxy maize. Experimente e dê a sua opinião!
      Fonte:
      Are Carbs Anabolic? FLEX, pp. 118, maio de 2013.
    • Por fisiculturismo
      Muitos nutricionistas e experts em nutrição esportiva têm recomendado a substituição da maltodextrina e da dextrose nos shakes pós-treino pelo waxy maize. Porém, o waxy maize ainda é um suplemento alimentar muito caro, se comparado com os demais carbos (Maltodextrina, Dextrose e Waxy Maize: Qual é o Melhor?).
      A Atlhetica Pro Series lançou um produto com waxy maize, sem sabor, que dá início à popularização desse suplemento alimentar e abre caminho para que mais pessoas tenham acesso à nova tecnologia suplementar.
      O produto pode ser encontrado no site Corpo Perfeito por R$ 66,00 no pacote de 1kg. Ainda custa o triplo da dextrose, mas já passa a ser um pouco mais razoável o valor cobrado pelo waxy maize. Confira em: http://www.corpoperfeito.com.br/produto/waxy-maize-atlhetica
      Atualização:
      Para quem quiser pagar ainda mais barato no Waxy Maize, estamos apostando no Corpo Perfeito Direct: http://fisiculturismo.com.br/matérias/_/suplementos/corpo-perfeito-direct-suplementos-nacionais-e-importados-com-preços-mais-justos-r659
      Lá encontramos o Waxy Maize da Athletica por R$ 56,10!!!
×
×
  • Criar novo...