Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

O TIPO DE FIBRAS MUSCULARES PODE SER MODIFICADO


hellraiser
 Compartilhar

Post Destacado

O TIPO DE FIBRAS MUSCULARES PODE SER MODIFICADO

Para determinar se as características da composição das fibras de grupos atléticos específicos são devidas ao treinamento ou a dotes naturais (isto é, para averiguar se a composição em termos de fibras de uma pessoa pode ser modificada), seis homens participaram de um programa de cinco meses de treinamento aeróbico na bicicleta ergométrica. As biópsias musculares da parte lateral do quadríceps antes e após o treinamento não indicaram qualquer mudança na composição das fibras, porém todos os homens melhoraram consideravelmente em termos de capacidade de trabalho e de potencia aeróbica. Observações semelhantes foram assinalas para a composição das fibras individuais após programas de treinamento de endurance ou de velocidade. Esses dados são utilizados com freqüência para confirmar o argumento de que uma fibra de contração rápida antes do treinamento continuara sendo uma fibra de contração rápida após o treinamento, com a mesma afirmação sendo verdadeira para as fibras de contração lenta.

Entretanto, estudos adicionais tanto com seres humanos quanto com animais sugerem a possibilidade de mudanças nas propriedades bioquímicas-fisiológicas das fibras musculares, com uma transformação progressiva do tipo de fibras durante o treinamento. Em um estudo de 18 semanas de treinamento “aeróbico” seguidas por 11 semanas de treinamento “anaeróbico” em quatro atletas, o treinamento anaeróbico acarretou um aumento no percentual das fibras tipo II e uma redução no percentual das fibras tipo I; o oposto foi observado na fase aeróbica da seqüência do treinamento. Outrossim, um aumento de 23% no percentual de fibras de contração rápida e uma redução proporcional no percentual de fibras de contração lenta foi evidenciado após apenas seis semanas de treinamento de velocidade.

Esses achados sugerem que o treinamento especifico (e talvez a inatividade) podem induzir uma transformação verdadeira das fibras tipo I para tipo II (ou vice-versa). É necessária mais pesquisa antes de poder emitir opiniões definitivas acerca da natureza permanente da composição de um músculo em termos de fibras. As características de distribuição dos tipos de fibras são determinadas essencialmente pelo código genético; a principal direção para a composição das fibras de um músculo é estabelecida provavelmente antes do nascimento ou no inicio da vida. Entretanto, parece que alguma transformação no tipo de fibras musculares é possível com as modalidades crônica e especifica das atividades físicas.

FISIOLOGIA DO EXERCICIO

(Energia, Nutrição e Desempenho Humano)

William D. McArdle

Frank I. Katch

Victor L. Katch

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Madrugão suplementos

Não jogue dinheiro fora

Compre suplementos bem mais baratos com o cupom de desconto do FISIculturismo.com.br

Clique aqui para obter seu cupom

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta 100% gratuita!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
 Compartilhar

×
×
  • Criar novo...