Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Quais são os Efeitos Colaterais dos Esteroides a Longo Prazo? Câncer?


dtzao
 Compartilhar

Post Destacado


  • Respostas 30
  • Criado
  • Última resposta

Membros mais ativos neste tópico

Visitante {STANLEY}

sim a longo prazo vc pode ter problemas de coração, na prostata, etc... mas tudo vai depender é claro da sua propensão genética para determinados tipos de problemas, tenha em mente q bomba ñ causa apenas problemas estéticos como calvice, espinhas, ginecomastia, etc...... anabolizantes podem fazer muito mal a sua saúde

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Visitante {STANLEY}
E no caso do Winstrol o unico efeito colateral é no fígado, não é?

E costuma dar problema durante o ciclo, ou entao nao dá nada. A longo prazo nao costuma dar galho.

Estou certo?

TW

winstrol pode dar colaterais como qualquer droga, um dos colaterais q vc terá com ele e com qualquer outra bomba q usar vai ser a inibição da testo endógena e isso ñ tem como evitar..... o principal colateral associado ao win é a hepatotoxidade pelo fato de ser 17aa, mas isso ñ exime ele dos outros colaterais
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

winstrol pode dar colaterais como qualquer droga, um dos colaterais q vc terá com ele e com qualquer outra bomba q usar vai ser a inibição da testo endógena e isso ñ tem como evitar..... o principal colateral associado ao win é a hepatotoxidade pelo fato de ser 17aa, mas isso ñ exime ele dos outros colaterais

Winstrol inibe a testo endogena?? Só a q o {STANLEY} usa.... winstrol nao é hormonio e nao existe LONGO PRAZO de efeito colateral.

Isso esta sendo discutido em outro tópico, veja:

http://www.fisiculturismo.com.br/forum2 ... hp?t=39589

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Visitante {STANLEY}

Winstrol inibe a testo endogena?? Só a q o {STANLEY} usa.... winstrol nao é hormonio e nao existe LONGO PRAZO de efeito colateral.

Isso esta sendo discutido em outro tópico, veja:

http://www.fisiculturismo.com.br/forum2 ... hp?t=39589

stanozolol ñ é hormonio?????????????? :D:D

me lembrei agora pq eu ñ postava mais nesse fórum!! :D

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

{STANLEY},

Stanozolol é proteina suina, retirada da pele do animal.

Pq vc acha q ninguém toma proteção contra reações andrógenas no ciclo de winstrol? Pq não afeta a produção hormonal. É somente toxica ao figado, pra isso tem q tomar os hepatoprotetores, como óleo de prímola.

E vc não postava mais nesse fórum pq aki vc não consegue inventar....

E FAZER PROPAGANDA DE OUTROS FÓRUNS É PROIBIDO... nem as regras pra postar vc sabe.........

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

{STANLEY},

Stanozolol é proteina suina, retirada da pele do animal.

Pq vc acha q ninguém toma proteção contra reações andrógenas no ciclo de winstrol? Pq não afeta a produção hormonal. É somente toxica ao figado, pra isso tem q tomar os hepatoprotetores, como óleo de prímola.

E vc não postava mais nesse fórum pq aki vc não consegue inventar....

E FAZER PROPAGANDA DE OUTROS FÓRUNS É PROIBIDO... nem as regras pra postar vc sabe.........

he he he he

Pois é, Winstrol ao que sei não afeta a testo endogena.

A unica protecao que se toma é para o figado. E figado ou estoura na hora ou não dá nada...

(se nao estou enganado).

TW

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Visitante {STANLEY}

credo hein kra, ta na hora de parar com as drogas, além de afetar teu cérebro já ta tendo alucinações!!! quem sabe o texto abaixo te ajude um pouco!! :wink:

Anabolic and Androgenic Steroids

Oxymetholone is both an anabolic and an androgenic steroid. Anabolic steroids are named for their ability to promote anabolism, or increased production of protein and lean body mass.

Androgenic steroids include the hormone testosterone and many synthetic steroids (e.g., oxandrolone [Oxandrin], nandrolone decanoate [Deca-Durabolin], stanozolol [Winstrol]). Androgens stimulate the development of male sexual characteristics, including growth of facial and pubic hair, enlargement of the genitals, deepening of the voice, increased muscle bulk and increased libido. They also increase the secretion of sebum, which may lead to acne and promote male pattern baldness. The most androgenic steroid is testosterone, and all synthetics are indexed by comparison with testosterone. Oxymetholone is about one-half as androgenic as testosterone, more than most other synthetic steroids.

Side effects are rarely associated with the anabolic properties of steroids, but are common with the androgenic properties that are, to a greater or lesser degree, associated with all anabolic hormones and drugs.

References

Azen EA and NT Shahidi. Androgen dependency in acquired aplastic anemia. American Journal of Medicine 63:320-324. 1977.

Castro-Malaspina H, O'Reilly RJ. Aplastic anemia and myelodysplastic syndromes. In Harrison's Principles of Internal Medicine. KJ Isselbacher and others, eds. McGraw-Hill, Inc., New York. 672-679. 1997.

Geissler RG and others. Influence of human recombinant interferon-alpha and interferon-gamma on bone marrow progenitor cells of HIV-positive individuals. AIDS Research and Human Retroviruses 8:521-525. 1992.

Jekot WF and DW Purdy. Treating HIV/AIDS patients with anabolic steroids: a retrospective study. AIDS Patient Care 7:68-74. 1993.

Romeyn M. The Wasting Syndrome. In Nutrition and HIV: A New Model for Treatment, Second edition. Jossey-Bass Publishers, San Francisco. 1998.

Wilson JD. Androgens. In Gilman's The Pharmacologic Basis of Therapeutics, Ninth edition. JG Hardman and others, eds. McGraw-Hill Inc, New York. Chapter 58. 1996.

980701

BE980707

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

he he he he

Pois é, Winstrol ao que sei não afeta a testo endogena.

A unica protecao que se toma é para o figado. E figado ou estoura na hora ou não dá nada...

(se nao estou enganado).

TW

Agora eu entendo pq o Adriano as vezes é arrogante.

Stanley num leva a mal mas vo postar algo bem parecido só que em português pra essa garotada entender blz ?

O QUE É UM ANABOLIZANTE ?

O termo anabolizante significa substância que faz anabolismo, isto é, crescimento. No organismo humano, a testosterona (hormônio masculino), o hormônio de crescimento e a insulina, são os anabolizantes mais potentes.

O QUE É TESTOSTERONA ?

Testosterona é o hormônio masculino fabricado pelos testículos do homem e em menor quantidade pelos ovários e glândulas supra-renais da mulher.

QUAIS AS FUNÇÕES DA TESTOSTERONA ?

Ela tem basicamente duas funções: uma chamada anabólica e outra androgênica. Pela função anabólica ela atua, principalmente, sobre as zonas de crescimento dos ossos.Além disso, ela influencia o desenvolvimento de praticamente todos os órgãos do corpo humano. Pelo lado androgênico, ela é responsável pelo desenvolvimento das características sexuais masculinas (órgãos sexuais, produção de espermatozóides, pelos, barba, voz, etc). E mais: a testosterona age também na distribuição da gordura corporal, dando a nítida diferença entre a silhueta masculina e feminina.

O QUE SÃO ESTERÓIDES ANABÓLICOS ?

São derivados sintéticos da testosterona, que conservam propriedades anabólicas e esteróides (androgênicas). Na dependência do tipo de molécula sintetizada, alguns derivados aumentam ou diminuem as propriedades anabólicas ou as propriedades androgênicas. Por isso, recebem títulos que os diferenciam, como:

- esteróide anabólico

- esteróide androgênico

- anabolizante esteróide

- esteróide anabolizante androgênico

- esteróide androgênico anabolizante

QUANTOS ESTERÓIDES ANABÓLICOS EXISTEM ?

Aproximadamente 50. Além da testosterona, os mais conhecidos são a nandrolona, o cipionato de testosterona, o enantato de testosterona, o propionato de testosterona, a bolasterona, a oxandrolona, a metenelona, a metiltestosterona, o isocaproato de testosterona, o decanoato de testosterona, o estanozolol, dentre outros.

QUAL A PRODUÇÃO DIÁRIA DE TESTOSTERONA ?

No homem são produzidos 10 mg/dia e na mulher de 0,25 a 1mg/dia. Sua excreção é feita pelas fezes e pela urina. No fígado ela sofre uma série de reações químicas e no final de sua ação formam-se produtos chamados metabólitos que estão sempre em alta concentração na bile e nos intestinos. Após os 50 anos de idade, essa produção vai sendo diminuída. O decréscimo de produção é mais acentuado em pessoas portadoras de determinadas doenças, principalmente a DPOC - Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica.

QUAIS AS INDICAÇÕES CLÍNICAS DOS ESTERÓIDES ANABÓLICOS ?

Várias patologias respondem bem ao uso de esteróides anabólicos. As principais são:

- deficiência hormonal da testosterona

- desnutrição

- câncer de mama

- anemia aplástica

- osteoporose

- impotência sexual(por insuficiência testicular)

- retardo pubertário masculino

- eunuquismo (castração)

- climatério masculino

Suas contra-indicações absolutas são:

- carcinoma de próstata

- gravidez

- câncer mamário masculino

QUAIS AS VIAS DE ADMINISTRAÇÃO DOS ESTERÓIDES ANABÓLICOS ?

A mais comum é a injetável. Existem produtos orais, cujos efeitos colaterais são piores na superdosagem, principalmente os efeitos hepáticos, porque a droga passa pelo fígado duas vezes, uma na digestão e outra na metabolização.

QUANTO TEMPO DURA A AÇÃO DE UM ESTERÓIDE ANABÓLICO ?

A ação inicia-se nas primeiras 24 horas e em alguns produtos encontra seu pico máximo em 14 dias. Sua atuação dura de 2 a 4 semanas. Sempre na dependência da droga usada e de sua dose.

QUAL MÉDICO DEVE SER CONSULTADO PARA UM TRATAMENTO COM ESTERÓIDES ?

Teoricamente, os endocrinologistas têm mais conhecimento do assunto, principalmente aqueles mais dedicados aos distúrbios do crescimento corporal e do desenvolvimento genital. Muitos clínicos gerais estão atualizados na indicação desses produtos. Os ginecologistas atuam mais nos casos de osteoporose e os mastologistas e oncologistas nos casos de câncer de mama. Ultimamente, os geriatras fazem muitas indicações de anabolizantes para os casos de climatério masculino. Por causa da dopagem esportiva, muitos especialistas em medicina esportiva, conhecem bem o uso dessas substâncias.

OS ANABOLIZANTES DEVEM SEMPRE SER USADOS COM ACOMPANHAMENTO MÉDICO?

Sempre. Cabe ao médico a perfeita indicação do uso da testosterona e seus derivados, bem como o acompanhamento clínico e laboratorial durante todo o tempo de uso. Só o médico pode fazer adaptações das doses e surpreender qualquer efeito indesejável ou de superdosagem.

QUANDO SURGEM OS EFEITOS COLATERAIS DO USO ABUSIVO DOS ESTERÓIDES?

Depende de vários fatores:

- Do poder androgênico da droga utilizada.

- Da dosagem

- Do período de uso

- Do ciclo utilizado (crescente, decrescente, em pirâmide, etc).

O uso abusivo quase sempre é observado em atletas de competição e em esportistas de academias que fazem uso dos anabolizantes para aumentar a massa muscular.

O QUE É DOPPING?

Dopping, ou mais propriamente dopagem é o uso de qualquer substância proibida pela regulamentação esportiva, usada com a finalidade de aumentar artificialmente o desempenho físico e/ou mental. Incluem-se na definição, alguns métodos proibidos, como a dopagem sanguínea (autohemotransfusão) e a manipulação enganosa das amostras do material coletado.

POR QUE OS ATLETAS USAM ESTERÓIDES ANABÓLICOS EM ALTAS DOSES?

Principalmente para o desenvolvimento de massa muscular, força e potência. Com isso, a melhoria acentuada do desempenho atlético chega mais fácil às vitórias e aos recordes. Mas, infelizmente eles exageram nas doses e costumam usar esteróides anabólicos muito potentes aumentando consideravelmente o risco do surgimento dos efeitos colaterais que vão desde a simples acne até a morte.

COMO UM ANABOLIZANTE AUMENTA A MASSA MUSCULAR?

Ele aumenta a fabricação de proteínas musculares, principalmente actina e miosina que são responsáveis pela contração dos músculos; além disso ela bloqueia o efeito destruidor de músculos após o exercício de determinadas substâncias. Como os anabolizantes em altas doses costumam desenvolver um certo grau de agressividade, isso permite mais disposição para aumento de cargas e repetições nos treinamentos.

A AUTOMEDICAÇÃO COM ANABOLIZANTES É PERIGOSA ?

A automedicação é sempre perigosa e irresponsável. Principalmente em se tratando de anabolizantes. Os próprios médicos reconhecem a dificuldade das prescrições de esteróides anabólicos, pelos diagnósticos difíceis, pela variação das opções de receita, pela multiplicidade de ação dos inúmeros anabolizantes e principalmente, pelo controle clínico e laboratorial do paciente durante o tratamento. Imagine-se então, quando existe a automedicação os graves riscos que se corre.

A VENDA DE ANABOLIZANTES EM FARMÁCIA É CONTROLADA ?

A legislação obriga que o médico faça a receita desses produtos em duas vias (uma via em papel carbono) carimbadas com o nome e o CRM do emitente. A segunda-via fica retida na farmácia.

JÁ OCORRERAM MORTES EM ATLETAS POR USO EXAGERADO DE ANABOLIZANTES ?

Sim. As primeiras relatadas ocorreram em 1984, num total de sete. A primeira descrita foi por câncer hepático, em Daniel Barouchi, fisiculturista de competição, americano. Desde então, vários casos têm acontecido, a maioria deles por complicações cardíacas induzidas por superdosagem.

QUAL A DIFERENÇA ENTRE TESTOSTERONA E NANDROLONA ?

A nandrolona é um derivado sintético da testosterona, que é mais anabólica, menos androgênica, sem hepatotoxidade e com mínimos efeitos colaterais em doses abusivas. Com essas características, a nandrolona atua muito no aumento da massa muscular e é preferida pelos atletas que abusam das doses porque ela é pouco androgênica, isto é, não atua muito na esfera sexual o que reduz os efeitos colaterais mais indesejáveis pelos esportistas. A prescrição médica nos casos indicados, também privilegia a nandrolona, por esses mesmos motivos.

EXISTE RISCO DE CÂNCER HEPÁTICO COM A TESTOSTERONA ? E COM A NANDROLONA ?

A hepatotoxicidade da testosterona é alta daí poder surgir (geralmente na superdosagem) o câncer hepático. Com a nandrolona, mesmo em doses maiores, o risco dessa patologia é drasticamente reduzido.

QUAIS AS VARIÁVEIS PARA OS EFEITOS ANABÓLICOS DO USO DE ANABOLIZANTES EM ATLETAS ?

Nem todos os esportistas que usam anabolizantes (geralmente por automedicação) apresentam o mesmo resultado no desenvolvimento e aumento da massa muscular. O organismo apresenta receptores específicos para a testosterona e seus derivados, como aliás acontece com qualquer substância endógena ou exógena. Se os receptores de uma pessoa têm pouca afinidade pelos anabolizantes, mesmo em altas doses, o efeito esperado na massa muscular é pequeno.

Além disso, existem outros fatores:

- tipo de esteróide usado

- duração do ciclo (uso)

- estado emocional antes e durante o ciclo

- intensidade do treinamento

- dieta alimentar, principalmente hiperproteica

- uso concomitante de outros hormônios

- uso concomitante de suplementos proteicos

- volume de líquido ingerido durante o ciclo.

DURANTE A SUPERDOSAGEM, CONTINUA A PRODUÇÃO NATURAL DE TESTOSTERONA ?

Quando os receptores proteicos reconhecem a presença no sangue do esteróide artificial, a produção endógena, natural, da testosterona cai muito e pode chegar a zero, principalmente com uso de derivados de altos efeitos androgênicos. Quando o ciclo é interrompido, a produção se retoma, Mas é variável o tempo em que isso ocorre e nem sempre a intensidade dessa retomada chega aos 100%.

OS EFEITOS DOS ANABOLIZANTES SÃO IGUAIS NOS HOMENS E NAS MULHERES ?

Teoricamente, não. Os efeitos são maiores nas mulheres e nas crianças porque têm níveis de andrógenos mais baixos que o homem.

O QUE É USO ABUSIVO DE ANABOLIZANTE ?

O receituário médico e as dosagens corretas de qualquer esteróide anabólico obedece parâmetros bem definidos pela experiência clínica baseada em pesquisas científicas. Além disso, os médicos vão alterando as doses no decorrer do tratamento com base na resposta clínica e no controle laboratorial.

Qualquer dosagem acima disso já deve ser considerada um abuso aumentando os riscos de efeitos colaterais. Por dosagem, deve-se entender não só a concentração da substância em cada ampola, mas principalmente o intervalo entre as tomadas e o tempo de uso.

QUAIS OS ACONSELHAMENTOS MÉDICOS PARA OS PACIENTES EM TRATAMENTO COM ANABOLIZANTES ?

O mais importante é seguir corretamente o que está prescrito na receita. Depois, informar ao médico qualquer sintoma ou sinal que o paciente perceba durante o tratamento. Por fim, visitar o médico com a periodicidade que ele indicar para reavaliação do caso e realização dos exames laboratoriais de controle.

QUAIS OS EXAMES LABORATORIAIS QUE OS MÉDICOS SOLICITAM ?

A "bateria"de exames varia muito de caso a caso, principalmente em função do diagnóstico que motivou a receita. Mas existe um grupo de exames que os médicos solicitam de rotina, principalmente para surpreender o início de efeitos colaterais: determinação da densidade óssea, dosagem de hemoglobina, albumina, creatina, fosfatase alcalina, dosagem de cálcio e fósforo no sangue, colesterol (principalmente o HDL, o bom colesterol), transaminases (enzimas hepáticas) e glicemia (principalmente nos diabéticos).

POR QUE ALGUNS ATLETAS TOMAM DOIS ANABOLIZANTES ?

Os receptores químicos que aceitam a presença de anabolizantes podem ter grande afinidade por um derivado de testosterona e pouca afinidade por um outro derivado. Mas, isto não se pode saber antecipadamente. Como esses atletas não querem correr riscos de usar um anabolizante que faça pouco efeito, acabam usando mais que um anabolizante e com isso aumentam os riscos de efeitos colaterais.

O RISCO DO USO ABUSIVO É MAIOR EM ALGUNS ATLETAS DO QUE EM OUTROS ?

Sim. O risco é maior naqueles que têm antecedentes familiares de pressão alta, câncer e problemas cardíacos.

OS EFEITOS COLATERAIS SURGEM LOGO NAS PRIMEIRAS APLICAÇÕES ?

Esse surgimento é muito variável. Alguns efeitos podem surgir durante o ciclo de uso do anabolizante e outros podem surgir após o uso, às vezes, até bem mais tarde.

A HIPERTROFIA MUSCULAR TEM UM LIMITE ?

Tem. Mesmo que os receptores químicos aceitem bem a molécula de um anabolizante e faça aumento da massa muscular, há um ponto em que esses receptores ficam saturados e aí não aceitam mais o anabolizante. O efeito de aumento da massa muscular estaciona nesse momento.

EXISTE ALGUM ESTERÓIDE ANABÓLICO QUE SÓ AUMENTA A MASSA MUSCULAR ?

Não. Os atletas estão sempre buscando essa mágica, porque querem ficar fortes e não correr riscos na esfera sexual. Por mais que se tente produzir um derivado de testosterona que seja só anabólico, isso tem sido impossível. Existem anabolizantes, como é o caso da nandrolona, em que os efeitos androgênicos estão muito atenuados, mas ainda não existe um esteróide que seja 100% anabólico.

QUAIS OS EFEITOS COLATERAIS DA SUPERDOSAGEM, COMUNS NO HOMEM E NA MULHER ?

A relação de efeitos colaterais indesejáveis é muito extensa. É impossível que todos esses efeitos aconteçam numa mesma pessoa. Tudo fica na dependência do anabolizante usado, do tempo de uso, da dosagem utilizada e principalmente, da suscetibilidade individual. Os mais comuns são:

- acne

- aumento dos níveis do LDL colesterol (o colesterol ruim)

- diminuição dos níveis do HDL colesterol (o bom colesterol)

- edema (retenção de água nos tecidos)

- arritmia cardíaca

- aumento do risco de doença coronariana

- hepatite peleiótica (cistos de sangue no fígado)

- tumores hepáticos

- calvície

- aumento da sudorese (principalmente nos pés)

- amarelecimento da pele

- dores no estômago

- dores ósseas

- sensação de fadiga

- cefaléia intensa

- aumento da pressão arterial

- maior probabilidade de cálculos renais

- maior incidência de lesões nos ligamentos e tendões

- insônia

- câimbras

- náuseas e vômitos

- língua muito sensível

- hálito insuportável

- agressividade

QUAIS OS EFEITOS COLATERAIS PRÓPRIOS DOS HOMENS ?

- alargamento do pênis

- depois, atrofia do pênis

- atrofia de testículos

- ginecomastia

- necessidade freqüente de urinar

- diminuição da produção de espermatozóides

- perda dos pelos

- afinamento da voz

QUAIS OS EFEITOS COLATERAIS PRÓPRIOS DAS MULHERES ?

- alargamento do clitóris

- diminuição da produção de estrógenos e progesterona

- inibição da ovulação

- alterações do ciclo menstrual

- amenorréia (suspensão temporária da menstruação)

- aumento inicial da libido

- pele oleosa

- crescimento dos pelos

- surgimento de pelos em locais não comuns

- rouquidão

- engrossamento da voz

- comportamento masculinizado

- danos irreversíveis ao feto

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta 100% gratuita!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
 Compartilhar


Madrugão suplementos

Não jogue dinheiro fora

Compre suplementos bem mais baratos com o cupom de desconto do FISIculturismo.com.br

Clique aqui para obter seu cupom



×
×
  • Criar novo...