Entre para seguir isso  
Seguidores 0
LOUKO

Qual é a Diferença entre Malto e Dextrose? A Absorção da Malto é mais Lenta?

Avalie este tópico:

65 posts neste tópico

eh verdade

mas axo q todo mundo consegue um lanxe manero antes de malhar neh

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!
se o cara ingerir um lanche com alimentos de alto IG pós treino, tb nao precisa de malto nem de dextrose

mas dependedo do lanche naum vai ser absorvido taum rapidamente quanto a malto ou dextrose.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

mas dependedo do lanche naum vai ser absorvido taum rapidamente quanto a malto ou dextrose.

Por isso usamos malto ou dextrose pós treino, pois é mais fácil que lanchar algo com IG alto.

Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Por isso usamos malto ou dextrose pós treino, pois é mais fácil que lanchar algo com IG alto.

Abraço

perfeitamemnte

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

continuo achando besteira, quem esta bem nutrido nao precisa, alem de interromper o metabolismo de lipidios, ainda vai contribuir com a formaçao de mais ac. graxo, visto de que uma pessoa bem nutrida teoricamente ja tem uma boa reserva de glicogenio muscular, e hepatico... como nao glicogenio nao é a fonte preferida do organismo armazenar energia, quem abusar vira gordura mesmo!

malto antes do treino definitivamente nao compensa

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!
continuo achando besteira, quem esta bem nutrido nao precisa, alem de interromper o metabolismo de lipidios, ainda vai contribuir com a formaçao de mais ac. graxo, visto de que uma pessoa bem nutrida teoricamente ja tem uma boa reserva de glicogenio muscular, e hepatico... como nao glicogenio nao é a fonte preferida do organismo armazenar energia, quem abusar vira gordura mesmo!

malto antes do treino definitivamente nao compensa

eu concordo contigo broder

naum soh pelo fato de dar um desanimo mas tb pela possivel formacao de gordura

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!
continuo achando besteira, quem esta bem nutrido nao precisa, alem de interromper o metabolismo de lipidios, ainda vai contribuir com a formaçao de mais ac. graxo, visto de que uma pessoa bem nutrida teoricamente ja tem uma boa reserva de glicogenio muscular, e hepatico... como nao glicogenio nao é a fonte preferida do organismo armazenar energia, quem abusar vira gordura mesmo!

malto antes do treino definitivamente nao compensa

Perfeito... para as pessoa que possuem uma alimentação correta, isso apenas contribuiria para a inibição da lipólise. É o mesmo caso das pessoas que utilizam uma solução a base de glicose (5-7%) durante atividades musculares de curta duração (< que 1h).

Outro ponto q foi levantado, que quanto maior o IG mais rápida sua absorção, isso nao procede.

Em momento nenhum o texto diz isso, pelo contrário... transcreva aqui a parte onde vc leu isso...

FALOW

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Perfeito... para as pessoa que possuem uma alimentação correta, isso apenas contribuiria para a inibição da lipólise. É o mesmo caso das pessoas que utilizam uma solução a base de glicose (5-7%) durante atividades musculares de curta duração (< que 1h).

Em momento nenhum o texto diz isso, pelo contrário... transcreva aqui a parte onde vc leu isso...

FALOW

"O corpo não absorve e digere todos os carboidratos na mesma velocidade", não afirma que está ligado a o IG a velocidade de absorção. Por exemplo a dextrose q tem o IG menor q a malto é absorvida mais rápida que o malto.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!
"O corpo não absorve e digere todos os carboidratos na mesma velocidade"

Mas isso é óbvio...

Não afirma que está ligado a o IG a velocidade de absorção.

"O índice glicêmico é um indicador baseado na habilidade da ingestão do carboidrato (50g) de um dado alimento elevar os níveis de glicose sanguínea pós-prandial, comparado com um alimento referência, a glicose ou o pão branco."

O índice glicêmico serve exclusivamente para medir a velocidade de absorção de um determinado carboidrato. Acho que vc não está conseguindo interpretar este texto, mas é justamente isto que ele está dizendo...

Por exemplo a dextrose q tem o IG menor q a malto é absorvida mais rápida que o malto.

Amigo, isto não existe... A maltodextrina possui IG maior que a dextrose, logo é absorvida mais rapidamente.

FALOW

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Mas isso é óbvio...

"O índice glicêmico é um indicador baseado na habilidade da ingestão do carboidrato (50g) de um dado alimento elevar os níveis de glicose sanguínea pós-prandial, comparado com um alimento referência, a glicose ou o pão branco."

O índice glicêmico serve exclusivamente para medir a velocidade de absorção de um determinado carboidrato. Acho que vc não está conseguindo interpretar este texto, mas é justamente isto que ele está dizendo...

Amigo, isto não existe... A maltodextrina possui IG maior que a dextrose, logo é absorvida mais rapidamente.

FALOW

A dextrose é aborvida mais rápida que a malto, procure saber sobre isso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!
A maltodextrina possui IG maior que a dextrose, logo é absorvida mais rapidamente.

q eu saiba a dextrose eh mais rapidamente absorvida por ser um carb simples e a malto ser complexo

É O SEGUINTE, A MALTODEXTRINA É UM CARBO COMPLEXO. PRA TOMAR

NO PÓS-TREINO IMEDIATO É MAIS INTERESSANTE ALGUM CARBO

SIMPLES, COMO A DEXTROSE, OU MESMO A GLICOSE. TANTO A MALTO

QUANTO A DEXTROSE TÊM ALTO IG, A RAPIDEZ COM QUE CAEM NA

CORRENTE SANGUÍNEA É PRATICAMENTE A MESMA, SÓ QUE A MALTO

PRECISA SER DIGERIDA E A DEXTROSE NÃO. DEU PRA ENTENDER?

http://www.fisiculturismo.com.br/forum2 ... c&start=10

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!
A dextrose é aborvida mais rápida que a malto, procure saber sobre isso.

Isso é lenda... aqueles velhos dogmas que as pessoas insistem em repetir...

q eu saiba a dextrose eh mais rapidamente absorvida por ser um carb simples e a malto ser complexo

Como vc pode acompanhar no próprio texto que o mendigo postou, o conceito Indice Glicêmico é absoluto, e não importa se o carbo em questão é simples ou complexo.

Pense na seguinte lógica, eu consumo 50g de maltodextrina e vc 50g de dextrose ao mesmo instante. Analisando a tabela de IG vc verá que a maltodextrina possui IG maior que a dextrose, isto significa que a glicose aparecerá antes na minha corrente sanguínea. Então como vc pode afirmar que a dextrose é absorvida mais rapidamente? Como já disse o conceito IG é absoluto, então vc não tem que analisar que tipo de carbo é, se é digerido ou não, qual sua osmolaridade, etc...

FALOW

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Como o rafão falou, o que importa é o ig, os conceitos antigos estao caindo, como de carbo simples e complexo, importen-se apenas com o IG!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Rafão, fui obrigado a vir postar nesse tópico... Parabéns pela paciência cara...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!
Como o rafão falou, o que importa é o ig, os conceitos antigos estao caindo, como de carbo simples e complexo, importen-se apenas com o IG!

Nao se importem apenas com o IG, não é tao simples assim. Mas como nao iremos entrar num assunto acho melhor q cada um tire suas próprias conclusões sobre tudo q foi discutido.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Gostei do rumo que o topic tomou, serve de exemplo pra muitos ai que logo levam as coisas pro lado pessoal :wink:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!
Rafão, fui obrigado a vir postar nesse tópico... Parabéns pela paciência cara...

hehehe... o pior é que se vc não for persistente, daqui a 10 anos os caras vão continuar falando que a dextrose é absorvida mais rapidamente e o diabo a 4...

FALOW

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

hehehe... o pior é que se vc não for persistente, daqui a 10 anos os caras vão continuar falando que a dextrose é absorvida mais rapidamente e o diabo a 4...

FALOW

Mas o "pior" que a dextrose é absorvida mais rapidamente, nao é só o IG que define a velocidade de absorcao, existe mais coisa por tras disso. Mas acho q nao adianta mais discutir esse assunto agora, temos opnioes controversas. E fiquem tranquilos, pq continuarei estudando e caso tenha me equivocado em alguma coisa, tenho a humildade de reconhecer minhas falhas, acho isso fundamental pra quem quer evoluir.

Um Abraço a todos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

E quais seriam então esses outros fatores responsáveis por definir a velocidade de absorção dos carboidratos?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Mas o "pior" que a dextrose é absorvida mais rapidamente, nao é só o IG que define a velocidade de absorcao, existe mais coisa por tras disso. Mas acho q nao adianta mais discutir esse assunto agora, temos opnioes controversas. E fiquem tranquilos, pq continuarei estudando e caso tenha me equivocado em alguma coisa, tenho a humildade de reconhecer minhas falhas, acho isso fundamental pra quem quer evoluir.

Um Abraço a todos.

vc eh teimoso hein brother...

o ig da maltodextrina eh 150 e o da dextrose eh 137. se duvidar veja

http://www.dna.ind.br/IndiceGlicemico.htm ---> ve aki a tabela e compara os 2.

http://www.sultatame.com.br/saude/saibamais.htm

http://www.fisiculturismo.com.br/forum2 ... sc&start=0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

vc eh teimoso hein brother...

o ig da maltodextrina eh 150 e o da dextrose eh 137. se duvidar veja

http://www.dna.ind.br/IndiceGlicemico.htm ---> ve aki a tabela e compara os 2.

http://www.sultatame.com.br/saude/saibamais.htm

http://www.fisiculturismo.com.br/forum2 ... sc&start=0

Concordo com vc, sei o Ig da Malto é maior q o da dextrose, mas não é só o IG que define a velocidade de absorção isso que eu to querendo disser.

Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

O complicado é vc querer explicar uma coisa quando vc ao menos sabe o que é Indice Glicêmico... Já disse que o IG é um conceito absoluto que MEDE a velocidade da absorção, não é ele que DEFINE nada.

Esqueça os processos intermediários... Eu e vc moramos a mesma distância de um shopping. Nos 2 saimos ao mesmo instante de nossas casas a caminho do shopping, porém eu tenho que parar no posto abastecer e tenho que fazer uma visita a tia joana. Se eu tiver um carro mais veloz, dirigir melhor, etc, não posso chegar ao shopping antes de vc??? No caso, O IG mediria quem chegaria antes ao shopping, não importando o que eu fiz antes de chegar lá... Vc pode falar o que quiser, que a malto tem que ser digerida, que vai dar uma rolê na prostata, etc... o que interessa é que ela chega antes na corrente sanguínea, logo é absorvida mais rapidamente!

Bah, desisto... acredite no que vc quiser...

FALOW

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!
Eu desisti a tempo ja :lol:

Hehehe galera, valeu melhor morrer o assunto, vou procurar uns livros sobre o assunto. Mas no fim das contas entramos quase num consenso.

Um abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gostou? Compartilhe!

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta em nossa comunidade! É rápido, fácil e grátis!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0

Gostou? Compartilhe!
  • Conteúdo Similar

    • Por Samuel Moura Rosa
      Quando o assunto é a primeira refeição pós-musculação, para quem almeja a hipertrofia muscular máxima, a grande maioria de seus praticantes já tem sua opinião formada: uma quantidade significativa de proteínas, adicionada de algum carboidrato. O carboidrato faz o meio campo, e liga o meio anabólico muscular para que a proteína recupere e construa a massa muscular. Alguma coisa de errado até aqui? Veremos...
      Formulado à base de proteínas de alto valor biológico, a Whey Protein atualmente é conhecido como um compensador nutricional protéico ou hiperproteico, devido à adição de novas fontes e formas de proteínas que os laboratórios da suplementação acrescentam em sua composição. Geralmente usado como fonte primária para o período Pós-Treinamento, pode ser utilizado também ao longo do dia, ou em inúmeras situações, de acordo com as necessidades energéticas do sujeito em treinamento.
      Sendo um alimento de alto valor protéico, e sabendo-se da relação entre o ganho de massa muscular e a ingesta diferenciada de proteínas, este suplemento ganha cada vez mais espaço na dieta de atletas e praticantes de musculação, não somente na refeição pós treino.
      Trata-se geralmente do primeiro suplemento a ser utilizado por alguém que pretende investir em suplementação para potencializar o ganho de massa muscular. É portanto considerado o básico, o feijão com arroz da suplementação, ou seja, na maioria dos casos é mais importante que qualquer outra linha de suplementos, possuindo uma importância compensadora e construtora realmente eficiente.
      O que leva muitos usuários a abandonar sua utilização ou trocar por outro suplemento mais promissor, de ação rápida e aparentemente melhor, diz respeito ao whey protein por si só, nem sempre apresentar resultados visíveis a curto prazo. Sendo ele completamente confiável, eficaz, construtor de massa muscular e nocivo a saúde, trata-se de apenas mais um alimento de sua dieta, mais uns gramas de proteína sem acréscimo de gordura, mais uma rica porção protéica de altíssimo valor biológico, de absorção extremamente rápida, prático para situações pós treino, de sabor agradável, e de concentração nutricional elevada, sendo o ingrediente certo para que seu bolo cresça de maneira progressiva e verdadeira, não sendo portanto o responsável apenas pelo seu inchaço pós-treino.
      Só a whey protein pode cumprir esta função imprescindível para quem espera resultados satisfatórios à longo prazo, mesmo que você não perceba os resultados de sua utilização, se comparados à outra suplementação diferenciada.
      Segundo outros estudos, a comercialização da Whey Protein teve início há cerca de três décadas, junto a estudos que mostravam a importância da ingesta adequada de proteínas no período pós treinamento.
      A proteína do soro do leite apresenta-se atualmente de três diferentes formas de disposição e extração a partir do leite:
      de maneira Isolada (extraída através de um processo químico industrial chamado de troca iônica, apresentando um maior aporte de proteína nobre isolada de qualquer outro nutriente, como gorduras e carboidratos);  de forma Hidrolisada (extraída através da hidrólise enzimática, com todos os aminoácidos quebrados, conferindo à matéria prima uma maior capacidade de ser assimilada e absorvida na ingesta); e a forma Concentrada (apresenta um perfil que inclui vários aminoácidos essenciais não produzidos pelo organismo, sendo a forma mais completa de proteínas existente). Estas diferentes formas, quando ingeridas logo após o treinamento, apresentam um caminho de absorção intestinal elevado, quando comparados a qualquer outro alimento protéico.
      Bom, até ai nenhuma super novidade que mereça a atenção de você leitor. Mas quando falamos de whey protein adicionado a um carboidrato (seja ele a maltodextrina ou a dextrose), algumas considerações devem ser realizadas.
      Afinal, o que acontece fisiologicamente após uma sessão de treinamento intenso, quando acrescentamos um carboidrato complexo como estes?
      Neste momento pós treino, o Cortisol é um dos hormônios predominantes na corrente sanguínea. Os níveis de glicogênio muscular e a glicose sanguínea apresentam uma queda devido ao desgaste energético para realizar a sessão.
      Um carboidrato de alto índice glicêmico, com cadeia média (como a dextrose e a maltodextrina), provoca uma liberação insulínica instantânea, repondo os níveis de glicogênio e glicose sanguínea, minimizando a ação do Cortisol, hormônio catabólico.
      Até aqui estamos satisfeitos com a ação de nossos carboidratos. Mas a Insulina é um hormônio contraregulatório ao GH, hormônio do crescimento, altamente anabólico. Quando os níveis de circulação sanguínea de um se eleva, do outro se reduz.
      Então o que vale mais? Recuperação energética do glicogênio muscular, minimizando o efeito do cortisol, ou promover a liberação do hormônio anabólico GH?
      Os dois! Acontece que isso não é possível somente com a ingesta de algum carboidrato. A Insulina é um hormônio altamente anabólico, assim como o GH.
      Qualquer carboidrato, como a maltodextrina e a dextrose, provoca esta liberação insulínica, que abre a porta para a entrada de glicose para dentro das células musculares, reduzindo o estado catabólico existente quando os estoques de glicogênio muscular e glicêmico estão baixos.
      Porém, esta mesma insulina inibe a liberação natural momentânea de outro hormônio anabólico, também de igual importância, o GH. Alguns autores relatam também que estes carboidratos quando ingeridos junto à whey protein, acabam por inibir outros fatores anabólicos desta proteína.
      Também acredita-se que este carboidrato (nesta situação pós treino) tenha um caminho natural de armazenamento na forma de gordura. Outra nova linha de críticas a respeito da ingesta de maltodextrina ou dextrose pós-treino, está no fato de que estes carboidratos – quando utilizados freqüentemente - provocam picos de liberação insulínica que acabam por reduzir a sensibilidade dos receptores deste hormônio nas células musculares.
      Com o passar do tempo, a utilização destes carboidratos passaria a não promover a mesma liberação natural de insulina. Esta situação provoca, além do fato de não termos a mesma eficiência no transporte de nutrientes anabólicos, a provável semelhança com a disfunção hormonal dos diabéticos. Mas este seria outro assunto.
      Nesta situação, quando o objetivo primário é a hipertrofia muscular, um substituto nutricional parece ser lançado com esta finalidade, minimizando a ação do cortisol, sem inibir a liberação do GH e IGF’s: os MCT (triglicerídeos de cadeia media).
      Derivado do leite humano, óleo de côco e óleo de palmeira, este triglicerídeo possui 6, 8, 10 e 12 cadeias de carbono em sua composição. Esta forma de gordura tem uma absorção semelhante à dos carboidratos, porém, sem a participação da Insulina, fazendo com que esta fonte energética não seja armazenada no tecido adiposo, e principalmente, regulando a glicemia sem inibir a liberação hormonal do GH, pois mantém a Insulina estável.
      Em um mercado formado pela antiga opinião do carboidrato e proteína pós-treino, esta estratégia ainda é considerada novidade na área da suplementação. Talvez esta novidade nem venha a vingar realmente, assim como poderá ser fonte de futuros estudos, e quem sabe, tornar-se a nova indicação para suplementar após treinamento. Mas como diz Big Raffa, a verdade de hoje poderá ser a mentira de amanhã!
    • Por Bernardo878
      Bom eu to começando agora e tenho varias duvidas, eu peso 49kg e tenho 1,58 tenho que engorda bastante to ligado mas to com duvidas sobre pre treino e pós treino e hipercalóricos
      1º Posso tomar Malto junto com BCAA e comer Batata Doce no pre treino? Ou melhor só fica na batata doce e no BCAA ( como tenho feito)? Pessoal da academia vai falando um monte de coisa que fico confuso antes de fazer 
      2º Minha nutricionista me passou Whey Hidrolisado mas em varias lojas falam que pra quem ta começando é dinheiro jogado fora então comprei um Concentrado da marca GOLD, gostaria de saber se apos o treino posso tomar Whey+ Creatina+Malto+Dextrose+BCAA? Eu faço também um omelete com 2 claras um ovo
      3º Ela também me passou hipercalórico quando acordo e quando vou dormir, mas me falaram que hipercalórico tomar antes de dormir não é uma boa pois ganha barriga, verdade isso? posso tomar sem medo? ou tenho que parar? 
      Antes de me zoar, eu estou apenas tirando duvidas já que a galera da academia fica enfiando coisas na cabeça e geralmente eu pesquiso muito antes de fazer algo diferente. 
      Faço uso do Deposteron mas por motivos de saude, com acompanhamento medico e tudo mais e não para fica mais forte 
      vlw 
    • Por Leticia837
      Tô em dúvida na quantidade de whey e dextrose devo tomar no pós-treino. Meu whey é concentrado e tem 24g de proteína em 30g. Eu li que eram 2x dextrose para 1x whey, mas  tô em dúvida por conta do meu tamanho. Tenho 1,57m e 52kg. A dosagem indicada na embalagem não é alta pro meu tamanho? (Comecei há pouco tempo na musculação)