Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

7 MITOS DA MUSCULAÇÃO


STRONGER_THAN_EVER
 Compartilhar

Post Destacado

7 MITOS DA MUSCULAÇÃO

MITO NÚMERO 1

Fazer levantamento incrivelmente devagar constrói músculos incrivelmente grandes.

Levantar muito lentamente produz malhações superlongas – e isso é tudo. Pesquisadores da Universidade do Alabama (EUA) recentemente

estudaram dois grupos de levantadores de peso em uma sessão de malhação de 29 minutos. Um grupo realizou os exercícios usando a fase concêntrica (movimento de contração da musculatura) em cinco segundos e a excêntrica (movimento de extensão da musculatura) em dez segundos. O outro, numa abordagem mais tradicional, levou um segundo para o movimento concêntrico e um segundo para o movimento excêntrico. O grupo mais rápido queimou 71% mais calorias e levantou 250% mais peso que os malhadores do treinamento SuperSlow.

O que o especialista aconselha: “Os melhores ganhos em força são obtidos realizando a fase concêntrica o mais rapidamente possível”, diz o dr. Gary Hunter, principal autor do estudo. “Mas, na hora de abaixar o peso, faça-o mais lentamente e sob controle.” Existe maior potencial de crescimento durante a fase de extensão da musculatura (também chamada de fase negativa), e quando você abaixa

com controle existe menos chance de lesão.

MITO NÚMERO 2

Você precisa de uma bola suíça para obter peito e ombros mais fortes.

Não abandone o seu bom e velho banco para exercícios. “As pessoas estão usando a bola porque elas são fracas como gatinhos”, provoca o técnico Craig Ballantyne. Você reduz o peso para fazer levantamento sobre uma bola e isso significa que você consegue menos resultado.

O que o especialista aconselha: trabalhe peito e ombros numa superfície estável, afirma Ballantyne. Prefira a bola para malhar o abdome.

MITO NÚMERO 3

Pesos livres são sempre melhores para malhar.

Nem sempre. Às vezes os aparelhos são melhores para a construção muscular – por exemplo, quando você precisa isolar músculos,

depois de uma lesão, ou quando você é inexperiente para realizar um exercício com pesos livres.

O que o especialista aconselha: “Os principiantes verão benefícios nos aparelhos e nos pesos livres. Só com o tempo os pesos livres devem se tornar prioridade”, afirma o dr. Greg Haff, diretor do laboratório de pesquisa da Universidade Estadual de Wichita Falls, no Texas (EUA). Os exercícios com halteres imitam os movimentos atléticos e ativam mais massa muscular.

MITO NÚMERO 4

Exercício de cadeira extensora é mais seguro que o agachamento para o joelho.

E cotonetes são perigosos quando você os enfia demais nos ouvidos. É tudo uma questão de saber o que você está fazendo. Estudo recente publicado na revista Medicine & Science in Sports & Exercise (EUA) revelou que exercício em que só uma articulação é ativada, como a cadeira extensora, pode ser mais perigoso que o que envolve múltiplas articulações, como o agachamento e o supino. Revelou ainda que a extensão das pernas ativa os quadríceps de forma independente. “A diferença de fração de segundos causa compressão desigual entre a rótula e o fêmur”, alerta a autora do estudo Anki Stensdotter.

O que o especialista aconselha: “O quadríceps e a panturrilha controlam o joelho. A atividade muscular equilibrada é obtida com maior facilidade em exercícios que envolvem múltiplas articulações”, diz Anki. Para fazer agachamento seguro, mantenha as costas retas e abaixe o corpo até que suas coxas & quem paralelas ao chão (ou até onde você vai sem sentir dor nos joelhos). Tente agachamento frontal se perceber que está se inclinando para a frente. Mesmo sendo um exercício avançado, o peso sobre seus ombros ajuda

a manter as costas eretas.

MITO NÚMERO 5

Se você aumentar a ingestão de proteínas, vai aumentar o tamanho de seus músculos.

Até certo ponto é verdade. Mas deixe de lado por um segundo os shakes que você tomava. É verdade que as proteínas estimulam

a construção dos músculos,“mas você não precisa de quantidades exorbitantes para atingir isso”, explica o dr. John Ivy, co-autor do livro Nutrient Timing (Nutriente na Hora Certa). Se você malha e consome mais de 2 gramas de proteína para cada quilo de seu peso, o excesso dessa substância será decomposto em aminoácidos e nitrogênio e, depois, expelido pelas fezes ou armazenado. Mas não na forma de músculo.

O que o especialista aconselha: o mais importanteé você consumir a proteína mantendo o equilíbrio entre ela e os carboidratos ingeridos. Tome um shake pós-malhação com três partes de carboidratos para uma parte de proteína. Faça outra refeição várias horas

depois e então inverta a razão no seu lanche, depois de mais algumas horas, ensina Ivy. “Isso vai manter alta a concentração de aminoácidos no seu sangue, o que faz com que a síntese protéica continue a acontecer por mais tempo.”

MITO NÚMERO 6

Nunca exercite um músculo dolorido.

Antes de matar a malhação, você deve determinar até que ponto seu músculo está dolorido. “Se incomoda ao toque ou se a sensibilidade limita a extensão do movimento, é melhor você dar a ele pelo menos mais um dia de descanso”, observa o dr. Alan Mikesky, diretor do Laboratório de Biomecânica da Universidade de Indiana (EUA). Em casos menos graves, um “descanso ativo” com atividade aeróbica leve

e alongamento pode aliviar a sensação de desconforto.

O que o especialista aconselha: se você não sente dor ao toque e mantém toda a extensão do movimento, vá para a academia. Comece com dez minutos de bicicleta e depois exercite o músculo dolorido realizando, no máximo, três séries de 10 a 15 repetições

e usando peso que não seja superior a 30% do máximo que você suportaria.

MITO NÚMERO 7

O alongamento evita lesões.

Pode ser, se você for um patinador artístico. Pesquisadores dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças, nos Estados Unidos, revisaram mais de 350 estudos e artigos sobre a relação entre alongamento e lesões e chegaram à conclusão de que o alongamento durante o aquecimento tem pouco ou nenhum efeito sobre a prevenção de lesões. “O alongamento aumenta a flexibilidade, mas

a maior parte das lesões nos músculos ocorre durante a extensão normal dos movimentos”, diz a médica Julie Gilchrist.

O que o especialista aconselha: o aquecimentoé o que evita lesões, ao aumentar vagarosamente o O uxo de sangue e dar aos seus músculos chance de se preparar para a atividade a seguir. A dra. Julie sugere um aquecimento completo, assim como o condicionamento

específico para seu esporte.

FONTE: Revista Men's Health Brasil...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


  • Respostas 45
  • Criado
  • Última resposta

Membros mais ativos neste tópico

massa!! mas a galera do HIT vai ficar pê da vida com o primeiro mito haha

so nao saquei essa do aquecimento, ja tinha ouvido falar, mas entao nao alongo nada nunca mais? :roll: nao saquei essa

Bom, a revista tem grande credibilidade, tem edições em vários países e é feita por especialistas e as afirmações que faz são baseadas em experimentos científicos... acredito no q dizem... qto ao aquecimento tb fiquei surpreso... continuo, mesmo depois de ter lido esse artigo, a fazer aquecimento, depois alongamento, treino e alongamento no final... perguntei a um professor da academia q frequento e ele tb ficou surpreso... me disse q se o artigo fala q não ajuda a prevenir lesões, ele afirma q não atrapalha tb não atrapalha.. aliás, te ajuda a ter mais flexibilidade... e só...

abçs...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

MITO NÚMERO 1

Fazer levantamento incrivelmente devagar constrói músculos incrivelmente grandes.

Levantar muito lentamente produz malhações superlongas – e isso é tudo. Pesquisadores da Universidade do Alabama (EUA) recentemente

estudaram dois grupos de levantadores de peso em uma sessão de malhação de 29 minutos. Um grupo realizou os exercícios usando a fase concêntrica (movimento de contração da musculatura) em cinco segundos e a excêntrica (movimento de extensão da musculatura) em dez segundos. O outro, numa abordagem mais tradicional, levou um segundo para o movimento concêntrico e um segundo para o movimento excêntrico. O grupo mais rápido queimou 71% mais calorias e levantou 250% mais peso que os malhadores do treinamento SuperSlow.

O que o especialista aconselha: “Os melhores ganhos em força são obtidos realizando a fase concêntrica o mais rapidamente possível”, diz o dr. Gary Hunter, principal autor do estudo. “Mas, na hora de abaixar o peso, faça-o mais lentamente e sob controle.” Existe maior potencial de crescimento durante a fase de extensão da musculatura (também chamada de fase negativa), e quando você abaixa

com controle existe menos chance de lesão

Qual o numero de reps utilizado nos exercicios??o tempo de tensao? exercicios utilizados?

Se vc considerar o mesmo numero de reps, ou seja 8 por exemplo, ai o tempo de tensao de quem fez superslow sera de 15 x 8 = 120.

o outro grupo sera suponhamos 2 x 8 = 16s

Olhe a diferenca do tempo de tensao dos dois, nao ha como fazer comparacoes com esses numeros, o primeiro caso o tempo ficou alto demais, o segundo baixo demais.

Isso nunca vai derrubar nenhuma teoria do HIT.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

MITO NÚMERO 1

Fazer levantamento incrivelmente devagar constrói músculos incrivelmente grandes.

Levantar muito lentamente produz malhações superlongas – e isso é tudo. Pesquisadores da Universidade do Alabama (EUA) recentemente

estudaram dois grupos de levantadores de peso em uma sessão de malhação de 29 minutos. Um grupo realizou os exercícios usando a fase concêntrica (movimento de contração da musculatura) em cinco segundos e a excêntrica (movimento de extensão da musculatura) em dez segundos. O outro, numa abordagem mais tradicional, levou um segundo para o movimento concêntrico e um segundo para o movimento excêntrico. O grupo mais rápido queimou 71% mais calorias e levantou 250% mais peso que os malhadores do treinamento SuperSlow.

O que o especialista aconselha: “Os melhores ganhos em força são obtidos realizando a fase concêntrica o mais rapidamente possível”, diz o dr. Gary Hunter, principal autor do estudo. “Mas, na hora de abaixar o peso, faça-o mais lentamente e sob controle.” Existe maior potencial de crescimento durante a fase de extensão da musculatura (também chamada de fase negativa), e quando você abaixa

com controle existe menos chance de lesão

Qual o numero de reps utilizado nos exercicios??o tempo de tensao? exercicios utilizados?

Se vc considerar o mesmo numero de reps, ou seja 8 por exemplo, ai o tempo de tensao de quem fez superslow sera de 15 x 8 = 120.

o outro grupo sera suponhamos 2 x 8 = 16s

Olhe a diferenca do tempo de tensao dos dois, nao ha como fazer comparacoes com esses numeros, o primeiro caso o tempo ficou alto demais, o segundo baixo demais.

Isso nunca vai derrubar nenhuma teoria do HIT.

Bom, uma pesquisa científica tem toda validade com certeza... mas nem todo mundo entende os termos utilizados e talvez essa informação tenha sido passada de maneira muito simplória... mas a título de comparação, provavelmente eles devem ter escolhido um determinado exercício, supino reto, por exemplo, e separado as amostras (os "cobaias" da pesquisa) em duas: uma faz movimentos mais rápidos e outra mais lenta... as amostras tem q ser avaliadas de maneira padronizada, ou seja, um grupo, vamos supor, vai fazer o movimento excêntrico em 1segundo e o outro em 3segundos... todas as amostras farão os exercícios no mesmo aparelho, com a mesma barra, com os mesmos pesos, etc... padronização da amostragem... não se pode comparar limões com abobrinhas... todos tem q estar nas mesmas condições... no final da pesquisa se comparam os grupos e se fazem as conclusões da mesma...

Bom, na minha opinião oq vale é BOM SENSO... cada um acredita no q quiser, aliás, se o seu treinamento é diferente do proposto pelos pesquisadores mas está dando certo, pra q mudar, não é??? A arca de Noé foi construída por amadores e o Titanic por profissionais...

É isso...

Abçs...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pra mim esse estudo nao tem validade nenhuma

Como vc disse, se todos fizeram supino reto, os dois grupos, mesmas reps e etc.. ainda sim o tempo de tensao vai ser totalmente diferente. Esse é o furo dessa pesquisa!!

120s é um tempo de tensao muito alto, é pra fibras lentas e olhe la ainda, acho demais, pra peito com certeza alguem que faria isso teria resultados horriveis! Esqueça esses estudo, está totalmente equivocado.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Moderador
7 MITOS DA MUSCULAÇÃO

MITO NÚMERO 1

Fazer levantamento incrivelmente devagar constrói músculos incrivelmente grandes.

Levantar muito lentamente produz malhações superlongas – e isso é tudo. Pesquisadores da Universidade do Alabama (EUA) recentemente

estudaram dois grupos de levantadores de peso em uma sessão de malhação de 29 minutos. Um grupo realizou os exercícios usando a fase concêntrica (movimento de contração da musculatura) em cinco segundos e a excêntrica (movimento de extensão da musculatura) em dez segundos. O outro, numa abordagem mais tradicional, levou um segundo para o movimento concêntrico e um segundo para o movimento excêntrico. O grupo mais rápido queimou 71% mais calorias e levantou 250% mais peso que os malhadores do treinamento SuperSlow.

O que o especialista aconselha: “Os melhores ganhos em força são obtidos realizando a fase concêntrica o mais rapidamente possível”, diz o dr. Gary Hunter, principal autor do estudo. “Mas, na hora de abaixar o peso, faça-o mais lentamente e sob controle.” Existe maior potencial de crescimento durante a fase de extensão da musculatura (também chamada de fase negativa), e quando você abaixa

com controle existe menos chance de lesão.

É meio óbvio que o grupo que fez mais rápido consiga levantar mais peso. Quando vc faz o movimento muito lento, vc elimina o momentum do exercício. Ao fazer com mais velocidade, vc tem ajuda do impulso, da explosão muscular inicial pra executar o movimento.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pra mim esse estudo nao tem validade nenhuma

Como vc disse, se todos fizeram supino reto, os dois grupos, mesmas reps e etc.. ainda sim o tempo de tensao vai ser totalmente diferente. Esse é o furo dessa pesquisa!!

120s é um tempo de tensao muito alto, é pra fibras lentas e olhe la ainda, acho demais, pra peito com certeza alguem que faria isso teria resultados horriveis! Esqueça esses estudo, está totalmente equivocado.

Só fiz uma suposição... não li a pesquisa... simplesmente copiei o artigo... a gente tá falando de RESULTADOS e não de tensão (a pesquisa fala q os resultados foram melhores num grupo q em outro): não interessa se um grupo levanta os pesos em 10 segundos e o outro em 1 segundo... não sei os métodos q foram utilizados... e é como eu disse: se pra vc tá as coisas estão funcionando bem, pra q inventar moda e fazer oq os "outros" estão dizendo???

É isso...

Abçs

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Visitante
Este tópico está agora destravado para futuros posts.
 Compartilhar





×
×
  • Criar novo...