Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

DOR na COLUNA NÃO ME DEIXA MALHAR -Continuo na luta até hoje


HUMBERTORF
 Compartilhar

Post Destacado

Olá pessoal,

Comecei a fazer musculação aos 18 anos (hoje tenho 32) e sempre procurei treinar corretamente, suplementando e com boa alimentação. Há uns 4 anos comecei a sentir muita dor nas costas. Essa dor chegou a um nível insuportável, de modo que eu acordava sempre de madrugada com uma dor terrível na altura da lombar e não conseguia mais ficar deitado (eu levantava e ficava em pé até aliviar um pouco ou tinha que tomar algum remédio).

Na época eu pegava pesado no treino e tentei diminuir as cargas pra ver se aliviava. Mas mesmo com a diminuição dos pesos a dor persistia (afetou até o ciático). Mesmo malhando como um frango (pegando leve mesmo) a dor, principalmente quando eu ficava deitado, era insuportável. Tentei até cortar alguns exercícios que forçam muito a coluna, mas mesmo só com supino, Scott, esses mais básicos a dor continuava.

Na época, fiz um raio x, a pedido de um ortopedista e ele detectou uma “espondilose com espondilolistese em t5 com desvio de 25%” (tem muito tempo, não lembro se era exatamente assim). Ele passou fisioterapia e posteriormente RPG, e disse que eu podia continuar a malhar (pegando mais leve) que não tinha problema.

Fiz toda a FISIO e RPG (e continuei malhando) mas não adiantou, a dor continuava (não conseguia ficar mais de 4 horas seguidas deitado).

Chegou um momento que desisti, larguei a musculação e, num curto espaço de tempo (umas 3 semanas), a dor sumiu 99%. Uns três meses após o sumiço da dor tentei voltar a malhar, mas no primeiro dia do meu retorno a musculação (pegando leve nos pesos) não consegui nem dormir à noite de tanta dor nas costas. Resultado: larguei de novo.

De lá pra cá não voltei mais à academia, e vez ou outra malho na rua mesmo, fazendo barra fixa e paralela (esse não me causam dor).

Levando em conta que hoje a situação $$$$$ melhorou um pouco, estou decido a tentar novamente. Me consultei com outro médico e na segunda passada fiz uma ressonância magnética e amanha pego o resultado. Dependendo de como estiver a coluna e o que o médico disser, vou fazer novamente fisio, pilates ou qualquer outra coisa que ajude.

Se ele liberar a musculação vou procurar uma boa academia pra malhar de acordo com minhas limitações, pra ver se ainda tem jeito.

Gosto muito de malhar e sinto muita falta mesmo. Nesses anos parado engordei 12 kg (não sei se por conta do sedentarismo ou do casamento, kkk) e percebi que outros problemas vieram (auto estima baixou e tal). Esse é apenas um relato (caso alguém se interesse e/ou tenha passado por algo parecido). Vou continuar na luta e a cada novidade vou postando aqui.

Abraço a todos!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


situaçao chata!!!! tenho 31 anos atualmente, e tmb tive um problema na coluna, apesar da minha coluna parecer uma letra "S" eu ainda tenho uma vertebra amais, a qual nao se formou direito, mas o meu caso acredito que eu tenho sorte, pq somente tenho dor se caso eu ficar sem treinos regulares na academia, caso eu fique direto nao tenho problemas! mas de toda forma vc pode procurar um esporte alternativo, a nataçao e bem completo e pode ser uma alternativa.

abraço

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 semanas depois...

Também tive um problema com o nervo ciático. Fui no ortopedista que me solicitou um raio-x. De cara, fui orientado a parar com o futebol e musculação, porque o nervo tem que repousar. Não pode fazer esforço físico. Talvez os 3 meses que vc parou não tenham sido o suficiente.

Abraço.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 anos depois...

Praticamente igual ao caso do Humbertorf, fui diagnosticado com Espondiloartrose lombar. Na hora eu até consigo fazer mas no decorrer do dia, as dores começam ( costas ). Tem momentos em que penso em largar tudo mas se eu desistir pode ser pior ( ou não ). Estipulei uma meta mas as vezes não sei se conseguirei ou não. Estou tomando Glicosamina + Condroítina e esperando que surta algum efeito, além é claro dos alongamentos que são necessários. Se alguém tem ou já teve esse problema gostaria que comentasse.

 

Bom dia à todos

 
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Moderador

Praticamente igual ao caso do Humbertorf, fui diagnosticado com Espondiloartrose lombar. Na hora eu até consigo fazer mas no decorrer do dia, as dores começam ( costas ). Tem momentos em que penso em largar tudo mas se eu desistir pode ser pior ( ou não ). Estipulei uma meta mas as vezes não sei se conseguirei ou não. Estou tomando Glicosamina + Condroítina e esperando que surta algum efeito, além é claro dos alongamentos que são necessários. Se alguém tem ou já teve esse problema gostaria que comentasse.

Bom dia à todos

Olá amigo a sua lesão é degenerativa e progressiva, você precisa sim de exercícios físicos para ajudar a sustentar sua lombar, mas precisa excluir todo e qualquer exercício compressivo e fazer um trabalho de descompressão da coluna com um Fisioterapeuta que terá que ser de manutenção ou seja, contínuo, pois só a força da gravidade com você em pé já ajuda a agravar o seu problema.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom dia... peço ao Dr. Fernando Brito me corrigir se eu estiver errado...

 

Seu problema é um deslizamento por desgaste da coluna, onde ocorre a pressão em cima do nervo... certo? por ser entre T4 e T5, pega exatamente no ciático...

 

bom, ao meu ver, como personal, passaria seu treinamente evitando qualquer tipo de compressão discal, principalmente exercícios com barra nas costas.

infelizmente deve ser cortado de seu treino exercícios que promovam maior compressão e posições devem ser corrigidas...

Agachamento infelizmente vc não conseguira fazer, porém o Leg press SEM flexão pélvica pode ser uma opção (só não descer demais o carrinho!) cadeira extensora, adução e abdução devidamente apoiado em um angula de 75º acho que evitara a dor, por remor a pressão da gravidade do topo do seu corpo e colocar no seu peito, lembre-se, sempre treine com o abdomem contraído!!!

exercícios de banco reto, sempre com o pé apoiada no próprio banco e coluna 100% encostada no banco, evitando aquele movimento de arco que se faz pra compensar a falta de força (muito comum no supino reto)...

exercícios que fosse fazer em pé, faça sentado em um banco com uma inclinação leve de 75º pelo menos... tipo rosca direta, elevação lateral, desenvolvimentos, etc.

Abdominal, nenhum tipo de abdominal ativo, apenas ponte e com o quadril muito bem encaixado pra evitar compressão da coluna... nada de extensão lombar...

esses seriam os exercícios ou melhor a forma com que passaria um treino pra um aluno com o seu perfil...

mas acima de tudo, manteria contato constante com seu Fisioterapeuta...

exercícios que passaria pra trabalhar bem sua coluna, que ACHO que poderia dar resultados pela grande solicitação de eretores e estabilizadores da coluna... Stiff, Remada curvada e crucifixo inverso... cargas gradativas, sem errar postura... primcipalmente, sem movimento ativo pra "ROUBAR" no exercício...

 

mas meu príncipal conselho é... Fisioterapia, e contrate um personal se realmente quiser voltar a treinar, mas um bom, que realmente se atente a essas coisas!!!

 

ABS e espero que melhore!!!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta 100% gratuita!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
 Compartilhar

×
×
  • Criar novo...