Ir para conteúdo

Health Designs: importação de suplementos com jeitinho brasileiro

fisiculturismo
  • , 3991520 visualizações

Não é novidade para ninguém que o valor dos produtos comercializados no Brasil normalmente é muito maior do que nos Estados Unidos. Não é diferente com suplementos alimentares. Alguns suplementos chegam a custar quase cinco vezes mais aqui no Brasil.

Por isso, muitos brasileiros têm se utilizado das compras via internet para economizar um dinheirinho com suplementos alimentares, fazendo importação direta dos produtos. Um dos sites mais acessados pelos Brasileiros é o Health Designs (link com referral code e desconto de 5 dólares para primeira compra).

Esse site tem uma peculiaridade que chama muito a atenção para nós, brasileiros. De acordo com a nossa legislação, produtos no valor de até 50 doláres enviados do exterior por pessoa física para residentes no Brasil estão isentos de imposto de importação.

Portanto, qualquer produto enviado por um site ou por uma loja (pessoa jurídica) deve ser tributado em 60% (alíquota do imposto de importação). O que ocorre é que a tributação se dá por amostragem, e algumas pessoas que importam suplementos de lojas acabam se valendo da sorte e não são tributadas.

O site Health Designs quer aumentar ainda mais a sua sorte. Para fugir da tributação, esse site promete enviar o seu pedido falseando o valor das compras. Ao invés de declarar o valor integral dos produtos, o site promete declarar somente metade do valor. Por exemplo, se você comprar 100 dólares em suplementos, na caixa aparecerá apenas 50 dólares em produtos.

Além de prometer declarar valor menor na caixa, o site também promete indicar como conteúdo da caixa produto de uso pessoal relacionado a saúde e beleza, e não suplemento alimentar. Se a declaração fosse de suplemento alimentar, a caixa poderia ser encaminhada à ANVISA para avaliação de permissão de entrada do produto e solicitação de prescrição de profissional da saúde (médico ou nutricionista).

ccs-69938-0-51216400-1379032068.gif.png

Resolvemos fazer um teste para confirmar essa promessa. Compramos o suplemento alimentar Cher-Amino Protein Liquid da Twinlab. O produto custou 19,19 dólares. O frete foi de 14,26 dólares. O valor total da compra foi de 33,45 dólares. A compra foi realizada em 10/10/2012.

ccs-69938-0-13938400-1379032067.gif.png

Em 14/11/2012, pouco mais de um mês depois da data da compra, o produto foi entregue no endereço que indicamos. A caixa não parou na ANVISA e não houve tributação pela Receita Federal. Eis as nossas principais constatações sobre o modo como o produto foi enviado:

  1. a caixa é discreta, não ostenta qualquer símbolo da loja de suplementos alimentares que pudesse chamar a atenção dos fiscais alfandegários;
  2. o remetente é uma pessoa física (Mark Schneider), sem qualquer referência à loja Health Designs;
  3. o valor do produto (19,19 dólares) foi declarado como sendo 9,60 dólares, metade do valor real, assim como prometido no site;
  4. o conteúdo da caixa foi declarado como sendo suplementos alimentares para uso pessoal (Nutritional Supplements for Personal Use), não correspondendo à promessa do site de que haveria declaração de produto de uso pessoal relacionado a saúde e beleza (Health and Beaty - Personal Use).

ccs-69938-0-94646300-1379032064.jpg

Como se vê, as promessas da Health Designs foram parcialmente cumpridas no caso de nossa compra de avaliação. Houve descumprimento apenas no que tange à declaração de conteúdo da caixa, o que poderia ter implicado em sua retenção pela ANVISA e exigência de prescrição de profissional da saúde.

De qualquer modo, fica claro que a Health Designs se empenha para tentar agradar aos brasileiros, tornando mais fácil o acesso aos suplementos, diminuindo os riscos de tributação e retenção pela ANVISA.

Talvez a conduta adotada pela Health Designs possa não ser muito bem vista pelas autoridades locais, e tem cara de "jeitinho brasileiro". Mas pela ótica do consumidor brasileiro de suplementos, parece ser só alegria, sendo uma alternativa para se fugir dos preços extorsivos que são praticados no Brasil quando se trata de suplementos alimentares.

Quem ainda não experimentou importar suplementos alimentares dos EUA pela internet pode se valer de um cupom de desconto de 5 dólares que é oferecido pela Health Designs para compradores de primeira viagem. Saiba mais no tópico

Atualização

A Health Designs mudou a sua política de remessa de encomendas para o Brasil. Pelo que verificamos, a empresa passou a declarar na embalagem o valor integral e correto das mercadorias enviadas. Somente o valor do frete não está sendo declarado. Portanto, a chance de a encomenda ser tributada no Brasil é muito grande. Para tentar escapar da voracidade do fisco (60% de imposto de importação), procure realizar pedidos com valor total inferior a 50 dólares.

Eis a nova política da HD:

What will the customs label look like and can you mark my package as a gift or adjust the value please?
HealthDesigns currently declares the subtotal value of your order. That is, the value of the products only. We do not include the shipping cost in your declared value. All goods are listed as "Other" or "Merchandise" based on the shipping carrier. We cannot change or alter your declared value for any reason due to international customs laws we abide by.

Resumido em Português:

A Health Designs declara na embalagem o valor total do pedido, excluído o valor do frete. Os produtos são declarados como "outros" ou como "merchandise". Não são aceitos pedidos de declaração de outra forma por qualquer motivo.

post-69938-0-56985000-1389142289.jpg

post-69938-0-89059500-1392496806.jpg

post-69938-0-21447800-1393036394.jpg

Editado por fisiculturismo


Comentários

Comentários Destacados



Em 11 de agosto de 2016 at 12:30, Gamma Senpai disse:

É preciso ter cartão de crédito internacional? Eu não tenho.

A Health Designs, além de aceitar a forma tradicional de pagamento por cartão de crédito internacional, também aceita o pagamento por boleto bancário atualmente:

formas-pagamento-health-designs.gif

Finalmente recebemos a nossa última compra de teste. Fizemos esta compra para averiguar se as encomendas abaixo de US$ 25,00 estavam sendo liberadas sem tributação, como tem se propalado na internet.

Fizemos uma compra de US$ 11,12, valor que veio corretamente declarado na caixa. O frete não foi declarado.

Infelizmente fomos tributados em 60% sobre o valor declarado na caixa e também tivemos que pagar a absurda taxa dos Correios de R$ 12,00 (taxa que é cobrada pelo serviço prestado à Receita Federal, e não ao consumidor).

Ao final das contas, quase pagamos mais do que o valor do próprio produto em impostos ao governo brasileiro e taxa aos Correios. Viva o Brasil!

De qualquer modo, como o valor do produto foi muito barato US$ 11,12 (aproximadamente R$ 35,00), somadas as despesas alfandegárias brasileiras (R$ 33,90), nosso pré-treino ficou com custo final de aproximados R$ 70,00. E um pré-treino com a composição semelhante àquela do que adquirimos, aqui no Brasil, não sai por menos de R$ 200,00.

E a encomenda demorou para chegar. Fizemos o pedido em 23/6/2016 e a notificação dos Correios para buscar o produto e pagar os tributos somente chegou em 11/8/2016 (final da tarde). Quase dois meses de espera.

importacao-health-designs.jpg

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
7 horas atrás, fisiculturismo disse:

Provavelmente esse excesso de tempo para a entrega seja causado pela atividade fiscal no Brasil.

Acho que hoje em dia Fisiculturismo está compensando mais não melhor comprar comida.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Recentemente recebemos a notícia de que a Receita Federal não estaria mais tributando severamente todas as encomendas vindas dos EUA. Vale a pena fazer um teste para verificar se os suplementos comprados na Health Designs poderiam se beneficiar desse tratamento menos rigoroso, ao menos nas compras de menor valor.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O site da Health Designs está fora do ar desde julho de 2017? Alguém pode confirmar essa informação?

As alternativas são iHerb, Vitacost e Bodybuilding.com.

E vamos testando a Shipito para ver se vai se consolidar como uma forma viável de importação sem pagamento de impostos de importação:

 

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Não dá mesmo pra fugir das taxas de importação, mas é mais fácil passar se forem produtos com o menor peso e embalagens discretas... tenho comprado no iHerb, sempre pacotes pequenos e não estou sendo taxado. Usar cupons de desconto também é sempre bom

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta em nossa comunidade! É rápido, fácil e grátis!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora

  • Conteúdo Similar

    • Por PALAU
      Fiz uma pequena compra no site https://www.tfsupplements.com, mais para testar mesmo.
      Os preços são um pouco menores aos da bodybuilding.com, mas o que faz a diferença no final é o frete, bem mais barato.
      Se o produto for taxado, isso sem dúvida pesará para diminuir o valor final do suplemento.
      Minha compra foi 1 Muscletech Anator P70, 1 Muscletech NaNo Vapor e 1 caixa de barras de proteína Muscletech Nitro tech. Na verdade, tá mais para uma compra média, hehe...
      Valor dos produtos = US$ 116,85
      Desconto referente a cupom promocional obtido na internet = - US$ 3,00
      Frete = US$ 21,95 (na bodybuilding.com, o frete destes produtos ficaria em US$ 65,99)
      Total = US$ 135,80
      Se passar pela ANVISA e for taxado em 60%, considerando dólar a R$ 1,80, tudo sairá R$ 400,00.
      Se passar direto sem tributação ficará em R$ 250,00.
      Vamos ver se chega...
      * Atualizando esse primeiro post, os produtos chegaram cerca de 40 dias após a compra, foram barrados pela ANVISA e liberados mediante apresentação de receituário (que foi médico, mas que poderia, segundo a servidora da ANVISA, ser de nutricionista).
      Valor final da compra ficou realmente em R$ 400,00, já que incidiram impostos.
    • Por Locemar
      Será que vai mesmo acontecer? O foda é se tiver que toda hora ficar entrando com uma ação na Receita pra liberar o pedido sem tributação.
      http://www.tecmundo.com.br/governo/49800-e-lei-compras-internacionais-abaixo-de-us-100-nao-podem-ser-tributadas.htm

       
    • Por Bryaan
      Salve, fui ver hoje meu rastreio da DHL que eu pedi na encomenda da HD.
      e tava la aguardando a retirada , liguei pra ver se tinha sido tributado e talz
      e a mulher me disse que não que nao tinha nada constando no sistema e pa
      beleza , fui la pegar a encomenda , tributo em quase 68 reais de uma encomenda
      de 46,47 , vo deixar o link das imagens , pra voces entenderem , até aonde eu entendi
      o valor enviado pela HD foi de US12,76 , e em vermelho de caneta escrito bem grande
      US 49,00, isso pode ter sido adulterado ou o que? posso recorrer a isso?
       

×
×
  • Criar novo...