Ir para conteúdo

punisher_br

Membro
  • Total de itens

    97
  • Registro em

  • Última visita

  1. Só reacendendo a discussão teórica, falei com 2 professores da minha academia (1 coordenador, macaco velho), e um disse: - Que não seria bom esse tipo de treino pq as fibras neurais são afetadas antes das fibras musculares, portanto 1 série de cada exercício não seria o suficiente para fatigá-lo ao máximo. Na minha opinião, não reflete mto a realidade, pq tem o HIT que faz uma série de 1 exercício pra cada grupo muscular!!! Então, a opinião dele foi por terra pra mim. - O segundo disse que o stress muscular máximo nas fibras musculares só é conseguido após diversas sessões de treinamento com os mesmos exercícios. Daí, seria mais válido fazer um treino "padrão" por 1 mês e depois trocar os exercícios, manter mais 1 ou 2 meses, e trocar de novo... assim vai. Até concordo com a opinião do cara, mas sei lá, ainda acho válido tentar.
  2. Por enquanto tá só na teoria... vou testar ele a partir de 1º de junho, aí posto os resultados!
  3. Nunca falei que era hit. E acho que independentemente do treinamento, vc deve levar o músculo à exaustão, seja com mta carga e pouca repetição, seja com carga menor e mais repetições. A não ser que vc corra profissionalmente os 100m rasos, duvido q qq professor passe uma série que tenha mais de 2 exercícios pra posterior de coxa. Até pq, ele já é trabalhado em exercícios como leg e agachamento.
  4. Ta ficando quente... Só pra deixar claro, o crucifixo inverso é pra parte anterior de ombros principalmente, e não pra costas. Eu uso um pouco maior o intervalo: - Resistência - 45 a 60seg - Hipertrofia - 1 a 2 min - Força - 2 a 3 min E dá pra passar 1 hora só no treino sim cara... o tempo de "montar" o exercício nem sempre vai ser grande, à exceção de remadas com anilhas ou supinos. Tudo q é na máquina ou com halter é rapidinho pra montar. Tava pensando aqui rotinas pra outros musculos, ex: Bíceps: Rosca scott, inversa, alternada, 45º, hammer e concentrada. Tríceps: Pulley corda, testa, francês, coice, pulley inverso e supino pegada fechada. Peito: supino reto hbl, supino reto 45º, supino 45º com halter, supino 30º, supino declinado, crucifixo, voador, supino hammer, paralelas, puxada cruzada, supino nas mais diversas inclinações com barra ou com halter, e outras máquinas pro peitoral.. Quadríceps: leg press, leg 45º, agachamento livre, agachamento máquina, cad. extensora, Smith unilateral, agachamento com inclinação diferente e outros aparelhos que executem o mesmo movimento, mas sempre variam. Posterior da coxa: mesa flexora, cadeira flexora, flexora em pé.. os outros compostos pra perna ja citados no quadríceps. Panturrilha: Sentada, em pé, no leg, donkey calf, inversa. Ombro/trap: remada alta, elevação lateral, frontal, cruc. inverso, encolhimento de ombro, desenvolvimento pela frente, por trás, com halter, com barra, na máq, pegada aberta ou fechada, desenvolvimento completo.. Queria que alguém dissesse algo contra... to só esperando!
  5. Po cara, dá pra fazer no minimo uns 15 só com halteres e barras...
  6. Bom, tem 36 exercícios para dorsais nesse link, se quiser mais algum, eu te falo, ok? http://muscul.az.free.fr/pt/dos.html É lelooo, vou testar esse treino. Ainda to pensando aqui o intervalo necessário entre os exercícios, pois justamente por realizarem estímulos diferentes, o intervalo deve ser diferente em relação a 2 séries de um mesmo exercício... Mais alguém aí pra ajudar a pensar?
  7. Depois de estudar diversos tipos de treino para hipertrofia (Weider, GVT, DoggCrapp, HIT/Heavy Dut, FST-7, etc), percebi as seguintes "regras" em comum: 1 - Não passe mais de 1 hora na academia; 2 - Varias usualmente os exercícios realizados, para recrutar novas fibras musculares; 3- Leve seu músculo até a falha (seja em poucas ou mtas repetições); 4- Alimente-se e descanse bem; e 5- Faça aeróbicos visando o condicionamento físico - não exagere nos mesmos - faça após a musculação. Fatores externos à parte (alimentação, descanso, etc), pensei bastante sobre o item 2. Pelo menos pra mim, um dos principais motivos de trocar o treinamento é o músculo "acostumar" com determinados exercícios. Trocar o volume de repetições e séries é fator secundário. Assim, pensei "E se tivesse um treino que a variação fosse constante? O estresse muscular se daria por todos os lados". Chega de blablabla, o treino é esse: - Em vez de fazer 3 séries de 4 exercícios de costas, por exemplo, executar 1 série de 12 exercícios de costas. Para diferenciar, vale os exercícios livres e em máquinas. Exemplo: hj eu faço 2 exercícios de bíceps (rosca alternada e rosca sentada no banco - barra w), com 3 séries de 6 a 8 cada. Ou seja, faço 6 séries de bíceps. Por essa metodologia, eu poderia fazer 1 série de 6 a 8 tb, dos seguintes exercícios: - rosca alternada - rosca no banco - barra reta - rosca concentrada - rosca inversa - bíceps hammer - bíceps robô (máquina) Assim estaria levando o músculo a trabalhar nas mais diversas posições, recrutando um número maior de fibras em cada treinamento. O objetivo seria ainda usar a maior carga possível em cada série, levando à falha em todas elas. Quem quiser ajudar aí nesse método de treino, seria bem legal. Pretendo testar ele no começo do próximo mês, vamos ver no que dá.
  8. O treino é válido. Não entendi o dia de pernas, que se diz "completo" e não tem nenhum exercício com foco no posterior da coxa, como mesa/cadeira flexora. 2 exercícios pra trapézio tb acho desnecessário. Quantas séries são feitas? Quantas repetições são feitas? Detalha melhor aí...
  9. Críticas sempre são bem vindas, ainda mais em um forum. Vamos lá: - O treino contraria um dos princípios básicos de Weider, que é a pré-exaustão (realizar um exercício isolado antes de um composto, ex. crucifixo antes do supino. Desta forma o peitoral no supino irá falhar antes do tríceps ou ombro). - A recomendação de alongar entre as séries para aumentar a eficácia é totalmente equivocada no meu ponto de vista. Ao contrair o múscula, a actina e miosina se "encontram"; ao alongar elas se afastam. Alongar entre as séries faz com que a contração total seja dificultada, justamente pelo afastamento destas proteínas, causado pelo alongamento. Ademais, há diversos estudos (eu fui cobaia de um) que comprovam que o alongamento entre as séries não aumenta em nada a força muscular; ao contrário, muitas vezes diminui. No resto o treino é igual ao bom e velho Weider.
  10. Pessoal, se alguém tiver problema na Anvisa, manda uma MP que de repente eu posso ajudar. Consegui liberar meus produtos só após entrar com processo na Justiça Federal.
  11. Bom, to te falando q eu engordei de novo sim (eu não sou gordo, qndo falo "engordei" é recuperei o q tinha). Hj, segunda, após a 2ª recarga, to me sentindo na estaca zero praticamente... .mas ao longo da semana isso melhora. Vou passar a fazer areóbico 2x na semana pra ver como fica. Té mais.
  12. To no último dia da 3ª semana Realmente, após a 1ª recarga, fiquei bem melhor, minhas dores de cabeça sumiram e estou com o gás normal pra ir pra academia. Após a recarga, recuperei 100% do peso e 90% da gordura q havia perdido nas 2 primeiras semanas, ou seja, progresso! Continuo postanto semanalmente, pq todo dia fica chato e repetitivo. Fui.
  13. Cara, pra perder BF, depois do treino é melhor. Como já falaram, durante o treinamento anaróbico (musculação), seus estoques de glicogênio vão se acabando. Assim, ao praticar posteriormente um exercício aeróbico, seu corpo não terá nada além de gordura pra gastar como fonte de energia. Procure trabalhar na zona alvo dos batimentos cardíacos e priorize a corrida, nem que seja pra dar uns "trotes". Abraços
  14. É, realmente só li as 3 ou 4 primeiras pags.. Bom, eu to pretendendo fazer só 1 mes pq to afinando em tudo... se realmente após a recarga eu tiver melhor, aí continuo até uns 2 meses. Só quero mesmo perder a pochete, naum tenho gordura acumulada em mais nenhum lugar. Quero ver como vaão ser as proxs semanas, ja q essas 2 semanas q eu comecei a dieta tava de férias.... voltando ao trabalho, vai ser foda por causa do cansaço e da dificuldade de cober só proteina e gorduda (vou ter q comer hamburguer e queijo SEMPRE no lanche da tarde...). A dor de cabeça deve ser por causa do pouco carbo mesmo... só teve um dia q eu comi carboidrato realmente (ataquei um bombom q tava dando sopa aqui). Eu tb naum quero demorar mto pra começar pq to com 2 potes de SizeOn (complexo de creatina), uma whey importada e umas dextroses aqui em casa, só me aguardando... Não acho válido tomar a creatina junto com essa dieta, 1º pq a creatina é melhor absorvida com dextrose (puro carboidrato), 2º pq to comendo carne vermelha pra caralho, que é a fonte natural da creatina. É isso, boa sorte pra quem ta fazendo a dieta tb... Boa sorte pra mim, q vou me virar nos 30 pra comer o que posso durante o trabalho.. Abraços
  15. Ah, e n to fazendo aeróbico nenhum e treino AB 4x na semana.
×
×
  • Criar novo...