Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Pesquisar na comunidade

Resultados para as tags 'supino'.

  • Buscar por Tags

    Digite tags (palavras-chave) separadas por vírgulas, não use hashtags (#).
  • Buscar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fórum

  • Suplementos Alimentares
    • Tópicos sobre suplementação
    • Relatos de uso de suplementos alimentares
  • Anabolizantes Esteroides
    • Tópicos sobre esteroides
    • Relatos de ciclos
  • Treinamento de Musculação
    • Tópicos sobre treinamento
    • Lesões musculares
    • Diário de treino
  • Nutrição Esportiva
    • Tópicos sobre nutrição
    • Relatos sobre dietas
  • Gente
    • Tópicos de evolução do shape
  • Assuntos Diversos
    • Tópicos diversos
  • Fãs do Ronnie Coleman's Tópicos

Calendários

  • Campeonatos de musculação
  • Cursos, palestras e feiras
  • Lives

Categorias

  • Esteroides
  • Suplementos
  • Treinamento
  • Nutrição
  • Gente
  • Diversos

Categorias

  • Esteroides
  • Suplementos
  • Treinamento
  • Nutrição
  • Gente
  • Diversos

Categorias

  • Aves
  • Bebidas
  • Carnes
  • Lanches
  • Legumes
  • Ovos
  • Massas
  • Peixes e Frutos do Mar
  • Saladas
  • Sobremesas

Categorias

  • Abdominal
  • Antebraço
  • Bíceps
  • Costas
  • Coxa
  • Glúteo
  • Lombar
  • Ombro
  • Panturrilha
  • Peito
  • Pescoço
  • Romboide
  • Trapézio
  • Tríceps

Pesquisar resultados em...

Pesquisar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    Fim


Data de Atualização

  • Início

    Fim


Filtrar por número de...

Data de registro

  • Início

    Fim


Grupo


Telefone Celular (WhatsApp)


Telefone Fixo


Interesses


Facebook


Instagram


YouTube


Twitter


Website


Tumblr


Série de Treinamento


Suplementação


Dieta Nutricional


Ciclos de Esteroides Anabolizantes & Drogas Afins


Academia


Altura


Peso


Percentual de Gordura

  1. Luan Viana

    Supino no cross

    Posicionar a polia do cross bem alta; Pegar a primeira polia, trazendo-a para próximo do corpo e em seguida pegar a segunda polia; Fazer um passo à frente e deixar os pés em posição anteroposterior; Manter o abdome contraído e as escápulas unidas o tempo todo; Manter o tronco reto, estabilizado e inclinado na direção da polia para o chão; Esticar à frente fazendo a contração voluntária do tríceps, do peitoral e do ombro; Cruzar uma mão sobre a outra; Alongar bem atrás sem relaxar as escápulas.
  2. Ajustar o encosto do banco para 30º (fica mais ou menos entre o 45º e o reto); Pegar os halteres com o auxílio das coxas e posicionar-los bem embaixo, com as escápulas unidas; Manter o abdome contraído o tempo todo; Não retificar a coluna (apoio no quadril e nas escápulas); Manter o punho sempre embaixo do cotovelo; Manter o halter na linha média do externo; Fazer a contração voluntária do peitoral, subindo até ligeiramente antes do encaixe articular; Alongar o máximo que conseguir lá embaixo.
  3. Ajustar o banco para que a pagada das mãos fique ligeiramente abaixo da linha do ombro; Ajustar a pegada das mãos para o mais próximo possível do corpo (proporciona mais amplitude ao movimento); Pegar o aparelho de modo que os punhos e cotovelos fiquem alinhados na posição de 90º (na "metade do caminho"); Fazer a extensão do cotovelo sem fazer o encaixe articular ao final; Alongar o máximo que conseguir para trás; Sempre manter alinhado o punho e o cotovelo; Manter as escápulas unidas; Deixar a cabeça em posição neutra (sem movimentação).
  4. Deitar no banco apoiando completamente o tronco, o qual deve se mantido ereto e apoiado durante toda a execução; Manter os dois pés no solo; Pegar a barra com as mãos na largura aproximada dos ombros; Manter os cotovelos fechados; Descer a barra próximo ao diafragma (alinhar a mão e o cotovelo ao vetor do centro de gravidade); Subir a barra com o máximo de amplitude, sem fazer o encaixe articular;
  5. Alinhar os halteres ligeiramente mais abertos do que a linha dos ombros (os punhos devem estar alinhados com os cotovelos no ângulo de 90º); Manter o tronco e quadril encostados no banco (curvatura natural da coluna); Fixar os pés no solo; Flexionar os cotovelos para baixo com o máximo de amplitude possível (descer os halteres além da linha do tronco) e na linha média do tórax; Estender os cotovelos ao máximo mantendo os halteres paralelos (sem encostar os halteres ao final e sem realizar o encaixe articular).
  6. Alinhar os halteres ligeiramente mais abertos do que a linha dos ombros (os punhos devem estar alinhados com os cotovelos no ângulo de 90º); Manter o tronco e quadril encostados no banco (curvatura natural da coluna); Flexionar os cotovelos para baixo com o máximo de amplitude possível (descer os halteres além da linha do tronco) e na linha média do tórax; Estender os cotovelos ao máximo mantendo os halteres paralelos (sem encostar os halteres ao final e sem realizar o encaixe articular).
  7. Posicionar os halteres um pouco mais abertos do que a linha dos ombros (os punhos devem estar alinhados com os cotovelos no ângulo de 90º); Estabilizar o tronco e quadril, mantendo-os encostados no banco (curvatura natural da coluna); Firmar os pés no solo; Flexionar os cotovelos para baixo com o máximo de amplitude possível (descer os halteres além da linha do tronco) e na linha média do tórax; Estender os cotovelos ao máximo mantendo os halteres paralelos (sem encostar os halteres ao final e sem realizar o encaixe articular).
  8. Pegar a barra com abertura que considere o alinhamento dos punhos com os cotovelos no ângulo de 90º (formado entre braço e antebraço); Manter o tronco e quadril encostados no banco; Firmar os pés no solo; Descer a barra completamente até a linha média do tórax, com os cotovelos voltados para baixo; Estender completamente os cotovelos, sem fazer o encaixe articular.
  9. Alinhar o punho ao cotovelo na abertura da pegada na barra; Descer a barra até tocar o peito na porção do terço inferior do externo; Empurrar até estender completamente os cotovelos, sem fazer o encaixe articular.
  10. Pegar a barra com as mãos em 90º com os cotovelos; Manter o tronco e quadril apoiados no banco; Firmar os pés no solo; Descer a barra até tocar na linha média do tórax; Estender os cotovelos, sem realizar o encaixe articular.
  11. Bom, então, eu começei a fazer musculação em 2008 porque era gordinho e tinha que perder peso, e em 2009 eu tava fazendo supino reto deitado com barra, e senti uma forte fisgada no meio do peito, como se fosse uma compressão, como se ele tivesse encurtado. Desde então, meu peito (esterno) nunca mais foi o mesmo. Sinto dores o dia inteiro, independente de fazer exercício ou não. Fui a dezenas de médicos, fiz dezenas de exames. Fiz fisioterapia, rpg, pilates, natação, acunpuntura, massagem, tudo que possa imaginar, e a dor continua. Ela melhorou em intensidade do que quando começou, mas as vezes eu tenho "crises" nas quais a intensidade volta a aumentar. Quando eu sinto que fortaleço as costas ou moderadamente a região peitoral, sem forçar muito, sinto uma melhora, mas até com o stress eu sinto piorar (seja físico ou psicológico). Ultimamente eu fui num médico, ele pediu uma escanometria dos membros inferiores e deu que eu tinha 5mm de encurtamento da perna direito e uma leve escoliose com concavidade pra direita tbm, portanto ele mandou eu usar uma palmilha para que pudesse normalizar. Realizei outro exame 1 ano mais tarde e deu que o encurtamento tinha diminuido para 2mm, o que fez o médico falar para eu parar de usar a palmilha, pois ele era insignificante. Fato é que depois desse tempo todo usando a palmilha minha escoliose inverteu um pouco, e passou a uma leve concavidade à esquerda. O último médico que eu fui, eu relatei tudo isso a ele, e ele levantou a hipótese de ser fibriomialgia, visto que eu tenho outros pontos de dor (cervical e lombo-sacra). Ele falou que isso decorre de uma queda na produção de dopamina e endorfina eu acho, e por isso ele me indicou outro médico que me passou alprazolam que é um ansiolítico tarja preta. Tomei o alprazolam durante um mês e senti melhora, porém eu parei porque não queria criar dependência e voltei ao meu estado normal de dor. Agora ele me indicou para tomar apenas em crises. Isso tudo é muito frustrante, porque até agora eu não sei o que eu tenho, e isso realmente atrapalha nos meus treinos. Já me falaram em síndrome de Tietze (costocondrite), só que eu fiz muita fisioterapia e tomei anti-inflamatório e analgésico, mas nada nunca surtiu efeito. Também me falaram de tendinite no esterno, mas não vejo muito sentido nisso. Estou sem opções, se alguém tiver alguma sugestão será muito bem vinda.
  12. Tendo em vista uma questao em um tópico..resolvi criar esta enquete para saber o tipo de pegada que cada um dos participantes do forum fazem em relação ao supino (e que pode ser aplicado a outros tipos de exercicios com a pegada supinada e pronada) abçs COMO É A SUA PEGADA NO SUPINO? POLEGAR PRA FRENTE? OU POLEGAR PARA TRÁS? E QUAL É A MANEIRA CORRETA DE EXECUTAR O MESMO? a)Executo o supino com o polegar para frente, ou seja, o polegar envolvendo a barra b)Executo o supino com o polegar para trás, ou seja, todos os dedos juntos atras da barra
  13. Pessoal tenho um incômodo no ombro faz um tempinho já , consigo malhar normal , jogar bola normal , faço tudo normal só que ele incomoda quando estou andando(no movimento involuntário do braço quando estamos andando). Pois é mas ai queria a opinião de vocês Essa dor começou quando eu tava fazendo supino reto , na hora doeu muito mesmo , mas depois só ficou essa dorzinha de leve na parte posterior do ombro Obs : consigo Malhar , consigo fazer tudo mas por preocupação com o ombro mesmo venho pedir a ajuda de vocês, Obrigado Msn : thiagonkx@hotmail.com
  14. Ola, gostaria de saber se alguem ja fez esse exercicio: No supino reto vertical vc faz ele mas na excêntrica alguem empurra o peso para vc segurar mais. é bom estou fazendo ha apenas 1 semana e estou gostando
  15. Ola pessoal, eh o seguinte, ha 1 semana atras eu estava fazendo supino inclinado , e como era minha primeira vez nesse exercicio, ao invez de levar o peso pra cima, eu levei o peso pra frente como se estivesse num supino reto , ou seja, o peso foi caindo e eu tive q segura-lo basicamente todo com meu ombro...na hora nao doeu nda , e nem na proxima vez q eu fiz peito, ou ombro...+ hoje acordei com uma dor no ombro q esta me preocupando, sera q eh alguma lesao dakele dia do supino inclinado??obrigado, te +
  16. iae.. tpo.. eu tava fazendo série 3x12 em todos os d peito.. aí.. um dia eu tava puto ja pq eu queria mudar d série e sempre rolava alguma parada q eu nao ia.. aí eu cheguei e disse.. a vo mandar minha série.. peguei botei uns 30 kg em cada lado no supino ( eu sei q nao eh mto + eu sou novo..) e fiz o maximo q eu conseguia por série.. no maximo entre 3x10 e 3x6.. aí eu fiz isso no supino reto e no declinado.. aí eu fui pro inclinado.. botando + peso tmb.. eu tirei a barra desci pro peito.. qnd tava acabando d fazer a 1ª o braço direito n sei q q aconteceu soh sei q perdi a força do direito e a barra foi decendo estralando tudo.. aí eu nao consegui + forçar o braço... nem levantava.. soh levantava se alguem levantasse ele... aí fui no medico passou anti inflamatorio e fiquei com tipóia dps outro anti inflamatório e gelo.. isso desde MAIO até hj ele nao ta 100% as vezes ta melhor as vezes pior.. nunca tirei ressonancia pq eh caro.. será q eh melhor tirar?? eu acho q eh ligamento.. sei lah da a opinião d vcs ae vlw..
  17. Olá pessoal, Faço musculação há mais de 10 anos. No dia 27 de outubro de 2005 eu estava fazendo supino inclinado, ainda aquecendo, com peso de 20 kgs de cada lado. Estava com um pouco de pressa, e sem perceber, inclinei o banco mais que deveria, ao invés de 45º coloquei um pino mais alto, mais próximo dos 90º. Ao descer o peso senti uma forte dor no ombro direito, não conseguindo mais voltar o peso sem ajuda. Coloquei gelo na hora e fui ao médico. Foi constatado lesão SLAP NO OMBRO, vejam sobre no link abaixo. http://www.dornoombro.com/problemascomuns/slap Fiz fisioterapia por meses, sem resultado e a ressonância não conseguiu visualizar a lesão com precisão. É preciso que seja feita a artroressonância magnética (ARTRO-RN), com o contraste, que é muito mais preciso que a ressonância. Com o exame, o médico verá com a devida precisão, para que através de uma cirurgia possa recuperar o ombro. Não sinto dores no dia a dia, apenas se eu tentar treinar o membro superior. O exame custa uns R$ 2.000,00, ainda não fiz, o plano não cobre esse exame. Pergunto, alguém já teve isso, ou algo parecido no ombro? Será que com a cirurgia fica perfeito o ombro, sendo possível continuar com a musculação normalmente, sem receio de acontecer de novo? Valeu!!
  18. boa noite a todos, eu tenho uma dor muito forte quando estou treinando pesado, principaumente quando vou fazer supino enclinado ou desenvolvimento, oque posso fazer para parar éssa dor? eu ja tomei ante flamatorio mas nao resouve... obrigado
  19. tenho um campeonato de supino daqui a 2 meses e meio gostaria de algumas dicas de treinamento para esses dois meses e meio valeu!!!
  20. tenho lido muito aqui no forum sobre este supino hammer, pelo nome não conheço, alguem poderia me expicar como é feito?? e pqual o seu beneficio?
  21. Desco a barra no supino até encostar no peito ou não (90º braco com antebraco)? Queria saber as características dos dois movimentos. valeu ai pessoal
  22. no supino os pes tem que ficar no chao? eh que lah aonde eu faço tem um encosto para apoiar nos pes no proprio banco ou seja.. os pes ficam no banco flexionados.. entenderam? vai mudar alguma coisa no exercicio?
  23. Achei impressionante pro seu tamanho (deve ter nem 75kg). E ela ja havia feito 12 reps com 27.5 kg antes Mas e a execução, ela deu uma roubada facilitando seu trabalho? Ela se diz pura, o que aumenta mais o seu feito O shape é da hora também
  24. Bom galera eu to "malhando" em casa por enquanto, e daqui um tempo vou iniciar na academia.. E todos os dias com exceção dos domingos, eu faço barra fixa e flexão, 5x10 na barra, e 4x12 flexões, e eu queria saber se tem algum problema, se ao invés de ganhar eu vou perder, eu ja li em alguns artigos que esses exercícios feitos todos os dias dão bons resultados, e li tbm que fazendo todos os dias ocorre perca de massa magra.. Em alguns treinos atinge a falha em ambos exercícios..
  25. Fala galera! Eu já pesquisei por aqui, e em outros foruns, sem achar nenhuma discussão sobre o assunto. É o seguinte, nesse vídeo o Waldemar fala sobre treino de peito em geral e etc: no final do vídeo, mais especificamente aos 8:10 o Waldemar passa a seguinte mensagem: "SUPINO em máquina de alavanca convergente é melhor do que o COM BARRA. O movimento é mais natural e menos suceptível a lesão". Eu como estava realizando a muito tempo o supino reto com barra comecei a fazer na máquina, o exercício aparentemente fica bem mais isolado, bem concentrado no peito mesmo. Após a realização o pump é gigantesco, e como sempre treino sozinho, consigo destruir o peito sem medo da barra cair e me partir ao meio. Então meus caros colegas do ferro, o que acham desse assunto? Alguém faz supino na máquina convergente? []'s
×
×
  • Criar novo...