Jump to content

buendia1994

Membro
  • Content Count

    2
  • Joined

  • Last visited

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Pessoal, desculpem a demora em retornar com alguma novidade, havia perdido minha senha. Bom, como este é um problema bastante crítico e quem já passou por qualquer problema que mexe com a parte sexual do homem sabe do que eu to falando, principalmente pra quem nunca teve nada assim, fiquei bastante encucado e comecei a ir atrás do máximo que conseguia e talvez eu tenha encontrado o desequilíbrio que causou isso, mas não tenho certeza e vou expor aqui pra ver se alguém concorda comigo. Durante estes dias, pesquisando e pesquisando, vi que o DHT tem haver diretamente com o controle de ejaculação, e que, me corrijam se eu estiver enganado, a testosterona também se converte em DHT, logo, a relação DHT e estradiol andam juntas e em balanço com a testosterona, se o DHT desce, o estradiol também desce, exceto em casos de manipulação através de medicações. Ao ler sobre isso, comecei a pensar no resultado dos meus exames e lembrei que o resultado de 41 de estradiol pra quem estava mandando 300mg de testo poderia ser muito baixo, se formos considerar o rateio testo:estradiol, pois penso da seguinte forma: se o valor de referencia usado pelo plano de saúde se baseia em homens com a testosterona padrão de um homem que não se hormoniza, com algo em torno de 600~800 de testo total, esse valor de referência não poderia ser utilizado como valor de referencia pra alguém se hormonizando, com testo total na casa dos 2k. Pensando assim, comecei a imaginar que o meu estradiol poderia estar muito baixo e com isto, a proporção de dht também por estar baixa, me faria estar tendo este colateral. O outro ponto que pensei foi em relação a como eu estava antes de ficar assim. Percebi minha primeira possível burrice: A dosagem de anastrazol que eu utilizava em blast não podia ser a mesma que em cruise. Se eu estava tomando 400mg de testo, então a aromatização era maior, pois o excesso de testosterona seria maior, logo, pra manter meu nivel de estradiol ok, precisava tomar uma dose maior de anastrazol, nesse caso, estava tomando 1mg dsdn. Ao começar a tomar 150mg de testo, eu deveria ter reduzido o uso de anastrazol pra que ele acompanhasse a redução da testo e mantesse meu nível de estradiol bom, em equilibrio com a quantidade de testo no corpo, o que não foi o caso, continuei tomando 1mg dsdn mesmo com a dosagem de testo reduzida e gradativamente meu estradiol foi reduzindo até que eu comecei a sentir esse colateral, estando exatamente assim, tomando 150mg de testo e mandando 1mg de anastro dsdn. E quando aumentei pra 1mg 2ds1dn notei a questão da ejaculação piorou mais ainda, mas ainda não havia associado a isto. Por último, lendo artigos na internet sobre ejaculação precoce, encontrei em um site a seguinte afirmação: Esta pesquisa revelou também que o nível de estradiol é baixo em homens que sofrem de ejaculação precoce. Foi baseado nessas pesquisas e nesses raciocínios que resolvi cessar o uso de anastrazol pelo menos até sentir no feeling os colaterais de estradiol subindo. Como meu problema sempre foi estradiol alto, consigo perceber rapidamente quando ele está mais alto pela oleosidade da pele, pelas espinhas, até pelo aumento da libido mesmo. Então, vou "arriscar" e fazer esse teste e ver quais são os resultados. Quem puder acompanhar meu raciocinio e fazer as correções ou falar se faz sentido, agradeço demais. Então, todos estão dentro do valor de referencia, exceto o LH que por está quase zerado, está fora do valor de referencia, mas que no meu caso de estar hormonizado, está "normal". Os principais vou listar abaixo: Prolactina - 2,60 A 13,10 ng/mL Estradiol - 11,0 a 144,0 Testo Livre - 3,4 a 24,6 ng/dL TSH - 0,38 A 5,33 LH - 1,24 A 8,62 MUI/ML No momento não estou em dieta.
  2. Pessoal, boa tarde. Preciso da opinião dos integrantes deste fórum, principalmente dos mais experientes pra um assunto bem complicado. Já utilizo AE's há pelo menos 3/4 anos, já passei por inúmeras experiências, já fui competidor tendo sido vice campeão há pouco mais de 1 ano, já fiz vários blasts e cruises e passei por várias situações, mas esta situação está sendo bem nova pra mim e muito difícil de ser resolvida. Nunca tive problema nenhum com ejaculação precoce, durante os blasts sempre era uma "máquina de sexo" como normalmente acontece, eventuais vezes tive problemas com estradiol, principalmente estradiol alto por ter uma alta sensibilidade e acabar tendo problemas com libido mas que rapidamente eram ajustados após aumentar o uso de anastrazol. Porém, como eu disse, nunca tive problemas com EP. Após o período em que competi, quando entrei no meu primeiro cruise pós competição, percebi a ejaculação um pouco mais rápida, mas era somente algo diferente de quem tava acostumado com a forma que era no período em blast. Depois desse período em cruise, fiz mais uns dois blasts e recentemente acabei iniciando um cruise meio desorganizado. Como já conhecia dos meus problemas com estradiol, cuidei bem disso e em relação a libido, nunca mais tive problemas, inclusive agora ela está "tinindo", encostou o menino ta lá na atividade. Recentemente venho de um blast de 400mg de enantato e 200mg de trembolona que durou entre agosto e outubro. No início do blast, senti uma baixa na libido, fiz exames e tive um resultado de mais de 3k de testo total e um estradiol de 209. Estava mandando 0,5mg de anastrazol dsdn. Fiz um ajuste e aumentei o anastro para 1mg dsdn, resolvendo rapidamente o problema de libido nesse período. Porém, desde que iniciei esse novo cruise começou esses problemas de EP. Iniciei o cruise basicamente em Novembro e ao chegar em Dezembro começaram esses problemas. Primeiro comecei a sentir ejaculação ficar muito rápida e foi quando resolvi logo marcar os exames, porém por ser uma necessidade de resolução rápida e por achar que poderia ser estradiol, por já ter ouvido falar que estradiol alto causaria "excesso de libido e assim ejaculação precoce", resolvi aumentar o anastro para 1mg 2ds1dn. O resultado depois de 8 dias não foi nada satisfatório e realizei os exames após estes 8 dias. TGO/ALT TGP/ALT ESTRADIOL LH PROLACTINA TSH TESTO LIVRE TESTO TOTAL Durante o aguardo destes resultados, resolvi voltar ao que eu tava fazendo antes do blast pelo menos na testo pra ver se resolvia a situação, aumentei a testo de 150mg pra 300mg já fazem 2 semanas e no momento o resultado continua sendo o mesmo. To muito preocupado porque tenho namorada e tive que abrir o jogo pra ela, sempre fui ótimos nas relações e agora com esse problema ta bem complicado, é coisa de colocar e já ter que sair pra gozar e ai continuo depois onde dou meu máximo antes que perca a vontade, por enquanto ta dando pra aguentar, principalmente por ter uma mulher maravilhosa comigo mas não aguento mais ficar nessa situação. Já penso em voltar com a trembolona da época do blast até conseguir achar alguma possível solução, voltar ao que estava utilizando na época que estava na melhor fase até encontrar explicações e iniciar um cruise de outra forma. To utilizando também 50mg de 5HTP e 5mg de TADALAFIL tsd, pra ver se melhora algo, mas em relação a essa ejaculação não muda nada e por não ter tido isso nunca na vida, estou realmente muito assustado .. Quem já tiver passado por isso, ou tiver alguma ideia de como tratar ou o que fazer e puder ajudar, vai ser muito bem vindo :( procurei em diversos lugares, diversos fóruns e simplesmente quando encontrei casos parecidos, em algumas vezes muito iguais, ninguém ajudou e o criador do tópico ou da pergunta não continuou pra dizer como resolveu ..
×
×
  • Create New...