Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Resposta da Prof Adriana ao Pharmabio- Uso de Creatina ! ! !


O Demolidor
 Compartilhar

Post Destacado

Entao Pharma, demorou mais veio , vou simplesmente colar o que ela me mandou por e-mail:

Olá, Ney

Desculpe-me o longo tempo seu o devido retorno a respeito da questão sb a creatina. Antes de mais nada, acho que meu breve curriculo pode ajudar na questão relacionada a estar dizendo loucuras a respeito de suplemento. Sou nutricionista com especialização em Nutrição Esportiva, e mestranda em Fisiologia do Movimento Humano pela Udesc. Meu orientador de mestrado é o prof. Dr. Tales de Carvalho, sendo o mesmo, na época de minha seleção pelo mesmo, presidente da Sociedade Brasileira de Medicina Esportiva. Apesar de se tratar de um mestrado na área de Educação Fisica, em Santa Catarina, que não é minha área de atuação, fui selecionada em primeiro lugar pela relevância de meu trabalho. Fui palestrista de algumas edições de Congressos da referida sociedade sendo, inclusive, no último Congresso Brasileiro de Medicina Esportiva, a única Nutricionista do Paraná convidada a proferir palestra no evento. Sou professora do curso de Nutrição, em Nutrição Esportiva, há 11 anos, e tenho inúmeros trabalhos apresentados em Congressos pelo Brasil, inclusive selecionados como apresentação oral. Coordenei por 3 anos o Ambulatório de Nutrição Esportiva do UnicenP, onde ministrei 4 cursos de extensão universitária nos últimos 3 anos. Minha tese versa sobre uso de suplementos esportivos por praticantes de musculação, e desenvolvo extensa pesquisa na área, sobretudo em artigos de publicação internacional. Sou consultora na área da indústria da suplementação, e atualmente assessoro a Worldsize no Brasil. Acho que isso pode me defender na questão da irresponsabilidade que seria falar algo insensato dentro de uma sala de aula.

A questão a que me referi não se trata de uma teoria, mas de estudo realizado pelo principal instituto de pesquisa sobre creatina existente no mundo, sendo inclusive um dos pioneiros no estudo do suplemento. O artigo que considero mais específico está anexado a este e-mail, para que você possa lê-lo e chegar as suas próprias conclusões. Foi a base de meu trabalho de conclusão da disciplina de Bioquímica do Exercício como crédito de mestrado, e obtive conceito A pela originalidade das informações.

A respeito de algumas questões respondidas por seu amigo, tenho algumas considerações a fazer:

1) O plasma, durante o exercício, não se torna compartimento secundário de creatina. A mesma é absorvida por transporte mediado pela insulina, que está decrescida durante o momento do esforço. Deste modo, a creatina ingerida antes do treino e disponível no plasma não atravessa a membrana celular. Usa-se a armazenada. Além disso, a total captação de creatina pode levar até 24 horas para ocorrer, horário em que se percebe o término da perda de creatina livre pela urina pós ingestão.

2) no caso do uso de glicose associada para auxiliar a captação via insulina, o risco é o de hipoglicemia de rebote, e a quantidade de açúcar deve ser controlada.

3) A creatina realmente não anaboliza , nem é anticatabólica, e tem um papel de tempo muito curto no início do exercício. Deste modo, à medida que o exercício progride, a dependência da mesma é significativamente reduzida, pois a ressíntese de ATP se dá majoritariamente por CH e lipídeos, não sendo usada JUNTO com a glicose. Tanto que após 2 minutos de exercício intenso a queda de Cp muscular é da ordem de 80%, e só se reverterá no repouso, quando a cretina voltar a se ligar aos grupamentos fosfato. Daí, não vejo a NECESSIDADE do uso da mesma no pré-exercício.

4) A saturação é o fator que realmente fará diferença no rendimento. Tanto que TODOS os estudos corroboram esta questão. O que eu disse é que, se você precisar definir o momento de ingerir sua dose diária, ingeri-la antes do treino não trará benefício algum, pois o mesmo não potencializa sua captação, podendo realmente dificultar a mesma. Portanto, o momento seqüencial ao exercício é mais indicado, principalmente a partir do restabelecimento dos níveis sanguineos de glicose após refeição carboidratada.

5) em momento algum eu disse que a creatina é perdida pelas fezes, mas pelo mecanismo urinário, este então sobrecarregado por perdas excessivas,já havendo relatos de insuficiência renal adquirida após doses maciças por algum período. A excreção renal no exercício se reduz pela liberação de ADH e pelas perdas pelo suor, além da evidente diminuição do fluxo sanguineo renal, conforme vimos hoje em aula. Deste modo, qual a vantagem de se aumentar a excreção da substância em um momento em que, fisiologicamente, o rim já se encontra em função diminuída? Isto é brincar com a saúde!

6) Leia o artigo: a creatina não é absorvida pelo tecido muscular quando o exercício é praticado até duas horas após sua ingestão. Isto é científico, e não uma hipótese ou conjectura.

7) Não se pode comparar creatina com açúcar: o mesmo será captado porque é indutor da liberação de insulina. A creatina NÃO TEM ESTE PAPEL. Ela sofre influência da insulina, mas não pode promover sua liberação pelo pâncreas.

8) Idosos que não treinam estão fazendo uso de creatina, e com propriedade, porque o envelhecimento é causa conhecida da redução de produção endogena e conseqüente perda de explosão muscular. São, ainda indivíduos com total indicação de uso, desde que não comprovada alteração renal.

O artigo encontra-se anexado. Divirta-se. Como toda publicação de qualidade, é em inglês.

Se necessário, retorne o contato.

Estude bastante. Temos prova na próxima semana.

Adriana Murara

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Continuando...

"Em tempo: só agora vi que não tenho o arquivo em meio eletrônico, só como fotocópia. Levo a você na próxima aula. Entretanto, anexei a apresentação em power point do mesmo que apresentei na aula do mestrado. Fica mais fácil porque já está traduzido,e a referência de onde o mesmo pode ser encontrado em busca a banco de dados está no primeiro slide."

Sobre o slide ate tenho, mas é muito estranho passar pra ca, n sei como fazer , mas li e tem referencias e tudo !

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Continuando...

"Em tempo: só agora vi que não tenho o arquivo em meio eletrônico, só como fotocópia. Levo a você na próxima aula. Entretanto, anexei a apresentação em power point do mesmo que apresentei na aula do mestrado. Fica mais fácil porque já está traduzido,e a referência de onde o mesmo pode ser encontrado em busca a banco de dados está no primeiro slide."

Sobre o slide ate tenho, mas é muito estranho passar pra ca, n sei como fazer , mas li e tem referencias e tudo !

afinal, qual o melhor horario segundo sua prof.??? pos treino ou bem longe do treino??

vlw

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

afinal, qual o melhor horario segundo sua prof.??? pos treino ou bem longe do treino??

vlw

Resumindo para Ficar mais Fácil a Compreensão

Retirado do texto da Professora:

O melhor horário para tomar creatina é no pós-treino, e com malto, que ajuda aumentar o nível de insulina no organismo.

A Insulina ajuda a transportar a creatina até o musculo, potencializando o uso da mesma.

Segundo ela também, o Período de Saturação da creatina é muito importante para potencializar os resultados desejados.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Resumindo para Ficar mais Fácil a Compreensão

Retirado do texto da Professora:

O melhor horário para tomar creatina é no pós-treino, e com malto, que ajuda aumentar o nível de insulina no organismo.

A Insulina ajuda a transportar a creatina até o musculo, potencializando o uso da mesma.

Segundo ela também, o Período de Saturação da creatina é muito importante para potencializar os resultados desejados.

uhauhahuauha

vlw brother... eh q comecei a ler e fikei com preguiça d terminar... ai perguntei logo...

vlw!!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

ae galera eu sou diabetico, e faço uso de creatina.. mais deopius q li o topico de vcs ae aprendi mt coisa., e vi q tava tomando errado.. mais por ser diabetico, nao posso usar um carbo de alta absorçao, pq minha glicecmia ira se descontrolar. algem pode falar se isso eh verdade? ou se posso tomar malto na boa, ou seria melhor tomar so crea+whey pos treino?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

ae galera eu sou diabetico, e faço uso de creatina.. mais deopius q li o topico de vcs ae aprendi mt coisa., e vi q tava tomando errado.. mais por ser diabetico, nao posso usar um carbo de alta absorçao, pq minha glicecmia ira se descontrolar. algem pode falar se isso eh verdade? ou se posso tomar malto na boa, ou seria melhor tomar so crea+whey pos treino?

cara isso seria melhor se vc perguntasse para o seu médico, mas eu vou dar minha humilde opinião!!

tipo, eles falam pra tomar com malto pq potencializa a absorção das células do músculo...

não eh se vc não tomar com malto a creatina NÃO vai faze efeito... isso aí jah eh balela cara... a creatina vai fazer efeito, soh que com o malto potencializa...

como vc tem problemas de diabete, tome soh a creatina com whey no pos treino... (LEMBRE-SE DE IR VISTAR SEU MÉDICO PARA PERGUNTAR PARA ELE)

abraço!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta 100% gratuita!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
 Compartilhar

×
×
  • Criar novo...