LeandroTwin

Membro
  • Total de itens

    5
  • Registro em

  • Última visita

Sobre LeandroTwin

  • Data de Nascimento 31-01-1990

Detalhes

  • Gênero
    Masculino
  • Profissão
    Personal Trainer

Redes Sociais

Musculação

  • Série de Treinamento
    Trabalho com periodização de treinamento considerando cada microciclo = 7 dias. Portanto todas as semanas é um treino diferente focando alguma falha, sempre procurando enfrentar o princípio da adaptabilidade (quebrar a homeostase).
  • Suplementação
    Multivitamínico, Fish Oil e Caseína quando precisa pra fechar as proteínas do dia.
  • Dieta Nutricional
    Dieta do Guerreiro.
  • Ciclos de Esteroides Anabolizantes & Drogas Afins
    Completei 2 anos natural e pretendo ficar assim. Já fiz 5 ciclos.
  • Academia
    Max Power

Anúncios

  • Parceria de Treino
  • Relacionamento

Medidas

  • Altura
    1,79
  • Peso
    99
  • Percentual de Gordura
    13
  1. Qual é o melhor sal para a sua dieta?

    Antes de tudo é fundamental lembrar que o sódio na dieta é importante e não deve ser zerado. Mesmo os mais inteligentes atletas de fisiculturismo não fazem essa prática com exceção alguns dias antes da subir num palco. O sódio regula o volume sanguíneo, participa dos impulsos nervosos e da contração muscular. Porém, a dieta do brasileiro é bem rica em sódio e quase sempre ultrapassa a barreira recomendada de 2400mg/dia (equivalente a 6g de sal de cozinha). O excesso de sódio está ligado a mortes por infarto e AVC e também aumenta a retenção de líquidos, que atrapalha a definição muscular. Buscando uma maneira inteligente de evitar isso, mas sem deixar a comida sem graça, temos outras opções ao sal de cozinha, porém, existem tantas por ai... qual é a melhor? Vamos lá... Sal refinado: em cada 1000mg contém 400mg de sódio e é iodado (objetivo: combater doenças, como boro). É saboroso, mas é pobre em nutrientes e há muitos aditivos químicos. Esse é o sal comum. Sal da Índia ou negro: em cada 1000mg contém 380mg de sódio e um gosto muito particular (geralmente não bem aceito em pratos típicos, lembra-se de gema de ovo). Não existe muita vantagem em usar ele pensando em redução de sódio, a diferença é de apenas 5% para o sal refinado. Sal do Havaí: em cada 1000mg contém 390mg de sódio. Ele é rico em dióxido de ferro. É uma opção saudável, porém não tem muitos motivos para consumir ele que não seja preferência, pois ele tem quase o mesmo tanto de sódio que o sal refinado (mas ele é mais saudável). Sal Marinho: em cada 1000mg contém 420mg de sódio. Isso mesmo, ele tem mais sódio que o próprio sal de cozinha. A vantagem? Não é tão processado e acaba sendo mais nutritivo e saudável. Pra quem quer ajudar pra diminuir a ingestão de sódio acaba sendo inútil. Flor de Sal: em cada 1000mg contém 450mg de sódio. É o mais saboroso e mais caro da lista, mas acabada tento quase 12% mais sódio que o próprio sal de cozinha, para o nosso objetivo, nota zero. Complicado não é? Vários tipos de sal e sempre temos em mente que qualquer um que não seja o de refinado (de cozinha) e tem gosto bom, já serve para o tio hipertenso! Mas como estamos conferindo, não é bem assim. Mas calma que a lista ainda não acabou, agora vamos chegar onde queremos. Sal do Himalaia (rosa): Em cada 1000mg contém 230mg de sódio. Outros 80 minerais também fazem parte dele (rico em cálcio, magnésio, potássio, cobre e ferro) e sem nenhuma toxina ou poluente. O problema é que muitas pessoas reclamam de um sabor levemente amargo dele. Sal light: Em cada 1000mg contém 197mg de sódio e salga muito bem, isso se dá por que ele usa do cloreto de potássio na sua formulação, que é uma substância também salina (mas deixa um amargo de leve). Ele salga igualmente o sal comum, com a diferença de conter metade da quantidade de sódio. A briga fica muito boa entre o sal rosa e o sal light, qual escolher? Vamos para os pênaltis! Ambos são excelentes pedidas, mas o sal light ainda tem menos sódio (1 a 0). Ele também é mais barato, geralmente menos da metade do preço (2 a 0). E pra finalizar, o paladar dele é mais bem aceito que o sal rosa, ambos (no começo) podem ser estranhados, mas o sal light é bem menos. 3 a 0! Sal light é o campeão na nossa lista! Curiosidade: o brasileiro consome cerca do dobro da quantidade de sódio por dia e o sal light praticamente contém metade da quantidade de sódio. Excelente não é? Vale lembrar que as papilas gustativas, basicamente explicando, se acostumam com muito sódio e o corte dele no começo pode deixar a comida insossa. Mas com persistência você degustará essa mesma comida com menos sal com o mesmo prazer de antes (e quando comer algo com o sal que você usava antes achará extremamente salgado), portanto vale a pena um período de adaptação em troca de uma vida muito melhor!
  2. eu vou começar a comer legal, treinar legal e suplementar... nao queria ver milagres.. queria ver resultados.. q é muito diferente =D apenas queria dar uma acelerada no processo, depois pararia e é logico q nao queria murchar... se é pra murchar então nem tomo nada (visando que nao posso bancar whey e albumina) =/ e quando falo parar, nao é parar de treinar.. treinar pra min é um vicio, o suplemento que é o luxo pra min, infelizmente... vlw a ajuda amigo!! qualquer sugestão me diga pls!
  3. Putz, vai murcha mesmo? Ah nem, então nem vo tomar =/ Valeu amigo..
  4. Galera qual das 2 suplementações vcs acham q pode dar mais resultados 1kg de albumina 1kg da 3 whey protein PROBIÓTICA ou 2kg de albumina 2kg de 100% whey BODY ACTION (segundo o vendendor o 3w da pro da um kct no 100% da body... mas fiquei em dúvida pq afinal é o dobro da quantia né) tenho 6 mesesde academia , eu quero tomar pra da uma acelerada ou seja, vou tomar uma vez e não vou tomar mais (motivos financeiros) ai quando parar, é obvio que nao quero murchar... ENTAO, QUAL DAS DUAS OPÇÕES TEREI MELHOR RESULTADO? OBRIGADO, ABRAÇÃO, FORUM MUITO LEGAL!