Jump to content

Search the Community

Showing results for tags 'importar suplementos'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Anabolizantes Esteroides
    • Tópicos sobre esteroides
    • Relatos de ciclos
  • Suplementos Alimentares
    • Tópicos sobre suplementação
    • Relatos de uso de suplementos alimentares
  • Treinamento de Musculação
    • Tópicos sobre treinamento
    • Lesões musculares
    • Diário de treino
  • Nutrição Esportiva
    • Tópicos sobre nutrição
    • Relatos sobre dietas
  • Gente
    • Tópicos de evolução do shape
  • Assuntos Diversos
    • Tópicos diversos

Calendars

  • Campeonatos de Musculação
  • Cursos, Palestras e Feiras

Categories

  • Esteroides
  • Suplementos
  • Treinamento
  • Nutrição
  • Gente
  • Diversos

Categories

  • Esteroides
  • Suplementos
  • Treinamento
  • Nutrição
  • Gente
  • Diversos

Categories

  • Aves
  • Bebidas
  • Carnes
  • Lanches
  • Legumes
  • Ovos
  • Massas
  • Peixes e Frutos do Mar
  • Saladas
  • Sobremesas

Categories

  • Abdominal
  • Antebraço
  • Bíceps
  • Costas
  • Coxa
  • Glúteo
  • Lombar
  • Ombro
  • Panturrilha
  • Peito
  • Pescoço
  • Romboide
  • Trapézio
  • Tríceps

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Telefone Celular (WhatsApp)


Telefone Fixo


Interesses


Facebook


Instagram


YouTube


Twitter


Website


Tumblr


Série de Treinamento


Suplementação


Dieta Nutricional


Ciclos de Esteroides Anabolizantes & Drogas Afins


Academia


Altura


Peso


Percentual de Gordura

Found 5 results

  1. Desculpem se já existe esse topico, sou novo no forun, achei ele hoje e gostei muito, estão gostaria que tirassem algumas duvidas minha, se for possivel é claro/ Gostaria de saber onde importar suplementos, pois faz apenas 2 meses que comecei a malhar, estou tomando Oxpro Whey Protein, não sei se ele é bom, mas gostaria de tomar algo melhor E tambem gostaria de algum me ajudasse com quais tipos poderia tomar no momento tanto para ganho de massa magra quando para trincar Obrigado E desculpe mais uma vez
  2. Não é novidade para ninguém que o valor dos produtos comercializados no Brasil normalmente é muito maior do que nos Estados Unidos. Não é diferente com suplementos alimentares. Alguns suplementos chegam a custar quase cinco vezes mais aqui no Brasil. Por isso, muitos brasileiros têm se utilizado das compras via internet para economizar um dinheirinho com suplementos alimentares, fazendo importação direta dos produtos. Um dos sites mais acessados pelos Brasileiros é o Health Designs (link com referral code e desconto de 5 dólares para primeira compra). Esse site tem uma peculiaridade que chama muito a atenção para nós, brasileiros. De acordo com a nossa legislação, produtos no valor de até 50 doláres enviados do exterior por pessoa física para residentes no Brasil estão isentos de imposto de importação. Portanto, qualquer produto enviado por um site ou por uma loja (pessoa jurídica) deve ser tributado em 60% (alíquota do imposto de importação). O que ocorre é que a tributação se dá por amostragem, e algumas pessoas que importam suplementos de lojas acabam se valendo da sorte e não são tributadas. O site Health Designs quer aumentar ainda mais a sua sorte. Para fugir da tributação, esse site promete enviar o seu pedido falseando o valor das compras. Ao invés de declarar o valor integral dos produtos, o site promete declarar somente metade do valor. Por exemplo, se você comprar 100 dólares em suplementos, na caixa aparecerá apenas 50 dólares em produtos. Além de prometer declarar valor menor na caixa, o site também promete indicar como conteúdo da caixa produto de uso pessoal relacionado a saúde e beleza, e não suplemento alimentar. Se a declaração fosse de suplemento alimentar, a caixa poderia ser encaminhada à ANVISA para avaliação de permissão de entrada do produto e solicitação de prescrição de profissional da saúde (médico ou nutricionista). Resolvemos fazer um teste para confirmar essa promessa. Compramos o suplemento alimentar Cher-Amino Protein Liquid da Twinlab. O produto custou 19,19 dólares. O frete foi de 14,26 dólares. O valor total da compra foi de 33,45 dólares. A compra foi realizada em 10/10/2012. Em 14/11/2012, pouco mais de um mês depois da data da compra, o produto foi entregue no endereço que indicamos. A caixa não parou na ANVISA e não houve tributação pela Receita Federal. Eis as nossas principais constatações sobre o modo como o produto foi enviado: a caixa é discreta, não ostenta qualquer símbolo da loja de suplementos alimentares que pudesse chamar a atenção dos fiscais alfandegários; o remetente é uma pessoa física (Mark Schneider), sem qualquer referência à loja Health Designs; o valor do produto (19,19 dólares) foi declarado como sendo 9,60 dólares, metade do valor real, assim como prometido no site; o conteúdo da caixa foi declarado como sendo suplementos alimentares para uso pessoal (Nutritional Supplements for Personal Use), não correspondendo à promessa do site de que haveria declaração de produto de uso pessoal relacionado a saúde e beleza (Health and Beaty - Personal Use). Como se vê, as promessas da Health Designs foram parcialmente cumpridas no caso de nossa compra de avaliação. Houve descumprimento apenas no que tange à declaração de conteúdo da caixa, o que poderia ter implicado em sua retenção pela ANVISA e exigência de prescrição de profissional da saúde. De qualquer modo, fica claro que a Health Designs se empenha para tentar agradar aos brasileiros, tornando mais fácil o acesso aos suplementos, diminuindo os riscos de tributação e retenção pela ANVISA. Talvez a conduta adotada pela Health Designs possa não ser muito bem vista pelas autoridades locais, e tem cara de "jeitinho brasileiro". Mas pela ótica do consumidor brasileiro de suplementos, parece ser só alegria, sendo uma alternativa para se fugir dos preços extorsivos que são praticados no Brasil quando se trata de suplementos alimentares. Quem ainda não experimentou importar suplementos alimentares dos EUA pela internet pode se valer de um cupom de desconto de 5 dólares que é oferecido pela Health Designs para compradores de primeira viagem. Saiba mais no tópico Atualização A Health Designs mudou a sua política de remessa de encomendas para o Brasil. Pelo que verificamos, a empresa passou a declarar na embalagem o valor integral e correto das mercadorias enviadas. Somente o valor do frete não está sendo declarado. Portanto, a chance de a encomenda ser tributada no Brasil é muito grande. Para tentar escapar da voracidade do fisco (60% de imposto de importação), procure realizar pedidos com valor total inferior a 50 dólares. Eis a nova política da HD: What will the customs label look like and can you mark my package as a gift or adjust the value please? HealthDesigns currently declares the subtotal value of your order. That is, the value of the products only. We do not include the shipping cost in your declared value. All goods are listed as "Other" or "Merchandise" based on the shipping carrier. We cannot change or alter your declared value for any reason due to international customs laws we abide by. Resumido em Português: A Health Designs declara na embalagem o valor total do pedido, excluído o valor do frete. Os produtos são declarados como "outros" ou como "merchandise". Não são aceitos pedidos de declaração de outra forma por qualquer motivo.
  3. Existe maneira de fazer comprar na bodybuilding.com e nao cair na alfandega e o produto ser retido ou taxado em 60%? Tem muita coisa lah que nao achamos por aki e se achamos o preço é altamente abusivo. AGuardo respostas Abraço!! ------------------ PERGUNTAS e RESPOSTAS sobre a importação de suplementos alimentares que não podem ser vendidos no Brasil:
  4. Conto com a ajuda de todos no sentido de completar as informaçoes: Nao vamos transformar este topico em mais um pergunta-responde que existem no forum. Duvidas, usem o outro tópico. Aki, vamos somente complementar informaçoes ok? Grande Abs a todos _______________________________ Quero importar suplementos. O que fazer? Primeiro, tenha disponivel um cartao de credito internacional. É a maneira mais facil e segura de se comprar, pois 99,9% das lojas só aceitam esta forma de pagamento. Segundo, procure uma loja de confiança. Nao irei dar maiores detalhes sobre lojas pois nao é a intençao deste tópico. O forum esta repleto de dicas sobre lojas. No ebay existem varias lojas cadastradas tbm que realizam vendas para o Brasil. Pelo ebay, paga-se na maioria das vezes pelo sistema Paypal. O Paypal nada mais é q um site de pagamentos, aonde vc cadastra seu cartao de credito internacional e toda vez que algum site (loja) usar o sistema paypal, somente sera necessario vc digitar login e senha, nao precisando mais digitar o seu numero de cartao de credito em toda compra realizada. Quando fizer sua conta no ebay, ele automaticamente te redireciona para criar uma conta no paypal. Existe maneira segura de importar produtos sem receita medica ou impostos? NAO. Nao existe maneira de tentar burlar o sistema sanitario e de impostos no Brasil. Este sistema é feito atraves de amostragem, ou seja seu produto pode ou nao ser taxado ou mesmo ser devolvido ao remetente sob a justificativa de que nao se enquadra na relaçao de produtos que podem ser importados pelo país. Como funcionam os sistemas de frete para o Brasil? Qual a diferença entre eles Normalmente existem 2 tipos: Atraves do USPS ou International Postal Service (7-14 dias para entregar) ou do Express Courier (2-5 dias para entregar). Na maioria dos casos, o valor de menor frete refere-se ao sistema de entrega internacional do correio americano (publico). O de maior valor de frete refere-se ao FEDEX (sistema privado de correio americano). A diferença é a seguinte: pelo menor frete (USPS, International Postal Service) vc nao terá um numero de rastreamento para o seu pedido. Ou seja, uma vez que pediu, tera que aguardar sem poder ver online o status do seu produto. Pelo FEDEX (Express Courier) vc logo apos o envio recebera um e-mail com o tracking number do seu pedido. Quais sao as vantagens e desvantagens dos dois metodos? Ae que mora o maior problema em importar. Para nós brasileiros é dificil responder essa pergunta. Em ambos os casos, a mercadoria chega ao pais. Pelo sistema mais lento de entrega, ela entra no processo de amostragem. Pelo sistema mais rapido, a FEDEX diretamente entra em contato com a Receita Federal e a Anvisa. Qual o resultado disso? Pedindo pelo metodo mais lento, como seu produto esta na Amostragem, ele poderá ou nao ser taxado e poderá ou nao precisar de receita medica para ser liberado. Resumindo: seu produto pode chegar na sua casa livre de qualquer dor de cabeça, ou voce recebera um AR (Aviso de Recebimento dos Correios) pedindo que compareça a uma Agencia dos Correios (que estará especificada na AR) para pagar o imposto, ou recebera um telegrama da ANVISA pedindo que envie uma Receita Médica (como fazer a receita encontra-se no final deste tópico) por fax atraves do telefone que eles irão informar no telegrama (cuidado que o prazo para envio da receita é bem pequeno). Ou pode acontecer do seu produto ser barrado na hora, somente chegando um telegrama da anvisa dizendo que seu produto nao atende as especificaçoes de importaçao pelo país, sendo devolvido ao remetente. (por isso procure lojas confiaveis que possuam o metodo de devolver seu dinheiro, caso isso aconteça). Veja bem que nao é uma coisa que leva a outra. Seu produto pode somente precisar de Receita, ou somente precisar pagar impostos, ou entao chegar direto na sua casa, sem maiores problemas. Pelo metodo mais rápido, como a FEDEX entra em contato com a Receita e a ANVISA, vc será obrigado a pagar a taxa (q é maior pois tem a taxa da FEDEX tbm) e tambem a enviar a Receita Medica por fax. A receita voce envia na hora para o tel da FEDEX que sera indicado pelo proprio atendente FEDEX que liga para voce. Os impostos voce deve pagar com cheque nominal a FEDEX assim que a encomenda chegar a sua casa, entregando ao funcionário FEDEX. Resumo deste enrolo todo: Metodo mais lento:Mais barato, nao tera tracking number, seu produto tem a possibilidade de chegar na sua casa sem dor de cabeça (ou entao criar a maior dor de cabeça que vc ja viu, rsrs) ou ate mesmo ser barrado de entrar no país. Metodo mais rápido: Mais caro, tera um tracking number, seu produto precisara de receita medica e sera taxado antes de ser liberado. Existem casos (como o meu) de pedir produtos expressamente proibidos no pais (creatina) e mesmo pela FEDEX, entrando em contato com a ANVISA, eles liberam mediante Receita Medica. Ouvi dizer algo sobre pedidos abaixo de 50 dolares, escrito gift de PF para PF tem menor probabilidade de serem pegos na amostragem. É verdade? Sim. Mas isto nao é uma regra. A norma é que existem produtos que nao sofrem com as abusivas taxas de importaçao (como livros por exemplo). Suplementos igual compramos nao se enquadram em nenhuma norma de importaçao a qual existe isençao de impostos.De acordo com a lei (ou melhor, ja que a lei nao fala nada, ele é taxado!) podem ser taxados em qualquer valor, nao importa se é menor que 50 dólares e gift de Pessoa Fisica para Pessoa Fisica. Quando se coloca Gift e PF para PF, é somente uma forma de tentar fazer com que o seu pacote nao chame a atençao da fiscalizaçao na hora da amostragem, uma vez que junto com seu pacote, existirao milhares junto com eles. Vc tem que entender que se seu produto vier numa caixa com o Logo da loja gigantesco do lado de fora, ela chamara a atençao dos fiscais. Por isso que muitas vezes, vc compra numa loja e seu produto chega com o nome de uma pessoa estrangeira como remetente ao inves da loja em si. As principais lojas americanas sabem da dificuldade que nos temos em importar e tentam ajudar da melhor forma. Meu produto nao chegou depois do prazo dado pela empresa. O que fazer? Pelo Fedex isso nao acontece. Por outros meios, o jeito é esperar, nao adianta. Pode tentar entrar em contato com a empresa para que ela lhe passe o estado do seu produto (eles tem o tracking number mas nao lhe passam, NAO INSISTA). Mas ATENÇAO = SEJA EDUCADO. A culpa pelo produto nao ter chegado ate sua casa nao é deles. Seu produto ja se encontra no Brasil, mas esta travado pelas autoridades. Tenho lido relatos de varias pessoas que conseguem importar sem dor de cabeça e outras que perderam seus produtos. Porque isso acontece? Simplesmente por causa da Amostragem. Em alguns estados, esta mais que comprovado aqui mesmo no forum, que a fiscalizaçao é mais branda. O que precisa ter na Receita Médica > Meu nome completo > Meu endereço completo > Nome do produto (inclua aki o numero de produtos. EX: 2 NO Shotgun VPX V3 > Descrição do produto (suplementação para dieta) > Peso total do produto > Dosagem (1 scoop) > Periodicidade (EX: 1 x ao dia antes do treino durante 56 dias) > Carimbo do médico > Assinatura do médico > CPF do médico > Data EH DE SUMA IMPORTANCIA QUE A RECEITA TENHA UM CRM NO TOPO. SE SEU MEDICO NAO TIVER UMA RECEITA DESTA FORMA, CERTIFIQUE-SE DE QUE O CARIMBO DO CRM ESTEJA BEM LEGIVEL, POIS COMO A RECEITA VAI POR FAX, OCORRE O BORRAO DO CARIMBO. Bom, vale a pena importar? Rola mais alguma dica? Ae vai de cada um. Eu ainda acho que importar vale a pena. Mesmo pagando os impostos, ainda sai mais barato que comprar no Brasil (se eh que vc acha os produtos aki.) Algumas dicas que podem facilitar o processo: (LEMBREM, SAO DICAS, NAO NORMAS) - Procure realizar pedidos pequenos = caixas menores de PF para PF chamam menos atençao. Ao inves de comprar 2 Shotguns por exemplo em um mesmo frete, pague 2 fretes e peça-os separados. Assim facilta a vida da empresa tbm, pois ela pode colocar a sua INVOICE (nota fiscal) em um valor menor, que pode ajudar tbm a seu produto passar reto pela amostragem. - Evite produtos com peso grande = normalmente sao produtos grandes, em embalagens grandes, o que favorece seu produto ser pego. - Evite produtos que venham escritos no rotulo algo proibido no Brasil = Exemplo: sabemos que a creatina é proibida. Evite entao produtos que contenham no rotulo um CREATINE bem chamativo. Aumentam as chances do seu produto ser pego. - Procure se informar nos tópicos do fórum: existem alguns tópicos que relatam diversas experiencias dos usuarios daki com importaçao de suplementos. Faça uma amostragem dos Estados aonde esta sendo mais facil receber os produtos sem dor de cabeça e veja algum parente ou amigo que tenha por lá. As vezes valhe a pena mandar o produto ser entregue neste Estado ao inves de onde vc mora. O problema esta no produto entrar no país. Depois, a circulaçao em territorio nacional, ainda mais sendo PF pra PF é muito mais tranquila. Leiam este: _____________________________________________
  5. Será que vai mesmo acontecer? O foda é se tiver que toda hora ficar entrando com uma ação na Receita pra liberar o pedido sem tributação. http://www.tecmundo.com.br/governo/49800-e-lei-compras-internacionais-abaixo-de-us-100-nao-podem-ser-tributadas.htm Um post publicado nesta quinta-feira (30) no site BJC, um dos mais importantes do país voltados para colecionadores de DVD e Blu-ray, está repercutindo bastante entre aqueles que costumam fazer compras internacionais. De acordo com o site, compras feitas em sites de fora do país e entregues por meio dos correios cujo valor seja abaixo de US$ 100 não podem ser tributadas. A portaria MF 156, de 24 de junho de 1999, em uma instrução normativa da Receita Federal, afirma que “os bens que integrem a remessa postal internacional de valor não superior a US$ 50 serão desembaraçados com isenção do imposto de importação, desde que o remetente e o destinatário sejam pessoas físicas”. Até aí nenhuma novidade, uma vez que essa é a lei conhecida e aplicada nesses casos. Entretanto, o BJC chama a atenção para o Decreto-Lei 1.804, de 3 de setembro de 1980, que trata sobre o regime de tributação simplificada das remessas postais internacionais. Em seu artigo II, está escrita a seguinte informação: “Dispor sobre a isenção do imposto de importação dos bens contidos em remessas de valor até cem dólares norte-americanos ou o equivalente em outras moedas, quando destinados a pessoas físicas”. Ou seja, uma instrução normativa e uma portaria não podem se sobrepor a um Decreto-Lei, devendo ser, portanto desconsideradas. A isenção de imposto se aplica a compras feitas por pessoas físicas, não importando se o remetente é pessoa física ou jurídica. Para quem ainda ficou em dúvidas, o site levantou que há jurisprudência sobre o tema (você pode conferi-las nos três links seguintes: 1, 2 e 3), ou seja, já há decisões da justiça dando parecer favorável ao que se lê no Decreto-Lei 1.804. O que você deve fazer? Caso você seja tributado em uma compra internacional cujo valor seja abaixo de US$ 100, a recomendação é entrar com um pedido de revisão. O site disponibiliza dois modelos de carta (arquivos DOCX), um para compras abaixo de US$ 50 e outro para compras abaixo de US$ 100. Esses documentos devem ser preenchidos e entregues à Receita Federal para que o valor de tributação pago seja reembolsado. Caso isso não aconteça, a solução é entrar com uma ação no Juizado Especial Federal. Como o valor da causa a inferior a 20 salários mínimos, não é necessária a presença de um advogado. Para entrar com uma ação, é necessário preencher o modelo de documento (arquivo DOCX) que pode ser baixado neste link.
×
×
  • Create New...