Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Creatina - perguntas e respostas! Mitos e Verdades!


fisiculturismo
 Compartilhar

Post Destacado

  • Administrador

1 - Quais as fontes de creatina e como ela é sintetizada?

A Creatina é encontrada somente em produtos animais, particularmente no

músculo, tendo como fontes, por exemplo, a carne de boi, de porco e peixe. Um

kilo de carne de boi contém em torno de 4 a 5 g de creatina A creatina é

sintetizada no corpo humano a partir de vários aminoácidos provenientes dos

alimentos protéicos da dieta.

2 -Quais sao os objetivos a serem atingidos com a suplementação de creatina?

Na atividade esportiva, a suplementação de creatina tem por objetivo aumentar

a quantidade de creatina fosfato no músculo. A creatina fosfato é uma fonte de

energia que rapidamente repõe ATP (a fonte imediata de energia durante a

contração muscular)

3 - Quando é indicada a suplementação de creatina?

A suplementação de creatina pode ser indicada para indivíduos que competem em

esportes que envolvem alta intensidade anaeróbica, tais como corrida, futebol

e hockey no gelo.

4 - Quais os efeitos da suplementação de creatina e qual a quantidade

indicada?

Tem sido demonstrado que a suplementação de creatina aumenta a creatina total

no músculo incluindo a fosfocreatina. O protocolo de suplementação mais

comumente utilizado em estudos envolve uma fase de maior carga (20 g de

creatina por dia por 3-5 dias), seguida pela fase de manutenção (2-5 g por

dia)

5 - A suplementação de creatina tem se mostrado benéfíca para os testes de

resistência anaeróbica? E para os testes de resistência aeróbica?

Em geral, a suplementação de creatina não tem demonstrado aumento na

performance de exercícios aeróbicos em provas de endurence, a menos que haja

um aumento da intensidade no decorrer do evento, como por exemplo uma fase de

alta velocidade em provas de ciclismo de longa duração. Realmente, o ganho de

peso observado com a suplementação de creatina pode prejudicar a performance

em eventos, como na corrida de longa distância, pois existe um maior dispêndio

de energia para movimentar o massa muscular adicional.

6 - A Suplementaçao de creatina é indicada para aumentar a massa corporal?

Sim, numerosos estudos tem mostrado que, quando combinado com treino de

resistência (força), a suplementação de creatina pode aumentar a massa

muscular, comparando-se com placebo. Muitos estudos tem indicado que o ganho é

realmente de massa muscular magra.

7 - Quando a suplementaçao de creatina pode prejudicar a saúde?

Indivíduos com problemas no rim são os menos indicados para o consumo de

creatina. Creatina em excesso, acima das dosagens recomendadas (ou seja, uma

curta fase de carga, seguida de uma pequena dose de manutenção), pode ser

perigosa conforme estudos de casos já documentados.

 

Dr Melvin Willians -PhD nas áreas de Educação Física e Ciências do

Exercício pela University Maryland, publicou nos últimos 20 anos uma série de

livros ligados a nutrição esportiva. Sua última publicação foi o livro

Nutrition for Health, Fitness and Sport.

creatina-2.jpg

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Madrugão suplementos

Não jogue dinheiro fora

Compre suplementos bem mais baratos com o cupom de desconto do FISIculturismo.com.br

Clique aqui para obter seu cupom

Isso foi uma pesquisa feita nos EUA a pouco tempo, onde eles buscavam determinar a real eficácia da creatina. Pra quem não sabe a creatina é a unica substância exógena (não EA) que foi comprovada cientificamente a eficácia. Creatina realmente funciona, mas se tomada corretamente, no caso de uso incorreto provavelmente terá problemas renais e do fígado, ok?!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Desculpe a ignorância, mas quais problemas que o abuso dela dá?

Será que o máximo de uso de creatina para cada pessoa é diferente? pois quando uso(após os exercícios)apenas 3 colhererzinhas misturadas com suco me dá uma certa ânsia, tipo um frio na barriga. Tomo com suco de limão.

obrigado.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Em 2002-03-22 00:57, Unabomber escreveu:

Isso foi uma pesquisa feita nos EUA a pouco tempo, onde eles buscavam determinar a real eficácia da creatina. Pra quem não sabe a creatina é a unica substância exógena (não EA) que foi comprovada cientificamente a eficácia. Creatina realmente funciona, mas se tomada corretamente, no caso de uso incorreto provavelmente terá problemas renais e do fígado, ok?!

Vc tem a(s) referencia(s) do(s) trabalho(s)? Gostaria de dar uma lida.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ricardo2, suco de limão é muito ácido e pode lhe trazer problemas no futuro. A creatina usada em excesso pode lhe proporcionar pedras nos rins, e uma série de outras moléstias. Ahmad não tenho as referências, pois foi um amigo que me passou, mas vou ver com ele se consigo, ok!?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ricardo2, suco de limão é muito ácido e pode lhe trazer problemas no futuro. A creatina usada em excesso pode lhe proporcionar pedras nos rins, e uma série de outras moléstias. Ahmad não tenho as referências, pois foi um amigo que me passou, mas vou ver com ele se consigo, ok!?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 meses depois...

Últimas Notícias sobre a Creatina:

Fonte: Jornal da Tarde

Data: Domingo, 21 de maio de 2001

Título: Creatina sem problemas

Texto:

"Torna-se necessário, mais uma vez, esclarecer dúvidas a respeito do uso da creatina. Isso porque são freqüentes as notícias contraditórias que continuam sendo divulgadas pela imprensa esportiva. Tratando-se de uma substância atualmente usada por muitos consumidores, tanto atleta quanto praticante de exercício não-competitivo, é absolutamente necessário o devido esclarecimento toda vez que se questiona a possibilidade de contra-indicação de seu uso em função de efeitos colaterais.

O que tem sido divulgado por matérias provenientes principalmente do Exterior é a dúvida a respeito da creatina poder provocar hipertensão ou problemas renais.

O esclarecimento Em primeiro lugar, devemos mais uma vez deixar bem claro que o consenso científico atual é de que não existe nenhuma evidência concreta de problemas renais ou de hipertensão causados pela creatina.

Na realidade seria até contrasenso que uma substância que o próprio organismo produz pudesse ser nefrotóxica ou um agente hipertensor. É evidente que essa segurança está relacionada ao uso em dose adequada. O exagero certamente pode trazer problemas. Entretanto é fácil argumentar a respeito dos efeitos do exagero de várias substâncias. Se alguém ingerir vitamina C em excesso, certamente terá problemas de saúde. Como sabemos, o próprio sal, se ingerido em excesso, provoca hipertensão.

Portanto, em dose adequada não há qualquer razão para se temer problemas causados pela creatina.

A dose correta A respeito da dose de segurança, devemos sempre lembrar que o correto é a creatina ser prescrita por um profissional competente. Entretanto, como sabemos que muitas pessoas estão usando até por conta própria, vale a pena deixar aqui uma orientação.

Existem vários esquemas de administração de creatina. Para uso prolongado, recomenda-se que a dose não exceda 0,03 g/kg de peso/dia. Por exemplo, um indivíduo de 80 kg não deve utilizar mais do que 2,5 g por dia de creatina quando a suplementação é mantida por longos períodos.

A razão de se limitar essa dose é tanto para evitar sobrecarga exagerada quanto pelo fato de o organismo não ser capaz de aproveitar mais do que essa quantidade diariamente.

Em resumo, em dose adequada a creatina (que não tem nada a ver com anabolizantes) absolutamente não tem efeitos colaterais constatados."

Fonte: Jornal da Tarde

Data: Quarta-Feira, 17 de maio de 2001

Título: Médicos já alertam sobre a Creatina - Estudos ainda não conclusivos dão conta que seus usuários podem sofrer de hipertensão a disfunções renais e hepáticas

Texto:

"A creatina, suplemento alimentar que vem se tornando comum não apenas em meio aos esportistas de alto nível mas também nas academias, apresenta potenciais riscos para a saúde. A substância se tornou conhecida nos Estados Unidos principalmente por causa de Mark McGuire, astro do beisebol norte-americano que conseguiu o recorde de 70 home runs em 1998.

O alerta de perigo é de médicos norte-americanos. McGwire - que admite doping publicamente, o que é permitido naquele esporte profissional dos Estados unidos - fez seu recorde e deixou de usar creatina no ano passado.

Com a marca alcançada por McGwire, a venda de creatina disparou nos Estados Unidos, alcançando milhares de adolescentes.

Segundo um estudo divulgado pela Escola de Medicina Monte Sinai, 44% dos universitários perto de graduação nos Estados Unidos usaram creatina e quase 6% de todos os estudantes adolescentess também está tomando a substância.

Longo prazo Mas outra pesquisa detectou que cerca de um terço dos profissionais de qualquer equipe esportiva dos Estados Unidos desaprovam o uso de creatina, um pré-esteróide que atua como regenerador de músculos.

Os efeitos a longo prazo na saúde dos atletas ainda não têm estudos conclusivos com relação aos danos - basicamente, dizem os pesquisadores, porque o fenômeno de popularização da creatina é recente.

Mas, de todo jeito, já existem evidências preliminares descobertas por médicos, técnicos e os próprios atletas que vinculam a creatina com problemas variados, dentre eles hipertensão arterial e disfunções de fígado e rins."

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta 100% gratuita!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
 Compartilhar

×
×
  • Criar novo...