dummy

dextrose engorda?

Avalie este tópico:

9 posts neste tópico

é assim amigos, tomo 10 gramas de creatina com 75 de dextrose no pós treino. ora eu sei q dextrose é uma forma de açucar...
quem já toma assim há algum tempo notou alguma diferença em termos de aumento de gordura? teve q fazer mais abdominal, ou entrar no cardio?
já tenho essa duvida há algum tempo, mas só há pouco comecei a tomar a creatina junto com dextrose.
e n, n é dextrose a mais, é exactamente a mema quantidade q está em cada dose do cell tech.

grazie

dummy

post-69938-0-24373700-1397271242_thumb.j

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

engorda se tomar em excesso.

por curiosidade,quanto voce pesa? 75g de dextrose é muita coisa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

cara tudo que tu tomar em excesso vai engordar , seja carbo , proteina e gordura ( os macronutrientes ) , c tu tem 80 kg por exemplo , deve ingerir 50 x 80 ( numero de calorias ) q da por volta de 4000kcal , sendo desses 4000 65% sao de carbo , 10 - 15 % deproteina ( oq parece poco mas nao é , vai da la pros 130 g de proteina , dado q proteina nao possui mtas calorias ), entao TUDO depende , c tu toma essa dextrose e chapa na cama , dai e certo Q TU VAI ENGORDA ,, vai ter 1 pico de insulina oq aumenta a absorçao da creatina como de aminoacidos , mas tb vai propocionar uma mediaçao no acumulu de gordura , assim como a inibiçao do hormonio GH , portanto tudo e relavtivo , visto q nao e uma boa opçao ter 1 pico de insulina menos do q 4 horas antes de durmi , pois vc taria inibindo a produçao de gh no sono ( a qual e a hora q se mais produz esse hormonio ) , portando toma sua dextrose tranquilo no postreino onde o pico de insulina E UMA OTIMA opçao para nao ocorrer o catabolismo , ou entao ao acordar , aonde o pico de insulina ira dar uma freiada no nivel de cortisol no sangue / cerebre ( o qual e um hormonio que cataboliza ) , espero ter ajudado , abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

meço 1,85m e peso 82 k.

acabo de treinar lá pelas 9 da noite, e tomo logo a coisa. só deito lá pela 1 da manhã, portanto, n deve haver problema, pq faz essas 4 horas q vc falou.

brigadão.

dummy

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
meço 1,85m e peso 82 k.

acabo de treinar lá pelas 9 da noite, e tomo logo a coisa. só deito lá pela 1 da manhã, portanto, n deve haver problema, pq faz essas 4 horas q vc falou.

brigadão.

dummy

se voce tomar mais do que precisa apos o treino vai engordar, a absorcao de carboidrato de alto ig é muito rapida.

com esse peso, voce deveria usar no maximo 45g.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

se voce tomar mais do que precisa apos o treino vai engordar, a absorcao de carboidrato de alto ig é muito rapida.

com esse peso, voce deveria usar no maximo 45g.

;):o:o

como assim?! tipo, eu peso 59Kg e tomo 50g de malto no pos-treino. Nao sakei isso, poderia explicar melhor?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

tbm nao entendi ... tengo 1.66 e 66 kg ... tomo 50 g de malto depois do treino .. ta certo ou nem?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu tenho 1,80 80kg e tomo 15g de dextrose pós treino e acho mto, pois prefiro usar o carbo diario em outro alimento.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu tenho 1,80 80kg e tomo 15g de dextrose pós treino e acho mto, pois prefiro usar o carbo diario em outro alimento.

 

Parabens por desenterrar um topico de 9 anos

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta em nossa comunidade! É rápido, fácil e grátis!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora

  • Conteúdo Similar

    • Qual creatina e dextrose comprar?
      Por BigDias.
      Vou comprar um WHEY GOLD + DEXTROSE + CRATINA. QUERIA SABER QUAL A MELHOR DA CREATINA E DEXTROSE NO MERCADO ! FLW VLW
    • Ciclo de 12 Durateston
      Por WILL_DIRK
      Sou personal no Rio de Janeiro, treino há 15 anos e resolvi mandar 12 duras pra dar um levante .
      Junto com suplementos que sempre uso, exceto a creatina que mando 2 meses e paro 1.
      durat: 1 - 2 - 2 - 2 - 2 - 1 - 1 - 1 ( ainda não decidi se na sexta semana mando duas duras e paro em 7 semanas ou mando uma na sexta semana e alongo para 8 semanas 
      até agora ja tomei 3 duras . ja ganhei 4 kg mas com certeza foi minha alimentação e dedicação nos treinos que mudaram. 
      foto antes do início do ciclo

       
      foto segunda semana
       
       
      foto início da terceira semana (hoje 11 de janeiro de 2016)

       
      To fazendo um grupo muscular por semana .. minha recuperação sempre foi lenta .... 
      abs a todos
    • Quando devo tomar meu shake de Whey Protein com Dextrose?
      Por Samuel Melo
      Olá sou atleta de Polo Aquatico, treino de segunda a sexta com o seguinte treino.
       
      Academia por 01h30 aproximadamente, logo após vou jantar no clube mesmo, espero a digestão e entro na piscina onde treino por 02h30. 
       
      Bom queria saber a hora certa de tomar meu shake de whey+dextrose, para que tenha uma melhor absorção de nutrientes. Os treinos são puxados pois é rendimento.
       
      Meu objetivo maior é o rendimento e o ganha de massa muscular portanto gostaria da ajuda de alguém que entende do assunto, OBG!
    • Suplementação intra-treino e importância do CORTISOL (DUDU)
      Por duduhaluch
      Recentemente se tornou comum o uso de suplementos intra-treino por fisiculturistas e adeptos da musculação, como carboidratos (maltodextrina, dextrose), com a finalidade de repor energia, e aminoácidos como BCAAS e glutamina, que prometem efeito anti-catabólico [1]. Essa ideia equivocada tem como pressuposto o fato de durante o exercício físico o corpo aumentar a liberação de hormônios catabólicos, como o cortisol e também as catecolaminas (adrenalina e noradrenalina). O equívoco está em desprezar os efeitos benéficos da atividade desses hormônios, olhando ingenuamente apenas pelo lado do catabolismo proteico.
       
      Durante o exercício ocorre aumento da concentração plasmática de glicose pelas ações combinadas de glucagon, adrenalina, noradrenalina e cortisol. Esses hormônios promovem a glicogenólise (degradação do glicogênio em glicose no fígado e no músculo) e gliconeogênese (síntese de glicose a partir de aminoácidos), aumentando assim a quantidade de glicose disponível para uso como fonte de energia. A insulina ajuda a glicose liberada a penetrar nas células, onde o açúcar pode ser utilizado para a produção de energia. No entanto as concentrações de insulina declinam durante o exercício, indicando que o exercício aumenta a sensibilidade das células a esse hormônio, de modo que há necessidade de menor quantidade de insulina durante o exercício em comparação com as necessidades do indivíduo em repouso. Quando as reservas de carboidrato estão baixas, o corpo se volta mais para a oxidação das gorduras para obter energia, e a lipólise (queima de gordura) aumenta. Esse processo fica facilitado pelos baixos níveis de insulina durante o treino e pelo aumento das concentrações de adrenalina, noradrenalina, cortisol e hormônio do crescimento (GH) [2].
       
      A insulina é o grande inibidor da lipólise. A diminuição das concentrações de insulina durante o exercício ocorre sobretudo devido à ação da adrenalina e da noradrenalina em inibir a liberação de insulina pelo pâncreas. O aumento da insulina antes e durante a atividade física pode inibir a lipólise. O uso de aminoácidos, como a leucina, também estimulam a liberação de insulina, portanto o uso de suplementos como BCAAS e carboidratos durante o exercício vão diminuir a lipólise, não só por estimularem secreção de insulina, mas também porque uma maior oferta de carboidratos durante o exercício vai alterar a proporção do uso dos substratos (usando carboidrato ao invés da gordura) como fonte de energia [3].
       
      A preocupação do catabolismo proteico durante o exercício e a tentativa de inibir ação do cortisol durante o treinamento de força são duas ações que considero improdutivas, não só pela redução da lipólise, mas também porque o cortisol é um hormônio necessário nas adaptações ao exercício de força, provavelmente atuando nos processos de reparação tecidual. Em condições normais, o cortisol não justifica a fama de hormônio cuja concentração, uma vez aumentada, provocaria um aumento do catabolismo da massa muscular [4]. Finalmente,  estudos demonstram que em condições de estresse prolongado (um determinado exercício) há diminuição da secreção de cortisol (após 30-45 minutos de exercício), tornando infundado o medo de catabolismo muscular durante o treino. Segundo Chris Aceto:   ”Níveis elevados de cortisol permitem o efeito máximo, tanto do GH como da adrenalina. GH e adrenalina estimulam o corpo a quebrar a gordura corporal (lipólise). Se os níveis de cortisol estiverem elevados, você quebra mais gordura do que se eles não estiverem elevados. Cortisol também estimula a quebra das células de gordura independente dos níveis de GH e adrenalina. As chances de um corpo treinado inibir taxas elevadas de cortisol são muito maiores do que daquele corpo estressado, acima do peso, e que não se exercita. Minha opinião sobre o cortisol é de que, na realidade, ele é benéfico para entrar em forma” [5].
       
      Sem contar que um corpo sadio prefere usar carboidratos e gorduras como fonte de energia, sendo que não mais que 5-10% de proteína são usadas como fonte de energia durante a atividade física, então suplementar aminoácidos durante o treino para um atleta de força é totalmente desnecessário e improdutivo, pois pode afetar negativamente a lipólise e reduzir os efeitos benéficos e sinérgicos do cortisol.
       
      REFERÊNCIAS:
       
      [1]  rodolfoperes.com.br/blog/1733/suplementacao-intra-treino–quando-e-quem-deve-utilizar.aspx
      [2] Fisiologia do Esporte e do Exercício, 5ª edição.
      [3] Estratégias de Nutrição e Suplementação no Esporte, 2ª edição.
      [4] HIPERTROFIA HIPERPLASIA, 3ª edição.
      [5] treinoinsano.com.br/novo/index.php?/topic/4448-refletindo-sobre-o-cortisol-por-chris-aceto/
      http://pt.wikipedia.org/wiki/Cortisol
       
      abraços, DUDU HALUCH
    • Posso tomar whey + dextrose pós treino para emagrecer?
      Por Maycon_medeiros
      Pretendo emagrecer um pouco e ganhar massa magra, é recomendável tomar whey junto com dextrose no pós-treino?