Carregando...
Ir para conteúdo

Amêndoas, Castanhas e Nozes (Frutas Oleaginosas) ajudam a Emagrecer!



Amêndoas, Castanhas e Nozes (Frutas Oleaginosas) ajudam a Emagrecer!

Caros colegas, está provado que incluir amêndoa na dieta acentua a redução de peso. E tem mais: ela é rica em proteína, fibra, cálcio, ferro e gordura do bem, que protege o coração. Se você acha que as amêndoas, castanhas e nozes devem passar longe da sua dieta por conta das calorias, você não sabe o que está perdendo. Elas fazem parte do seleto grupo das frutas oleaginosas, que, além de carregarem muitos nutrientes, podem ser excelentes parceiras na hora de emagrecer.

Estudos indicam que, quando aliadas a uma dieta, essas castanhas auxiliam na perda de peso, pois são ricas em gorduras mono e polinsaturadas, responsáveis por manter o nível de açúcar no sangue estável e ativar o metabolismo da queima de gorduras. O mais recente deles, publicado na revista norte-americana International Journal of Obesity, comparou os efeitos de uma dieta para emagrecer enriquecida com amêndoa a uma mais tradicional, suplementada com carboidratos complexos.

O grupo que comeu amêndoa não só obteve mais sucesso na redução do peso e do total de gordura corporal como também teve mais facilidade em manter a perda de peso durante o tempo estudado. Lançar mão das gorduras do bem para emagrecer é um recurso cada vez mais defendido por especialistas no mundo todo. O efeito principal que o uso dessas oleaginosas têm é quanto a redução do nível de insulina liberada pelo pâncreas, ajudando assim, a converter os estoques de gordura corporal em energia.

Além disso, os especialistas são unânimes ao classificá-las como ótimas moderadoras de apetite. “Ao comer cinco ou seis nozes antes da refeição, você se sente saciado mais rápido e por mais tempo”, escreve o médico norte-americano Michael Roizen, autor dos best sellers Idade Verdadeira e A Dieta da Idade Verdadeira.

E não é só isso. A família das castanhas é muito rica em nutrientes. Na lista de seus componentes benéficos entram fibras, proteína, cálcio, ferro, potássio, zinco, selênio, vitamina E, ácido fólico, entre outros. A castanha-do-pará, por exemplo, já ficou famosa por seu alto teor de selênio, mineral que atua no equilíbrio da tiróide (evitando oscilações de peso), previne tumores, fortalece o sistema imunológico e protege contra a ação dos radicais livres.

Um estudo da Universidade de Otago, na Nova Zelândia, atesta que a ingestão diária de duas castanhas-do-pará recentemente rebatizadas castanhas-do-brasil eleva em 65% o teor de selênio no sangue. Mas provavelmente os neozelandeses não usaram o legítimo produto brasileiro. Ora, nós somos sortudos. É que as castanhas produzidas no Norte e no Nordeste do país são tão ricas em selênio que bastaria uma unidade para tirar o mesmo proveito.

amendoim, amêndoa e pistache são boas fontes de proteína e não devem faltar na alimentação de quem não come carne. O zinco, presente especialmente na castanha-do-pará e de caju, tem papel fundamental na produção de glóbulos brancos; magnésio, encontrado na maioria dessas castanhas, ajuda a controlar a pressão e a reduzir sintomas da tensão pré-menstrual; sem falar no potássio, mineral fundamental para contração muscular.

As gorduras monoinsaturadas presentes nesses alimentos também são uma vantagem e tanto. Elas reduzem o nível de colesterol ruim e aumentam o HDL, o colesterol do bem, responsável por limpar as artérias. Por isso, elas são armas poderosas para afastar as doenças cardíacas. Uma pesquisa norte-americana revelou que duas colheres de sopa de nozes por dia é capaz de reduzir em 13% o nível total de colesterol. Cada 1% do colesterol reduzido significa 2% a menos de risco de doenças cardiovasculares.

Mas não se esqueça de que, mesmo sendo do bem, essas gorduras carregam muitas calorias. Um pacotinho de 100 gramas de amendoim ou castanha de caju, por exemplo, vale o mesmo que um Big Mac. Nem é preciso dizer que, consumidas em exagero, acabam como estoque de gordura. Por isso, o recomendado é comer as castanhas no lugar de outro alimento, não apenas adicioná-las à dieta.

Qualquer que seja a sua escolha, o melhor é consumir as oleaginosas cruas. Se não gostar, uma boa alternativa é torrá-las em casa, pois o calor do forno não é suficiente para tirar os benefícios dos nutrientes nelas contidos. Para preservá-las, conserve em lugar seco e afastadas da luz e evite os grãos muito salgados, que favorecem a retenção de líquidos.

Publique seu conteúdo como colaborador


Comentários

Comentários Destacados

Bom artigo!

Eu tenho fixos na minha dieta castanha do pará, castanha de caju, amendoim e nozes. Uma delas, não todas ao mesmo tempo...rs

O cuidado que tenho de tomar é que a castanha do pará e essas outras que mencionei têm um valor energético alto!

100 g de castanha do pará, segundo a Tabela TACO, rendem a bagatela de: 14,5 g de proteínas, 63,5 g de gorduras totais e 15,1 g de carboidratos, fechando a singela quantia de 643 calorias.

Portanto, para os lanches, eu uso 15 g (dá mais ou menos uma mão fechada de castanhas pequenas) combinados com outros alimentos.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta em nossa comunidade! É rápido, fácil e grátis!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora

  • Conteúdo Similar

    • Por Andressa Souza
      Oi pessoal, estou de volta!
      Depois de tempos sem relatar, volto pra pedir ajuda. Sozinha é sempre mais difícil ne?!
       
      Idade: 35 anos
      Altura: 1,72
      Peso: 72kg
      Medicações em uso: Ômega3, vit d 5ui, cafeina 220mg (pré treino) e biotina.
      Problemas de Saúde e história de cirurgias: Cesárea 
      Exames de sangue hormonais recentes OU que tiver recente=  meu último foi em março, querem que poste novamente?
      Tempo de treino: 7 anos (eu acho rs)
      Ciclos FEITOS com dose e tempo: 12 semanas de ox, começando com 5mg, subindo para 10mg e finalizando com 5mg. Nov/19 a jan/20
      Ciclo PROPOSTO com Aes (Marca) dose e tempo: Acredite que preciso primeiro ajustar a dieta, novamente baixar percentual de gordura e depois crescer. Quando chegar nessa fase eu peço novamente ajuda de vcs, pois não sei ainda como prosseguir.
       
      Divisão de treino e horario do mesmo: 
      A:quadríceps 
      B: costa/bíceps 
      C: peito/ombro/tríceps 
      D:posterior/glúteo 
      Treino as 09:30
       
      Dieta com quantidade de proteina/carboidrato/gordura por dia:
      Prot: 151gr
      Carb: 95,8
      Gord: 48gr
       
      As 06:30 
      3 ovos
      30gr de farelo de aveia
      100ml de leite desnatado 
       
      Pós treino
      Whey
      1 banana
       
      As 13h almoço 
      150gr de proteina
      100gr de arroz
      100gr de legumes
      Salada verde 
       
      As 18h
      150gr de proteina
      100gr de arroz
      100gr de legumes
      Salada verde
       
      Essa tem sido a última alteração que eu mesma acabei fazendo por conta própria.
      Como a quantidade de proteína nas principais refeições são grandes, eu me sinto saciada.
      Mas como sempre, estou aqui pra pedir ajuda, aceito sugestões e alterações.
       
      Nesse período eu consegui aumentar o peso, mas lógico que junto vem a nossa detestada gordura, o aspecto da pele acho que da pra ver nas fotos, o que tem me desagrado tbm. Mas tudo é um processo e eu sabia que pra ganhar alguma coisa iria ganhar gordura tbm.
       
      Os cardio eu confesso que preciso me dedicar mais, tenho feito 3 vezes na semana, o hiit Apollo rs
       
      Segue as fotos atuais!



    • Por Let36
      Oi amigos (as),
      Gostaria da ajuda de vcs para montar meu ciclo de GH. Tenho 1.58 e peso 55kg. BF deve estar na casa dos 18/20%.
       
      Treinos: Sempre treinei pesado e tenho uma massa muscular boa, 15 anos de treino in/out mas nos últimos 3 anos constância de 4 a 6x por semana. No momento dei uma diminuída nas cargas, e estou treinando mais combo cardio+peso leve, e gostei do resultado no corpo, mais seco, menos aspecto fortona. Mais natural (vou postar foto).
      Dieta: Depois de muito tempo de low carb outra coisa que mudou foi que voltei a comer carbo (sem exagero) média 150g dia e deu bastante certo, inclusive emagreci pois estou comendo menos, tendo menos fome. Como comida de verdade, evito as farinhas, arroz feijão bife, salada, ovos, vegetais e legumes. Qdo estou no ciclo me mantenho longe dos doces e afins. Mas no momento estou mais relax com a dieta.
      Ciclos anteriores: 3 ciclos de oxa 20mg dia + resto gel 0.5%. Deu um tremendo resultado e pouquíssimo colateral. Fiz com acompanhamento médico e tive bons resultados mas fiquei beemmm forte. 
      Último ciclo finalizado: Jan 2020

      Agora ao que interessa: GH (com receita)
      Quero ciclar o GH principalmente pra dar aquela trincada no abdômen. Sempre tive tendência a uma gordurinha extra ali (pançinha abaixo do umbigo) então não queria combinar com a oxa pra não ficar tão forte, mas aguardo os comentários de vcs. A resto gel eu tomo mais como reposição hormonal e pretendo continuar. A dose de GH que pensei é 2 UI/dia ao acordar mas queria saber das mais experientes neste ciclo se isso é muito/pouco. E o tempo do ciclo 4 meses max. 
       
      Agradeço aos colaboradores que puderem ajudar.
      abraço.
      p.s. cobrí as tattoos como pude mas achei arriscado deixar com elas. 😬




    • Por Bia
      Boa tarde, sou nova aqui, tenho dificuldade em ganho de massa muscular, perco mt fácil oq ganho, ja fiz um ciclo uma vez mas sem orientação correta, busco alguma ajuda sobre uma dieta também, tenho um treino montado para mim, gostaria muito de um auxílio de vocês, malho a um tempo ja tive um corpo com mais massa muscular do que estou hoje, aguardo alguma ajuda e desde já agradeço
      Idade: 22 anos 
      Altura:1,65
      Peso:57,900 kg
       
      Medicações em uso:(tomei mes passado a primeira dose do anticoncepcional mas n pretendo continuar, tomo lavitan mulher 5G multivitaminico e lavitan vitamina d de 1000 ui)
      Problemas de Saúde e história de cirurgias:
      Exames de sangue hormonais recentes OU que tiver recente= NEnhum problema de saúde fiz todos os exames completos recentemente 
       
      Tempo de treino: 4 anos
       
      Ciclos FEITOS com dose e tempo: ja tomei stano, a 2 anos fiz um ciclo errado sem orientação tive muito colateral de espinha e a voz engrossou 1 ml durante 4 semanas tomei 1 vez por semana 
       
      Ciclo PROPOSTO com Aes (Marca) dose e tempo: não tenho ciclo proposto gostaria da sugestao de voces 
       
      Divisão de treino e horario do mesmo:
      Divisão: Treino A e B// 5x na semana// treino as 15hr da tarde
      (Treino a: seg qua sex
      Aquecimento:10 min caminhando e 
      mobilidade de tornozelo:2x15
      Mobilidade de quadril:2x20
      Elevação de quadril unilateral isometrico:4x20’
      Após aquecer fazer: Leg 45:15-10-12
      Agachamento alternado:3x20(30’ seg inter)
      Agachamento lateral 3x10 conj com agach sumo 3x10
      Cadeira extensora:3x 5” iso+8rep+5”iso+8rep
      Flexao de pernas na cadeira ext:3x8 unilateral na fase ex
      Subida no step:4x8)
      Treino B:braço e ombro e costas 
       
      Dieta com quantidade de proteina/carboidrato/gordura por dia: no momento n to com uma dieta, alguma sugestão?
       
      Fotos: 









    • Por tlelissb
      Oi gente!
      Me chamo Tainá, tenho 24 anos. 
      A alguns anos luto contra o efeito sanfona, emagrece 11kg, engordava 15kg. Já fiz muitas dietas, todas possíveis. Treinava todos os dias e 3 vezes na semana fazia muay thai. A mais ou menos 1 ano, infelizmente cai no sedentarismo. Sofro com meu corpo e a minha baixa auto estima. Um dia acordo me amando, no outro me sinto péssima. Demorei muito para criar coragem de vir aqui criar o fórum mesmo vendo e acompanhando muitos relatos. Até que uma pessoa especial me encorajou. Então cá estou eu, pedindo ajuda para que esse efeito sanfona pare e eu vou correr muito atrás disso.
      Atualmente não tenho doenças crônicas. 
      Não uso nenhum tipo de remédio.
      Tive um parto cesariana a 7 anos.
      Tenho 1,64 e estou pesando 99kg!
      Eu preciso cair para a casa dos 80kg.
      Meu único mal é a retenção de líquido, tudo que penso em comer já engordo 2kg. Também sou ansiosa, as vezes compulsiva. Eu mesma me frusto e desconto na comida para tentar me satisfazer (mesmo sabendo que não devo e que isso não é algo normal). 
       


    • Por SRenat@
      Boa noite, 
      Conheci o site através de uma amiga que ja esta aqui no site sendo acompanhada desde janeiro. E gostaria muito da ajuda de vocês 🙏
      Estou há 6 meses sem treinar, engordei muito, estou comendo tudo errado 🤦‍♀️ passando horas sem comer e comendo muito. 
      Estou com muita flacidez, e está me incomodando muito muito o meu corpo 😔 
      Idade: 27
      Altura: 1,70
      Peso: 66,500
      Medicações em uso: nenhum 
      Problemas de Saúde e história de cirurgias: lipoaspiração(6 anos atras) 
      Tempo de treino: sem treinar a 6 meses
      Ciclos FEITOS com dose e tempo: nenhum 
      Ciclo PROPOSTO com Aes (Marca) dose e tempo: nenhum 
      Divisão de treino e horario do mesmo: nenhum ( estou parada, mas vou fazer minha inscrição na academia amanhã) 
      Dieta com quantidade de proteina/carboidrato/gordura por dia:
      Cafe
      3 ovos 1 fatia de pão caseiro(ou tapioca com ovo) 
      Almoco
      Arroz bastante, umas 250g , mandioca, carne e salada
      Lanche bolo/ as vezes não lancho
      Janta : 2 pao francês com ovo ou arroz e carne Ou iorgute grego
      Minha alimentação ta bem bagunçada. 
      Espero que vocês possam me ajudar 🙏
       
       



×
×
  • Criar novo...