Jump to content

Miguel V

Membro
  • Content Count

    261
  • Joined

  • Last visited

5 Followers

About Miguel V

  • Rank
    Novato

Detalhes

  • Gênero
    Masculino

Redes Sociais

Musculação

  • Suplementação
    Polivitaminico
    Ômega 3
    BCAA
    Creatina
    Glutamina

Recent Profile Visitors

2,066 profile views
  1. Haha Apenas para compartilhar os andamentos. O que estou fazendo já tinha batido o martelo. Você já me viu em demasia Heheh Mas vamos lá. Coisas "negativas": Impaciência (não sei qual a contribuição da alta dosagem de cafeína nisso) Alguma insônia. Perda de apetite (inclusive isso está me preocupando um pouquinho). Vou tentar compensar a ausência de comida com suplementação, se for o caso. Tive alguma sensação de estar enjoado esses dias, mas nada que tenha afetado a rotina. 05 dias de utilização. Coisas "positivas": Libido está ótima, em todos os sentidos possíveis. Se isso se manter, irei avaliar com muita sinceridade uma terapia de reposição de testosterona sim. Eu não imaginava que a testosterona em gel fosse capaz de fazer isso, embora já seja a segunda vez que eu utilize. Força elevadíssima. Dupliquei algumas cargas, o que já não foi legal (comecei a sentir o ombro direito nessa "gracinha"). Disposição enorme. Não canso no treino, absolutamente nada. Alguma melhora na vascularização. Estou incomodado que por conta dos feriados a academia não abrirá domingo até terça. Então vou ter que aproveitar os dias para fazer o que dá (Barra, paralela, apoios e abdominais, além do cardio na rua). Abraços.
  2. @Locemar Hehe Eu tenho uma questão bem própria que faço uso, com prescrição médica / acompanhamento, dessas medicações de uso constante. Usualmente, tenho estradiol e prolactina altos. Vou dosar os valores e, a depender da alteração, utilizar um ou outro. Para mim - infelizmente - não é incomum. Obrigado pela participação!
  3. Esse relato não é qualquer forma de recomendação ou prescrição. Sem qualquer forma de arrogância, mas dispenso "sugestões". Background: Esse será o 4o ciclo. Os dois primeiros foram durateston (organon) e winstrol (zambon) há mais de dez anos atrás. O terceiro ciclo foi há alguns meses, com o relato aqui no fórum, utilizando provitar/proviron/clomid. Faço exames de toda ordem a cada 02 meses. Tudo okay. Recentemente me consultei com urologista e endócrino, estando tudo igualmente ajustado em meus parâmetros de normalidade. Idade: pós 30, abaixo dos 40. Duração do uso: 60 dias (8 semanas). Substâncias: Testosterona em pentravan - 150 mg (um pump pela noite) (dica do @FitCoupleHim para a utilização em período noturno). Acetato de Metenolona - 90 mg por dia (dividido: ao acordar, antes do treino e antes de dormir) Oxandrolona - 60 mg por dia (administração idêntica à Metenolona). Utilizarei anastrozol ou letrozol, se achar necessário (em tese, nenhuma das substâncias irão causar problemas). Dieta Em síntese, 800 gramas de carnes por dia (vejam que não são 800 g da proteína, mas das carnes) em 3 a 4 porções. Só utilizo patinho, sassami de frango e tilápia. 200 - 300 gramas de carboidratos por dia em 2 porções. Só utilizo batata doce, tapioca e mandioca. Gorduras: como costumo utilizar 3 - 5 ovos inteiros ao longo do dia, jogo isso no cálculo. Também emprego azeite de oliva nas comidas e pasta de amendoim (não com frequência) no Whey. Isso tem dado 1600 até 2000 kcal diárias, enquanto o metabolismo basal daria 1600 kcal de exigência. Suplementação Manhã: Centrum Vitamina C - 500 mg Vitamina D - 10.000 ui Cafeína - 210 mg (outra dose antes do almoço) Ômega 3 - duas a três G dia Tarde: Whey pré treino (as vezes com 5 g de chia ou linhaça; o whey contém 31 g de proteína por dose) Durante o treino: BCAA (10 g), Creatina (10 g), Glutamina (10 g). Whey pós treino (quando já é noite). Outras coisas: Estou utilizando algumas outras coisas, como cobamamida (15 mg dia), vanadium, selênio, l carnitina (10 g dia). Treino 6x na semana de musculação (segunda a sábado). Treino com duração de uma hora (ou um pouco mais). 5 exercícios para cada grupo muscular, 5 séries, repetições até a falha. Divisão: peito / costas e ombro / bíceps e tríceps / perna e ombro. Farei aeróbicos com os treinos em média 3x na semana. Entre 15 - 25 minutos de corrida intensa após o treino. Domingo eu faço cooper / caminhada por uma hora. Curiosidades: Início agora. Tudo adquirido em farmácias de modo lícito.
  4. Rapaz Siga seu médico. Tem médico ruim, mas o teu parece muito "de boas" para você discordar dele. Queria eu um profissional aberto e benevolente. Tem estudos com ganhos positivos no uso de 100 - 150 mg semana. Se isso te acalma...
  5. Ampolas de 50 mg? Deca tem de 25 mg também... ele não definiu isso? 100 mg semana é uma dose razoável e prudente, bem abaixo do circuito underground/bodybuilder, mas possível. Por que não?
  6. Pois é. Uma questão complexa dos estudos é a dosagem: quase sempre "terapêutica". Nesse caso, fica difícil a verificação se as dosagens que empregamos produzem mais ou menos efeitos. Comparando de modo grosseiro, 600 mg de enantato de testosterona é mais anabolico que 600 mg de oxandrolona, ambos semanais. Eu, pessoalmente (e fica o alerta, É experiência pessoal) tive muito menos colateral com testosterona do que com doses baixas de oxandrolona. Mg por mg, testosterona também é bem mais em conta, o que torna mais viável. Mas por que não juntar tudo? Hehe @Foston, eu, com todo o carinho, discordo. Vou usar em breve oxandrolona em dosagens maiores (já usei 45 mg dia, vou subir nesse novo ciclo para 60 mg dia). Ela dá um "acabamento" muito legal, realçando curvas, mas em teor anabolico e lipolitico, comigo á testosterona faz milagres. Se fizer a conta mg por mg e considerar não somente ganhos, Como custos, a testo, na minha opinião, ganha de lavada. Por isso insisto na questão: para que escolher? Usemos tudo junto! Em breve vou relatar testo + oxandrolona + metenolona.
  7. Não é muito não. Em tese, os 30 dias após a testo/nandrolona você já estaria inibido mesmo. O Ester da deposteron (cipionato) tem a duração média de 14 dias. A nandrolona de igual período até 21 dias... Logo, você estaria usando essa "janela" de inibição para manter uma terceira droga de vida curta funcionando. Mas isso é "brother science". Se você está pagando um profissional, deveria jogar bem aberto com ele.
  8. Olha Se mandar (mais a) nandrolona pelas 5 semanas finais até que dará alguns resultados sim. Aí pode usar o stanozolol logo que acabar a última aplicação de de deposteron / deca durabolin por mais 30 dias para fazer um acabamento. Ficaria mais ou menos assim: 1 - 5 - Deposteron 6 - 10 - Deposteron + Deca Durabolin 11 - 14 - Stanozolol Não acho o melhor, mas é uma alternativa possível.
  9. O médico prescreveu isso? Uma pergunta só. Sem críticas. Metenolona é vendido sim. Algumas (poucas) farmácias de manipulação tem. Mas espere gastar entre dois e três mil reais em uma dosagem de 80 - 100 mg dia x 60 dias. Ou seja, caríssima. Metenolona não é veterinária. Hehe Se for conseguir prescrição médica, pode pensar na nandrolona e no hemogenin (manipulado também já que anda bem difícil encontrar em farmácias). Ambas as opções são um bom combo com a testosterona. Stanozolol (manipulado ao invés do veterinário) é uma alternativa clássica também. As dicas dos demais companheiros aí de cima são todas muito boas. Vale a pena refletir nelas. Abração.
  10. Se você estiver aberto a sugestões, A dosagem de boldenona e de oxandrolona estão muito insuficientes. Nem vale a pena gastar nessa dosagem. Outra coisa é que mandar tudo isso aí sem testosterona me parece um tiro no pé, tanto para a questão de libido, Como de ganhos. Tem muito carboidrato aí (batata doce e inglesa, tapioca), muita gordura (9 ovos inteiros, que embora sejam importantes, me parecem inadequados para seu objetivo de perda de peso). Eu acrescentaria, pelo menos, Sem fazer as contas, mais 200 g de frango ou atum. Fazer dieta sem saber 1) sua necessidade calórica diária, 2) sem adequar o consumo calórico (seja para produzir um déficit para o emagrecimento ou o oposto) é doideira. No mais, boa sorte aí.
  11. Oxandrolona. Primobolan é muito difícil de conseguir, além de ser salgado o preço, o que aumenta as chances de comprar farinha! É muito fácil de acabar comprando testosterona e se ferrar de vez. A dosagem de 10 - 25 mg por dia para mulheres por 6 - 12 semanas é uma média. Se for oral, 30 - 60 mg por dia. Injetável, 200 - 400 mg. Mas fique longe dela. Nandrolona (Que você usou) é bem complexa para mulheres. Não sei como chegou na decisão por ela, à época. Mas você teve é sorte de ter poucos colaterais. Cuide disso. Sua saúde mental é mais importante que um físico aparente. Detalhe: muitas substâncias podem ferrar sua mente. Tem relatos (extremos em dosagens e quantidades diferentes de esteróides anabolizantes) de surtos psicóticos. Oxandrolona (e não somente) pode deixar pessoas depressivas. Metenolona (a primobolona) pode levar até a um quadro de alucinações. Ambas podem levar a um quadro de euforia, podem ter algum efeito de aumentar ou diminuir a ansiedade, como pode levar a ideias suicidas. Isso não é "brothers science". Eu acredito que você deveria ficar longe de substâncias que podem causar um caos mental e psíquico. Você pode ter ganhos razoáveis com alimentação e suplementação antes de ter problemas maiores. Na minha opinião - de usuário e de leitor do tema há mais de 10 anos - O efeito colateral mais negligenciado dos esteróides são aqueles na saúde mental. Pense nisso. Se tiver interesse em aprofundar a leitura: Agren G, et al. Behavioural anxiolytic effects of low-dose anabolic androgenic steroid treatment in rats. Physiol Behav. 1999;66:503–509. Bahrke MS, et al. Psychological and behavioural effects of endogenous testosterone and anabolic-androgenic steroids. An update. Sports Med. 1996;22:367–390. Clark AS, Henderson LP. Behavioral and physiological responses to anabolic-androgenic steroids. Neurosci Biobehav Rev. 2003;27:413–436. Costine BA, et al. Chronic anabolic androgenic steroid exposure alters corticotropin releasing factor expression and anxiety-like behaviors in the female mouse. Psychoneuroendocrinology. 2010;35:1473–1485. Pagonis TA, et al. Psychiatric side effects induced by supraphysiological doses of combinations of anabolic steroids correlate to the severity of abuse. Eur Psychiatry. 2006;21:551–562.
  12. Querida, tudo bem? Algum médico prescreveu a oxandrolona ou foi "por conta"? Com o seu IMC, não acho que esteja no caminho certo com a oxandrolona. Você sabe que ela não é uma pílula emagrecedora e que não tem efeitos de redução de fome, correto? Treino de pesos em jejum? Treinos de peso em jejum não são o ideal. Se for aeróbico, há uma corrente que defende... até vai. Pese seus alimentos. Sempre. Pense no preparo de alimentos: fritos e milanesa costumam aumentar o teor calórico. Talvez possa ser um dos "erros". Outra coisa: proteína não é sempre proteína. Compare os alimentos. O teor de gordura de patinho é bem menor que de uma costela, por exemplo! Então é válido pensar no tipo de alimento (de carnes, prefira patinho, alcatra e músculo, todos com menos gordura; frango opte por sassami e peito; peixes, a tilápia é uma ótima opção, além do atum natural ou, Se enlatado, em água). O arroz é integral? Sugiro pensar nessa opção. Toda forma, eu gostaria isso pela metade! Cuidado com a ingestão de frutas. Algumas podem ser bem calóricas. Pasta de amendoim, embora interessante enquanto fonte de gordura saudável, é bem calórica. Se você não estiver pesando a quantidade que ingere, isso pode ser um tiro no pé! Isso se chama descontrole e propensão à sabotagem. Tente evitar ao máximo. Uma única "porcaria" pode gerar uma bomba calórica bem difícil de se gastar depois. Faça a comparação de quantas calorias (fora carboidratos, gordura e sódio) há em coisas tolas (como uma fatia de panetone só para dar um exemplo) e quantas horas de atividade física precisará para consumir essa ingestão desnecessária. É assombroso. Faça download de algum aplicativo para cálculo de calorias. Eu uso o Fat Secret. Passe a pesar seus alimentos para saber exatamente o que consome. Tentar consumir 70 até 75% da sua ingestão calórica diária recomendada / de metabolismo basal para redução de peso é uma estratégia. Pense em um treino de musculação de 6x na semana, com táticas mais intensas, como tri set, bi set e super série. Inclua aeróbicos no pós treino (30 - 50 minutos) ao menos dia sim / dia não. Tem muita dica boa pela internet.
  13. Acho a ideia da trembolona ruim porque em geral as formulações demandam usos mais constantes. É difícil a formulação de enantato, que permitiria aplicações mais distantes, por exemplo. Outra coisa é que os colaterais podem sim ser bem mais intensos que de outras drogas. Para um iniciante, uma testosterona em doses razoáveis já estaria ótimo. Eventualmente, uma segunda substância como oxandrolona ou nandrolona já faria mais que o necessário. Abraços.
  14. Só lembrando o parceiro aí que os ésteres propostos (propionato, acetato), demandam mais que duas aplicações na semana. O mínimo aceitável seria 3x na semana para tais ésteres. O ideal mesmo seriam aplicações dia Sim, dia não. Mas referendo a fala do colega: blend de 3 substâncias não é o melhor para um principiante. 2 substâncias já seriam mais que suficientes. Também não gosto de trembolona para iniciantes. Abraços
×
×
  • Create New...