Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

juliusfortes2
 Compartilhar

Post Destacado

Boa noite a todos os meu amigos.
Venho por meio deste forum pedir ajuda pois apresento vários sintomas que me impediram executar várias tarefas durante minh vida. Segue abaixo:
falta de energia constante
letargia

compulsão por doces
recuperação muscular tardia

dificuldade para concentrar-me em algo

alteração de humor com facilidade
dificuldade de enfrentar os desafios da vida

 


Desde os 25 tenho tomado alguns remédios controlados (paroxetina, clonazepam e carbamazepina) porém tenho quase certeza que a raiz disso tudo não é psicologica.

Atualmente, no país onde moro, não tenho condições de efetuar uma bateria de exames necessários para ter um relatório final a respeito dos meu sintomas, porém, tenho um exame feito em 2007 que inclui alguns exames - inclusive hormonais.

Ficarei muito grato com ajuda de todos.

Um forte abraço.
 

 

T3: 0,9 ng/mL

Metodo/Equipamento: Eletroquimioluminescencia - ELECSYS/HITACHI-ROCHE

Material: Soro

Valor de Referencia p/Adultos: 0,8 a 2,0 ng/mL

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

TIROXINA Livre -(T4 Livre): 1,01 ng/dL

Metodo/Equipamento:Eletroquimioluminescencia - MODULO E/ROCHE-HITACHI

Material: Sangue

Valores de Referencia:

Adultos................: 0,70 a 1,70 ng/dL

Criança: 0 a 12 meses.: 1,10 a 2,00 ng/dL

1 a 6 anos..: 0,90 a 1,70 ng/dL

7 a 12 anos..: 1,10 a 1,70 ng/dL

13 a 17 anos..: 1,10 a 1,80 ng/dL

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

FSH: 2,0 mUI/mL

Metodo/Equipamento: Eletroquimioluminescencia - Modulo E/ROCHE-HITACHI

Material: Soro

 

Valores de Referencia:

Mulheres: Fase folicular.: 3,5 a 12,5 mUI/mL

Pico ovulatorio: 4,7 a 21,5 mUI/mL

Fase lutea.....: 1,7 a 7,7 mUI/mL

Pos menopausa..: 25,8 a 134,8 mUI/mL

Homens...................: 1,5 a 12,4 mUI/mL

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

INSULINA:12,49mU/mL

Metodo/Equipamento: Eletroquimioluminescencia - MODULO E/ROCHE-HITACHI

Material: Soro

Valores de Referencia: 2,6 a 24,9 mU/mL

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

TSH - ULTRA SENSIVEL: 3,520 uUI/mL

Metodo/Equipamento: Eletroquimioluminescencia - MODULO E/ROCHE-HITACHI

Material: Sangue

Valores de Referencia:

Recem-nascidos: 1,000 a 39,000 uUI/mL (1)

0 a 12 meses..: 1,360 a 8,800 uUI/mL (2)

1 a 12 anos...: 0,850 a 6,500 uUI/mL (2)

13 a 20 anos..: 0,700 a 5,700 uUI/mL (1)

Maior 21 anos.: 0,270 a 4,200 uUI/mL (2)

 

(1)= Dados do NACB Symposium in Clinical Chemistry 42:1;135-139 (1996)

(2)= Dados da Roche que abrange 95% de individuos saudaveis

 

NOTA: Os resultados sao expressos com 3 casas decimais, devido a

tecnica ser hipersensivel.

^ Obs.:

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

LH: 6,29 mIU/mL

Metodo/Equipamento: Eletroquimioluminescencia - Modulo E/ROCHE-HITACHI

Material.: Soro

 

Valores de Referencia:

Homens....................: 1,7 a 8,6 mIU/mL

Mulheres: Fase folicular.: 2,4 a 12,6 mIU/mL

Pico ovulatorio: 14,0 a 95,6 mIU/mL

Fase lutea.....: 1,0 a 11,4 mIU/mL

Pos-menopausa..: 7,7 a 58,5 mIU/mL

 

Liberado por: ANA CRISTINA SIDRIM V. MAGALHAES CR : 1001026 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

PROLACTINA: 15,9 ng/mL

Metodo/Equipamento: Eletroquimioluminescencia - MODULO E/ROCHE-HITACHI

Material: Sangue

Valores de Referencia:

Homens................: 4,04 a 15,2 ng/mL

Mulheres(nao gravidas): 4,79 a 23,3 ng/mL

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

TESTOSTERONA LIVRE:15,7 pg/mL

Metodo/Equipamento: Radioimunoensaio

Material: Soro

Valores de Referencia

Adultos

Mulheres: 0,29 a 3,18 pg/mL

Homens..: 8,69 a 54,69 pg/mL

Criancas

Meninos.: 6 a 9 anos 0,1 a 3,2 pg/mL

Meninas.: 6 a 9 anos 0,1 a 2,7 pg/mL

Exame Realizado em Laboratorio de Apoio

 

Liberado por: ANA CRISTINA SIDRIM V. MAGALHAES CR : 1001026 Data coleta: 10/02/2007 09:44

--------------------------------------------------------------------------------

HEMOGRAMA COMPLETO

Material: Sangue Metodo: Automacao Roche/Revisao Microscopica

ERITROGRAMA Valores encontrados Valores de Referencia

Homem Mulher

Hemacias em milhoes/mm3....: 5,3 4.5 - 6.1 4.1 - 5.3

Hemoglobina em g/dL........: 15,30 12.8 - 17.8 11.5 - 16.4

Hematocrito em % ..........: 45,1 40.0 - 54.0 36.0 - 48.0

Vol. Glob. Media em fl.....: 84,7 80.0 - 98.0

Hem. Glob. Media em pg.....: 28,7 27.0 - 33.0

C.H. Glob. Media em % .....: 33,9 31.0 - 36.0

Indice de Anisocitose (RDW): 14,2 11.0 - 15.0

 

Hemacias normociticas e normocromicas

LEUCOGRAMA

% /mm3 /mm3

Leucocitos por mm3........: 7400 Adultos: 3.600 - 11.000

Neutrofilos ..............: 50 3700 45 - 70 1.500 - 7.000

Promielocito.. ...........: 0 0 0 0

Mielocitos ...............: 0 0 0 0

Metamielocitos............: 0 0 0 0

Bastoes...................: 1 74 1 - 7 50 - 600

Segmentados ..............: 49 3626 40 - 75 1.500 - 7.000

Eosinofilos ..............: 7 518 1 - 6 50 - 600

Basofilos ................: 0 0 0 - 3 0 - 200

Linfocitos ...............: 34 2516 20 - 50 1.000 - 4.500

Monocitos ................: 9 666 2 - 10 100 - 1.000

Blastos...................: 0 0

Total....: 100

 

Linfocitos sem atipias

Plaquetas normais em numero

 

Plaquetas ...............: 291000/mm3 150.000 a 450.000 /mm3

 

Liberado por: JOSE ALEXANDRE TELMOS SILVA CR : 1001899 Data coleta: 10/02/2007 09:44

--------------------------------------------------------------------------------

GLICOSE:89 mg/dL

Metodo/Equipamento: PAP Colorimetrico - Modular P 800/Roche-Hitachi

Material: Sangue

Valor de Referencia: Adultos.....: 70 a 105 mg/dL

> 60 anos: 80 a 115 mg/dL

> 70 anos: 83 a 110 mg/dL

Criancas....: 60 a 110 mg/dL

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

TRANSAMINASE OXALACETICA (TGO):35,8 U/L

Metodo/Equipamento: Cinetica - Modular P 800/ROCHE-HITACHI

Material: Sangue

Valores de Referencia:

Homens..: Ate 38 U/L

Mulheres: Ate 32 U/L

Criancas: 1 a 3 anos: Ate 48 U/L

4 a 6 anos: Ate 36 U/L

7 a 12 anos: Ate 47 U/L

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

TRANSAMINASE PIRUVICA (TGP):62 U/L

Metodo/Equipamento: Cinetico - Modular P 800/ROCHE-HITACHI

Material: Sangue

Valores de Referencia:

Homens..: Ate 41 U/L

Mulheres: Ate 31 U/L

Criancas: 1 a 3 anos: Ate 33 U/L

4 a 6 anos: Ate 29 U/L

7 a 12 anos: Ate 39 U/L

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

TRIGLICERIDEOS: 105mg/dL

Metodo/Equipamento: Colorimetrico Enzimatico - Modular P 800/ROCHE-HITACHI

Material: Sangue

Valor de Referencia:

Otimo.....: < 150 mg/dL

Limitrofe.: 150 - 200 mg/dL

Alto......: 200 - 499 mg/dL

Muito Alto: > 500 mg/dL

NOTA: Valores de referencia segundo a III Diretriz Brasileira sobre Dislipidemias e Sociedade

Brasileira de Cardiologia.

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

COLESTEROL TOTAL:223 mg/dL

Metodo/Equipamento: PAP - Colorimetrico Enzimatico / Modular P 800 Hitachi - Roche

Material: Sangue

Valores de Referencia:

Otimo....: Inferior a 200 mg/dL

Limitrofe: 200 - 239 mg/dL

Alto.....: Maior que 240 mg/dL

 

NOTA: Valores de referencia segundo a III Diretriz Brasileira sobre Dislipidemias e Sociedade

Brasileira de Cardiologia.

 

Liberado por: RAIMUNDO TADEU PIRES SOBREIRA CR : 0002184 Data coleta: 10/02/2007 09:43

--------------------------------------------------------------------------------

SUMARIO DE URINA

Metodo / Equipamento: Direto / Urisys 2400

Material: Urina

CARACTERISTICAS GERAIS

 

Valores de Referencia:

Densidade:1,022 1,005 a 1,030

pH.......:6,0 4,5 a 8,0 (media 6,0)

Cor......:Amarelo Citrino Amarelo Citrino

Aspecto..:Limpido Limpido

 

ELEMENTOS ANORMAIS

 

Proteina...............:Negativo Negativo

Esterases leucocitarias:Negativo Negativo

Nitrito................:Negativo Negativo

Glicose................:Negativo Negativo

Corpos cetonicos.......:Negativo Negativo

Bilirrubina............:Negativo Negativo

Urobilinogenio.........:Tracos Normais Tracos Normais

Hemoglobina............:Negativo Negativo

 

 

SEDIMENTOSCOPIA COM AUMENTO 400x

(Valores em unidade por campo)

 

Hemacias......:Ausencia Menor que 03 por campo

 

Cilindros.....:Ausencia 0 a 2 Hialinos por campo

 

Cel.Epiteliais:Em media 01 por campo Algumas epiteliais

 

Leucocitos....:< 01 por campo Menor que 05 por campo

 

 

Presenca de filamentos de muco.

Presenca de cristais de oxalato de calcio.

Nao foram encontrados microrganismos no material examinado.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


O q vc pretende cara? Qual sua dúvida? Esses problemas que vc diz ter quase todo mundo tem em algum momento da vida, com dedicação vc enfrenta tudo...

 

Voce tem toda razao. O problema que eu sempre tive esses problemas :D

Quero poder levar uma vida melhor, somente isso. Ja tentei fazer de tudo e tenho quase certeza que a soluçao esta nos exames por isso venho buscando ajuda.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta 100% gratuita!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
 Compartilhar

  • Conteúdo similar

    • Por limorx
      Fala Pessoal,
      Estou começando o primeiro ciclo e vou relatar mas gostaria também da ajuda dos mais experientes para corrigir possíveis falhas nos suplemtnos e dieta.
      Sempre malhei e corri, mas nunca fiz dieta, "pelo contrário" e também bebia em excesso. Estou tentando fazer uma mudança e a 90 dias venho me alimentando melhor.
      Fiz exames e fui em um nutrólogo / endocrinologista para iniciar esse ciclo, mas lendo o forum vi várias vezes que médicos não entendem de ciclos.
      Então se puderem dar opiniões, será muito bem-vinda!
      @Bravo Costa 
      @Foston
      @Apollo Galeno
      Vi que vocês comentaram em um tópico bem parecido, se puderem me ajudar aqui também eu agradeço
       
      Idade: 35
      Altura: 1,83
      Peso: 95,8 - estava com 102 a 3 meses atrás e reduzi com dieta
      Medidas da Bioimpedância
      IMC: 28,6% / PGC: 24,8%  / TMB: 1926 / Gordura Visceral: 11% / Massa Muscula Esquelética 41,1 Kg
      Meta: 85 Kg / 15% PGC (Percentual de Gordura)
      Medicações em uso: Somente a fórmula que o médico passou para diminuir ansiedade e ajudar no emagrecimento - Preciso de ajuda aqui pq li e não estou muito seguro de tomar essa medicação
      Bupropiona 75 mg / Naltrexone 4 mg / 4mg / Cromo GTF 200 mcg / 5HTp 50 mg / Garcinia 300mg
      Problemas de Saúde: Nenhum, talvez um pouco de ansiedade mas nada que me atrapalhasse
      Tempo de treino: 3 anos musculação, corrida a pelo menos 5 anos
      Ciclos FEITOS com dose e tempo: Esse é o primeiro
      Ciclo PROPOSTO com Aes (Marca) dose e tempo:
      8 semanas: Oxandrolona 30mg ao dia (10mg de 8 em 8 horas) Sublingual + Testostestora Gel  100mg/g (Pentravan)
      IA Manipulado:  1 capsula ao dia (Vitamina B6 30mg / Saw Palmeto 160mg / Zinco 15 mg / Crisina 100mg / Resveratrol 0,5 mg / Anastrozol 0,5 mg)
      Divisão de treino e horario do mesmo:
      Corrida em Jejum 30 minutos as 6:30 (somente com pré treino)
      Musculação ABC x2 as 18:00
      A - Peito Tríceps
      B - Costa / Bíceps
      C - Ombro / Perna
       
      Dieta com quantidade de proteina/carboidrato/gordura por dia:
      2500 cal
      Carboidratos: 281 g - 45%
      Proteínas: 250 g - 40%
      Gordura: 42g -15%
       
      ROTINA DIARIA
      06:00 Pré Treino
      Termogênico Manipulado: Cafeína 250mg / Chá verde: 400 mg /  Capsiate: 3 mg /  Iombina: 3mg / Citrus Aurantinum: 200 mg / D Ribose: 500 mg  / L Carnitina 200mg
      06:30 Termogênico Manipulado
      Corrida na areia 30 minutos - Não chega a ser Hiit mas dou uns piques no meio da corrida
      Seg/Qua/Sex - 4x15 Flexão de Braço - Terça/Quinta/Sábado - 4x4 Barra
      07:30 Desjejum
      Whey Protein Dymatize - Isowhey
      Oxandrolona - 10mg
      Vitamina C - 500mg
      09:30 Café da Manhã
      Pão Nutrela 1 fatia + Ovos Mexidos ou Queijo Minas
      IA Manipulado:  Vitamina B6 30mg / Saw Palmeto 160mg / Zinco 15 mg / Crisina 100mg / Resveratrol 0,5 mg / Anastrozol 0,5 mg
      12:30 Almoço
      Almoço com Proteína, arroz integral, salada, legumes
      Omega 3 Nutrata
      Vitamina D3 10.000 Ui /Vitamina A 1.000 UI
      Bupropiona 75 mg / Naltrexone 4 mg / 4mg / Cromo GTF 200 mcg / 5HTp 50 mg / Garcinia 300mg (1/2 dose)
      15:30Lanche
      Café sem acúcar
      Pão Nutrela 1 fatia + Ovos Mexidos ou Queijo Minas
      Oxandrolona - 10mg
      18:00 Treino
      Musculação
      Após o banho 1 pump de Testosterona Gel
      19:30 Jantar
      Jantar leve geralmente sem carbo ou bem pouco carbo + proteina + salada
      Omega 3 Nutrata
      Bupropiona 75 mg / Naltrexone 4 mg / 4mg / Cromo GTF 200 mcg / 5HTp 50 mg / Garcinia 300mg (1/2 dose)
      21:30 Ceia
      1 banana ou iogurte ou as vezes nada mesmo
      Oxandrolona - 10mg
       
      Não tenho fotos, mas vou tirar assim que começar;
      Valeu!
    • Por Mrbomb7
      BOM DIA, GALERA

      MONTEI UM CICLO ONDE, PROVAVELMENTE, FAREI USO DE QUATRO DROGAS: BOLDENONA (MEGA-EQUI OU EQUIFORT), DURATESTON (COMPRADA EM FARMÁCIA), OXANDROLONA (MANIPULADA) E MESTEROLONA (PROVIRON - DE FARMACIA). NA VERDADE, AINDA NÃO TENHO CERTEZA SE FAREI USO DA OXANDROLONA. INICIALMENTE ESTAVA PENSANDO EM CICLAR USANDO APENAS 400mg DE BOLDENONA E 500mg DE DURATESTON E 50mg DIÁRIAS DE PROVIRON POR 10 SEMANAS. MAS, DEPOIS DE ANALISAR UM POUCO, ACHEI INTERESSANTE A POSSIBILIDADE DE INTRODUZIR 60mg DIÁRIA DE OXANDROLONA, POR 6 OU 8 SEMANAS, RECEITADA, É CLARO, POR MEU MÉDICO ENDOCRINO E MANIPULADO EM FARMACIA DE CONFIANÇA..
      PEÇO QUE ANALISEM O CICLO, SE ESTÁ BEM ESTRUTURADO E SE É REALMENTE NECESSÁRIO ALTERAR ALGUMA COISA TIPO, DROGA, DOSE OU TEMPO DE USO. DESDE JÁ AGRADEÇO A COOPERAÇÃO DE TODOS QUE SE DISPUSEREM.
       
      IDADE: 41 ANOS
      ALTURA: 1,75 m
      PESO: 83 Kg
      BF: 12% (SÓ INICIAREI O CICLO DEPOIS QUE EU CONSEGUIR BAIXAR O BF PRA 8%)
       
      VAMOS AO CICLO DE 10 SEMANAS
      OBJETIVO: GANHO DE MASSA MAGRA (SE HOUVER UM POUCO DE RETENÇÃO NÃO TEM PROBLEMA)
      DA 1° À 10° SEMANA (SEGUNDAS E QUINTAS): 400mg de BOLDENONA + 500mg de DURATESTON + 50mg de PROVIRON (dose diária, do primeiro ao último dia de ciclo)
      DA 1° À 6° OU 8° SEMANA (TODO DIA): 60mg de OXANDROLONA (todo dia, 30 mg de 12 em 12 horas) - ASSIM FAREI CASO EU RESOLVA UTILIZAR A OXANDROLONA.
       
      A DIETA SERÁ MONTADA POR NUTRICIONISTA ESPORTIVO, PORTANTO, SERÁ PERSONALIZADA.
      FAREI USO DE SUPLEMENTOS (WHEY PROTEIN - CREATINA - MALTODEXTRINA)
      TPC TAMBÉM ESTÁ OK, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A NORMALIZAÇÃO MAIS RÁPIDO POSSÍVEL DO EIXO.
      FAREI OS EXAMES NECESSÁRIOS PARA INÍCIO E ACOMPANHAMENTO DO CICLO. TEREI A SUPERVISÃO DO MEU MÉDICO ENDOCRINOLOGISTA.
       
    • Por Jonata
      Oi!
      Estou planejando o meu ciclo com a trembolona, com o objetivo de ganhar massa muscular e perder gordura, mas ainda não sei o que usar na TPC.
       
      Meu ciclo (produtos da American Plus Pharma):
      - 75 mg de acetato de trembolona (segunda, quarta e sexta, durante 8 semanas).
      - 200 mg de deposteron (a cada duas semanas, durante o uso do acetato de trembolona): para manter os níveis de testosterona.
       
      Pretendo malhar pelo menos 3 (três) vezes por semana, pela manhã, com duração de no mínimo 1h e 30m.
      Idade: 22.
      Altura: 1,71.
      Peso.. 87,00.
      Dieta: 2500 calorias, 170-180g de proteína, 150g de carboidrato no mínimo, 40g de gordura no máximo.
       
      O que posso usar na TPC para conseguir (1) manter meu nível de testosterona normal com os testículos produzindo testosterona normalmente, (2) manter os ganhos obtidos e (3) evitar ginecomastia (já tive ginecomastia antes e fiz cirurgia)? Enfim, como posso montar essa TPC?
    • Por fisiculturismo
      Existem mais de duzentos estudos clínicos sobre o magnésio que documentam a importância desse mineral. Normalmente nossa dieta é deficiente na ingestão de magnésio, razão pela qual muitas pessoas são orientas a suplementar o mineral.
      O magnésio é considerado um mineral antiestresse e um tranquilizante natural. O estresse esgota o magnésio do corpo e pode levar a uma perturbação no sistema nervoso.
      Outro benefício do magnésio está relacionado com a produção de testosterona. Um estudo examinou a relação entre o magnésio, a testosterona e o exercício físico. Os indíviduos foram divididos em dois grupos, um de pessoas sedentárias, e outro de fisicamente ativas.
      Todos ingeriram 10mg de magnésio por kg corporal. Os pesquisadores descobriram que a suplementação com magnésio aumentou a testosterona livre em ambos os grupos. No entanto, no grupo fisicamente ativo a elevação foi maior.
      O uso de suplementos alimentares com magnésio pode ajudar o fisiculturista ou musculador a dormir melhor e a ter um aumento na produção de testosterona.
      Fonte:
      Magnesium, the Key to Recuperation. FLEX, pp. 118, maio de 2013.
    • Por Paulo Cavalcante Muzy
      Vamos falar das misturas de testosterona? Bom, nesta semana me perguntaram por que existem medicações que são sais de testosterona combinados e por que existem sais de testosterona produzidos sozinhos.
      A resposta é razoavelmente simples: testosterona fabricada não foi feita para ampliar resposta esportiva, foi feita para tratamentos de reposição hormonal. Tais tratamentos são realizados em ordem de, em uma pessoa idosa ou que necessite de reposição hormonal por hipogonadismo central ou periférico, possa ter a resposta endócrina induzida o mais parecido com a resposta endócrina normal. Sendo assim, imagine as situações que se seguem:
      Homem entre a 6a e a 7a década de vida, com produção mínima de testosterona, mas ainda funcionante, mas com sintomas clínicos de baixa hormonal, com exames laboratoriais mostrando função de estímulo para produção; Homem entre a 8a e a 9a década de vida, com produção hormonal acentuadamente baixa, praticamente inexistente, com queda no estímulo glandular para produção hormonal, mas sem queixas clinicas, embora apresente sintomas de perda de massa óssea e diminuição da atividade mental e física; Jovem de 17 anos de idade, pós-operatório de cirurgia para remoção dos testículos depois de neoplasia maligna apresentando perda muscular acentuada, perda da libido, baixa atividade mental. Apresenta o agravante de ter tido lesões hepáticas devido ao processo de quimioterapia. Percebe que são situações diferentes e que portanto precisam ser tratadas de forma diferente?
      O que eu gostaria que vocês prestassem atenção é que, embora todas estas condições estejam relacionadas com perda de massa muscular e a testosterona administrada por meio dos seus sais de diferentes tempos de ação e duração possa devolver essa massa muscular, isso é uma situação e não uma regra.
      Lembrem-se: o que torna um sujeito emagrecido por doença num sujeito com a massa muscular normal não necessariamente torna uma pessoa com uma massa muscular normal numa pessoa com uma massa muscular aumentada.
      A grosso modo isto quer dizer que o resultado final depende da adaptação continua , ou seja: ganhar 5kg de massa muscular não é o mesmo para cada estágio do desenvolvimento físico, a medida que o que transforma um magrinho num fortinho não é o mesmo que transforma um fortinho num fortão ou ainda o que transforma um gordão num gordinho, não é o mesmo que faz o gordinho ficar magro, deu para entender?
      Pense bem. Meu conselho médico e de atleta, não transforme seu desempenho em contas aritméticas no mínimo ingênuas.
      Abraço e muita performance com muita saúde!
×
×
  • Criar novo...