Ir para conteúdo
Ricardo Fonseca
Ricardo Fonseca

Prevenção do Câncer de Próstata com Suplementos Alimentares

Entre para seguir isso  

O câncer de próstata é uma doença causada por um desequilíbrio hormonal que acontece na idade avançada. Uma nova discussão surgiu entre pesquisadores e médicos sobre a causa do câncer de próstata estar vinculado com a baixa produção de testosterona e supõe que a reposição desse hormônio na sua forma"bioidêntica" equilibrando outros hormônios no organismo poderia evitar a doença.

Há cinco razões para os baixos níveis de testosterona livre:

1. A testosterona pode estar sendo convertida em estrogênio através da atividade da enzima aromatase.

2. A testosterona livre pode estar ligada ao SHBG. Isso acontece quando o nível de testosterona total está na faixa normal alta, mas seu nível de testosterona livre está baixo.

3. O glândula pituitária, que controla a produção de testosterona através da produção do hormônio luteinizante(LH), não está secretando LH suficiente para estimular a produção de testosterona gonadal. Neste caso, a testosterona total seria de baixa.

4. Os testículos(gônadas) perderam sua capacidade de produzir testosterona, apesar de quantidades adequadas de LH. Neste caso, o nível de LH seria elevado, apesar de um baixo nível de testosterona.

5. O DHEA está baixo.

Estrogênio: Medido como o estradiol, deve ser mantido num intervalo de 20 a 30 pg / ml. Se o nível de estrogênio no homem é elevado, pode estar associada com:

• Aumento da atividade da aromatase, muitas vezes causada pela gordura abdominal aumentada.

• O fígado não está conseguindo remover o excesso de estrógeno, possivelmente devido a ingestão de álcool. Nos homens, a ingestão de álcool aumenta os níveis de estrogênio no fígado (Colantoni et al 2002).

•Se o nível de estradiol de um homem é maior do que 30 pg / mL, ele deve ser reduzido pelo uso de drogas inibidoras da aromatase ou suplementos que não produzem efeitos colaterais. (Excelentes níveis de estradiol são entre 20-30 pg / mL.)

De acordo com as pesquisas recentes, os problemas na próstata ocorrem pelo aumento do hormônio feminino(estradiol) e dihidrotestosterona(DHT). Talvez a hiperplasia da próstata era antigamente relacionada com aumento da testosterona pois ao se administrar testosterona sintética, a conversão dela em estradiol e DHT pode ser aumentada.

A enzima que converte a testosterona em estradiol denomina-se aromatase e já foram descobertos métodos naturais(suplementos) de inibição da ação dessa enzima: A Crisina(5,7-dihidroxiflavone), extraída da planta Passiflora Caerula que no vocabulário inglês é encontrada como chrysin, possui um fator extremamente potente na inibição da enzima aromatase.

Trata-se de um bioflavonóide que inibe a aromatização de androstenediona e testosterona em estrogênios. A crisina para ser absorvida deve ser associada a piperina(extraída da pimenta do reino) gerando maior biodisponibilidade. Além de possuir esse grande efeito antiestrógeno, o extrato pode ser usado em tratamentos para celulite, redução de gordura e antienvelhecimento.

Para inibir outro caminho de conversão da testosterona, como por exemplo, a conversão da testosterona em DHT, devemos primariamente saber que na próstata existe uma enzima, chamada de “5-alfa-redutase” que transforma a testosterona (hormônio masculino) em Dihidrotestosterona.

Essa é uma substância com potência de estímulo nos receptores androgênicos muito grande que estimula em excesso as células da próstata, fazendo-as crescer e se multiplicar, o que, finalmente, é a causa do seu aumento ou o aparecimento do câncer.

A dihidrotestosterona também é o principal fator que contribui para o padrão de calvície masculino. Diferente de homens, o padrão de calvície feminino é caracterizado pelo aumento da produção de testosterona, e não de dihidrotestosterona.


Os medicamentos pertencentes ao grupo conhecido como inibidores da 5α-reductase são usados no tratamento de problemas relacionados com o aumento da dihidrotestosterona. Esse grupo inclui a finasterida para tratamento da calvície e duasterida.

A duasterida é 3 vezes mais potente que a finasterida para inibir o tipo II e 100 vezes mais potente para inibir o tipo I da enzima produtora de dihidrotestosterona. Duasterida não é aprovada pela FDA (órgão americano que regula medicamentos) para tratamento da calvície, mas sim para a inibir o aumento da próstata.

Para fugir dos efeitos colaterais dessas drogas existem algumas plantas medicinais com efeito parecido da finasterida: inibem a 5-alfa redutase com menos efeitos colaterais.

O produto mais estudado é um extrato retirado da fruta de uma palmeira que cresce no sul do Estados Unidos e no México, conhecida localmente por “saw palmeto”. Ela era utilizada tradicionalmente no tratamento de sintomas de aumento da próstata depois que uma vários estudos corroboraram sua eficácia para esse problema.

Otimizando ainda mais o combate a doenças da próstata causado pela conversão do excesso de testosterona em outros hormônios está o "nettle root" ou extrato de raiz da urtiga (Urtica dióica) que é uma planta da África tropical chamada "Pyngeum africanum".

Esse extrato tem a função de bloquear os efeitos da ligação da testosterona ao SHGB e assim permitir mais testosterona livre, além de agir também como inibidor da 5-alfareductase.

Sugestão de suplementos (doses diárias):

320mg por dia de Saw Palmetto dividido em 2 doses para impedir que a testosterona se converta em DHT pela inibição da enzima "5 alpha reductase" bloqueando receptores de estrogênio nas células da próstata;

400mg de Indole-e-Carbinol;

240mg de extrato de raiz de urtiga(Nettle Root/Urtica dioica) para impedir a ligação da testosterona livre ao receptor do hormônio(SHBG);

200mg GAMMA E TOCOFEROL (Vit E);

400mc Selenium;

90mg de Zinco;

50mg de Pygeum Extract 2 vezes ao dia;

1500mg de Crisina por dia impede a testosterona se converta em hormônio feminino( estradiol).

"Bodybuilders" podem usar 3g / dia;

O suplemento que possui a combinação de extrato de raiz de urtiga e crisina é o "Super Miraforte". Pode ser comprado pelo site www.lef.com ;

Obs: Super Miraforte não contém Saw Palmetto na fórmula e deve ser administrado separado pra maior efeito na inibição do DHT (Dihidrotestosterona) na próstata.

Entre para seguir isso  


Comentários

Comentários Destacados

Colegas tenho uma dúvida: Inibindo o DHT o individuo pode ter problemas na área sexual? por exemplo diminuição do libido e ereção?

grato

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Gostaria de saber mais detalhes e  onde conseguir estas substancia numa so embalagem

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Visitante Carlinhos Cunha

Postado

Olá Ricardo! Que surpresa boa! Sou Carlinhos Cunha, colega de Pós no Cecaf lembra? Adorei a matéria, vou passar para frente. Você sugere um suplemento que contenha as substancia com propriedades inibidoras dos hormônios responsáveis pela conversão do testosterona, como o Estradiol e o DHT?

Meu Face: [email protected] ou a Pagina do Face: Academia "Carlinhos Cunha"

 

Vamos estreitar os contatos!

 

Forte Abraço

 

Carlinhos Cunha

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Participe nos comentários

Você pode postar agora e se registrar em seguida. Se você já tem uma conta, entre agora para postar pela sua conta.

Visitante
Adicionar um comentário

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   O link foi incorporado automaticamente.   Exiba como um link normal

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por Daia83
      Oi gente, gostaria de tirar uma dúvida.  Comecei a usar a testo bioidentica 5mg por dia, mas notei esses picos de insulina aumentarem,  e os fármacos para emagrecer que eu usava não dava mais conta. Inchei muito tbm. Nao curti. Daí comcei a reduzir o uso, para 2x a 1x na semana por conta propria mesmo. Mas está certo isso ou estou fazendo besteira? Porque o que percebo é que não vejo nada de diferente pra melhor agora, só perdi tônus e ainda continuo com a pele grossa, e com fome🙄. E sem força.  Qual forma poderia usar ela, sem gerar esse aumento de fome (queria só aumentar um pouco minha testo que sempee foi de 21 para pelo menos 50 pra cima) e só.. Quando usei 5mg de oxa diarias eu fiquei muito melhor, so que meu cabelo não fica bem. heheh.. quando usei 15mg eu quase fiquei careca! hahaha..
       
      Alguem me sugere algo?
    • Por hugo46
      Pessoal, estou fazendo um ciclo de Entanto de Testosterona há 1 mês.
      - 500mg por semana, aplicando (0,5ml) um dia sim e outro não.
      Tenho 33 anos, estava com 74,5kg e 7,19%, tenho 1,78 de altura. Faço academia e dieta faz muito tempo.
      Minha pergunta é sobre os exames. Fiz exames de testo, estradiol, estrona (não saiu ainda), prolactina.... vi que o estradiol está fora da faixa normal, porém, minha testo está alta também (claro =)), minha pergunta é, ele está "normal" já que a testo também está alta? Seguem exames:





       
    • Por Leo_jitsu
      Pessoal alguém já fez uso de Anastrozol 1mg por semana para aumentar a testo? Vi 1 vídeo do Leandro Twin falando que seria uma estratégia, pensei em até agregar o proviron junto...valeu
    • Por Aline V
      Boa tarde Galera, preciso de ajuda nessa questão, sempre fiz atividade fisicas, e durante uns 2 anos fiquei, malho um mes, paro. Vou ao Jiujitsu 1 mes e paro tambem. Esse mês resolvi voltar com o jiujitsu, e tambem a musculação. porem nesse tempo parada perdi muita massa magra. E insatisfeita com tal situação, quero tomar ou oxadrolona, ou testoland. mais estou na duvida, pois a ox sei que é mais fraca pra começar e tal, e pra mulheres é o mais indicado, poderiam me ajudar se a testo é uma boa tambem? Meu unico medo são dar muitas espinhas, criar formas masculinas, quero ganhar uns 4 kg de massa magra, mais sem perder os traços femininos. Poderiam me ajudar? 
      e qual ciclo?
      23 anos
      1,57
      pesando agora 49kg
    • Por fernando98
      Galera, tenho 21 anos, 71kg, 1.86cm de altura e 8.8% de BF. 
      Passei num endócrino, fiz uma porrada de exames, incluindo ultrassons e ecocardiograma e ergométrico e vou começar um 'ciclo'. Bom, não é bem um ciclo, é um primeiro contato com anabolizante e vai ser bem fraco. Acredito que pela minha estrutura, qualquer coisa que jogar vai dar um bom resultado, aliado a uma boa dieta e treino.
      O doutor passou receita pra 2 meses de uso, dependendo dos ganhos e colaterais, eu extendo até a 8ª semana ou paro na 6ª.

      6 semanas: 30mg Stano sublingual - 10mg 3x dia.
      6 semanas: testosterona em gel 150mg - todo dia

      É isso, sei que é um ciclo fraco e sei dos riscos. O doutor também sugeriu Oxandrolona em vez do Stano, mas disse que os ganhos seriam menores, apesar de menos risco. 
×
×
  • Criar Novo...