Jump to content

Bigger Stronger Faster - Crítica aos Heróis Norte-Americanos e Preconceito no uso de Esteroides Anabolizantes

fisiculturismo
  • , 5,603 views

O documentário Bigger Stronger Faster - Is it still cheating if everyone's doing it? (em tradução livre: Maior Mais Forte Mais Rápido - deixa de ser trapaça quando todo mundo trapaceia?) é uma crítica acirrada à cultura norte-americana, onde a população se apresenta contrária ao uso de anabolizantes esteróides nos esportes e para fins estéticos, mas ao mesmo tempo venera atletas que fazem uso de substâncias ilegais.

Dentre os famosos que são venerados pelos norte-americanos, e que fazem ou que fizeram uso de anabolizantes esteróides, o filme apresenta Hulk Hogan, Sylvester Stallone, e Arnold Schwarzenegger.

Segundo o documentário essas personalidades influenciam crianças, jovens e adultos apresentando físicos extremamente musculosos, mas escondem a verdade por trás das montanhas de músculos: anabolizantes esteróides.

O filme apresenta uma realidade obscura dos esportes de elite, que não incomoda apenas o fisiculturismo de alto rendimento, mas praticamente todas as modalidades esportivas que dependem de músculos fortes e rápidos: o doping.

Para o documentário, o atleta de elite é compelido a usar anabolizantes para atingir o topo nos esportes, sem os quais nunca seria um campeão, certo que todos os competidores fazem uso de alguma substância proibida.

São apresentados no vídeo os casos dos velocistas Ben Johnson e Carl Lewis, do ciclita Floyd Landis e dos jogedores de baseball José Canseco, Barry Bonds e Mark McGwire.

No filme são entrevistados médicos, advogados, parlmentares, atletas profissionais e ratos de academia.

O autor do documentário critica o pânico que a mídia levanta em torno dos anabolizantes, sem base científica ou prática para tratá-los como drogas homicidas.

Apresenta 450.000 como o número de mortes causadas por cigarro a cada ano; 75.000 por álcool; e apenas 3 por anabolizantes esteróides.

Nos números de emergência de hospital, o documentário apresenta como primeiro colocado no lista o álcool, como segundo colocado a cocaína, terceiro a maconha, e somente na centésima quadragésima segunda posição os anabolizantes esteróides.

Há no documentário depoimento do médico Norm Fost, segundo o qual não haveria dúvida de que os esteróides anabolizantes esteróides causam sérios efeitos colaterais, mas que eles não teriam sido devidamente demonstrados ainda.

Também há depoimento do médico Gary Wadler, que é contra os anabolizantes e representa a entidade Antidoping, e que diz que os efeitos colaterais dos esteróides não podem ser demonstrados porque seria antiético.

No filme são apresentados os efeitos colaterais da Vitamina C, pelo médico Carlon Colker, e que são muito semelhantes àqueles imputados aos anabolizantes esteróides. Segundo o médico, até amendoim é perigoso, pessoas alérgicas podem morrer por causa dele. Mas não é por isso que o amendoim é proibido para consumo.

Um dos irmãos do produtor do documentário, que é usuário de esteróides, diz que sentiu como efeitos colaterais: acne e crescimento de pelos no peito e nas costas. O outro irmão, que também é usuário da droga, afirma que ao usar esteróides tem reduzidas as "bolas do saco".

bigger_stronger_faster_02-213x300.jpg

Uma atleta profissional diz que o efeito colateral é o som grosso da voz e o crescimento de pelos.

De acordo com o documentário, não haveria alteração de personalidade pelo uso de esteróides, ou ataques de raiva, como é divulgado na mídia.

Segundo o documentário, os esteróides anabolizantes têm sim efeitos colaterais, como qualquer outro medicamento, mas eles seriam reversíveis com o fim do uso da droga. São mencionados os seguintes efeitos colaterais: acne, crescimento de pelos, aumento do colesterol, diminuição dos testículos e diminuição dos espermas (até mesmo esterilidade). Todos esses efeitos seriam reversíveis.

Para o produtor do documentário, os esteróides não causam calvície (mas podem adiantá-la se for um traço genético).

Os esteróides também causam ginecomastia nos homens, e nas mulheres, além de acne e crescimento de pelos, causam engrossamento da voz, problemas menstruais e podem aumentar o clitóris. Alguns desses efeitos não seriam reversíveis.

Nas crianças, os esteróides poderiam prejudicar o crescimento dos ossos, mas isso não foi provado.

Também não foi provado que os esteróides causam câncer ou problema nos rins. Problemas no fígado seriam causados apenas por esteróides de administração oral.

Quanto aos problemas de coração, diz o documentário que não há prova que os esteróides os causem, mas afirma que baixa testosterona também traz problemas de coração.

No que toca à agressividade, o documentário afirma que apenas 5% da população apresenta esse efeito colateral.

Sobre efeitos colaterais a longo prazo, não se pode dizer nada, porque não há nenhum estudo.

Em entrevista, o advogado Rick Collins afirma que a sociedade norte-americana aceita que as pessoas se exponham a inúmeros riscos desnecessários, tais como cirurgias plásticas, lipoaspirações, bungee jump, saltos de pára-quedas, esquiar na neve e assim por diante. Os riscos dessas atividades são tremendos, sem qualquer necessidade. Se todos esses riscos são permitidos, por que não permitir o uso de anabolizantes esteróides para fins estéticos?

De acordo com o advogado, os usuários de esteróides são em sua grande maioria (85%) ratos de academia, e não atletas, o que não justificaria a proibição dos esteróides por razões de trapaça nos esportes.

No vídeo é apresentada uma entrevista com o médico Wade Exum, diretor do comitê olímpico norte-americano de controle de doping, o qual revelou que mais de 2.000 atletas falharam no antidoping, mas que os resultados foram escondidos.

O documentário ainda aborda o caso nebuloso de um adolescente que se suicidou e cujos pais e a mídia culparam os esteróides, o que deu origem a uma lei dura contra os anabolizantes no Congresso norte-americano. No entanto, o adolescente tinha outros problemas completamente alheios aos anabolizantes.

Por fim, o filme critica a indústria de suplementos alimentares, a falta de controle sobre os produtos e as propagandas enganosas em torno dela.

Em resumo, o documentário é uma forte crítica a alguns valores sociais. Permite-se que o cidadão assuma inúmeros riscos sem necessidade, para fins estéticos ou de prazer, mas não se permite que use esteróides.

Cigarro e álcool são drogas que matam milhares de vezes mais do que esteróides, mas são permitidos. Não há demonstração científica de que os esteróides causem mortes, mas eles são os primeiros a serem apontados como causa de morte quando algum de seus usuários falece.

E os grandes heróis norte-americanos, produtos de filmes como Rocky, Rambo, Exterminador do Futuro e outros, foram estrelados por pessoas que usam ou usavam esteróides, mas são veneradas pelos mesmos que condenam o uso das drogas.

Assista ao filme no YouTube:

Obs.: Atenção: Apesar de o documentário criticar a proibição do uso de anabolizantes para fins estéticos, cumpre lembrar que no Brasil a sua venda também é proibida para esse fim. Somente podem ser adquiridos por razões de saúde e com prescrição médica. Não se esqueça que todos os medicamentos têm efeitos colaterais, e o mau uso de anabolizantes pode causar severos efeitos colaterais.

Você acha que os anabolizantes esteróides deveriam ser permitidos para fins estéticos?

Ninguém duvida que os esteróides anabolizantes proporcinam impressionantes ganhos de força e massa muscular, mas o seu usuário se sujeita a riscos por conta de efeitos colaterais já comprovados, bem como por outros ainda não demonstrados.

Se a sociedade aceita o consumo de drogas como o álcool e o cigarro (que comprovadamente causam severos danos à saúde), e de intervenções cirúrgicas de risco para fins estéticos (desnecessárias), deveria também aceitar o uso de anabolizantes por adultos para melhora da massa muscular e aparência geral do corpo?

A proibição ou a liberação do uso depende de lei, e a lei, em teoria, decorre da vontade do povo.

Criamos em nosso fórum um tópico para que os usuários discutam sobre o uso de anabolizantes esteróides para fins estéticos. Se você é contrário ou a favor, não deixe de expressar a sua opinião.

Para participar da discussão, clique no link abaixo:

Edited by fisiculturismo

Sign in to follow this  

User Feedback

Recommended Comments

O documentário Bigger Stronger Faster foi produzido em 2008 e continua atual. Pouca coisa mudou em torno da pesquisa em torno dos efeitos colaterais dos esteroides e da questão ética envolvendo o uso estético desses medicamentos. Enquanto o vídeo desta matéria parece desmistificar a gravidade dos esteroides, a seguir postamos reportagens do canal Discovery que diz o contrário. Tire suas próprias conclusões.

 



Share this comment


Link to comment
Share on other sites

 

Esse filme é importante. Deveria ser passado nas academias para cada novato assisti-lo.

Uma fofoca do filme é o caso do modelo que assumiu usar esteróides. Como consequência de ter sido honesto ele foi demitido.

 

http://www.nytimes.com/2008/06/09/business/media/09steroids.html?_r=0

 

 

 

Infelizmente as sociedades democráticas ou não continuam viciadas pela hipocrisia.

Share this comment


Link to comment
Share on other sites


Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Add a comment...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Similar Content

    • By jctgf
      Segue trecho da entrevista q Anrold concedeu a um reporter qdo estava visitando a Autrália ano passado. Neste trecho ele responde claramente que usou esteroides:
      ******* início do trecho ************
      PETER OVERTON: Arnold, in the past, you've spoken about using steroids. To be the very best, was that the price you had to pay?
      ARNOLD SCHWARZENEGGER: I think that it was you tried to experiment with everything that you can. If you're in a competitive arena and you know that other people are taking certain things, then you'd better take it too. It helped you a little bit and it definitely was enough that somebody doesn't get the edge on you.
      PETER OVERTON: If you knew then what you know now, would your mind have been changed?
      ARNOLD SCHWARZENEGGER: No, because I think what I know now is that we took so little in comparison with what they're taking now, that it really caused no side effects.
      ******** fim do trecho **********
      ******** início da tradução *******
      Eu não sou letrado em inglês, mas a tradução é mais ou menos a seguinte:
      PETER OVERTON: Arnold, no passado vc falou sobre o uso de esteróides. No melhor das hipóteses, esse foi o preço que vc teve de pagar?
      ARNOLD SCHWARZENEGGER: Eu acho que vc tinha de experimentar tudo o que vc tinha. Se vc está num ambiente competitivo e sabe que os outros estão tomando certas coisas, então é melhor toma-las também. Ajudou um pouco e foi suficiente para que ninguém conseguisse uma vantagem sobre vc.
      OBSERVEM Q NESTA RESPOSTA ELE SEMPRE FALA NA TERCEIRA PESSOA, 'YOU' (VOCÊ), ISTO É, ELE NÃO FALA 'EU'. SERÁ Q ELE FICOU UM POUCO EMBARASSADO?
      PETER OVERTON: Se vc soubesse o que sabe agora, teria mudado de idéia?
      ARNOLD SCHWARZENEGGER: Não, porque o que sei é que tomei tão pouco comparado com o que estão tomando agora, que isso realmente não causou nenum efeito colateral.
      ********* fim da tradução **********
      Então, senhores, acho q está esclarecido: o homem tomou sim. Se foi muito ou se foi pouco não sabemos, mas, como ele mesmo afirma, foi "o suficiente para que ninguém conseguisse uma vantagem sobre você".
      A entrevista pode ser lida na íntegra no seguinte site:
      <http://sixtyminutes.ninemsn.com.au/sixtyminutes/stories/2002_04_28/story_568.asp>
      https://abcnews.go.com/ThisWeek/Health/story?id=532456&page=1
      Como um amigo meu diz, "NEM TUDO QUE RELUZ É OURO".
    • By PriShaab
      Bom, meu nome é Pricilla, tenho 26 anos e vou começar do começo rsrs.
      Treino desde os 21 anos, levemos em consideração que, nos primeiros 2 anos eu só ia pra academia pra cumprir horário. Fazia 20 minutos de esteira com muita preguiça, nunca completava o número de repetições e séries que o instrutor pedia e morcegava quase que o tempo todo. Entrei na academia pq me assustei com uma foto minha de biquíni (vou postar) nessa época eu pesava 65kg e estava totalmente sedentária, porém, até os meus 19 anos sempre fui muito ativa, fiz ballet clássico desde os 03 anos e sempre fui amante da dança.
      Logo após entrar na academia fiquei internada por 3 dias com uma infecção intestinal grave, o que me trouxe alguns problemas com a alimentação. Por conta das minhas restrições, comecei uma dieta forçada, especificamente por saúde, mas fui beneficiada esteticamente. Emagreci 3kg e comecei a empolgar nos treinos.
      Nos últimos 3 anos, mudei meu comportamento radicalmente nos treinos, me dedico, sempre busco informações e nada de roubar nas séries rsrs.
      Cheguei a pesar 54kg, sem acompanhamento médico ou de um personal exclusivo. Seguia a ficha da academia (que era, basicamente, igual pra todo mundo) mantinha minha alimentação legal, na medida do possível, e tinha lá meus dias de jacar.
      Não faço consumo de bebidas alcoólicas, não fumo e não uso drogas.
      Me apaixonei pelo esporte "Fisiculturismo", em especial pela modalidade "Bikini Fitness". Acho aquele shape maravilhoso. E é próximo disso que eu quero chegar. Não penso em competir (quem sabe um dia haha).
      Mas por enquanto só admiro e me inspiro.
      Acho lindo o estilo "Welness", mas não é o que eu busco.
      Enfim... Após definir minha meta de shape, dedicar nos treinos e me alimentar por conta própria com que eu achava que era certo e nunca ver os resultados que eu esperava, decidi buscar ajuda profissional.
      Tenho um endocrinologista especialista em metabologia, uma personal de confiança e uma farmácia confiável pra fazer meus manipulados.
      Vou postar as fotos do primeiro dia do ciclo.
      Lembrando que, fiquei 1 mês sem treinar, por conta de uma cirurgia odontológica que me deixou com complicações em um nervo da face e em uma glândula salivar (que sorte a minha, neh!?). Mas a dieta mantive em dia!
      Atualmente estou 59kg;
      Tenho 1,64 de altura;
      Treino de segunda a sexta, sem faltar;
      Treino na parte da manhã (08:30 até 09:30, aproximadamente);
      Trabalho em uma casa lotérica, portanto, trabalho sentada o dia todo, em um ambiente de estresse elevado;
      Estou seguindo a rotina alimentar perfeitamente há 45 dias, aproximadamente.
      Meu ciclo terá duração de 02 meses.
      E o médico me receitou os seguintes manipulados:
      - Testosterona em gel, 5mg a base de pentravan (aplicar nos braços ou ombros até completa absorção antes de dormir);
      - Oxandrolona 6mg, pra tomar da seguinte forma:
       -- 1 cápsula de 12 em 12 horas durante 07 dias
       -- 1 cápsula de 08 em 08 horas durante 14 dias
       -- 2 cápsulas de 08 em 08 horas durante 7 dias
       -- 1 cápsula de 08 em 08 horas durante 14 dias
       -- 1 cápsula de 12 em 12 horas durante 07 dias.
       
      - E "Caloriburn", uma espécie de termogênico manipulado nas farmácias aqui de Minas. Tomar 1 cápsula no café da manhã.
       
      Bom, vou colocar as fotos do primeiro dia e vou postando quaisquer reações e efeitos. Vamos ver o que acontece...
      Preciso ouvir a "voz da experiência",
      @Foston@Apollo Galeno @Bravo Costa  
      Boa sorte pra mim!



    • By Bomber User
      Tem pessoas que morrem com uma dose mínima de penicilina, ok? É claro que as naturezas dos problemas desencadeados por cada substancia são diferentes e varia de pessoa por pessoa. Penicilina seria p/ curar, mas tem pessoas que são alérgicas e morrem na hora com uma agulhada desta substancia.
      Tem pessoas que são expostas a radiacao, a metais pesados como o mercurio, por exemplo (em quantidades muito superiores ao limite recomendado pela onu), nao ficam doentes e levam uma vida saudavel. Tem pessoas que nunca fumaram, nunca beberam e tiveram uma alimentacao saudavel a vida inteira, e no entanto tem cancer aos 20 e tantos anos de vida. Logo se vc tomar deca, no caso 2 por semana, vai depender do seu organismo. Acredito que esta possibilidade é muito remota. Quem bota medo na gente sobre anabolizantes é a mídia, quando um usuário entre mil, se dá mal, seja por mal uso, falta de informacao, ou pela propria reacao inesperado do organismo, a mídia cai de pau em cima e denegrindo o uso de esteroides.
      Como uma conclusao geral, usar anabolizantes, é muito mais seguro do que andar nas ruas de sao paulo, a probabilidade de se morrer usando esteroides (desde que usado com bom senso, protecoes etc) é muito pequena. Intoxicacões leves isso é perfeitamente normal, tanto é que isto é previsto na bula do remédio: reacoes adversas. Valeu véio!
    • By Mestre
      Citei a palavra Anabolizantes não por apologia aos famigerados Anabolizantes(Bombas), e sim apenas pelo fato de que todos temos Anabolizantes no corpo; até os hipócritas que para tudo usam a Palavra Anabolizante sem nem saber que tbm possuem ela no seu corpo naturalmente. Pois sem nossa Testosterona Natural que nosso corpo produz, não há vida.
      Muitas pessoas pegam indicação de uso de Anabolizantes na Internet, e muitos fazem indicação do uso em locais da Internet com formulas e maneiras de usar, e comentam sobre receptores sem as vezes nem saber como tudo funciona a nível celular.
      Os receptores em questão, são os receptores AR, responsáveis pela ligação da Testosterona(anabolizantes natural do nosso corpo).
      Muitas gente pela Internet, fala de forma ignorante sobre o fato da pessoa ter seus receptores fechado ou abertos.
      Isso eh pura lenda, pois o Receptor(AR) ou está presente na célula afim se ligar à Testosterona ou não.
      O Receptor(AR) responsável pela ligação da Testosterona que vai desencadear a Síntese Protéica e posterior crescimento muscular, nada mais eh do que uma proteína(cadeia ligada de aminoácidos em forma especifica)
      Para quem lembra das aulas de ciência, e sabe +- basicamente o funcionamento de uma célula, ela possui Núcleo, Citoplasma e Membrana celular.
      No Citoplasma ficam algumas nossas amigas parceiras, as organelas, e entre elas uma importante ao crescimento muscular, o nosso amigo Ribossomo.
      O Ribossomo eh o responsável pela síntese das proteínas na nossa célula, fazendo e coletando os aminoácidos que vc ingeriu, e criando cadeias de aminoácidos ligados formando assim as proteínas.
      Dessa forma são formados tbm os Receptores AR, responsáveis pela ligação da Testosterona que nos faz ter nossa Hipertrofia Muscular.
      Os receptores AR, como eu já disse, são nada mais que proteínas. E são por alguns tratados de forma ignorante de popular demais, quando dizem que eles estão fechados ou abertos, hehehehehe
      Eles simplesmente estão presentes, ou não.
      Nesse ponto eh que as pessoas que só sabem decorar “receitas de bolo” de como usar anabolizantes, dizem de maneira ignorante que os receptores estão fechados.
      Eles não podem estar fechados ou abertos, pois são simples proteínas.
      O Receptor AR eh chamado de Citoplasmático, pois ao contrario do que pensam as pessoas, ele não fica na membrana celular, afim de fazer a Testosterona entrar na célula. Ele fica mesmo dentro da Célula no Citoplasma. Pois a Testosterona eh uma substancia Lipidica, e por esse motivo assim como o Estrogênio, ele passa pela membrana celular para encontrar já dentro da célula o seu receptor AR.
      Daí Testosterona + Receptor AR entram juntos no núcleo celular, onde uma copia do nosso DNA eh feita para um RNA mensageiro. Então o RNA mensageiro(copia do nosso DNA) sai do núcleo ao encontro do Ribossomo, onde passa informação ao Ribossomo de como deve ser montada a cadeia de aminoácidos afim de termos então a tão famosa e cobiçada SINTESE PROTEICA. Que nos fará crescer tendo nossa célula em especifico hipertrofiada na presença de mais uma cadeia de aminoácidos recém formada pelo nosso ribossomo.
      Essa reação toda tem inicio pela nossa Testosterona, ao se ligar no receptor AR.
      O único lugar da net que eu vi isso escrito de forma boa e aceitável, foi no fórum do Kusanagi, que nem sei mais se ainda existe. Mas que quando existia trazia bons conteúdos desse nível ao mundo do Fisiculturismo.
      Esse eh o tipo de coisa que no momento gosto de falar sobre anabolizantes, e não mais fazer de forma ilegal e anti-ética na minha opinião, que eh a de ficar indicando publicamente em aberto formas de uso de Anabolizantes e ciclos, como muito ainda se faz pela Internet a fora.
      Nesse ponto eu concordo com a ANVISA, mas respeito e não quero de forma alguma ofender os colegas que ainda fazem isso em outros fóruns.
      Com o tempo posso escrever mais coisas do mesmo padrão posteriormente. Mas agora me vou que tenho de almoçar para trabalhar que já estou atrazado por ficar escrevendo tanto hj, hehehehe E o ruim eh depois de escrever coisas tão fisiologicas do corpo, ter que mudar radicalmente o modo de pensar para o modo mais logico, e trabalhar com Informática.
      Eh por esse motivo que não mais escrevo durante o horario de serviço, pois eh ruim ficar trocando assim a forma de pensar, que eh totalmente diferente quando falamos de corpo humano, e quando falamos em TI.
      Abraços à todos, e tbm respeitosamente aos outros fóruns que ainda comentam sobre formas de uso de anabolizantes e ciclos.
    • By Igor de Freitas
      Bom dia, galera!
      Queria saber o seguinte, apenas para melhorar a performance esportiva, ex: no futebol, lutas, que não precisem de antidopping, não visando o aumento de massa muscular (se ocorrer não será problema), para adquirir um aumento de explosão, fôlego, etc, existe algum tipo de anabolizante que seria indicado, ou que realmente ajudaria nisso?
×
×
  • Create New...