Jump to content

Dra. Elissa Amaral da Cunha

Colaborador
  • Content Count

    127
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    2

Dra. Elissa Amaral da Cunha last won the day on March 14 2017

Dra. Elissa Amaral da Cunha had the most liked content!

About Dra. Elissa Amaral da Cunha

  • Rank
    Nutricionista Esportiva
  • Birthday 10/31/1981

Detalhes

  • Gênero
    Feminino
  • Interesses
    Nutrição, Suplementação, Esportes, Coaching
  • Profissão
    Nutricionista Esportivo

Musculação

  • Série de Treinamento
    Séries Combinadas de 15 a 20 rep. em treinos com intervalos de 60'/ divido posterior, inferior, membros superios e abs. Cycling indoor e esteira com inclinação para cardio
  • Suplementação
    Reaction Isolada e Hidrolisada/ Coenzima Q10/ Pasta de Amendoim First/ Omega Pure/ Ca/Zinco/ Magnésio/Vitamina D/ DHEA/Quercetina / Complexo B/ Colágeno/ X-Tea/ Pré Treino com aminoácidos manipulados
  • Dieta Nutricional
    Dieta Hiperproteica, intercalada com dieta cetogenica, e low carb.
  • Academia
    Bodytech

Medidas

  • Altura
    1,70
  • Peso
    63
  • Percentual de Gordura
    18

Recent Profile Visitors

7,149 profile views
  1. Olá, tudo bem? o ideal nesse caso é consultar um nutricionista para ver o por que você não esta ganhando peso, se existe algum problema na absorção, pois de nada irá adiantar tomar vários suplementos se existir um problema que esteja impedindo o corpo de utilizar esses nutrientes, ok?\ Faça exames bioquímicos e leve a um nutricionista esportivo e funcional para uma avaliação, assim você não vai gastar seu dinheiro com um monte de suplementos desnecessários! Vale mais investir na consulta e apenas nos alimentos e suplementos que vão realmente te ajudar! Abraços Elissa Amaral da Cunha Nutricionista e Master Coach
  2. Depende do carb cycling e da atividade física que estiver fazendo. Eu não gosto de requeijão pelo processo inflamatório no intestino, o amendoim também contém bastante Omega 6, e em excesso acaba ocasionando um desequilíbrio nas gorduras boas e gerando um processo inflamatório no corpo. Inflamação no geral pode dar acne, inchaço, retenção, prisão de ventre, dentre outros sintomas como gripes e resfriados e até mau humor pois um intestino em disbiose atrapalha a fabricação de serotonina. Nesse caso, sugiro variar as castanhas, e colocar abacate como fonte de gordura. O açaí puro e o coco puro também são alternativas! Abraços!
  3. O milho é um carboidrato, iogurte e queijos também, bem como leite. A dieta cetogenica consiste em quase retirada de carboidratos e diminuir proteínas colocando gorduras na dieta porém deve ser feito teste para ver se o paciente esta em cetose pois caso ele não entre, essa gordura pode ir para o fígado gerando problemas a saúde. Que tal consultar um profissional nutricionista e fazer um programa para você personalizado? faça seus exames de sangue, veja como está seu fígado, e tenha o melhor desempenho que puder! invista em você! abraços, Elissa Amaral da cunha Nutricionista e Master Coach
  4. Antes do suplemento, sugiro consultar um nutricionista, que tal investir o dinheiro que gastaria nesse suplemento em uma consulta com um profissional para orienta-lo adequadamente? Na maioria das vezes o mais importante é verificar seus exames de sangue, ajustar uma atividade física e uma dieta! Lembre : não existe milagre! Então busque ajuda profissional e assuma os riscos de ter uma vida melhor! Conte comigo na caminhada! Elissa Amaral da Cunha Nutricionista e Master Coach
  5. A Massa muscular depende muito dos treinos para aumentar, então veja com seu treinador qual será o melhor treinamento para esse objetivo e faça uma dieta com proteínas magras, carboidratos de baixo índice glicêmico e gorduras boas como abacate e castanhas. A creatina deve ser colocada junto as refeições e fracionada de acordo com seu peso magro! Bons treinos! Elissa Amaral da Cunha Nutricionista e Master Coach
  6. Olá Matheus, tudo bem? 12gramas de creatina é muito! calma aí! O que você está comendo de sólidos? Como está seu timing? está comendo de quantas em quantas horas? a Creatina deve ser fracionada no decorrer do dia, e sempre consumida junto com uma fonte de carboidrato, nos dias sem treino você mantém a suplementação pois o corpo as vezes demora 48 horas para recuperar de um treino forte, ok? Como estão esses treinos? Fortes o suficiente para essa quantidade de suplementos? Ideal seria ajustar a dieta em macronutrientes e incluir um polivitaminico, para fazer sinergia com seu metabolismo. eu prescrevo 0,03 gramas de creatina por kg de peso magro por dia. Em casos específicos aumentamos as doses. beba bastante água! abraços, Elissa Nutricionista e Master Coach
  7. Boa noite galera! Sim podemos comer as gemas, mas elas entram no cálculo de gorduras de nossa dieta, ok? cada um tem cerca de 2 a 3 gramas de proteínas clara e gema, por isso para 30g de proteínas as dietas colocam 10 claras, com certeza já viram isso por aí, né? Você pode ter as mesmas com cinco ovos, mas está somando e agregando além das vitaminas da Gema (Excelentes para memória e algumas outras funções hormonais), as gorduras. Em dietas com restrição de gorduras, ou por uso de anabolizantes, ou por vários outros motivos, deve-se consumir no máximo 2 gemas, e fazer o cálculo com castanhas e outras gorduras da dieta para que não ultrapasse. Tudo isso de acordo com seus objetivos e individualidade bioquímica e metabólica, ok? Abraços
  8. A nutrição é um dos fatores que pode favorecer o desempenho atlético, já que, quando bem orientada, pode reduzir a fadiga, permitindo que o atleta ou praticante de atividade física treine por mais tempo ou que se recupere melhor entre os treinos reduzindo também a propensão as lesões. Ela é um componente fundamental no aumento de massa magra, para os praticantes do treinamento contra-resistido. O trabalho contra-resistido, mais conhecido como musculação, refere-se ao trabalho desenvolvido com sobrecargas, que geralmente se dá, utilizando pesos livres, halteres e aparelhagem específica. Muitos praticantes de atividade física procuram um alimento mágico, que irá promover um rendimento vencedor, no entanto, a maioria desses são provenientes de testemunhos pessoais e propagandas enganosas, por isso, é preciso consultar um bom profissional nutricionista que avalie individualmente o atleta, os recursos nutricionais existentes, bem como quando e como utilizá-los. Para que o processo de ganho de massa muscular ou emagrecimento ocorra de um modo efetivo, não basta somente oferecer o estímulo do treinamento físico, mas, também, é necessário manter o organismo em situação metabólica favorável. A predominância do anabolismo (ganho) sobre o catabolismo (perda), ou seja, das reações de síntese sobre as reações de degradação de de proteínas, são fatores determinantes para que ocorra o aumento da massa muscular. Nosso corpo estoca os alimentos sob forma de glicogênio, tanto no fígado quanto nos músculos. Esses limitados depósitos de nutrientes influenciam por quanto tempo você é capaz de se exercitar. Os níveis aumentados de glicogênio muscular garantem maior tempo de permanência no esforço, enquanto níveis reduzidos por jejum ou reposição inadequada de nutrientes dietéticos levam a uma diminuição no tempo de atividade. A partir disso, técnicos, treinadores e nutricionistas passaram a utilizar estratégias dietéticas para aumentar as reservas desse substrato, ou utilizar reservas de gordura corporal afim de melhorar o desempenho físico. Antes dos treinos, as refeições devem providenciar quantidades suficientes de líquidos para manter a hidratação. A refeição deve ser pobre em gorduras e fibras para facilitar o esvaziamento gástrico e minimizar o estresse gastrointestinal. Ser equilibrada em carboidratos para manutenção da glicose sanguínea. Moderado em proteínas e composto por alimentos que o atleta ou praticante de atividade física esteja familiarizado, para reduzir riscos de intolerância. Caso precise gastar energia com digestão, ele perderá energia que seria imposta para o desempenho Físico. Já durante o exercício, o objetivo principal para os nutrientes consumidos é repor a perda de líquidos, providenciar carboidratos para a manutenção das concentrações de glicose para atividades com mais de uma hora de duração, ou quando o atleta não consome líquidos e nutrientes adequados antes da sessão de treinamento, ou ainda em ambientes muito quentes ou muito frios. Depois da sessão de treinamento, o principal objetivo da dieta é providenciar energia e carboidratos para reposição do glicogênio muscular e assegurar uma rápida recuperação para sua próxima sessão de treino. O processo de recuperação envolve restauração dos estoques de glicogênio hepático e muscular, nas primeiras seis horas após o treino. Para definir as refeições no treinamento desportivo, deve-se considerar a modalidade esportiva, horário de ínicio, duração e intensidade do treino, idade, sexo, peso e composição corporal, tipo de fibra muscular predominante, estágio de treinamento e habilidade técnica além do tempo disponível para realizar as refeições e preferencias alimentares. É necessário considerar todas as variáveis do praticante para que o cardápio tenha adesão e tenha resultados de acordo com os objetivos delineados.
  9. A dieta de Jejum intermitente possui bastante resultado comprovado para obesos, que não fazem atividade física. No caso dos praticantes, existem resultados sendo pesquisados tanto para atividades aeróbias quanto anaeróbias, e visando ganho de massa muscular magra e perda de gordura. Ainda é muito cedo para falar sobre esses estudos, e como princípio uso a individualidade bioquímica. Se você não consegue fazer jejum, já sabemos que não é uma dieta boa para você, concorda? Por quanto tempo irá conseguir seguir esse padrão? Talvez você possa ter uma dieta saudável com outras metodologias como LCHF ou cetogênica, onde o apetite é diminuído por uma baixa nas concentrações de grelina. Sugiro que procure um profissional para indicar algo que se adapte a SUA rotina de treinos, trabalho e apetite, assim conseguirá ter resultados para uma vida toda. Abraços, Elissa
  10. Boa tarde, tudo bem? Os ativos estão todos ok, porém as concentrações estão baixas para bons resultados, e as mesmas são individuais. A arginina por exemplo eu prefiro colocar no pós treino ou a noite antes de dormir pois está relacionada ao hormônio GH, já a citrulina e Beta alanina, colocaria pelo menos 1g de cada para um paciente de 70kg treinando todos os dias. S e utilizar apenas um ativo em uma boa concentração, é possível ter melhores resultados que vários ativos em baixas concentrações. Abraços, Elissa
  11. Boa tarde, tudo bem? Então, a dieta precisa estar encaixada com os treinos e é preciso ver tudo que você consome durante o dia, entre refeições sólidas para depois avaliar a necessidade de um suplemento e em que horário ele entraria, ok? qualquer outra dúvida, estou por aqui! abraços, Elissa
×
×
  • Create New...