Jump to content

Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation since 06/03/2012 in all areas

  1. 21 points
    Bosa tarde pessoal treino de hoje bem leve PEITO CROSSOVER 10X15 ( 5 reps em baixo, 5 reps no meio e 5 reps em cima ) pump monstro! TRICEPS francês na polia 3x10 testa com alter de 30kg - 3x10 me pesei em jejum, bateu 63,8 kg dieta na linha! aumentei as calorias de 3300 para 3500, adicionei mais gorduras, ficou 1,5g de gordura por kg deu uma tremida ai rsrs segue o plano bom domingo p vcs!
  2. 19 points
    Para as meninas que questionam os efeitos de uma dose de 5mg de oxandrolona, gostaria de postar alguns resultados de exames feitos em minha esposa, antes e após o uso de oxandrolona 5mg - 1x ao dia durante 50 dias. Apenas para esclarecer, minha esposa está utilizando testosterona 1% em creme pentravan, e resolvemos associar oxandrolona 5mg para sentir como seria. Antes da administração de oxandrolona, ela estava a 60 dias utilizando testosterona 1% , e os resultados da mensuração de testosterona e SHBG foram os seguintes: Testosterona Total = 181ng/dl SHBG = 67,20 ng/dl Testosterona Livre = 2,11 ng/dl Testosterona biodisponível = 49,43 ng/dl Ao 61º dia, iniciamos a oxandrolona 5mg (manipulada com receita) administrando apenas uma capsula ao dia e, após 50 dias, os resultados da mensuração de testosterona e SHBG foram os seguintes: Testosterona Total = 180ng/dl SHBG = 9,46 ng/dl Testosterona Livre = 5,76 ng/dl Testosterona biodisponível = 134,96 ng/do Agora, esqueçam os números e pensem em percentuais: 1) a testosterona total permaneceu a mesma, o que demonstra que a oxandrolona nada teve com o aumento da testosterona; 2) o SHBG reduziu em 86% 3) a testosterona livre aumentou 273% 4) a testosterona biodisponível aumentou 271% Isso explica porque é que na segunda semana de oxandrolona os colaterais vieram com força. Uma única coisa que me preocupou foi o aspartato aminotransferase que ficou em 58 u/l (sobrecarga hepática), muito embora os demais exames relativos aos fígado estejam todos dentro das referencias, inclusive as bilirrubinas. Observem que uma dose de 5mg de oxandrolona foi capaz de alterar significativa e generosamente o perfil hormonal da minha esposa e o suficiente para trazer alterações em um dos marcadores hepáticos, o que não havia ocorrido nos exames anteriores, com o uso somente da testosterona 1%. Agora, imaginem o que uma dose de 30mg - 40mg de oxandrolona faz com os hormônios e com o fígado !!!! Por essas e outras razões eu defendo veementemente doses baixas de oxandrolona ou, alternativamente, doses terapêuticas de testosterona, que, particularmente, acho mais seguro. Por fim, fazer exames antes, durante e após o ciclo é IMPRESCINDÍVEL, justamente para acompanhar como anda o corpo e minimizar, por exemplo, as chances de acometimento por esteatose ou, mais severamente, cirrose hepática.
  3. 15 points
    Vc poderia falar sobre seu ciclo? Quais drogas, dosagens, tempo de uso etc...
  4. 14 points
    Locemar

    FELIZ NATAL A TODOS!!!

    Um ótimo Natal a todos os anabolizados e libidinosos deste fórum. Independente de crenças, que seja um momento para reflexão e renovação de ideias, sentimentos, projetos e reforma interior. Que Papai Noel traga hormônios de qualidade, whey importado, descontos na mensalidade e nos livre de lesões, drogas subdosadas, seringas tortas e frangos que atrapalham o treino. Amém.
  5. 12 points
    Existem pessoas que ajudam porque gostam de ajudar. E eu acho que isso é uma característica intrínseca. Passo a maior parte do meu tempo livro procurando artigos, lendo, buscando boa informação. E tudo que aprendi foi me dado de graça!! Não tenho como cobrar porque me sinto na obrigação de retribuir e de repassar o conhecimento e assim, me sinto plena, e extremamente satisfeita. Faço isso aqui no fórum e mais ainda pessoalmente. Acho que é extremamente frustrante aqui você procurar ajuda, pedir um caminho, uma luz e a pessoa impor um preço para poder lhe ajudar. Mas, não me meto. Faço o que posso. O que me move aqui é a gratidão. Acho que já absorvi muito mais do que doei até agora. 😊
  6. 11 points
    Vc não é obrigado a entrar aqui. Vc pode simplesmente não voltar ao tópico. Não precisa ficar revoltadinho pq ela não deu corda nas besteiras que vc falou lá nas primeiras páginas... cresca. Sem mais.
  7. 11 points
    Tava enrolado, mas vou postar aqui sobre tipos de pessoas e possíveis relações disso com taxas hormonais.. Todo mundo que for ler isso daqui enxerga e podem perceber que nesse mundo há inúmeros tipos de pessoas, da mais magra a mais gorda, da mais baixa a mais alta etc etc. Até aí tudo bem, mas já pararam pra pensar que grande parte desses biotipos diferentes além da carga genética, vem muito das nossas taxas hormonais? Pessoal gordinho ja parou pra se perguntar porque provavelmente tem essa tendência? E os magricelos de plantão, já se perguntaram porque nunca engordam? Então, vou falar um pouco disso aqui. Primeiro precisamos saber os principais efeitos de cada hormônio no corpo humano, vou resumir os principais dele aqui de cabeça mesmo: Testosterona: É o pai dos hormônios, digamos assim.. Ela atua em mais coisa que podemos imaginar, auxilia no ganho de massa muscular, aumento de aptidão física, aumento de agressividade e disputa, aumento de recuperação e síntese proteica, entre outras coisas que você pode achar no google. Além das coisas negativas que o excesso dela trazem como aumento do colesterol LDL, diminuição do HDL, aumento de imprudência no trânsito etc.. rsrs Estrogêneo: Ela é a parte feminina da testosterona, auxilia em inúmeros fatores até mesmo em ganhos de massa muscular também, porém em excesso tendem a aumentar gordura, traz alguns aspectos femininos em homens ( como ginecomastia, afinamento de voz etc) entre outras coisas. DHT: É um derivado da testosterona, considerado o hormônio secundário masculino, trás benefícios como aumento de libido, densidade muscular, responsável pelas características secundárias masculinas em geral. Porém tem seu lado negativo em excesso: afeta a próstata, aumento de oleosidade da pele, ataca os folicos capilares, você fica careca etc etc.. Progesterona: Esse é o hormônio secundário feminino, que trazem as características que todos os homens( ou quase todos) gostam nas MULHERES, e o excesso podem prejudicar tanto elas quanto nós, que no caso tem ligação com prolactina, cortisol entre outras taxas ruins! Além desses, temos outros hormônios que fazem mudar demais nosso biotipo, T3, T4, GH, IGF entre outros.. Vamos agora a parte que interessa. A partir desses conhecimentos básicos, podemos ver nas pessoas em voltas, sinais e tendências hormonais: Gordinhos: Geralmente temos 2 tipos de gordinhos, os preguiçosos que geralmente eles têm baixo metabolismo, podendo ser causados por baixa taxa de hormônios tiroidianos. E temos os gordinhos que tem tendência a acumular tecido adiposo por produzirem MUITA testosterona e essa testosterona acaba convertendo muito em estrogêneos e isso normalmente causa que os homens tenham voz mais fina, lipo/ginecomastia, são mais "sensíveis" etc.. Pergunta: Ué Carlão, se ele produz muita testo porque então ele não é um monster? Porra, ele produz muita, ele tem tendência a ganho de massa, tanto gorda quanto magra, porém nos homens o excesso de estradiol é UMA MERDA. ISSO MESMO, uma MERDA, assim como mulheres que tomam testo em baixíssimas doses se virilizam, homens com estradiol elevado naturalmente vão se "feminilizar" desculpe a palavra. Ah, e tem o terceiro tipo de gordo que é aquele safado, que come besteira demais, tem uma má alimentação e é sedentário, dai nem Jesus ajuda né. Magricelos forever: Esses sofrem também, pode ser por metabolismo acelerado, excesso de T3 e T4 no organismo ( o que faz queimar tanta massa gorda quanto magra), excesso de GH ( esses normalmente são bem altos). E tem os magricelos que simplesmente tem baixa taxa de estradiol no organismo, e isso causa um déficit de massa gorda e também uma dificuldade de ganhar massa magra, pois o mesmo auxilia e ajuda no ganho de massa! Os magricelos que possuem poucas características masculinas, também podem sofrer de baixa testo além do baixo estradiol, não sou guru isso só com EXAMES né pessoal. Dai tu me pergunta: Porra então os caras "mesomorfos" são aqueles que tem as taxas todas ideais, que nascem pra serem fortes e com baixa gordura? Sim e Não, Porque as chances de um mesomorfo de plantão ter as taxas boas são altas, mas lembramos que cada CORPO é ÚNICO, ele pode simplesmente ter muitos receptores androgênicos e quase NENHUM receptor estrogênico, o que acontece com a maioria dos caras que se dão bem com os AES e atingem níveis profissionais. Bom pessoal, escrevi demais eu sei, mas quis passar um pouco do que eu estudo por ai.. rsrs. Se gostou da joinha, qualquer dúvida pode perguntar. E não to mandando ninguém sair tomando nada sem acompanhamento médico hein? MUITO MENOS HORMÔNIOS DE TIREOIDE! ahuah Ah, e os caras peludões, bem viris e carecas, normalmente é alto DHT..
  8. 10 points
    CREATINA A busca pelo corpo perfeito ou pela melhora do rendimento esportivo tem levado ao estudo e desenvolvimento de muitos métodos para potencializar o rendimento, o ganho de massa muscular e a perda de gordura. A creatina é um suplemento que tem despertado interesse no meio esportivo uma vez que evidências sugerem que esta substancia é capaz de melhorar o rendimento em exercícios de força e potência muscular, além de auxiliar na hipertrofia e ganho de massa magra1,2,3,4,5. A creatina (ácido a-metil guanidino acético) é uma amina nitrogenada de ocorrência natural encontrada primariamente no músculo esquelético. É sintetizada endogenamente pelo fígado, rins e pâncreas a partir dos aminoácidos glicina, arginina e metionina, mas também pode ser obtida pela alimentação, através do consumo de carnes e peixes principalmente. Sua produção endógena (1g) somada à obtida na dieta (1g) se iguala a taxa de degradação espontânea (2g/dia)6. Essa degradação se dá por um processo não enzimático, resultando em creatinina, a qual é excretada na urina após filtração renal 7. Evidências sugerem que a creatina dietética tem alta biodisponibilidade e é absorvida intacta pelo trato gastrointestinal, de forma semelhante à dos aminoácidos e peptídeos8,9. Estudos mostram que a ingestão de doses maiores que 10g são mais rapidamente absorvidas apresentando um pico plasmático em torno de 20 minutos após sua administração. Já o consumo de doses menores apresenta um pico máximo próximo a 2 horas10. Após sua absorção a creatina plasmática é distribuída para vários tecidos corporais, principalmente músculo esquelético. A captação de creatina pelas células musculares é um processo saturável que ocorre ativamente contra um gradiente de concentração (transporte sódio-dependente) através do transportador de creatina (CreaT)11. Esse processo é parcialmente regulado pela concentração extracelular de creatina através de feedback negativo, sugerindo que a ingestão crônica deste suplemento promova uma diminuição do seu transportador a fim de se evitar o armazenamento excessivo de Cr intramuscular 9,11. Uma vez no músculo esquelético, a creatina encontra-se em equilíbrio reversível entre as suas formas livre e fosforilada (fosfocreatina)12. A creatina nesta forma constitui uma reserva de energia para a rápida regeneração do trifosfato de adenosina (ATP), em exercícios de alta intensidade e curta duração. Além disso, na condição de repouso, atua no músculo como transportador de grupos fosfatos de alta energia da mitocôndria para o citoplasma 13. A fosfocreatina (CP) também é utilizada durante o trabalho anaeróbico (lático), quando sua quebra vai ajudar a tamponar o meio ácido intracelular causado pelo acúmulo de lactato aumentando o tempo de resistência à fadiga14. Acredita-se que a suplementação de creatina aumenta o conteúdo total de creatina intramuscular. Este aumento é responsável pelos efeitos ergogênicos dessa substancia uma vez que é capaz de acelerar a ressíntese de fosfocreatina no intervalo dos exercícios. Como resultado, a taxa de refosforilação de ADP requerida pode ser mantida durante o exercício, aumentando a capacidade de contração muscular15. Outro efeito atribuído à creatina é o ganho de massa corpórea. Segundo alguns autores este ganho é proveniente da massa livre de gordura podendo ser resultado da síntese proteica aumentada ou catabolismo reduzido8. Estudos mostram que a creatina é um agente osmótico, que arrasta água para dentro da célula quando está acumulada nela. Esta hiperhidratação pode atuar como um sinal anabólico, estimulando a síntese protéica16. Por outro lado a hipo-osmolalidade causada na célula também pode reduzir a degradação de proteínas. Esses mecanismos ainda necessitam serem melhores elucidados17. Devido á esses fatores a creatina tem sido utilizada em praticantes de exercícios repetitivos, de alta intensidade, curta duração e com períodos de recuperação muito curtos. A creatina monoidratada é a forma mais comum disponível no mercado para a suplementação e a mais utilizada nos estudos de pesquisa. Outras formas menos difundidas são vendidas em pequenas quantidades, como a creatina fosfato e o citrato de creatina, porém apresentam um preço maior e não acrescentam nenhum beneficio em relação à creatina monoidratada18. Atualmente, o programa mais utilizado para a suplementação de creatina é dividida em duas fases. A primeira, denominada super compensação, é caracterizada por um consumo mais elevado de creatina, em torno de 20g/ dia, fracionada em 4 horários, por 5 a 7 dias. Posteriormente o consumo de creatina é reduzido para 0,03g/kg de peso corporal. Após três meses de suplementação contínua, alguns autores sugerem um mês sem consumo19. Existem vários fatores capazes de influenciar a captação de creatina para as células musculares e dentre eles, os hormônios exercem importante efeito. A insulina, as catecolaminas e o fator de crescimento semelhante à insulina (IGF-1), podem estimulam essa captação 20. O exercício físico também demonstrou efeitos estimulantes sobre captação de creatina21. Em contrapartida a suplementação de cafeína não melhora a eficiência da creatina, não aumenta os níveis musculares de CP, e não aperfeiçoa o desempenho físico, sendo considerada como supressora do efeito ergogênico da creatina22,23. A creatina está fora da lista de substâncias proibidas pelo COI, sendo considerada suplemento por esse órgão e por este fato seu consumo não é considerado doping24. Recentemente a ANVISA legalizou seu consumo no Brasil, recomendando um grau de pureza de 99,9% visto que sua segurança é diretamente proporcional a este fator25. Os contaminantes da creatina são a Dicyandiamida e a Dyhydrotriazina sendo os valores máximos de segurança presentes permitidos para ambos de <10ppm. É possível que grande parte da polêmica em torno da Creatina e sua segurança se deve a produtos de baixa qualidade cujos contaminantes estão acima do permitido26. Evidências sugerem que o maior risco para a saúde é resultado da contaminação da creatina por essas substancias, pois podem causar toxicidade e danificar o organismo27. Não há evidências que sugerem que a suplementação da creatina pura em pessoas saudáveis seja deletéria28. O conceito de que a creatina é deletéria ao rim é insustentável por não se tratar de uma proteína e sua degradação não requerer a desaminação no processo de excreção pelos rins9. Estudos mostram que a suplementação com creatina em doses adequadas não traz efeitos danosos aos rins e que pode ser considerada um suplemento ergogênico seguro em pessoas saudáveis 29,30. Além disso, estudos recentes têm demonstrado que a suplementação de creatina pode ainda possuir propriedades antioxidantes 31,32e pode ser benéfica em certos acometimentos neuromusculares33 doenças crônico-degenerativas34,35 e tolerância à glicose36. Referências Hoffman J, Ratamess N, Kang J, Mangine G, Faigenbaum A, Stout J. Effect of creatine supplementation on performance and endocrine responses in strength/power athletes. Int J Sport Nutr Exerc Metab, 16:430-446, 2006. Maganaris CN, Maughan RJ. Creatine supplementation enhances maximum voluntary isometric force and endurance capacity in resistance trained men. Acta Physiologica Scandivavica. 163: 279-297,1998. Volek JS, Duncan ND, Mazzeti SA, Staron RS, Putukian M, Gomes AL, Pearson DR, Fink WJ, Kraemer WJ. Performance and muscle fiber adaptations to creatine supplementation and heavy resistance training. Medicine and Science in Sports and Exercise. 31,1999. Bemben MG, Lamont HS. Creatine supplementation and exercise performance: recent findings. Sports Med, 35:107-125, 2005. Willoughby DS, Rosene JM. Effects of oral creatine and resistance training on myogenic regulatory factor expression. Med Sci Sports Exerc, 35:923-929, 2003. Wyss M and Kaddurah-Daouk R. Creatine and creatinine metabolism. Rev . Physiol. 80:1107-213, 2000;. Walker, J.B. Creatine: Biosynthesis, regulation, and function. Advances in Enzymology v.50, n.177, p.242, 1979. Persky, A.M.; Brazeau, G.A. Clinical Pharmacology of the Dietary Supplement Creatine Monohydrate. Pharmacological Reviews Fast Forward, May 10, 2001. Stout, J.R. Essential of Creatine in sports and Health. Totowa: Humana Press, 2008. Greenhaff, P. The nutritional biochemistry of creatine. Journal of Nutritional Biochemistry, Stoneham, v.11,p.610-618, 1997. Ontiveros ML, Wallimann T. "Creatine supplementation in heath and disease. Effects of chronic creatine ingestion in vivo: Down-regulation of the expression of creatine transporter isoforms in skeletal muscle." Mol Cell Biochem. 184: 427-437, 1998. Balsom, P., Soderlund, K., Sjodin, B., Ekblom, B. Skeletal muscle metabolism during short duration high intensity exercise: influence of creatine supplementation. Acta Physiologica Scandinavica, Stockholm, v.154, n.3, p.303-310, 1995. Mayes, P. The respiration chain and oxidative phosphorylation. In: MURRAY, R., GRANNER, D., MAYES, P., RODWELL, V. (Ed.). Harper’s biochemistry. 24.ed. Stamford : Lange, p.123-134, 1996. Soderlund, K., BALSOM, P., EKBLOM, B. Creatine supplementation and high intensity exercise: influence on performance and muscle metabolism. Clinical Science, Colchester, v. 87 p.120-121, 1994. Supplement. Greenhaff P. The nutritional biochemistry of creatine. Nut Biochem; 8: 610-618, 1997. Haussinger D, Lang F and Gerok W. Regulation of cell function by the cellular hydration state. Am J Physiol 267:E343–E355, 1994. Berneis K, Ninnis R, Haussinger D, Keller U. Effects of hyper- and hypoosmolality on whole body protein and glucose kinetics in humans. Am J Physiol 276:E188–E195, 1999. Mendes, R.R; Tirapegui, J. Creatina: o suplemento nutricional para a atividade física–Conceitos atuais. ALAN. v.52, n.2, supl.2, 2002. Guerrero-Ontiveros, M.L., Wallimann, T. Creatine supplementation in health and disease of chronic creatine ingestion in vivo: Down-regulation of the expression of creatine transporter isoforms in skeletal muscles. Molecular and cellular Biochemistry. Washington, v.184, n.1/2, p.427-437, 1998. Odoom JE. et al. "The regulation of total content in a myoblast cell line. Mol Cell Biochem. 158: 179-188, 1996. Harris RC, Soderlund K, Hultman E. "Elevation of creatine in resting and exrcised muscle of normal subjects by creatine supplementation." Clin Sci 1992; 83: 367-374. Vandenberghe, K., Gillis, N., Van Hecke, P., Van Leemputte, M., Vanstapel, F., Hespel, P. Caffeine counteracts the ergogenic action of muscle creatine loading. Journal of Applied Physiology, Bethesda, v.80, n.2, p.452-457, 1996. P. Hespel, B. Op ‘T Eijnde, M. Van Leemputte. Opposite actions of caffeine and creatine on muscle relaxation time in humans. J Appl Physiol 92: 513–518, 2002. Antonio Herbert Lancha Jr. Relatório Creatina: Suplementação e suas conseqüências ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução RDC, nº18, de 27 de abril de 2010. Aprova o regulamento técnico sobre alimentos para atletas. Disponível em: Williams, M. H.; Kreider, R. B.; Branch, J. D. Creatina, 1ª ed, São Paulo: Manole, 2000. Stead, L. M.; Au, K. P.; Jacobs, R. L. et al. Methylation demand and homocysteine metabolism: effectsof dietary provision of creatine and guanidinoacetate. Am J Physiol Endocrinol Metab, v. 281, n. 5, p. 1095-1100, 2001. Poortmans, J.R, Francaux, M. Adverse Effects of Creatine Supplementation: fact or fiction?. Sports Med., sep. 30 (3):155-170, 2000. Poortmans, J.R, Francaux, M. Long-term oral creatine supplementation does not impair renal function in healthy athletes. Med. Sci. Sports Exerc., aug. 31 (:1108-1110, 1999. Bizzarini, E, De Angelis, L. Is the use of oral creatine supplementation safe? J. Sports Med. Phys. Fitness, dec.44 (4): 411-6. 2004 Deminice, R.; Vilhena, R.; Portari, G. V. et al. SUPLEMENTAÇÃO DE CREATINA, HOMOCISTEÍNA E ESTRESSE OXIDATIVO. Medicina (Ribeirão Preto), v. 40, n. 3, p. 368-377, Jul/Set, 2007. Ferrante, R. J.; Andreassen, O. A.; Jenkins, B. G. et al. Neuroprotective effects of creatine in a transgenic mouse model of Huntington’s disease. J Neurosci, v. 20, n. 12, p. 4389-4397, Jun, 2000. Pearlman, J. P.; Fielding, R. A. Creatine monohydrate as a therapeutic aid in muscular dystrophy. Nutr Rev, v. 64, n. 2, p. 80-88, Feb.2006. Woo, Y. J.; Grand, T. J.; Zenko, S. et al. Creatine phosphate administration preserves myocardial function in a model of off-pump coronary revascularization. J Cardiovasc Surg, Torino, v. 46, n. 3, p. 297-305, 2005. Wyss, M.; Schulze, A. Health implications of creatine: can oral creatine supplementation protect against neurological and atherosclerotic disease? Neuroscience, v. 112, n. 2, p. 243- 260, 2002. Gualano, B.; Ugrinowitsch, C.; Seguro, A. C. et al. A Suplementação de Creatina Prejudica a Função Renal? Rev Bras Med Esporte, Niterói. v. 14, n. 1, Jan/Fev, 2008.
  9. 9 points
    Posicionar a barra no trapézio (não posicionar na cervical); Colocar os cotovelos para baixo ou para frente; Fixar os pés paralelos, com abertura próxima à da largura dos ombros; Orientar a ponta dos pés ligeiramente para fora (posição mais anatômica); Manter a coluna ereta (lombar estável, em isometria); Fazer a força nos calcanhares e não na ponta dos pés; Realizar o movimento completo de descida e subida, sem descansar embaixo ou em cima.
  10. 9 points
    Eu quase te negativo aqui pela segunda vez. Amigo eu não sou uma anãzinha de jardim não 🤣 @Foston @Malu.lu @Degcastro Vocês me deixam muito muito feliz e encabulada haha. Eu admiro o shape das women's physique mas ainda queria ficar no figure pra não parecer masculina... Mas acho que isso é mais por conta do receio que eu tenho dos olhares estranhos e reprovação de algumas pessoas próximas... Talvez eu mude de ideia. Só sei que eu amo músculos, amo mesmo, o que vier é lucro. Quero mostrar pra vocês a evolução que eu tive nos últimos dias nas minhas costas. Eu fiquei impressionada, e olha que é difícil eu notar muita mudança em mim, mas dessa vez vi muita. Em 40 dias minha dorsal saiu e agora eu to feliz que nem pinto no lixo porque deixei de ser uma caixinha de fósforo e to com curvas!! Minha cintura parece menor. Usei as dicas do Foston e do Locemar e me dediquei mais. Minha boldenona só dura mais uma ou duas aplicações. Vou tirar fotos comparativas do resto do corpo e postar o mais breve possível pra verem onde cheguei. Obrigada por serem tão fofos e tão prestativos. 😍😍😍😘
  11. 9 points
    Joana Darc sb

    Ciclo feminino de boldenona

    Ola senhores !! Demorei mas cheguei! Estou tendo problemas ao acessar o forum, apenas consigo logar em um notebook antigo que as vezes me deixa na mao, porque faco login com o google e o site está com problemas no certificado de autenticacao. Sobre o ciclo: Estou entrando agora na 11 semana com a boldenona e 9 com o propionato, se nao me engano. Fiz dois meses de ciclo e por enquanto estou satisfeita. Colaterais: Praticamente sumiram, parece que deu uma estabilizadda em tudo, estou usando a pomada Acnezil e meu rosto está limpo, e estou com poucas espinhas nas costas. Aparecimento de mais pelos, bem finos no buco e no queixo. Mas sao fininhos, nao sao barba e bigode nao 😂 Peso: Estou com 63kg , nao estou muito preocupada com isso , mas se chegasse ao fim do ciclo entre 64 e 65 chegaria bem feliz. DIETA: Aqui eu tive que me virar , quando aumentei os carbos, logo nos primeiros dias eu inchei !! fiquei fofa, sei que nao e gordura, mas eu nao estava me sentindo bem e vi que ali poderia estar sendo um excesso pra mim, aí tive que fazer algo.. @Apollo Galeno nao fique chateado, mas eu diminui o carbo em alguns dias da semana (pouca coisa, tirei uns 20-30g ) em alguns dias da semana e deixei para consumir mais nos dias de treino mais intenso. Como aumentei a refeicao pre treino, nunca mais senti fome, e me sinto bem alimentada e bem recuperada, alem de nao estar me sentindo mais inchada. Posso nao ter perdido gordura mas tenho certeza de que ganhei massa, meu posterior tem melhorado muito, mesmo que nao de pra ver nas fotos. Nao me sinto estagnada, acho que ainda estou evoluindo, meus treinos tem melhorado. Por isso se tiver o ok de voces estendo para 14 ou 16 semanas. De qualquer forma tem chegado o fim do ciclo... Eu tenho algumas ideias em mente ja sobre o que fazer quando cessar o uso da bold e meu cut leve comecar , depois coloco aqui minhas ideias e peco a sugestao de voces.
  12. 9 points
    Whey30

    Oxandrolona - Relato feminino

    Oi oi gente bom dia Tirei minhas medidas para comparar, estou com um pouco de retenção porque estou menstruada, então não sei se isso influencia diretamente nas medidas. Só fiz isso agora porque queria muito compartilhar com vcs rs. Medidas: início ~ final Cintura: 74cm ~ 72cm Coxa média: 46cm ~ 58cm Peito: 89cm ~ 90cm Panturrilha: 34cm ~ 36cm Glúteo: 100cm ~ 102cm
  13. 9 points
    A maioria das pessoas tem a convicção de que os exercícios aeróbicos são a chave para a perda de gordura e isso é um equívoco. As atividades aeróbicas tem uma utilidade limitada e precisam ser complementadas ou até mesmo substituídas por exercícios mais eficientes e específicos. O fato de se ter um bom condicionamento aeróbio em nada ajuda o seu metabolismo, o condicionamento aeróbio em si nada tem a ver com o gasto de energia no metabolismo de repouso. Você pode correr na esteira a vida inteira e até mesmo se tornar um maratonista que continuará com o mesmo metabolismo de sempre, a menos que ganhe massa muscular. Ressaltando, a maioria das evidências sugere que o metabolismo basal é relacionado à quantidade de músculos que você tem. Aqui reside uma inigualável vantagem do treino com sobrecargas, a capacidade de reduzir a gordura corporal e simultaneamente manter ou até mesmo aumentar sua massa muscular, o que evita o ganho futuro de peso, melhora a estética e parâmetros funcionais, principalmente na força, coisas que os exercícios aeróbios não fazem. A musculação é um excelente meio de reduzir o percentual de gordura, o uso de sobrecarga pode atuar diretamente na redução do tecido adiposo. O treinamento com pesos estimulará a síntese de proteínas musculares melhorando sua estética e as funções do aparelho locomotor. Além disso, os benefícios obtidos com o uso de exercícios sobrecarregados serão mais duradouros devido a manutenção e até mesmo elevação do metabolismo de repouso, que parece ser relacionado com a massa muscular. A musculação torna-se uma das melhores opções em todos os aspectos além de ser extremamente eficiente para produzir alterações positivas no seu percentual de gordura. Alguns benefícios da musculação: a prática da musculação tonifica os músculos e ajuda na perda de calorias. O treinamento com o uso do peso, melhora ainda mais essa resistência muscular; -a pessoa que pratica musculação tem menos chance de desenvolver uma doença chamada de osteoporose, pois ela auxilia no fortalecimento dos ossos do corpo humano; a musculação deixa a pessoa mais forte, auxiliando na resistência para o trabalho diário e possíveis momentos que exijam de você o uso da força; auxilia na prevenção de problemas na coluna vertebral, além de fortalecer a parte inferior das costas, diminuindo dores locais; assim como a prática dos demais exercícios, a musculação também auxilia no funcionamento do sistema imunológico; a prática de exercícios físicos é uma grande aliada à prevenção de doenças como a diabete. A musculação é uma das práticas benéficas, que pode ajudar a evitar o aparecimento da doença e para quem já tem diabete, pode auxiliar no tratamento e equilíbrio da taxa de glicemia sanguínea; a musculação praticada regularmente auxilia a melhorar o equilíbrio e a coordenação motora do praticante; as pessoas que sofrem com prisão de ventre podem notar uma melhora no funcionamento intestinal nos primeiros dias de prática da musculação, pois ela auxilia no bom funcionamento do sistema digestório; as gestantes que praticam musculação têm uma melhor recuperação pós-parto, menor incidência de câimbras durante a gestação, menor probabilidade de desenvolver varizes e ainda diminuem o ganho de peso; a prática da musculação melhora o humor, a auto-estima e com isso as interações sociais; a musculação podem prevenir as doenças do envelhecimento e, assim, diminuir os efeitos na saúde do mesmo, deixando-o mais magro e jovem; a musculação ajuda nas correções de desvios posturais; a musculação ajuda nos desgaste das articulações. Quando os músculos estão fortalecidos, a estabilidade das articulações é maior, promovendo menor desgaste entre os ossos; pessoas que realizam regularmente exercícios prescritos na intensidade adequada, e no tempo adequado, desfrutam de melhor qualidade do sono. Eles dormem mais rapidamente e mais profundamente. Além disso despertam menos frequentemente à noite, permitindo então um sono reparador. Tal como acontece com a depressão, os benefícios da Musculação Terapêutica no sono são comparáveis com o tratamento com a utilização da medicação, mas sem os efeitos secundários que a mesma oferece; a musculação ameniza, e muito, a celulite, pois aumentando a massa muscular, sua pele fica mais lisa. Só a redução da gordura não melhora a aparência da pele, pode ficar flácida e cheia de furinhos, mas associando exercícios com pesos, evitará a flacidez e definirá os músculos, minimizando a celulite; a musculação pode retardar o relógio do envelhecimento fisiológico. Sabendo os inúmeros benefícios proporcionados pela musculação, procure um profissional capacitado em sua academia para organizar um treino que seja adequado a sua necessidades e disponibilidade. Ref: Paulo Gentil / forcaeinteligencia KRAEMER WJ, VOLEK JS, CLARK KL, GORDON SE, PUHL SM, KOZIRIS LP, MCBRIDE JM, TRIPLETT-MCBRIDE NT, PUTUKIAN M, NEWTON RU, HAKKINEN K, BUSH JA, SEBASTIANELLI WJ. Influence of exercise training on physiological and performance changes with weight loss in men. :Med Sci Sports Exerc 1999 Sep;31(9):1320-9 MELBY, C., C. SCHOLL, G. EDWARDS, AND R. BULLOUGH. Effect of acute resistance exercise on postexercise energy expenditure and resting metabolic rate J. Appl. Physiol. 75:1847-1853, 1993
  14. 8 points
    Oi gente! As coisas estão um pouco mais corridas agora, mas senti saudade de por atualizações, fotos e interagir com vocês... Eu estou bem. Não tão bem quanto estava durante o ciclo, hehe, mas estou bem. Aumentei as kcal e sigo conforme o Apollo sugeriu pra mim, da cerca de 1600kcal. Não engordei e não me sinto inchada ou retida. Meu peso parou nos 59kgs. Uso metformina todos os dias pra melhorar a insulina. Reduzi minha dose de testo para 4ui dsdn.. Minha libido diminuiu, sinto muuuito sono, me sinto muito calma, é como se não estivesse usando quase nada 😆 To quase voltando a usar 8ui... Sobre os treinos, não estão tão intensos como antes, não estou ainda conseguindo aumentar minhas cargas, mas estou conciliando os treinos e os aeróbicos do jeito que posso. As pernas não melhoraram ainda, eu as acho muito finas. Acho que fica para o próximo bulk uns cm a mais de perna. Recebi umas oxan manipuladas. Esperava por landerlan e acabei me decepcionando. Talvez use brevemente. e se não der resultado, reclame e peça outra. Vou por uma foto de costas pra mostrar que eu acho que estou conseguindo mudar o formato do glúteo e um pinguinho a mais de definição. A saga pelo popô de maça/gota/pêssego ta funcionando. Entendo que algumas meninas prefiram ter um bf um pouco maior, porque o glúteo fica mais redondinho assim.. Ele vai perdendo gordura e ficando diferente, denso, geométrico...
  15. 8 points
    Estou treinando bem, focando em dorsal. E tenho paciência..
  16. 8 points
    duduhaluch

    CRUISE / TRH - artigo (DUDU)

    Cruise ou ponte é a fase em que usuários de esteroides que ficam hormonizados constantemente usam basicamente para 3 finalidades principais: 1) Manutenção dos ganhos do ciclo (BLAST); 2) Manutenção da saúde, regulação das taxas alteradas durante o ciclo (TGO, TGP, creatinina, colesterol (total, HDL, LDL), hemograma, painel hormonal, etc); 3) Quebrar platô, uma vez que os ganhos tendem a estagnar em ciclos muito longos (>10-12 semanas), diminuindo significativamente o custo-benefício de se manter em altas doses de esteroides androgênicos. 1) Manutenção dos ganhos: Na terapia de reposição homonal (TRH) convencional as doses usadas de testosterona costumam ficar na faixa de ~100mg por semana (ou 200-250mg a cada 2-3 semanas), com o objetivo de melhora da função sexual, restabelecimento da sensação de bem-estar geral, manutenção da massa muscular, queima de gordura, etc. No caso do bodybuilding como a finalidade é a manutenção dos ganhos do ciclo as doses de testosterona no Cruise devem ser suprafisiológicas, uma vez que não é possível manter muita massa muscular com baixo percentual de gordura com doses de testosterona em níveis fisiológicos. Alguns atletas podem optar por outra droga como base no Cruise (deca, boldenona, primobolan, etc), mas em geral a maioria vai preferir testosterona como base, e eu acredito ser a melhor escolha pelos seus efeitos e também por uma manutenção mais equilibrada e controlada dos níveis hormonais. A dose usada no Cruise vai depender da estrutura corporal e experiência do usuário, como também das doses total de andrógenos usadas no BLAST e da dose de esteroides androgênicos auxiliares que ele possivelmente pode querer usar com a testosterona no Cruise, mas acredito que uma boa dose fica na média de ~200-300mg de testosterona por semana (~900-1400 ng/dl). A fim de manter níveis de testosterona mais estáveis os esteres enantato e cipionato são as melhores opções. 2) Regulação das taxas: A escolha das drogas no Cruise depende fundamentalmente das drogas que foram usadas durante o BLAST. Taxas como TGO, TGP, bilirrubinas podem estar alteradas se drogas 17 AA (hemogenin, dianabol, oxandrolona, turinabol, halotestin, stanozolol) foram usadas durante ou no final do ciclo, então essas drogas deveriam ser evitadas durante o Cruise ou usadas cuidadosamente, e cuidados com a dieta devem ser fundamentais para regularizar essas taxas. Taxas hormonais como hormônios da tireoide (T3, T4, TSH) não costumam sofrer alterações significativas como o uso de esteroides androgênicos. A maior preocupação dos usuários em geral é com os níveis de estradiol (E2), que naturalmente estarão elevados com o uso de drogas aromatizantes durante o ciclo, e não deve ser uma preocupação se a relação entre testosterona e estradiol permanecer aproximadamente constante (T:E2), já que a redução dos níveis de testosterona durante o Cruise devem levar a uma redução nos níveis de estradiol. No entanto se foram usados inibidores de aromatase (IA: anastrozol, letrozol, exemestano) durante o BLAST, deve-se tomar cuidado para que a suspensão deles durante o Cruise não leve a um efeito rebote do estrogênio enquanto níveis de testosterona são menores nessa fase. Portanto recomendo que as doses de IA devam ser reduzidas gradativamente e que se use drogas anti-estrogênicas (SERM’s: tamoxifeno ou clomid; proviron) durante o Cruise para controlar possíveis colaterais estrogênicos (ginecomastia, pressão alta, retenção, etc) devido a um desequilíbrio entre andrógenos e estrógenos. Portanto os níveis de estradiol não precisam ficar necessariamente no intervalo normal (10-50 pg/mL), uma vez que a relação entre T:E2 permaneça aproximadamente constante, o mesmo valendo para a relação T:DHT, já que níveis de DHT serão maiores com doses maiores de testosterona. Alguns usuários também se preocupam com níveis de prolactina, mas em geral esse hormônio fica dentro dos intervalos de referência, e sua alteração em geral não é uma preocupação, já que os principais colaterais são ginecomastia (que em geral pode ser resolvida com o uso de Dostinex ou Parlodel), inibição do eixo HPT (que não é uma preocupação para quem está on fire). Uma das principais taxas alteradas durante o uso constante de esteroides androgênicos é o colesterol (total, LDL, HDL), principalmente por drogas como stanozolol, hemogenin, portanto essas drogas devem ser evitadas durante o cruise, mesmo porque a própria testosterona já reduz níveis de HDL, assim como deca. Esse é mais um motivo para adicionar tamoxifeno no seu Cruise, já que além bloquear efeitos estrogênicos ele mostrou melhorar perfil lipídico (reduzindo colesterol total e LDL). A alternativa mais eficiente para aumentar níveis de HDL significativamente é o uso de Niacina, considerando que o usuário já mantém uma alimentação saudável durante o ciclo, mas o cuidado com as drogas escolhidas é fundamental. 3) Quebra de platô e escolha das drogas no Cruise: Como disse anteriormente a melhor escolha para droga base no Cruise é a testosterona (~200-300mg por semana), mas o usuário também pode combinar drogas anabólicas auxiliares para ajudar na manutenção dos ganhos pensando numa possível sinergia com a testosterona. Se orais 17 AA não foram usados durante o ciclo podem ser uma boa escolha para o Cruise, principalmente os que não alteram significativamente o colesterol (dianabol, oxandrolona, primobolan, turinabol) em doses de ~10-30mg por dia. Drogas injetáveis em doses baixas também podem ser uma opção (masteron, primobolan, deca, boldenona). Para potencializar a quebra de platô para o próximo BLAST é importante que as doses totais de esteroides androgênicos usadas no Cruise não sejam muito altas, e acredito que uma média boa seja que a dose semanal total de androgênicos usadas no Cruise seja ~1/4 – 1/5 da dose semanal total usada no BLAST. O tempo de duração do Cruise também não deve ser muito curto (<4 semanas), e acredito que um tempo razoavelmente bom para quebrar platô e regular as taxas seja da ordem de ~6-8 semanas, sendo muito aconselhável que os exames para verificar suas taxas sejam feitos aproximadamente no final do Cruise. Alguns usuários também podem querer usar HCG durante o cruise, principalmente se tiverem muita atrofia testicular durante o ciclo ou se desejar aumentar volume ejaculatório (mais por uma questão de bem-estar por sentir suas bolas vivas, do que uma necessidade). O uso do proviron também é uma boa opção, já que além do efeito anti-estrogênico ele também reduz níveis de SHBG significativamente (aumentando testosterona livre, disponibilidade dos andrógenos), e muitos usuários relatam grande melhora na libido e na sensação de bem estar usando essa droga. Para finalizar, acredito que o treinamento no Cruise deve ser menos volumoso, com cargas boas, a fim de manter um bom estímulo para segurar os ganhos, mas também dar mais descanso para o corpo, por se tratar de um período recuperativo e de manutenção dos ganhos. Dieta de bulk ou cutting jamais devem ser feitas no Cruise, é totalmente contraprodutivo para ganhos, já que como disse é uma fase para tentar manter o máximo possível dos ganhos e regular suas taxas, a fim de manter sua saúde da melhor forma possível usando esteroides androgênicos constantemente. Fonte: Dudu Haluch Abraços, DUDU HALUCH
  17. 8 points
    Ai que bom, que alívio um tópico completo com alguém com dieta relativamente boa, e com um corpo com bf adequado pra ciclar. Bota o treino também. Tava ficando triste já com o tanto de gente querendo ciclar pra secar 😕
  18. 8 points
    Que lindas palavras! Você tem toda razão. Vejo poucas pessoas ativas porém vejo que os poucos presentes fazem um trabalho valiosissimo. Aqui se tornou um refúgio para mim, no meio de tanta ignorância e gente arrogante que não vale nem metade do que acha ser. Também deixo o meu muito obrigada a todos os que ajudam de alguma forma, relatando ou respondendo uma dúvida boba que seja. Eu to tentando fazer um pouquinho também, como retribuição ao que já recebi.
  19. 8 points
    Uma vez finalizado o cutting resolvi criar um diário para quem se interessar poder acompanhar os próximos ciclos, bem como o treinamento que mantenho, sem que sejam criados vários tópicos para tal. INFORMAÇÕES ATUAIS Idade: 21 anos Início de treino: 14 anos Altura: 1,68 Peso: 71,5kg Bf: Não consigo estimar muito bem visualmente e os resultados pelas fórmulas com dobra cutânea e bioimpedância não parecem coerentes, mas chuto na casa dos 9% no final do cutting. Braço: 38,5cm Cintura: 73cm Coxa: 62cm Panturrilhas: 40cm Deixo abaixo as comparações entre quando eu era natural e as últimas semanas do cutting: Abaixo comparações entre antes de me matricular na academia (em uma situação lamentável) e hoje: Aos 14 anos eu tinha os mesmos 1,68 e pesava apenas 48kg. Natural cheguei aos 71kg (acredito que 23kg seja uma quantidade razoável de peso) com uma quantidade relativamente aceitável de gordura (ênfase no relativamente, porque esteticamente não estava bom), entretanto com diversas falhas principalmente na dieta e um pouco relaxado no treino nos últimos meses. Iniciei um ciclo pensando em fazer um bulk e em 4 semanas fui de 71 para 76kg (com muita retenção e uma quantidade considerável de gordura). Iniciei então um trabalho com o @Toxi e de um bulk fui para um cutting, que é relatado no tópico linkado. Gostei do resultado apesar de ter sido abaixo do possível (mas não do esperado) pois não houve uma completa dedicação por alguns percalços, cansaço (principalmente mental) e falta de tempo por estar no pior período da faculdade, o que não é muito bem motivo para vacilar, mas tem horas que realmente não rola. No momento estou em cruise com 300mg de cipionato e fazendo o desmame de T4. Uso tamoxifeno 20mg/dia devido a uma ginecomastia fisiológica que persistiu desde a puberdade. Tenho síndrome do aprisionamento da artéria poplítea bilateralmente (a quem interessar saber mais sobre a condição: http://jvascbras.com.br/pdf/03-02-03/03-02-03-210/03-02-03-210.pdf) portanto não treino panturrilhas (mas adoro treiná-las). Em 6 semanas, se tudo correr bem e minha saúde estiver dentro do aceitável, iniciarei um bulking. TREINO Costumo treinar 2 ou 3 dias e dar 1 dia de descanso a depender de como estiver meu nível de cansaço. Não sigo uma divisão ou série pré-estabelecida, porém estabeleço pontos que necessitam ser mais trabalhados (no momento estou dando um pouco mais de ênfase em braços e ombros). Gosto de treinar instintivamente, obviamente seguindo uma sequência lógica e mantendo os levantamentos básicos, sem inventar moda. Procuro manter os treinos semelhantes ao HIT de Dorian Yates (mas nem sempre consigo ?). Eventualmente aplico alguns drop-sets, bi-sets ou até tri-sets. CARGAS Gosto de treinar usando cargas elevadas mantendo a forma, postura e roubando apenas se necessário para conseguir 1 ou 2 repetições a mais (costumo treinar sozinho, mas quando há um parceiro de treino evito ao máximo roubar). Levantamento terra: 155kg para 6 repetições / Agachamento livre: 155kg para 5 repetições / Supino reto: 115 para 5 repetições. DIETA Está por conta do Toxi, o que ele mandar eu faço. Atualmente estou mantendo a última dieta do cutting, ciclando carboidratos e com uma média de 2000-2100kcal/dia. Há bastante salada e frutas. Suplementação apenas Whey (só 15g ?), Ômega 3 e Vitamina D3. Acredito ter me delongado, mas gostaria de detalhar o que já fiz, estou fazendo e vou fazer. Espero que o diário agregue de alguma forma para quem acompanhar. Abraços.
  20. 8 points
    Whey30

    Oxandrolona - Relato feminino

    Oioi gente! Inicio hoje a minha 6ª semana de ciclo os colaterais permanecem os mesmos sem nenhuma mudança grande. O principal que tem me incomodado um pouco é a oleosidade mas estou levando da forma que dá, lavando o rosto 5x ao dia e o cabelo todos os dias. Por esse motivo meu cabelo tem ressecado bastante (preciso investir num cronograma capilar - reconstrução/hidratação). Ontem me pesei e subi 5kg! Eu sei que nem tudo é massa muscular mas me deixou extremamente feliz, pois como já falei anteriormente, minha expectativa é baixa mesmo, sem pretensão de ficar monstra logo no primeiro ciclo. Eu quero ganhos consistentes! Mas fiquei feliz demais porque não é fácil essa rotina, na maioria das vezes acordo às 4h pra organizar minhas marmitas, comer e treinar, aí você tem que comer e tomar água mesmo que não esteja com fome e com sede. Falando assim parece sacrifício, mas não é, eu gosto, só que não significa que eu não canse pq ainda tem as outras tarefas de mãe, mulher, profissional.... Então ao subir na balança e ver esse 5kg a +, mesmo que não seja só de mm, elevou mais ainda minha autoestima e me mostrou que tá valendo mto a pena!!!!
  21. 8 points
    É tenso a testo rolando solta aqui sem uma mutchatcha rsss Junto com a caixa de durateston tinha que vir um vale-namoro temporário pra suprir esses colaterais
  22. 8 points
    Se você é iniciante e gosta de ler o gh15 esqueça tudo e começe do 0. o gh15 é alguem que sabe muito, muito mesmo, porem oq ele faz é falar do uso de esteroides para profissionais. Tembolona Ace é perfeita, equipona tbm, masterom é ótima, é a evolução da stano com muito menos dor. se vc é iniciante pense da seguinte forma: tenho receptores virgens, eles vão reagir com muito mais eficacia, 200mg de deca vão fazer por vc aquilo que 1, 2 ou 3g de deca fazem e um usuário avançado. como ciclo basico o ideal seriam 2 duras por semana com 200mg de deca de farma, uma tpc e ao menos 1 mês de descanso pro proximo ciclo, se possivel 2. isto é a coisa mais eficiente. se vc está começando agora esqueça o gh, não vai te ajudar muito no começo, trembolona antes dos 90kg com bf baixo vai acabar com vc, v c vai passar a ter rava dela. se vc é niciante seus anabolizantes são deca, durateston, hemogenin e dianabol. amanhã eu falarei mais sobre eles.
  23. 8 points
    Olá, amigos, vim apresentar uma ferramenta muito fácil e prática que eu uso (e muito) pra encontrar proteções, medicações pra intra-ciclo e TPC. Trata-se do site Consulta Remédios, é como se fosse uma espécie de Buscapé ou Bondfaro, só que pra medicamentos. Existem várias farmácias credenciadas e com isso você pode comparar e encontras os melhores preços. Basta digitar o nome do medicamento (exemplo Nolvadex) ou o princípio ativo (Tamoxifeno) e ele acha pra você, eu recomendo sempre procurar pelo princípio ativo pois você pode encontrar opções de genéricos e medicamentos sem impostos, ficando assim mais barato. Link do consulta remédios: http://consultaremedios.com.br/ Os medicamentos que eu geralmente procuro e encontro ótimos descontos são: - Anastrozol; - Tamoxifeno; - Cabergolina; - Letrozol; Espero que vos seja útil, assim como é pra mim. Se a moderação achar interessante, pode fixar esse tópico, pra ficar visível a todos.
  24. 8 points
    Elias, acrescentando sobre creatina. Não é ultrapassar dose de 20 g ao dia, mas sim utilizar de 0,03 g a 0,05 g por kg de peso corporal ao dia. Divididas em 2 a 4 doses pra não ter desconforto gástrico. Cafeína é um neuroestimulante e a creatina contribuirá para fornecimento de energia pela via ATP-CP, portanto dois sítios de ligações completamente diferentes...definitivamente uma não irá interferir na ação da outra. O estrutura molecular (ou o sal) para consumo deverá ser sempre a monoidratada, devido a sua bioequivalência com a forma que produzimos. A forma micronizada é o tamanho da particula, apenas. Outro ponto: a creatina é uma amina saturável...pode ser tomada a qualquer momento do dia, mas os estudos indicam que tomar junto às refeições melhoram seu transporte intracelular. abraços
  25. 8 points
    Whey Protein é o suplemento mais conhecido entre ospraticantes de musculação e um dos mais vendidos no mundo, qualquer frequentadorde academia já ouviu falar desse produto. Muitos acreditam que se trata de umpó mágico capaz de alavancar ganhos até para os mais hardgainers. As indústrias de suplementos, famosas por exagerar no marketing de seus produtos, foram uma das principais responsáveis por criar essa fama de que a proteína do soro deleite é de alguma forma, superior as demais. Quantos adolescentes já não foramlevados por maliciosos vendedores de suplementos a acreditar que essa era a soluçãopara sua magreza? Você foi um deles? Montamos uma lista com 10 desculpas esfarrapadas usadas por vendedores e indústrias de suplementos para te convincer a comprar Whey. Não seja enganado novamente! #1 - Whey Protein tem valor biológico superior às outras proteínas. A grande verdade sobre o valor biológico é que ele étotalmente irrelevante para quem consome grandes quantidades de proteínasdiariamente (2g/kg ou mais). Se você for um refugiado uruguaio que mora em umacomunidade carente e consome 30g de proteína por dia, é até importante queestas 30g sejam de alto VB. Nesse caso o valor biológico faz diferença. Porém,se você for um marombeiro que consome facilmente 150-200g de proteína por diavocê já está no limite da retenção protéica, aumentar o valor biológico nãofará diferença alguma, pois como dito, você já está no limite. Existem atébodybuilders vegans que conseguem excelentes resultados consumindo apenasproteínas de fontes vegetais. Se você garante seus 2g ou 3g de proteína por kgde peso corporal, não é necessário se importar com valor biológico de nenhumaproteína. #2 - Whey Protein é uma proteína de rápida absorção. Shake pós-treino só é algo urgentemente necessário para quemtreina em jejum ou semi-jejum. Se você faz uma refeição pré-treino, você jágarante aminoácidos durante todo o período intra e pós-treino. O fato de o Wheyser de rápida absorção não faz qualquer diferença na prática, já que diversosestudos comparam o uso de 30g de Whey x 30g de Caseína x 30g de proteína sólidae todos tiveram a exatamente a mesma resposta na síntese protéica. Não temporque achar que só porque ela é absorvida mais rápida, significa maismúsculos.Exemplo prático: Se você quer encher um copo com 200ml de água,faz diferença se você coloca de 20ml em 20ml ou 200ml de uma vez só, no final ocopo não está com 200ml do mesmo jeito? A velocidade mais rápida fez o copoficar mais cheio? Da mesma forma que 200ml de água sempre serão 200ml de águaindependente da velocidade que se coloca no copo, 30g de proteína sempre serão30g de proteína independente da velocidade absorvida. #3 - Whey Protein tem maior quantidade de BCAA que as outras proteínas. Qualquer proteína completa tem pelo menos 15-20% de BCAA. Umadieta hiperprotéica comum tem 30-40g só de BCAA. Você acha que os 5,5g a maisque o Whey Optimum possui irão fazer qualquer diferença na prática? Comparadoao resto da dieta, essa quantidade chega a ser insignificante. #4 - Whey Protein possui maior quantidade de glutamina que as outras proteínas. Mesmo caso do item anterior. Adicionar 4g de glutamina em umadieta hiperprotéica é adicionar uma gota d’agua em uma piscina. #5 - Whey Protein eleva a síntese protéica, é anti-catabólico e ajuda na recuperação muscular. Assim como toda e qualquer proteína. Próximo! #6 - Whey Protein causa pico de insulina, portanto é anabólico. Se o seu interesse é apenas na insulina, faça uma refeiçãopré-treino que sua insulina ficará elevada durante todo o treino e por váriashoras após o mesmo. #7 - Whey Protein é antioxidante. Se o seu interesse é apenas na ação antioxidante, use um bommultivitamínico. #8 - Whey Isolado é melhor do que Whey Concentrado. Mito. Para quem é intolerante/sensível a lactose pode até serinteressante apenas pela ausência desse carboidrato específico. Já que emalguns pode causar desconforto, diarréias, flatulências, e acne. Para todo orestante da população, Whey Protein Isolado tem exatamente os mesmos efeitosque o Concentrado. Com a desvantagem que durante o processo de filtragem sãoperdidos muitos nutrientes importantes. Outro ponto negativo é que quanto maisrápida a velocidade de absorção da proteína, mais chances ela tem de ser oxidada(usada como energia) já que os receptores dos peptídeos são ocupados com maiorrapidez. #9 - Whey Hidrolisado é melhor que Whey Isolado. Usar quantidades maiores do que 30g de Whey Hidrolisado deuma única vez é o mesmo que rasgar dinheiro. Nosso intestino tem quantidadeslimitadas de receptores de aminoácidos e peptídeos (os monômeros das proteínas).Quando se coloca na corrente sanguínea, grandes quantidades de proteína hidrolisada,todos os receptores são ocupados de uma vez só. E os aminoácidos que nãoconseguem encontrar um receptor vazio para serem absorvidos, são usados comosubstrato para a gliconeogênese (transformados em energia). Uma proteína sólidaou de lenta digestão não corre esse risco, pois os aminoácidos são liberados namesma velocidade que são absorvidos, e não ocupam todos os receptores de umavez (não há “fila” para usar os receptores, pois sempre tem um vazio). Quantomais rápida a absorção da proteína, mais receptores são usados de uma vez só, emais chances ela tem de ser oxidada. #10 - Whey é uma proteína limpa de gorduras, colesterol e açúcares. Outro grande mito que surgiu nos anos 70 e que até hojeassusta os menos informados é que gordura é o vilão da alimentação e deve sereliminado a todo custo. Gorduras possuem uma enorme lista de benefícios para ocorpo humano, inclusive as saturadas que foram injustamente acusadas de seremcausadoras de problemas cardíacos. Muitos estudos comparam 300kcal de leitedesnatado com 300kcal de leite integral e mostram que a resposta anabólicadesse último é superior ao primeiro. Colesterol tem importantes funções noprocesso de hipertrofia, é usado como carregador de testosterona, precursor de vitaminaD3, regulador da membrana plasmática. Açúcar pode até ser um problema paradiabéticos, mas pra quem tem hábitos de vida saudáveis e pratica musculação eleé útil como fonte de calorias e estimulador de insulina. Afinal, existe vantagem em usar Whey Protein? Sim, existe. Os vendedores de suplementos conseguem usar de suacriatividade e listar 300 “vantagens” para te convencer a comprar seus produtos.Infelizmente apenas 1% delas são verdadeiras e estão citadas a seguir: #1 - Whey Protein émais prático que uma proteína sólida. Uma das reais vantagens de usar uma proteína em pó é apraticidade. Basta misturar com leite/água e que já está pronto. Rápido e sembagunça. #2 - Whey Protein émais fácil de ser ingerido.Para os ectomorfos que não conseguem comer o suficiente, ouso de proteína em pó pode ser interessante. Já que é mais fácil consumir200kcal de um shake líquido do que de carne.Conclusão Talvez você esteja se perguntando: Devo tirar o Whey Protein da minha alimentação? A resposta é NÃO. Você não deve eliminar o Whey simplesmente porque remover 30g de qualquer fonte protéica (e conseqüentemente 120 kcal) da dieta não faz nada além de atrasar seu crescimento. O grande ponto desse artigo é mostrar que o Whey Protein tem exatamente o mesmo potencial anabólico que 30g de proteína de carne ou 30g de proteína de ovo. Retirar qualquer uma destas da dieta não traz benefício algum. Entretanto você está completamente livre para trocá-las entre si. Em vez de tomar um scoop de Whey de R$259,00, apenas adicione duas ou três porções de frango ao seu jantar.Não substitua qualquer parte de sua dieta por suplementos, em vez disso, apenas adicione-os a sua dieta original. Não cometa o mesmo erro de muitos iniciantes em pensarem que estarão crescendo mais porque trocaram 30g de carne por 30g de Whey. Você cresceria mais se tomasse os 60g juntos. #3 - Uso de proteínas hidrolisadas intra-treino: Muitos praticantes de musculação notam uma significativa melhora na recuperação muscular quando usam uma pequena dosagem (15 a 20g) de proteínas hidrolisadas ou BCAAs ao longo do treino. O que permite treinar o mesmo músculo várias vezes na semana. REFERÊNCIAS Lyle McDonald - The Protein Book Brad Pilon - How Much Protein
  26. 8 points
  27. 8 points
  28. 7 points
    Joana Darc sb

    Ciclo feminino de boldenona

    Obrigada amigo! Que bom que você me vê assim haha. A gordura vai nos deixando devagar... E isso é ótimo né? Obrigada Malu! E obrigada pelo musa, você é outra. 😍🔝 Ansiosa pra ver seus próximos passos. Até as espinhas da Costa sumiram 🙏. Foston, quando pego fotos de novembro a janeiro fico impressionada. Não faz tanto tempo assim mas a diferença é grande. Quem não me via a um tempo diz que mudei muito.. E segundo meu namorado, parece que arrancaram minha cabeça e puseram em outro corpo 😂. Não fiz montagem dos últimos 15 dias mas ainda sim, tive progresso. E ir conseguindo aos poucos é muito bom! Ainda tenho muito chão pra chegar perto do que quero, mas nem esperava chegar tão longe em 4 meses 😻 😂😂 Pode deixar. Estou sendo muito bem criada e orientada por aqui 🤗 Amigo.. Eu quero chegar no meu melhor... Eu sempre tive minhas inspirações e hoje, mais do que nunca, sei que posso chegar lá. Porém vou sem pressa.. Não vou por metas do tipo" ah daqui a 3 meses vou competir custe o que custar". Eu vou cuidando de mim, pedindo sugestões, fazendo o que tenho que fazer, e ir lapidando meu shape. Não tenho muitos recursos, então eu vou da maneira mais lenta, e mais difícil, porém eu sei que um dia vou subir e vou fazer bonito!! Eu queria te agradecer por sempre falar sobre isso.. Me emociona, porque mesmo sabendo das dificuldades e da falta de retorno ou incentivo, é algo que eu sempre sonhei. Continue por perto, viu? Ainda preciso de você, e da ajuda de todos que acompanham também 😁
  29. 7 points
    Nossa... Tudo isso com um US abdominal? Rapaz, tá parecendo o mecânico que o carro mal chega à oficina e, só pelo barulho, ele já sabe o problema.... Eu consultei 6 médicos antes de fazer a cirurgia nos joelhos e, do ombro, por outros 4. Adivinhe??? Cada um dizia um coisa diferente... Um chegou a dizer que eu não tinha nada além de "frescurite aguda". Jamais confie na primeira opinião médica, exceto se for o @Apollo Galeno e se estiver deitada em um leito de um PS... Eu espero jamais encontrá-lo por lá rsrsrs
  30. 7 points
  31. 7 points
    Corretamente utilizado o tempo verbal........um dia. Porque sinceramente, agora a impressão que fica é que aparece apenas para divulgar seu negócio! Uma coisa é divulgar uma empresa como a New Nutrition ou qualquer outra que venda um produto, etc.........que tbm estará sujeita a uma avaliação de usuários. É isso com que fazemos com as empresas de Aes...... Outra coisa é a divulgação de prestação de serviços!!! Aqui no FÖRUM garanto que tem muitos profissionais relacionado a áreas de saúde, bem como fora da área da saúde que amariam poder divulgar seus trabalhos! Quem não fica feliz em ganhar uma graninha fazendo o que domina com as mãos e pés atados? Mas o que viraria esse FORUM?? Um OLX?? Um Mercado Livre?? Páginas amarelas?? Quantas e quantas vzs isso já não aconteceu aqui comigo..........E quantas e quantas vzs falei que não........ Quantas e quantas vzs apareceram espertões aqui com historia que treina , que faz isso e faz aquilo, e acaba por chamar as pessoas no privado e oferecer produto!?!?!? Isso é errado........acredito que ensinamos e apreendemos quanto lemos o que está exposto GRATUITAMENTE..........acredito que se por EX: @Joana Darc sb e @Batata... começarem a pegar trabalhos aqui dentro do FORUM e levar para fora de nossos olhos, perderemos a informação. Perderemos valiosas informações que serão dadas apenas a quem $$$...... Isso me incomoda D++ @FitCoupleHim......quantas histórias de médicos leio aqui todo dia fazendo as mais belas Merdas!!! Quanto será que custa uma consulta de um médico? Quantos pacientes teria, tenho, terei disponível aqui se começar a fazer esse tipo de associação mental/social/laboral ? Quantas pessoas deixariam de adquirir informações porque não tem $$ ??
  32. 7 points
    Sereiafit

    Oxandrolone

    Oi tudo bem? Então... Vou responder aqui sua dúvida, pois eu que converso mto com mulheres, e esse tema é comum... Inclusive conheço mtas tomando para hipertrofiar o clitóris. Oxandrolona não é tão virilizante, embora a resposta a cada AES seja bem particular, para ter uma hipertrofia do clitóris teria que tomar uma dose um pouco alta, o que não é indicado. Para esse fim, funciona mais a testosterona e pelos relatos de amigas o stanozolol. Sobre ficar mais exposto, fica sim! Ele cresce! Durante o ciclo há um inchaço maior causado por uma maior irrigação sanguínea na área e também por a mulher estar com a libido alta ocorre mais ereções (sim mulher tem ereção!), o que gera um incômodo no contato com roupas até pq ele fica mais sensível. Para quem já tem um clitóris um pouco grande, pode incomodar o crescimento pelo fator estético, temos que confessar que ainda no fisiculturismo existe mto preconceito quanto o padrão de tamanho do clitóris, o q mais vemos são os próprios usuários de anabolizantes zoando as mulheres por terem um clitóris avantajado! Mas isso é padrão idiota que assim como outros aspectos corporais a mulher sofre, então não deveríamos nos incomodar com isso, até pq para chegar naquele nível absurdo que as mulheres aparentam ter um minipau no meio das pernas, depende de fatores além de um uso recreativo de AES como genética, uso de bombas de sucção, ou abuser total nas paradinhas... Se fica melhor na hora do sexo.... Óbvio!!!!!!!!!!!!!!!!! Mais área de contato, facilita o orgasmo e se tiver com testosterona alta na veia a mulher fica pior que vcs homens. Isso tem que deixar de ser tabu, os homens tem que parar com esse nojinho, pq mulher se depara com cada coisa por ai, e parabéns por vc procurar ajuda para sua esposa!!! Abraços!
  33. 7 points
    Ciclo iniciado em 03\12 Atualmente 4ui 3x na semana enantato de testosterona Peso 23/01: 57,0 Restante das fotos @Apollo Galeno @Bravo Costa @Sereiafit @Joana Darc sb Restante das fotos @Apollo Galeno @Bravo Costa @Sereiafit @Joana Darc sb Galera eu sou um picolé napolitano, braços e pernas queimados e a barriga e bunda branco por causa do macacão de Triathlon que uso pra correr pedalar e nadar.. hahahahhahha
  34. 7 points
    Degcastro

    Primeiro clico de oxandrolona 10mg

    Vamos lá..... Encerrando hj com 13 semanas de ciclo. Estou muito contente com os resultados. Não foram nada grandioso mais deu pra ser notado. Quanto aos colaterais nada de demais, algumas espinhas que reduziram nas últimas duas semanas quando abaixei as mg. Perdi bastante gordura mais ainda tem muita pra queimar mais sei que isso só se consegue com dieta restritiva e isso é o mais difícil de manter por um período longo. Hj tenho muito mais sabedoria pra entender que AES não vão me dar resultados se minha dieta e meu treino não forem adequados ao meu objetivo. No mais só tenho a agradecer a ajuda de todos aqui no fórum e dizer que sem vcs esse caminho teria sido muito mais tortuoso e eu com certeza não teria tido nem 10% dos resultados. Vou iniciar um Cruise de 3ui de propionato de testosterona e manter dieta pra abaixar mais meu BF e daí então pensar num outro ciclo com boldenona pra bulk. Fiquei exames essa semana e assim que sair os resultados posto aqui pra avaliação.. Tmj
  35. 7 points
    Boa tarde amores! Voltei com atualizações e fotos . Gripe hoje pegando forte, garganta fechada, a voz nem sai, mas mantendo dieta com fome absurda, e treinos 100%. As pessoas agora estão começando a comentar minhas mudanças, auto estima no alto, muito feliz mesmo com os resultados obtidos até aqui, mas quero mais volumee, socorro! De colateral algumas espinhas, mas nada que me incomode( estou usando sabonete de enxofre que o Apollo recomendou aqui no fórum), sem inchaço ou sensibilidade no clitóris, sem queda de cabelo, muita força nos treinos. Estas são as novidades, foco total em aumentar glúteos, posteriores e quadríceps, quero mais volume na parte inferior, sigo focada! Tmj!
  36. 7 points
    Joana Darc sb

    Ciclo feminino de boldenona

    Sabia que vc ia ficar feliz como eu fiquei amigo!! ☺ Quanto ao cutting a gente vai estudar mais ainda, a sua solução é muito boa. Tava estudando aqui e vendo outras possibilidades após a boldenona, talvez alguma droga que seja anti estrogênio né? Acho que a Oxan é. Mas também tem a opção de tentar fazer só com a testo. Mas Acho que isso eu vou começar em fevereiro ou marco ainda... Tem tempo! Malu, os exercícios que o Foston citou são meus preferidos e funcionam super bem. Minha dica é que vc varie sempre as repetições e pesos, se estiver acostumada com pouco peso e baixas repetições, mude para uma carga maior e baixas repetições. A gente tem que estar variando sempre os estímulos. Ahh e o Fórum é só amor. Tenho muita gratidão e carinho por todos daqui. Você não vai negativar sua cria né? 🙃 Eu estou bem feliz, e quero te mostrar que você teve um papel muito importante para que eu chegasse aqui. Pode parecer pouco, mas a tua ajuda me impulsionou e eu sinto uma responsabilidade muito grande. Todos os dias quando acordo, fico pensando: Faltam tantos dias para eu tirar foto de novo e mostrar pro Apollo e pro pessoal, preciso dar o meu melhor!! E ta dando certo ✔ Muito obrigada, de verdade, vc é tão ogro quanto paciente, dedicado, e atencioso. Vou adicionar os carbos! Oremos para que esses 50g de carbo +- virem tudo massa muscular!! Vou me sentir mal se o shape ficar um pouco mais sujo... Quanto as drogas, tenho facilidade relativa para conseguir Gold labs, landerlan e king. E sobre o posterior, acho que ele e consequência de alguns anos que dei pouca atenção a ele. To trabalhando bem ele, ta melhorando. Mas trarei mais resultados em breve. Quanto aos colaterais, só posso reclamar das espinhas, mas estão pequenas e to usando muito sabonete de enxofre, Cetoconazol, e a pomada que vi você recomendando, Acnezil. Fora isso eu to me sentindo muito bem! O resto todo melhorou Vou fazer o treino de pose virar rotina amigo. Aguarde as cenas dos próximos capítulos, virão quentes 😎😌 Estava querendo trabalhar mais de uma vez por semana cada grupo muscular, mas fica complicado aliar volume alto frequência alta e intensidade alta. Obrigada Foston!
  37. 7 points
    "Magra" Tem mulher que cicla pra ficar com o teu corpo.
  38. 7 points
    Locemar

    Ciclo feminino de boldenona

    Na maioria das vezes o que eu observo na academia é falta de técnica e embora muita gente critique o quatro apoios por achar que o agachamento e leg são suficientes, algumas pessoas acabam subutilizando o glúteo; ou por limitação motora ou por desequilíbrio muscular usando muito a força nas pernas. Até daria pra fazer a pessoa aumentar o estímulo mas teria que ter toda uma avaliação postural, fazer reforço das musculaturas mais fracas com fisioterapia e corrigir a técnica que provavelmente já foi viciada depois de anos executando o movimento errado. Geralmente quem se gaba de ter bunda grande somente agachando é porque já nasceu com facilidade pra isso e mesmo que só pulasse corda já teria um glúteo avantajado. Caso contrário, exercícios isolados são válidos, o que não quer dizer que qualquer coisa seja válida e o que vemos são bizarrices como fazer leg de ladinho, agachamento na cadeira abdutora ou agachamento de joelhos no smith ?
  39. 7 points
    Olá Senhores (as)! Ontem fiz 1 mes de ciclo, e hoje vim novamente prestar contas e mostrar como estou. Já adianto que amanha de manha tiro minhas medidas e atualizo aqui, houve aumento. PESO :59,55 ...61.1 ... 62.15 Mas antes das fotos, resumo da semana: Essa foi a quinta semana usando boldenona (150mg) e a segunda semana usando propionato. -Ministrei aplicacoes DSDN conforme orientado, no total fiz 4 subcutaneas, e como eu ja disse em varios topicos por ai, tive problema com uma , proximo ao umbigo, e isso me rendeu dores, bastante incomodo e desconforto, por isso eu andava reclamando por aqui direto, fiquei assustada e com medo de ter que recorrer a um posto de saude para drenar. Felizmente a dor passou, e agora, 8 dias depois , resta apenas o local inchado, ( na verdade é estranho , porque parece que tem um besouro dentro de mim, sério ?) . Tenho massageado e utilizado a santa pomada do @Bravo Costa reparil. Um dia vai sumir. Depois disso, eu cansei e fiquei com medo da dor e confesso ter feito as duas ultimas por via IM mesmo. Estou ainda analisando e tentando encontrar a melhor forma para mim. - Essa semana eu me senti muito dura, no sentido literal, musculos muito densos, acho que a gordura nao aumentou essa semana, na verdade, acho que a prega que tinha de gordura na parte interna da coxa diminuiu, e aquele lugar abaixo dos gluteos, onde eu tinha um pouco de celulites, diminuiu mais ainda. Me sinto bem densa, no corpo todo, ate o ante braco, e de bonus surgiram veias nos ombros, ante braco, biceps... ta aparecendo mais agora? Queria poder mostrar tudo pra voces, mas sou muito ruim em poses, vou ter umas aulas inclusive, pra ver se melhoro a desenvoltura. - Libido: Ta triste ainda. Fiz os exames e fiz de estrogenio pra ver se o bendito estava alto e por isso eu tava quieta de mais, mas nao ... acho que está baixo. Vou anexar Libido baixa mesmo com testo na veia.. talvez nao seja problema hormonal.. nao sei, vou tentar relaxar quanto a isso. Aqui uma foto pra verem , acho que to recuperando a forma que eu mais gosto: Meus ombros melhoraram bastante
  40. 7 points
    Joana Darc sb

    Ciclo feminino de boldenona

    Oi gente, hora de prestar contas. Não tô muito feliz não, só vou postar porque quero manter organizado o relato e foi solicitado. Não sei se tem a ver com meu humor hoje mas eu sei que não tô achando nada melhor visualmente ainda. Já me disseram que estou um pouco maior, tem dias que me sinto bem e tem dias como hoje que eu me sinto gorda. Sei lá se é gordura ou retenção. O peso tá um pouco maior e amanhã posso atualizar ele. Não teve um dia sequer que exagerei na dieta, na verdade é mais fácil eu comer menos do que mais do que o que foi proposto, apesar da fome de leão. Consegui um propionato da landerlan por 130 reais estou pensando em pegar amanhã pra usar 25mg por semana. Acho que ele vai me ajudar na questão da libido e visual também. Torçam por mim, no momento tô com aquela sensação de se esforçar e não receber nada em troca, não sei se é coisa da Bold mas hoje eu tô pra baixo.. Fiz a sexta aplicação e tô assim agora: As de antes são de calcinha preta e parte de cima de croche. A última foto é do meu braço, onde to gostando, botei a medida errada no primeiro post, tenho 31, 5 de bíceps. Ele fica bem bonito quando treino e até aparece uma veia ou outra
  41. 7 points
    Dos possíveis efeitos colaterais esse seria o menos preocupante. Mas não, a oxandrolona não reduz os seios. O que acontece é que, quando as pessoas tomam anabolizantes, tendem a se alimentar corretamente e fazer exercícios com o devido afinco... Essa combinação de alimentação limpa e exercícios regulares redundam na perda de gordura corporal e, adivinhe?!?! Seios são compostos majoritariamente por gordura...
  42. 7 points
    Então gente, hoje completa 2 semanas de ciclo. Aparentemente continuo igual no espelho, mas percebo as dobras de gordura nos flancos menos densas, a pele mais fina, menas banha. Dizem que gordura velha é a que mais demora sair e há muito tempo tenho esse acúmulo nos flancos, desde minha primeira gestação que meus flancos cresceram mto! Meu peso não alterou mas como as medidas mudaram um pouco sei que alguma coisa está acontecendo em mim rsrsr, mas sem grandes alterações o que já esperava pois estou apenas na segunda semana indo p terceira Segue as medidas no início do ciclo e de hoje: 24/10 - 07/11 Peso: 63 kg - 63 kg cintura: 70cm - 72cm acho que é dilatação da diástase, direto fico com estomago alto por isso!! abdomen: 82cm - 79cm braço: 28cm - 28,5cm peito: 87cm - 86cm (tomara que seja gordura e não músculo das costas) coxa média: 55cm - 56,5cm Panturrilha: 34cm - 34,5cm (pelo amor me deem um remédio milagroso p crescer essa disgrama!!!) Gluteos: 98cm - 99cm Fiz fotos comparativas mas estão no meu celular, mais tarde eu posto. Obrigada a todos que acompanham vcs são D+++++++++
  43. 7 points
    WHEY PROTEIN Nas últimas décadas, várias pesquisas vêm demonstrando as qualidades nutricionais das proteínas solúveis do soro do leite, conhecidas como whey protein 1. Essas proteínas apresentam excelente composição em aminoácidos essenciais, alta digestibilidade e biodisponibilidade. Além disso, possuem peptídeos bioativos, que atuam como agentes antimicrobianos, anti-hipertensivos, reguladores da função imune e fatores de crescimento (Lönnerdal, 2003; Salzano, 1996). Devido a esses fatores Whey Protein é considerada de elevado valor nutritivo. (Sgarbieri, 1996; Zinsly et al, 2001) Exercício Físico Por suas caracteristicas whey protein tem sido utilizada como matéria prima em diversos suplementos nutricionais. No meio esportivo alguns estudos relacionam o seu consumo com a otimização do treinamento e do desempenho físico, uma vez que esta proteína é capaz de favorecer a hipertrofia muscular e o ganho de força por diferentes vias (Aargaard, 2004, Wolfe, 2000). É certo que praticantes de atividade física necessitam de um maior aporte protéico para que haja uma resposta anabólica efetiva (Maughan).Estudos mostram que a síntese protéica é elevada quando aminoácidos são ingeridos (Biolo 1997, Bennet 1989, Smith 1998) e que esta síntese é fortemente influenciada pelo conteúdo de aminoácidos essenciais da proteína (Phillips et all, 2005). A Whey Protein possui o perfil de aminoácidos muito similar ao das proteínas do músculo esquelético (Ha & Zamel). Além disso, possuem quase todos os aminoácidos essenciais em excesso às recomendações, apresentando elevada concentração de aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA), principalmente leucina. (Marshall 2004 e Sgarbieri 2004). A leucina é um importante fator para o crescimento e reparação de tecidos. Estudos sugerem que ela participa no processo de iniciação da ativação da síntese de proteínas (Anthony et al 2001) sendo assim, classificada como o aminoácido mais importante para sinalização da síntese proteica (Marshall 2004). Outra característica igualmente importante da Whey Protein é que ela é altamente digerível e rapidamente absorvível (“fast protein”) (Sgarbieri 2004). Essa rápida absorção faz com que as concentrações plasmáticas dos aminoácidos, inclusive a leucina, atinjam altos valores logo após a sua ingestão (Dangin, 2001), o que estimula de forma significativa a síntese protéica, principalmente se forem ingeridas logo após a sessão de exercício físico. Além de aumentar as concentrações plasmáticas de aminoácidos, a ingestão de proteína do soro do leite aumenta, significativamente, a concentração de insulina plasmática (Calbet & MacLean, 2002), favorecendo a captação de aminoácidos para o interior da célula muscular, o que otimiza a síntese e reduz o catabolismo protéico. Controle de Peso O excesso de gordura corporal é um fator de risco para o desenvolvimento de doenças crônicas. Assim a perda e a manutenção do peso saudável são essenciais para a melhora da qualidade de vida. Várias estratégias podem ser utilizadas para a redução da gordura corporal, entre elas a seleção de alimentos capazes de aumentar a saciedade e fornecer nutrientes que contribuam para a saúde. Sabe-se que a proteína é o macronutriente com maior poder sacietogênico (Paddon-Jones, 2002). Diferentes fontes protéicas, porém, podem influenciar de maneira distinta esse mecanismo (Alfenas, 2010). A Whey Protein tem um maior efeito na regulação do apetite do que proteínas como caseína, albumina e proteína da soja (Anderson et al, 2004). Peptídeos bioativos derivados dessa fonte proteica exercem ações potenciais na ingestão alimentar através da regulação da secreção de hormônios sacietogênicos (Luhovyy, 2007; Paddon-Jones, 2002). Além disso, Whey Protein apresenta elevado teor de cálcio, nutriente que está relacionado à regulação do metabolismo lipídico nos adipócitos e o estoque de triglicerídeos. Estudos demonstram, no entanto, um maior efeito na melhora da composição corporal quando utilizados produtos derivados do leite em comparação a produtos enriquecidos com cálcio, mas não derivados do leite. Isso indica um possível sinergismo entre seus peptídeos bioativos e o cálcio, o que resulta em atenuação da lipogênese e aceleração da lipólise (Zemel, 2003). Imunidade Os peptídeos derivados do soro do leite exercem efeitos imunomodulatórios através de diferentes mecanismos como atividade antioxidante, antimicrobiana e antiviral e estimulação da síntese de glutationa (Pacheco et al, 2008). A glutationa é um importante agente antioxidante, sendo sua síntese dependente da concentração intracelular de aminoácidos sulfurados, particularmente a cisteína. O alto teor de deste aminoácido das proteínas do soro do leite contribui para o aumento nas concentrações de glutationa no organismo (Haraguchi,, 2006) e desta forma o uso de whey protein tem sido associado à melhora da imunidade. A lactoferrina é uma fração protéica do whey protein que também se relaciona á imunidade, pois estudos mostram que tem habilidade em ativar células Natural Killers e neutrófilos e aumentar a citotoxicidade dos macrófagos. Também parece ter ação antiviral, antifúngica e propriedades antibacterianas, sendo este efeito mais evidente em organismos que requerem ferro para replicação, uma vez que a lactoferrina tem a capacidade de quelar este ferro (Nishiya, 1982; Shah, 2000). Outras Aplicações O consumo de Whey Protein também traz benefícios para as outras situações clínicas, tais como: Hipertensão: algumas frações protéicas da Whey Protein são precursoras de peptídeos inibidores da enzima conversora de angiotensina (ECA). Esta enzima converte a angiotensina I em angiotensina II, responsável pela vasoconstrição. Assim, o consumo de whey protein pode atuar como adjuvante no controle da pressão arterial (Hartmann, 2007). Osteoporose: Alguns estudos demonstram que as proteínas do soro do leite promovem a formação dos ossos em humanos, estimulando a proliferação e a diferenciação dos osteoblastos, aumentando a densidade mineral óssea e inibindo a reabsorção de cálcio (Toba et al, 2001). Por estes mecanismos o consumo do Whey Protein pode contribuir para o fortalecimento dos ossos, auxiliando na melhora da osteoporose. Estresse e Humor : A serotonina, formada a partir do triptofano, é um neurotransmissor diretamente relacionado às alterações de humor e estresse (Haraguchi, 2006). Pelo seu elevado teor de triptofano, a whey protein tem o poder de elevar este aminoácido no sangue e dessa forma a concentração de seretonina. Com isso, alguns autores atribuem efeitos comportamentais da ingestão dessa proteína no humor, percepção da dor, e o ciclo de dormir e acordar, além de reduzir de forma significativa os sintomas da depressão (Markus et al, 2000; Yogman 1982) A proteína do soro do leite pode ser obtida por diferentes métodos. Dependendo do método utilizado é possível obter Whey Protein Concentrado, Isolado e Hidrolisado. A matéria prima obtida do Whey Protein Concentrado possui de 30 a 90% de proteínas, sendo o restante constituído de carboidratos e lipídios. Já o Isolado possui uma concentração protéica em sua matéria prima maior que 90% e o restante também constituído por carboidratos e lipídios. O início da absorção das proteínas desses produtos ocorre em aproximadamente 25 minutos. Por possuir maior teor protéico o Whey Protein Isolado apresenta maior valor biológico quando comparado ao Whey Protein Concentrado.O Hidrolisado por sua vez, é obtido pela hidrólise de proteínas do concentrado ou isolado, resultando em proteínas de cadeia menor, peptídeos e aminoácidos livres. Por esta razão este produto apresenta uma maior velocidade de absorção (em torno de 15 minutos). Referências 1. Haraguchi, F.K., Abreu, W.C., De Paula, H. Proteínas do soro do leite: composição, propriedades nutricionais, aplicações no esporte e benefícios para a saúde humana. Rev. Nutr., Campinas, 19 (4):479-488, jul./ago., 2006. Anderson, G.H, Moore, S.E. Protein source, quantity and time of comsuption determine the effect of proteins on short-term food intake in young men. J.Nutr., 134:3011-3015, 2004. Wolfe, R.R. Protein supplements and exercise. Am J Clin Nutr.; 72(2):551s-7s, 2000. Yogman, M.W, Zeisel, S.H, Roberts, C. Assessing effects of serotonin precursors on newborn behaviour. J. Psychiatric Res, 17:123-133, 1982 Hartmann, R, Meisel, H. Food-derived peptides with biological activity: from research to food applications. Curr.Opin.Biotechnol., 18:163-167, 2007. Alfenas, R.C.G, Bressan, J, Paiva, A.C. Effects of protein quality on appetite and energy metabolism in normal weight subjects. Arq Bras Endocrinol Metab.;54/1, 2010. Paddon-Jones, D, Westman, E, Mattes, R.D, Wolfe, R.R, Astrup, A, Westerterp-Plantenga. Protein, weight management, and satiety. Am.J.Clin.Nutr.87(5):1558S-1561S, 2008. Calbet, J.A.L, MacLean, D.A. Plasma glucagon and insulin responses depend on the rate of appearance of amino acids after ingestion of different protein solutions in humans. J Nutr.; 132(:2174-82, 2002. Dangin, M, Boirie, Y, Garcia-Rodenas, C, Gachon, P, Fauquant, J, Callier, P, et al. The digestion rate of protein is an independent regulating factor of postprandial protein retention. Am J Physiol End Met.; 280(2):E340-E8, 2001 . Ha, E, Zemel, M.B. Functional properties of whey, whey components, and essential amino acids: mechanisms underlying health benefits for active people. J Nutr Biochem.; 14(5):251-58, 2003. Markus, C.R, Oliver, B, Panhuysen, G.E.M, der Gusten, J.V, Alles, M.S, Tuiten, A, et al. The bovine protein alfa lactalbumin increases the plasma ratio of tryptophan to the other large neutral amino acids, and in vulnerable subjects raises brain serotonin activity, reduces cortisol concentration, and improves mood under stress. Am. J. Clin. Nutr.; 71(6):1536-44, 2000. Salzano, Jr. I. Nutritional supplements: practical applications in sports, human performance and life extension. Symposium series 007; São Paulo; 1996-2002. p.75-202. Lönnerdal, B. Nutritional and physiologic significance of human milk proteins. Am J Clin Nutr.; 77(6):1537-43, 2003. Sgarbieri, V.C. Proteínas em alimentos proteicos: propriedades degradações, modificações. São Paulo: Editora – Livraria Varela, 1996. 517p., p.139-157. Zinsly, P.F.; Sgarbieri, V.C; Dias, N.F.G.P., Jacobucci, H.B.; Pacheco, M.T.B.; Baldini, V.L.S. Produção piloto de concentrados de proteinas de leite bovino: composição e valor nutritivo. Braz. J. Food. Technol., Campinas, 4:1-8, 2001. Zemel, M.B. Mechanisms of dairy modulation of adiposity. J.Nutr., 133:252-256, 2003. Toba, Y, Takada, Y, Matsuoka, Y, Morita, Y, Motouri, M, Iría, T, et al. Milk basic protein promotes bone formation and suppresses bone resorption in health adult men. Biosci. Biotechnol. Biochem.; 65(4):1353-57, 2001. Nishiya, K, Horwitz, D.A. Contrasting effects of lactoferrin on human lymphocyte and monocyte natural killer activity and antibody. J. Immunol. 139:2519-2523, 1991. Shah, N.P. Effects of milk-derived bioactives: an overview. Br J Nutr , 84:S3-S10, 2000. Pacheco, M.T.B, Antunes, A.E.C, Sgarbieri, V.C. New Technologies and Physiological Functional Properties of Milk Proteins. In: Protein Research Progress, 2008. Luhovyy, B.L, Akhavan, T, Anderson, G.H. Whey proteins in the regulation of food intake and satiety. J Am Coll Nutr.;26(6):704S-12S, 2007. Aargaard, P. Making muscles "stronger": Exercise, nutrition, drugs. J Musculoskel Neuron Interact; 4(2): 165-174, 2004. Biolo G, Tipton KD, Klein S, Wolfe RR. An abundant supply of amino acids enhances the metabolic effect of exercise on muscle protein. Am J Physiol, 273:E122-E129, 1997. Bennet WM, Connacher AA, Scrimgeour CM, Smith K, Rennie MJ. Increase in anterior tibialis muscle protein synthesis in healthy man during mixed amino acid infusion: studies of incorporation of [1-13C] leucine. Clin Sci (Lond) 76:447-454, 1989. Smith K, Reynolds N, Downie S, Patel A, Rennie MJ. Effects of flooding amino acids on incorporation of labeled amino acids into human muscle protein. Am J Physiol, 275:E73-E78, 1998; Haraguchi, F.K, Abreu, W.C, Paula, H. Proteínas do soro do leite: composição, propriedades nutricionais, aplicações no esporte e benefícios para a saúde humana. Revista de Nutrição Phillips S.M., Hartman, J.W., Wilkinson, S.B. Dietary Protein to Support Anabolism with Resistence Exercise in Young Men. Journal of the American College of Nutrition, vol 24, n.02, 134S-139S, 2005. Marshall, K. Therapeutic Applications of Whey Protein. Alternative Medicine Review, vol.9, n, 02, 2004. Sgarbieri, V.C. Propriedades fisiológicas-funcionais das proteínas do soro do leite. Rev. Nutr., Campinas, 17(4):379-409, out./dez., 2004. Anthony, J.C, Anthony T.G, Kimball, S.R, Jefferson, L.S. Signaling pathways involved in translation control of protein synthesis in skeletal muscle by leucine. J. Nutr., 131(3):856-860, 2001. Ha, E, Zemel, M.B. Functional properties of whey, whey components and essential amino acids: mechanisms underlying health benefits for active people. J. Nutr. Biochem., 14(5):251-258, 2003. Salzano Jr I. Nutritional supplements: practical applications in sports, human performance and life extension. Symposium series 007; São Paulo; 1996-2002. p.75-202. Lönnerdal B. Nutritional and physiologic significance of human milk proteins. Am J Clin Nutr. 2003; 77(6):1537-43.
  44. 7 points
    Toxi

    SHAPE FEMININO 1° ciclo com Oxodrolona

    Furosemida, T4, Oxan? Moça quem passou tudo isso pra você? O que vai fazer após o fim do ciclo pra restaurar as funções alteradas? Você sabe o que tudo isso vai fazer com você? O protocolo todo está não só errado, como também está perigoso, e quando falo perigoso falo em risco para a vida. São poucas calorias e muito fármaco. Perdoe-me a sinceridade, mas você explorou muito mal as medidas naturais que tem a seu dispor, como treino e dieta, e já está apostando na farmacologia. Tem muita coisa a se melhorar aí antes de usar todas essas coisas. Do meu ponto de vista, você pensa ter feito todo o possível com métodos naturais e agora está partindo para algo mais sério, mas eu lhe asseguro que tem muitas alterações que podem ser feitas antes de pensar no uso de medicamentos e hormônios.
  45. 7 points
    Há um tempo atrás muitos de nós acreditavam que bastava ciclar e fazer uma boa TPC que você manteria boa parte dos ganhos, que quanto mais você ganhasse melhor, que fazer front load e kick start era muito bom porque você conseguiria ganhar 2-4 kg por semana nas primeiras semanas, lol. Acreditamos que ciclar deca e dura era bom para um bulk e que pra secar, trembo, testo, masteron, stano fariam a mágica, e depois TPC novamente. Outros acreditaram que blast e cruise era a salvação, que você poderia se manter on fire até atingir seu objetivo, e depois fazer uma linda TPC q estava tudo certo. E as mulheres sempre na esperança de que aquela linda garota wellness tem um ciclo especial, e que se ela seguisse seria igual. Ou quantas de vocês meninas não se impressionaram em ganhar 4-6kg com simples stano/oxan e depois viram tudo ir para o ralo após o ciclo, e não entendem porque a garota wellness continua sempre gostosa. Ou você jovem que não consegue entender o porquê aquele bodybuilder estar sempre grande ou o men’s physique que está sempre seco. Nós erramos, os ganhos de um ciclo são apenas temporários, principalmente para aqueles que fazem TPC. A TPC é muito pouco eficiente, é apenas uma medida mais rápida de colocar as coisas em ordem. Mas como manter os ganhos de 1000-2000mg de hormônios semanais se após uma TPC seu corpo vai estar produzindo apenas os ~50mg semanais de testosterona (ou ~4mg semanais na mulher)? Atletas que mantém um shape grande e seco dificilmente param com os hormônios ou vivem em intervalos curtos de parada. Lógico que para os atletas das categorias mais leves (culturismo clássico, ~70-80 kg) e para as atletas femininas bikini/wellness é plausível manter um shape razoavelmente bom natural em OFF (~8-12%de BF) se sua genética for de alto nível. Ciclos com deca, boldenona, testosterona, drogas de meia-vida longa em geral, são muito supressivos e após o uso você vai passar meses com eixo inibido enquanto se perdem seus ganhos. Somente os frangos (tipo ciciar com 60-70kg, tendo 1,70~1,80m de altura) se iludem com esses ciclos, porque eles ganham 10~15kg e por adaptação o corpo conseguem manter boa parte, simplesmente porque naturalmente ele conseguiria aquilo se fosse mais dedicado e paciente. Os caras mais novos também parecem responder melhor a TPC, recuperação do eixo mais rápida, isso facilita. Mas não me perguntem sobre ciclo mágico, não existe, o que você mantém após um ciclo é somente aquilo que você conseguiria natural. Ter grandes ganhos é burrice, ganhar rápido é ilusão (muita retenção), esperar manter o que ganhou após uma TPC é ingenuidade, a menos que vc seja frango, aí até com PH vc vai bem. abraços, dudu haluch - texto retirado da página do Dudu Haluch
  46. 7 points
    e lucas: virjão! aauheaeaehuahe
  47. 7 points
    John Kiefer (John Kiefer é um físico que lutou contra seu próprio corpo por muitos anos. Sua odisseia começou aos 13 anos, quando um colega de escola lhe lançou esta frase: Você está muito gordo. Após seguir uma dieta de pouca gordura e de baixa caloria, fazer levantamento por 5 a 6 vezes na semana e pedalar 300 km por semana, ele não conseguiu atingir seu objetivo. Como insistia na procura da resposta, foi obrigado a vasculhar inúmeros livros. Sua profissão de físico lhe ensinou a gerenciar e unificar grande quantidade de informações. Após dez anos de pesquisa e experimentação, ele descobriu e melhorou uma dieta que chamou de 'carbnite solution', que não é uma dieta ideal, mas pode ser perfeita para quem quiser dela se utilizar. Fonte: http://carbnite.com/ns-author.php) apresenta um trabalho que chamou de dieta de alto nível. Eis o que ele relata. O paradoxo de pouco carboidrato Inicialmente ele faz uma pergunta, que busca responder. É possível obter ganhos de massa sem carboidrato? E responde. Muitos dos que trabalham por longos anos na indústria de dietas de baixo carboidrato, especialmente na preparação para campeonato, sabem que os carboidratos não são essenciais para crescimento ou de crescimento em cenário improvável, por exemplo em tempo de diminuição. Os alunos de J. Kieper, segundo seu relato, normalmente acrescentam muitos kilos de músculo durante a fase de 12 semanas de corte de carboidratos. E ele ainda pergunta: Por que perder músculo e ficar magro, se é possível ganhar? Mas, não é qualquer treinador que obtém tais resultados, e aqueles que não conseguem, nem sabem o porquê. Não se pode refinar o método se não houver compreensão da sua mecânica. Para J. Kieper carboidratos não são o componente crítico. Componentes para crescimento São necessárias duas coisas para construir musculatura: proteína e gordura. Ninguém em sã consciência espera adquirir músculo sem ingerir pratos e mais pratos de proteína. A gordura pode não representar o elemento principal para o ganho muscular, mas é necessária, porque é o componente que dá forma e estrutura às células. Carboidratos não têm qualquer influência na estrutura. Eles são convertidos em glicogênio, que pode ficar armazenado dentro do tecido muscular. Eles não são parte da fibra muscular. Mas, as várias e várias pratadas de arroz abocanhadas todos os dias promovem o crescimento muscular. Uma pesquisa do American Journal of Physiology-Endocrinology and Metabolism demonstra que carboidratos não constroem músculos, mas aceleram o processo. Esse é o ponto principal: puxar ferro diariamente, não somente para aumentar placas de músculos, mas para as camadas nas fibras, tão rápido quanto possível. Os carboidratos amplificam nosso esforço na barra. A forma como os carboidratos aceleram o processo é que demorou a ser entendida. A liberação de insulina parecia ser uma resposta adequada. Porém a pesquisa com diabéticos mostrou que os músculos crescem apesar das disfunções da insulina no corpo. Insulina – que é o rei dos hormônios anabólicos – , assim como os carboidratos, podem acelerar o processo, mas os carboidratos ainda gozam de um papel independente, e o fazem estimulando um processo de crescimento acelerado controlado pela mTor (A proteína mTOR é um regulador mestre de como e quando as células criam outras proteínas. Ela ajuda as células saudáveis a perceberem os níveis de nutrientes e controlar seu crescimento e metabolismo - fonte: http://www.isaude.ne...gacao-do-cancer). Entre no mundo da mTOR A sigla mTOR parece um nome dado a um 'transformer' pelo diretor Michael Bay no filme 'O lado Oculto da Lua', mas a descoberta desse regulador foi uma das mais importantes, senão a mais útil das descobertas para os fisiculturistas nos últimos 20 anos. MTOR foi descoberto em razão dum produto químico novo derivado de vegetal chamado rapamicina. A rapamicina retarda e em alguns casos elimina o desenvolvimento do câncer pelo bloqueio do caminho mTOR. Com mais pesquisa, os cientistas entenderam que o bloqueio da mTOR para e diminui todo o crescimento celular, mas estimula sua velocidade de crescimento. O caminho do mTOR é encontrado em quase todos os tecidos do corpo, de modo que se a intenção for o crescimento – do músculo, por exemplo – é necessário focar no mTOR. Carboidratos aceleram o crescimento porque abastecem o sangue com açúcar e glicose, estimulam o crescimento pela ativação do caminho do mTOR. A insulina liberada pela glicose é um bônus, porque o crescimento começa em diversos modos. Parece que os carboidratos são importantes se o interessado desejar arrebentar no limite muscular diário e atingir o estado de aberração. Ampliando os ganhos musculares com leucina Os bons nutricionistas já sabiam desde 1960 que a cadeia dos aminoácidos – leucina (encontrada na proteína concentrada de soja, no feijão de soja maduro, na carne vermelha, no amendoim, no salame italiano, dentre outros), isoleucina (encontrada na clara de ovos, na proteína de soja, no peito de peru, nas algas marinhas, dentre outros) e valina (encontrada nos seguintes alimentos: ricota, peixes, frangos, lentilhas e nas sementes de gergelim) realçam o crescimento muscular. Contudo os pesquisadores não souberam determinar como isto se dá. Algumas pesquisas mostraram crescimento muscular, outros não evidenciaram qualquer resultado efetivo. Eles trabalharam com tempo e proporção, quantidade e qualidade, mas eles não conseguiram tabelar. O que a pesquisa de fato descobriu é que a leucina BCAA (BCAA vem da abreviação de “Branch Chain Amino Acids” que significa “aminoácidos em cadeia ramificada. São 3: não são produzidos pelo organismo, L-Valina, L-Leucina e L-Isoleucina) é a chave. Descobriram o papel excepcional da leucina, porque é o único aminoácido essencial que dá causa à liberação de insulina quando ingerido sem carboidratos. Todos os outros só dão causa à liberação de insulina se ingeridos com carboidratos. A leucina, porém, não tem essa limitação. Embora a insulina seja um importante regulador do crescimento, ela não é o atalho do caminho para um costas largas ou um bíceps montanhoso. A leucina é o nutriente que ativa diretamente o caminho do mTOR para crescimento, sendo incrivelmente poderosa nesse processo. Ela estimula o caminho do mTOR para crescimento SEM carboidratos. Crescimento sem carboidratos Não se sabia como, mas um padrão de crescimento sem carboidratos aconteceu, mesmo no período mais difícil de construção do músculo durante as fases de dieta. Hoje se entende que o elemento crítico é pico nos níveis livres de leucina causado pelo BCAA, com absorção rápida de proteína hidrolisada (industrializada a partir do soro do leite e da caseína). Se forem cortados os elementos inúteis, pode-se ajustar a suplementação para o crescimento muscular, com a adição de leucina às refeições. Não é necessária muita. De 3 a 5 gramas de leucina a cada refeição, especialmente no pré e pós treinamento, faz com que o caminho de crescimento do mTOR fique aberto e ativo, induzindo a ganhos musculares no limite. O segredo foi revelado A suplementação com leucina era o elo que faltava na informação aos fisiculturistas, mas que já era conhecida na prática por L. Scott (o primeiro Mr. Olympia). Essa descoberta levou ao refinamento de algumas das dietas. A utilização de leucina e de carboidratos juntos induz a incrível ganho de massa muscular magra. Hoje se pode atingir a precisa nutrição para permitir ganhos maciços, enquanto se dedica ao aprontamento com um físico sarado. Fonte: Revista Flex, abril 2012, páginas 90-92.
  48. 6 points
    Sereiafit

    Oxandrolone

    Peraí que eu nem mostrei o pau "ainda" hahahaha Parece bizarro mas tem mta mulher que sofre mto com isso, devido a anorgasmia estar acabando com casamentos, estão recorrendo a esse recurso. Eu acredito que com acompanhamento e prudencia seja muitoooo válido! Uma mulher que mantém relação sem sentir prazer é horrível, uma sensação de violação desesperadora. Fazem isso para preservar o casamento mas acaba q isso não dá certo por muito tempo. Acredito que se tivesse um hormônio que fizesse crescer o bilau, só dava cavalaria no mundo. É mto injusto só vcs terem testosterona sobrando nas veias kkkkkk se eu pudesse eu pegava uma caixa de seringa e saia aplicando testo em todas mulheres que aparecesse na minha frente só para todas poderem ao menos uma vez sentir a onda da testo batendo, olhar pros homens igual vcs olham as bundas das mulheres, sonhar umas sacanagens mto loucas e verem a perversão que passa na cabeça maligna de vcs hahahaha
  49. 6 points
    Oi @Apollo Galeno, boa noite! (Boa Noite @Ju.fit...... Nossa, desculpe a demora, ultimamente esta bem corrido p mim. (Por isso que são poucAs que conseguem virar Deusas.....rsrs.....) Bom, estou a duas semanas e quatro dias tomando a ox, estou mantendo a dieta, adequei algumas coisas com alimentos de sua ajuda, mas tem um problema rs, aos finais de semana eu não consigo manter as mesmas refeições da semana, apenas o café da manhã. Incluo o feijão e o arroz, mais um docinho de sobremesa. ? E outra coisa, me tira essa dúvida, plis? Antes de começar a ciclar, tomei por 25 dias o silimarina e parei quando iniciei o ciclo, a duvida eh, eu devo continuar tomando o protetor hepático ou não? Lembrando que minha dosagem esta sendo de 5mg a cada 12h. (Final de semana o bom seria voce manter sua quantidade de proteina .......uma bobeira .....UMAAA bobeirinha (diminutivo) no sabado e no domingo não vão estragar seu resultado. Seu Shape tem um BF bom visualmente falando........ Porem nada de alccol........Quanto a similarina nÃo precisa. Apenas se atentar com álcool e medicações esporádicas..... Suas doses de Oxandrolona são baixas e vão te propiciar um excelente resultado se manter dieta e treino bem casados!) Colaterais, minha pele esta normal, eu nunca fui de ter espinhas, nasceram apenas duas pequenas, nada demais. A 3 dias senti umas pontadas do lado direito, mais p baixo, acredito q seja dos rins. Mas depois parou, sempre estou tomando água, ando cm uma garrafinha p cima e p baixo. As vezes me irrito com o pessoal do trabalho kkkk, minha libido esta bem legal, ??. (Um dos segredos para ter resultados bons com dietas e AEs e bebrer agua. Então fica como liçÃo de casa andar com uma garrafinha e beber pelo menos uns 3 litros de agua por dia! Lembre que a agua e que lava e leva a gordura embora.......Sobre a pele vamos ir acompanhando aqui com voce, se tiver problema a gente socorre!! Sobre a libido aproveite e aperte os cintos porque tende a se elevar mais ainda.........Enjoy de Life....rsrs) Eu tenho celulite na posterior da coxa, elas me amam, não me largam rs. Mas percebi uma pequena diminuída, sinto minha pele mais firme, principalmente nas coxas, mas o bumbum, confesso q não notei diferença, eu fiquei gripada logo na primeira semana, treinei bem meia boca. Voltei normal semana passada... Eu acabei não mandando mais fotos do meu posterior, mas vou mandar, o Foston esta esperando eu mandar p poder ver um treino legal. (Voce vai notar que vai quase desaparecer suas amigas da onça "celulites".......a tenacidade da sua pele tbm vai melhorar.....Sobre o posterior ou qualquer outro membro tire fotos, pois apenas elas podem direcionar como agir. São as fotos que direcionam sobre enfocar algum tipo de musculo ou exercicio.....sobre subir ou diminuir carboidratos....são elas que te motivam.......Tem muito profissional com conhecimento nesse fórum! Não fiz a contagem dos macros, tbm não fiz medidas do meu corpo. Eu sei q preciso ir ao nutricionista, mas confesso q no momento não tenho recursos. ( Siga a dieta que montamos e adaptamos juntos! Elá está bem bacana e dá para seguir e te proporcionará resultados......A cada semana vai atualizando aqui que vamos te ajudando. Todos já passamos por momentos que a grana fica curta.........mas fique tranquila.....apenas ouça o que falaremos para voce. E não tente fazer as coisas que derem na sua cabeça. Eu.... @Locemar @Foston @Arnaldo Santos. @davidevh @Whey30 @Sereiafit @Batataney Batata e mais uma galera que ainda não decorei irá te ajudar. Bom, eh isso! Irei postar mais sobre meu ciclo no decorrer das semanas, ah a vitamina, comprei hj uma da centrum de a a z. Obrigada, Apollo. (Aguardamos as fotos e as atualizações! Vou deixar abaixo um exemplo das posições para tirar as fotos e mantenha sempre o mesmo biquini/local/luz em todas as fotos . Vou deixar tbm um link que ensina a tirar medidas com fita métrica para voce não gastar $.)
  50. 6 points
    Locemar

    Ciclo Dianabol em mulher

    O eterno e velho problema que as pessoas SEMPRE cometem é a falta de paciência. A gente vÊ isso quase todo dia aqui (e olha que tem gente há anos aqui no fórum) e por mais que a gente explique que musculação é um esporte de paciência, parece que as pessoas se negam a tentar aceitar isso. Resultados rápidos você vai conseguir se quiser, mas a um custo. Não vai demorar muito pra sua voz começar a se alterar cada vez mais e ficar com aquele tom de "traveco" como chamam, e isso é irreversível. Do mesmo modo, o clitóris também vai aumentar a um ponto que não terá mais volta, e embora isso no começo possa não parecer um problema, ele vai continuar crescendo e aí duvido que você gosta quando parecer que tem um dedo no meio das pernas (sem exagero). Existem diversos relatos de uso com oxandrolona aqui e com resultados satisfatórios. Você usou apenas 1 mês e isso é muito pouco tempo. Seria interessante também rever seu treinamento pois muita gente quer crescer sem esforço algum como vejo repetidas vezes nas academias. Tem vários pontos a serem analisados, mas eu recomendaria você ser mais paciente com os resultados e segurar a onda no tipo de droga e nas dosagens. A gente já ta algum tempo nisso e sabe do que pode acontecer sem chance de conserto.
This leaderboard is set to Sao Paulo/GMT-03:00
×
×
  • Create New...