Jump to content

Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation since 06/04/2012 in all areas

  1. 25 points
    treoino de hoje: 8km de bike leve pela manha a tarde, treino de peito iniciei com cross, 5x ate falha parcial bem lento peck deck drop set sem descanso 5x ate falha parcial crucifixo incl. 4x10 supino reto na barra guiada, 4x10 triceps polia alta 4x10 conjugada com paralelas testa com alter 4x10 frances na polia 4x10 Pump bom, sensaçao de musculo fadigado. ------------------------------- SEGUE O PLANO
  2. 24 points
    Vc falou uma coisa que achei interessante agora, eu sou magro, porem acumulo e retenho liquido com facilidade na regiao infraumbilical e nas chamadas ´´cartucheiras´´, talvez colocar a proteina na casa dos 2g/kg agora no incio e carbo na faixa dos 12g/kg seja valido para ver como as coisas prosseguem, para testar e mais na frente a depender do resultado fazer outros ajustes nessas quantidades. Mas rola os aloprados msm kkkk Hoje vou dar uma pesquisada nas farmacias os precos da protecao hepatica, e das vit e minerais. postarei mais tarde. Se alguem quiser dar umas dicas sobre essas protecoes e quais sao elas eu agradecerei. Especificando, irei atras de similarina. flww
  3. 24 points
    É irmão, no minimo estranho msm, pior que ja comprei as drogas como vc viu na foto ae, mas definitivamente nao vou usar da forma que ele passou, a morte é certa LOL penso em fazer uma low dose ( 150mg 1x semana ) com enantato de testo, que tem a meia vida maior, durante 8 semanas. Mas por enquanto sao so especulacoes, preciso estudar mais me informar mais, obter sugestoes de pessoas que ja tiveram essa experiencia. To perdido ainda. Minhas maiores duvidas sao sobre a dieta, pq sei que hormonizar comendo errado nao vira nada. Hoje pedi ao ´´coach´´ o protocolo da dieta, pra ver oq ele vai me mandar, assim que chegar posto aki. Mas valeu ai cara, concordo com vc ai nas observacoes que fez. Vou postar hj, fotos da carcaça de grilo. kkkkkkkkkk é velho, complicado a situacao, mas nao vou me adiantar nao, n estou com pressa, tenho a vida toda para aprender antes de fazerr qq coisa. mas vlw ae Tb achei muita droga msm, o cara ta achando que tenho 100kg de massa magra e experiencia de atleta. eu ja tenho queda de cabelo naturalmente, imagine usando trembo!!!! trembo DSDN é tenso nao quero isso, ta descartado ja. vou estudar algo leve pra fazer com a deca e o enantato. mas vlw man, vou postar fotos da carcaça de superman hoje, e continuar os relatos sobre tudo antes durante e depois dq vai ser feito. flww SEGUE FOTOS DA GRADE. 62KG
  4. 24 points
    SEGUE FOTO DO PRODUTO
  5. 23 points
    sim, bem volumoso, nao vou seguir isso, to postando so pra vcs verem mesmo! Ainda hoje vou montar e postar aki o meu treino e vcs dao a suas sugestoes, serao bem vindas! terra, barra fixa e paralelas pra mim tem que ter, é o basico para ter uma base boa e agachament livre tb
  6. 23 points
    O TREINO DETALHADO FICOU ASSIM! O CARRO CHEFE LEVANTAMENTO TERRA FICOU DE FORA NAO SEI PQ! PARALELAS TB FICOU FORA! ENFIM... *Pernas* Agachamento Livre: 4x10 Leg press 45º: 5 x 10 2 TEMPO Cadeira extensora : 4 x 10 + UNI LATERAL 4 X 10 Mesa Flexora: 4 x 10 Flexor em pé x 5X10 Cadeira Adultora: 5x EXAUSTAO Cadeira Abdultora: 5 x EXAUSTAO *Panturrilha* Flexão Plantar no Leg Press: 4 x 25 – Flexão Plantar em pé : 4 x 25 – 35 Flexão plantar sentado: 4 x 25 ( Ultima rep. Drop7 ) *Obs: Só deve sair do ultimo exercício quando houver esgotamento total, quando não ouver mais possibilidade de andar!* *Costas:* Barra Fixa 4 x exaustão PEGADA PONADA + 4 PEGADA NEUTRA Puchador frontal pegada aberta: 5x 10 Puxador Trás 4 x 10 Puchador frontal Barra Triangulo 4 x 10 com 2 tempos Remada sentado pegada pronada : 5 x 10 Remada Curvada: 4 x 10 *Peito* Supino Reto: 6 x 10 ( Três ultimas segura 5s) Supino inclinado 4 x 10 Supino Maquina pegada neutra 5 x EXAUSTAO COM 2 TEMPO Crusifixo no supino reto 4x10 Crossover: 5x 10 Peck deck pegada inferior 5 x EXAUSTAO *Ombro:* Desenvolvimento ombro smithr frente 5x 10 Desenvolvimento ombro smithe trás 5 x 10 Arnold 4X10 Elevação lateral sentado com halter no banco inclinado: 5 x 10 +Elevação lateral em pé com halter 5x 10 ELEVAÇÃO lateral UNI CROSS 4X 10 Remada em pé: 4 x 10 Pec Deck invertido 5 x10 EXAUSTAO *Trapezio:* Elevação de ombros com barra ( pegada pronada ) 4 x 10 exaustão encolhimento frente Encolhimento trás com flexão cotocel 4x 10 exaustao *Bíceps:* Rosca Direta: 5 x 10+ 1 COM METADE DA CARGA FAZENDO LENTO ATE EXAUSTAO Rosca Scott 5x 10 Rosca Martelo 5 x 10 *Tríceps:* Pulley tríceps guidom do batima: 5 x 10 TRICEPS BARRA CROSS INVERTIDO 4X10 Tríceps Testa 4 x 10 Com certeza! Preciso treinar é tudo kkk em breve postarei a divisao dos macros Vlw pelas dicas
  7. 22 points
    Treino de hoje deltóides Elevacao lateral no cabo 4x12 bem lento desenvolvimento na barra guiada super slow 4x10 desenvolvimento com alters 3x10 elevacao lateral 3x10 elevacao no cabo dropset encolhimento 4x12 tempo de treino 35min ------------------- Pos treino Whey 30g crea 5g malto 40g dext 40g banana 80g mel 40g segue o plano boa noite
  8. 21 points
    Bosa tarde pessoal treino de hoje bem leve PEITO CROSSOVER 10X15 ( 5 reps em baixo, 5 reps no meio e 5 reps em cima ) pump monstro! TRICEPS francês na polia 3x10 testa com alter de 30kg - 3x10 me pesei em jejum, bateu 63,8 kg dieta na linha! aumentei as calorias de 3300 para 3500, adicionei mais gorduras, ficou 1,5g de gordura por kg deu uma tremida ai rsrs segue o plano bom domingo p vcs!
  9. 19 points
    Para as meninas que questionam os efeitos de uma dose de 5mg de oxandrolona, gostaria de postar alguns resultados de exames feitos em minha esposa, antes e após o uso de oxandrolona 5mg - 1x ao dia durante 50 dias. Apenas para esclarecer, minha esposa está utilizando testosterona 1% em creme pentravan, e resolvemos associar oxandrolona 5mg para sentir como seria. Antes da administração de oxandrolona, ela estava a 60 dias utilizando testosterona 1% , e os resultados da mensuração de testosterona e SHBG foram os seguintes: Testosterona Total = 181ng/dl SHBG = 67,20 ng/dl Testosterona Livre = 2,11 ng/dl Testosterona biodisponível = 49,43 ng/dl Ao 61º dia, iniciamos a oxandrolona 5mg (manipulada com receita) administrando apenas uma capsula ao dia e, após 50 dias, os resultados da mensuração de testosterona e SHBG foram os seguintes: Testosterona Total = 180ng/dl SHBG = 9,46 ng/dl Testosterona Livre = 5,76 ng/dl Testosterona biodisponível = 134,96 ng/do Agora, esqueçam os números e pensem em percentuais: 1) a testosterona total permaneceu a mesma, o que demonstra que a oxandrolona nada teve com o aumento da testosterona; 2) o SHBG reduziu em 86% 3) a testosterona livre aumentou 273% 4) a testosterona biodisponível aumentou 271% Isso explica porque é que na segunda semana de oxandrolona os colaterais vieram com força. Uma única coisa que me preocupou foi o aspartato aminotransferase que ficou em 58 u/l (sobrecarga hepática), muito embora os demais exames relativos aos fígado estejam todos dentro das referencias, inclusive as bilirrubinas. Observem que uma dose de 5mg de oxandrolona foi capaz de alterar significativa e generosamente o perfil hormonal da minha esposa e o suficiente para trazer alterações em um dos marcadores hepáticos, o que não havia ocorrido nos exames anteriores, com o uso somente da testosterona 1%. Agora, imaginem o que uma dose de 30mg - 40mg de oxandrolona faz com os hormônios e com o fígado !!!! Por essas e outras razões eu defendo veementemente doses baixas de oxandrolona ou, alternativamente, doses terapêuticas de testosterona, que, particularmente, acho mais seguro. Por fim, fazer exames antes, durante e após o ciclo é IMPRESCINDÍVEL, justamente para acompanhar como anda o corpo e minimizar, por exemplo, as chances de acometimento por esteatose ou, mais severamente, cirrose hepática.
  10. 18 points
    TEXTO INTERESSANTE Devo Injetar HCG intramuscular ou subcutaneamente? 12 de maio de 2010Por Michael Scally, MD P: Ouvi algumas pessoas dizerem que injetaram HCG por via intramuscular e alguns dizem subcutaneamente. Qual deles é? R: Um deve sempre injetar hCG subcutaneamente. A razão mais simples é o conforto da injeção; menos trauma para os tecidos; e diminuição do risco de infecção. Subcutânea versus intramuscular são igualmente eficazes. No que diz respeito à cinética das injeções, seria de esperar que elas fossem bastante similares. A razão pela qual as preparações de testosterona dura mais tempo é devido ao depósito (óleo) no qual são injetadas. O hCG é solúvel em água e, portanto, será absorvido rapidamente. Outras considerações são o peso do indivíduo. Existem indicadores clínicos para monitorar enquanto tomam hCG. Se o hCG estiver sendo usado para a normalização HPTA, uma testosterona séricaO teste deve ser obtido ao tomar hCG e não depois. Isso é fundamental e importante para a normalização HPTA bem-sucedida. FONTE: https://thinksteroids.com/articles/injecting-hcg-intramuscularly-or-subcutaneously/
  11. 15 points
    Vc poderia falar sobre seu ciclo? Quais drogas, dosagens, tempo de uso etc...
  12. 12 points
    Existem pessoas que ajudam porque gostam de ajudar. E eu acho que isso é uma característica intrínseca. Passo a maior parte do meu tempo livro procurando artigos, lendo, buscando boa informação. E tudo que aprendi foi me dado de graça!! Não tenho como cobrar porque me sinto na obrigação de retribuir e de repassar o conhecimento e assim, me sinto plena, e extremamente satisfeita. Faço isso aqui no fórum e mais ainda pessoalmente. Acho que é extremamente frustrante aqui você procurar ajuda, pedir um caminho, uma luz e a pessoa impor um preço para poder lhe ajudar. Mas, não me meto. Faço o que posso. O que me move aqui é a gratidão. Acho que já absorvi muito mais do que doei até agora. 😊
  13. 11 points
    Sereiafit

    Relato da Sereia

    Obg grande Batata ? vou tentar fazer tudo 100% e ficar cavala rsrs Então como prometido aqui estão minhas fotos... eu estava maior, em volume tava quase no que eu queria, faltava qualidade é claro. mas com as gripes perdi mto... recuperei um pouco, mas ganhei gordura que antes eu tinha perdido, as dobras estão maiores, principalmente na barriga na região do umbigo e flancos. Umas fotos vestidas p vcs terem ideia de proporção... não sou tão grande, quem me conhece sabe q sou slim.. rsrs
  14. 11 points
    Vc não é obrigado a entrar aqui. Vc pode simplesmente não voltar ao tópico. Não precisa ficar revoltadinho pq ela não deu corda nas besteiras que vc falou lá nas primeiras páginas... cresca. Sem mais.
  15. 10 points
    Sereiafit

    Relato da Sereia

    7ª Semana: Parei com oxan para não ficar careca, se eu notar queda no rendimento eu aumentarei a dose de bold para 150mg/sem se não, mantenho a dose de 100mg/sem; UTILIDADE PÚBLICA: desde que iniciei com AES as espinhas tem sido constantes, hora com mais frequência nas costas, outras no rosto que são bem inflamadas e tem deixado marcas. Já passei mil coisas, tomei manipulados, usei pomadas, sabonetes, cremes, secativos, máscaras de argila e tal... Semana passada saiu um monte no meu queixo, uma do lado da outra e inflamou geral, uma pereba que só jkkk Como sempre passei meu arsenal anti-acne, pomada anti-inflamatória, etc...e só piorou... Então fui no google pesquisar e achei a indicação de usar Merthiolate nas espinhas inflamadas... Gente é sério.... Em 15 minutos as espinhas começaram a secar, no outro dia já quase não tinha marcas, e agora qualquer espinha que comece surgir eu passo e elas somem! Coisa de Deus mesmo!!!!!!!!!! libido começou a subir e leve inchaço no clit Voz alguns dias tem ficado mais rouca que o normal Não percebi alteração no visual de uns dias para cá, mas tenho investido numa alimentação mais calórica. Mês que vem vou pegar férias, logo minha intenção é ganhar um volume esse mês controlando apenas os macros e kcal por aplicativo devida minha falta de tempo, mas mês que vem seguir uma dieta a risca para dar uma secada (juro que vou seguir @Apollo Galeno kkk). Cabelo ainda caindo mto, pedi uma fórmula tópica que o @Foston passou, estou esperando chegar e continuo tomando saw palmetto de 300mg duas vezes ao dia juntamente com cetoconazol em shampoo dsdn. Só que tenho notado que meu cabelo cai mas cresce outro, fico com aquele cabelo de ninho de pombo todo cheio de frizz mas antes assim do que careca. Obg por acompanharem ♥
  16. 10 points
    Eu quase te negativo aqui pela segunda vez. Amigo eu não sou uma anãzinha de jardim não 🤣 @Foston @Malu.lu @Degcastro Vocês me deixam muito muito feliz e encabulada haha. Eu admiro o shape das women's physique mas ainda queria ficar no figure pra não parecer masculina... Mas acho que isso é mais por conta do receio que eu tenho dos olhares estranhos e reprovação de algumas pessoas próximas... Talvez eu mude de ideia. Só sei que eu amo músculos, amo mesmo, o que vier é lucro. Quero mostrar pra vocês a evolução que eu tive nos últimos dias nas minhas costas. Eu fiquei impressionada, e olha que é difícil eu notar muita mudança em mim, mas dessa vez vi muita. Em 40 dias minha dorsal saiu e agora eu to feliz que nem pinto no lixo porque deixei de ser uma caixinha de fósforo e to com curvas!! Minha cintura parece menor. Usei as dicas do Foston e do Locemar e me dediquei mais. Minha boldenona só dura mais uma ou duas aplicações. Vou tirar fotos comparativas do resto do corpo e postar o mais breve possível pra verem onde cheguei. Obrigada por serem tão fofos e tão prestativos. 😍😍😍😘
  17. 10 points
    CREATINA A busca pelo corpo perfeito ou pela melhora do rendimento esportivo tem levado ao estudo e desenvolvimento de muitos métodos para potencializar o rendimento, o ganho de massa muscular e a perda de gordura. A creatina é um suplemento que tem despertado interesse no meio esportivo uma vez que evidências sugerem que esta substancia é capaz de melhorar o rendimento em exercícios de força e potência muscular, além de auxiliar na hipertrofia e ganho de massa magra1,2,3,4,5. A creatina (ácido a-metil guanidino acético) é uma amina nitrogenada de ocorrência natural encontrada primariamente no músculo esquelético. É sintetizada endogenamente pelo fígado, rins e pâncreas a partir dos aminoácidos glicina, arginina e metionina, mas também pode ser obtida pela alimentação, através do consumo de carnes e peixes principalmente. Sua produção endógena (1g) somada à obtida na dieta (1g) se iguala a taxa de degradação espontânea (2g/dia)6. Essa degradação se dá por um processo não enzimático, resultando em creatinina, a qual é excretada na urina após filtração renal 7. Evidências sugerem que a creatina dietética tem alta biodisponibilidade e é absorvida intacta pelo trato gastrointestinal, de forma semelhante à dos aminoácidos e peptídeos8,9. Estudos mostram que a ingestão de doses maiores que 10g são mais rapidamente absorvidas apresentando um pico plasmático em torno de 20 minutos após sua administração. Já o consumo de doses menores apresenta um pico máximo próximo a 2 horas10. Após sua absorção a creatina plasmática é distribuída para vários tecidos corporais, principalmente músculo esquelético. A captação de creatina pelas células musculares é um processo saturável que ocorre ativamente contra um gradiente de concentração (transporte sódio-dependente) através do transportador de creatina (CreaT)11. Esse processo é parcialmente regulado pela concentração extracelular de creatina através de feedback negativo, sugerindo que a ingestão crônica deste suplemento promova uma diminuição do seu transportador a fim de se evitar o armazenamento excessivo de Cr intramuscular 9,11. Uma vez no músculo esquelético, a creatina encontra-se em equilíbrio reversível entre as suas formas livre e fosforilada (fosfocreatina)12. A creatina nesta forma constitui uma reserva de energia para a rápida regeneração do trifosfato de adenosina (ATP), em exercícios de alta intensidade e curta duração. Além disso, na condição de repouso, atua no músculo como transportador de grupos fosfatos de alta energia da mitocôndria para o citoplasma 13. A fosfocreatina (CP) também é utilizada durante o trabalho anaeróbico (lático), quando sua quebra vai ajudar a tamponar o meio ácido intracelular causado pelo acúmulo de lactato aumentando o tempo de resistência à fadiga14. Acredita-se que a suplementação de creatina aumenta o conteúdo total de creatina intramuscular. Este aumento é responsável pelos efeitos ergogênicos dessa substancia uma vez que é capaz de acelerar a ressíntese de fosfocreatina no intervalo dos exercícios. Como resultado, a taxa de refosforilação de ADP requerida pode ser mantida durante o exercício, aumentando a capacidade de contração muscular15. Outro efeito atribuído à creatina é o ganho de massa corpórea. Segundo alguns autores este ganho é proveniente da massa livre de gordura podendo ser resultado da síntese proteica aumentada ou catabolismo reduzido8. Estudos mostram que a creatina é um agente osmótico, que arrasta água para dentro da célula quando está acumulada nela. Esta hiperhidratação pode atuar como um sinal anabólico, estimulando a síntese protéica16. Por outro lado a hipo-osmolalidade causada na célula também pode reduzir a degradação de proteínas. Esses mecanismos ainda necessitam serem melhores elucidados17. Devido á esses fatores a creatina tem sido utilizada em praticantes de exercícios repetitivos, de alta intensidade, curta duração e com períodos de recuperação muito curtos. A creatina monoidratada é a forma mais comum disponível no mercado para a suplementação e a mais utilizada nos estudos de pesquisa. Outras formas menos difundidas são vendidas em pequenas quantidades, como a creatina fosfato e o citrato de creatina, porém apresentam um preço maior e não acrescentam nenhum beneficio em relação à creatina monoidratada18. Atualmente, o programa mais utilizado para a suplementação de creatina é dividida em duas fases. A primeira, denominada super compensação, é caracterizada por um consumo mais elevado de creatina, em torno de 20g/ dia, fracionada em 4 horários, por 5 a 7 dias. Posteriormente o consumo de creatina é reduzido para 0,03g/kg de peso corporal. Após três meses de suplementação contínua, alguns autores sugerem um mês sem consumo19. Existem vários fatores capazes de influenciar a captação de creatina para as células musculares e dentre eles, os hormônios exercem importante efeito. A insulina, as catecolaminas e o fator de crescimento semelhante à insulina (IGF-1), podem estimulam essa captação 20. O exercício físico também demonstrou efeitos estimulantes sobre captação de creatina21. Em contrapartida a suplementação de cafeína não melhora a eficiência da creatina, não aumenta os níveis musculares de CP, e não aperfeiçoa o desempenho físico, sendo considerada como supressora do efeito ergogênico da creatina22,23. A creatina está fora da lista de substâncias proibidas pelo COI, sendo considerada suplemento por esse órgão e por este fato seu consumo não é considerado doping24. Recentemente a ANVISA legalizou seu consumo no Brasil, recomendando um grau de pureza de 99,9% visto que sua segurança é diretamente proporcional a este fator25. Os contaminantes da creatina são a Dicyandiamida e a Dyhydrotriazina sendo os valores máximos de segurança presentes permitidos para ambos de <10ppm. É possível que grande parte da polêmica em torno da Creatina e sua segurança se deve a produtos de baixa qualidade cujos contaminantes estão acima do permitido26. Evidências sugerem que o maior risco para a saúde é resultado da contaminação da creatina por essas substancias, pois podem causar toxicidade e danificar o organismo27. Não há evidências que sugerem que a suplementação da creatina pura em pessoas saudáveis seja deletéria28. O conceito de que a creatina é deletéria ao rim é insustentável por não se tratar de uma proteína e sua degradação não requerer a desaminação no processo de excreção pelos rins9. Estudos mostram que a suplementação com creatina em doses adequadas não traz efeitos danosos aos rins e que pode ser considerada um suplemento ergogênico seguro em pessoas saudáveis 29,30. Além disso, estudos recentes têm demonstrado que a suplementação de creatina pode ainda possuir propriedades antioxidantes 31,32e pode ser benéfica em certos acometimentos neuromusculares33 doenças crônico-degenerativas34,35 e tolerância à glicose36. Referências Hoffman J, Ratamess N, Kang J, Mangine G, Faigenbaum A, Stout J. Effect of creatine supplementation on performance and endocrine responses in strength/power athletes. Int J Sport Nutr Exerc Metab, 16:430-446, 2006. Maganaris CN, Maughan RJ. Creatine supplementation enhances maximum voluntary isometric force and endurance capacity in resistance trained men. Acta Physiologica Scandivavica. 163: 279-297,1998. Volek JS, Duncan ND, Mazzeti SA, Staron RS, Putukian M, Gomes AL, Pearson DR, Fink WJ, Kraemer WJ. Performance and muscle fiber adaptations to creatine supplementation and heavy resistance training. Medicine and Science in Sports and Exercise. 31,1999. Bemben MG, Lamont HS. Creatine supplementation and exercise performance: recent findings. Sports Med, 35:107-125, 2005. Willoughby DS, Rosene JM. Effects of oral creatine and resistance training on myogenic regulatory factor expression. Med Sci Sports Exerc, 35:923-929, 2003. Wyss M and Kaddurah-Daouk R. Creatine and creatinine metabolism. Rev . Physiol. 80:1107-213, 2000;. Walker, J.B. Creatine: Biosynthesis, regulation, and function. Advances in Enzymology v.50, n.177, p.242, 1979. Persky, A.M.; Brazeau, G.A. Clinical Pharmacology of the Dietary Supplement Creatine Monohydrate. Pharmacological Reviews Fast Forward, May 10, 2001. Stout, J.R. Essential of Creatine in sports and Health. Totowa: Humana Press, 2008. Greenhaff, P. The nutritional biochemistry of creatine. Journal of Nutritional Biochemistry, Stoneham, v.11,p.610-618, 1997. Ontiveros ML, Wallimann T. "Creatine supplementation in heath and disease. Effects of chronic creatine ingestion in vivo: Down-regulation of the expression of creatine transporter isoforms in skeletal muscle." Mol Cell Biochem. 184: 427-437, 1998. Balsom, P., Soderlund, K., Sjodin, B., Ekblom, B. Skeletal muscle metabolism during short duration high intensity exercise: influence of creatine supplementation. Acta Physiologica Scandinavica, Stockholm, v.154, n.3, p.303-310, 1995. Mayes, P. The respiration chain and oxidative phosphorylation. In: MURRAY, R., GRANNER, D., MAYES, P., RODWELL, V. (Ed.). Harper’s biochemistry. 24.ed. Stamford : Lange, p.123-134, 1996. Soderlund, K., BALSOM, P., EKBLOM, B. Creatine supplementation and high intensity exercise: influence on performance and muscle metabolism. Clinical Science, Colchester, v. 87 p.120-121, 1994. Supplement. Greenhaff P. The nutritional biochemistry of creatine. Nut Biochem; 8: 610-618, 1997. Haussinger D, Lang F and Gerok W. Regulation of cell function by the cellular hydration state. Am J Physiol 267:E343–E355, 1994. Berneis K, Ninnis R, Haussinger D, Keller U. Effects of hyper- and hypoosmolality on whole body protein and glucose kinetics in humans. Am J Physiol 276:E188–E195, 1999. Mendes, R.R; Tirapegui, J. Creatina: o suplemento nutricional para a atividade física–Conceitos atuais. ALAN. v.52, n.2, supl.2, 2002. Guerrero-Ontiveros, M.L., Wallimann, T. Creatine supplementation in health and disease of chronic creatine ingestion in vivo: Down-regulation of the expression of creatine transporter isoforms in skeletal muscles. Molecular and cellular Biochemistry. Washington, v.184, n.1/2, p.427-437, 1998. Odoom JE. et al. "The regulation of total content in a myoblast cell line. Mol Cell Biochem. 158: 179-188, 1996. Harris RC, Soderlund K, Hultman E. "Elevation of creatine in resting and exrcised muscle of normal subjects by creatine supplementation." Clin Sci 1992; 83: 367-374. Vandenberghe, K., Gillis, N., Van Hecke, P., Van Leemputte, M., Vanstapel, F., Hespel, P. Caffeine counteracts the ergogenic action of muscle creatine loading. Journal of Applied Physiology, Bethesda, v.80, n.2, p.452-457, 1996. P. Hespel, B. Op ‘T Eijnde, M. Van Leemputte. Opposite actions of caffeine and creatine on muscle relaxation time in humans. J Appl Physiol 92: 513–518, 2002. Antonio Herbert Lancha Jr. Relatório Creatina: Suplementação e suas conseqüências ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução RDC, nº18, de 27 de abril de 2010. Aprova o regulamento técnico sobre alimentos para atletas. Disponível em: Williams, M. H.; Kreider, R. B.; Branch, J. D. Creatina, 1ª ed, São Paulo: Manole, 2000. Stead, L. M.; Au, K. P.; Jacobs, R. L. et al. Methylation demand and homocysteine metabolism: effectsof dietary provision of creatine and guanidinoacetate. Am J Physiol Endocrinol Metab, v. 281, n. 5, p. 1095-1100, 2001. Poortmans, J.R, Francaux, M. Adverse Effects of Creatine Supplementation: fact or fiction?. Sports Med., sep. 30 (3):155-170, 2000. Poortmans, J.R, Francaux, M. Long-term oral creatine supplementation does not impair renal function in healthy athletes. Med. Sci. Sports Exerc., aug. 31 (:1108-1110, 1999. Bizzarini, E, De Angelis, L. Is the use of oral creatine supplementation safe? J. Sports Med. Phys. Fitness, dec.44 (4): 411-6. 2004 Deminice, R.; Vilhena, R.; Portari, G. V. et al. SUPLEMENTAÇÃO DE CREATINA, HOMOCISTEÍNA E ESTRESSE OXIDATIVO. Medicina (Ribeirão Preto), v. 40, n. 3, p. 368-377, Jul/Set, 2007. Ferrante, R. J.; Andreassen, O. A.; Jenkins, B. G. et al. Neuroprotective effects of creatine in a transgenic mouse model of Huntington’s disease. J Neurosci, v. 20, n. 12, p. 4389-4397, Jun, 2000. Pearlman, J. P.; Fielding, R. A. Creatine monohydrate as a therapeutic aid in muscular dystrophy. Nutr Rev, v. 64, n. 2, p. 80-88, Feb.2006. Woo, Y. J.; Grand, T. J.; Zenko, S. et al. Creatine phosphate administration preserves myocardial function in a model of off-pump coronary revascularization. J Cardiovasc Surg, Torino, v. 46, n. 3, p. 297-305, 2005. Wyss, M.; Schulze, A. Health implications of creatine: can oral creatine supplementation protect against neurological and atherosclerotic disease? Neuroscience, v. 112, n. 2, p. 243- 260, 2002. Gualano, B.; Ugrinowitsch, C.; Seguro, A. C. et al. A Suplementação de Creatina Prejudica a Função Renal? Rev Bras Med Esporte, Niterói. v. 14, n. 1, Jan/Fev, 2008.
  18. 10 points
    Amigo ....parabéns pela iniciativa e o que eu puder ajudar estou a disposição, não sou nutricionista nem educador físico, simplesmente vou falar o que eu faria se estivesse na mesma situação que você, lembre-se o mais indicado seria você procurar um profissional da área. Invista seu tempo para pratica de exercícios aeróbicos caminhadas, pedaladas, natação, etc. Na musculação, caso venha fazer, converse com seu professor e peça exercícios isométricos, eles vão melhorar sua resistência muscular nas articulações joelhos, lombar e etc... isso vai melhorar sua condição para realizar exercícios aeróbicos. Cuidado com os alimentos que achamos ser saudáveis, exemplos : Frutas acreditamos estar fazendo uma boa opção quando comemos, porém, algumas possuem grande quantidades de sucralose ( açúcar) e altos níveis de carboidratos. Beba ao meno 3 litros de água por dia. Inclua chá de cavalinha, chá verde e chá de hibisco, todos são ótimos para diminuir a retenção de líquidos "Lanches"...eu trocaria a fruta, por uma porção de atum em lata ou frango desfiado com dois biscoitos de arroz integral. ( ver no google ). Uma coisa que ajuda muito, prepare suas refeições no domingo para a semana inteira e congele, porções de frango, vegetais, carnes...isso desencoraja você de comer qualquer porcaria... abs e tamo junto. Como motivação, na foto eu estava com 116kg depois da dieta cheguei a 92, minha esposa pesava 89kg baixou para 63kg, fizemos toda a mudança de vida juntos.
  19. 10 points
    Tava enrolado, mas vou postar aqui sobre tipos de pessoas e possíveis relações disso com taxas hormonais.. Todo mundo que for ler isso daqui enxerga e podem perceber que nesse mundo há inúmeros tipos de pessoas, da mais magra a mais gorda, da mais baixa a mais alta etc etc. Até aí tudo bem, mas já pararam pra pensar que grande parte desses biotipos diferentes além da carga genética, vem muito das nossas taxas hormonais? Pessoal gordinho ja parou pra se perguntar porque provavelmente tem essa tendência? E os magricelos de plantão, já se perguntaram porque nunca engordam? Então, vou falar um pouco disso aqui. Primeiro precisamos saber os principais efeitos de cada hormônio no corpo humano, vou resumir os principais dele aqui de cabeça mesmo: Testosterona: É o pai dos hormônios, digamos assim.. Ela atua em mais coisa que podemos imaginar, auxilia no ganho de massa muscular, aumento de aptidão física, aumento de agressividade e disputa, aumento de recuperação e síntese proteica, entre outras coisas que você pode achar no google. Além das coisas negativas que o excesso dela trazem como aumento do colesterol LDL, diminuição do HDL, aumento de imprudência no trânsito etc.. rsrs Estrogêneo: Ela é a parte feminina da testosterona, auxilia em inúmeros fatores até mesmo em ganhos de massa muscular também, porém em excesso tendem a aumentar gordura, traz alguns aspectos femininos em homens ( como ginecomastia, afinamento de voz etc) entre outras coisas. DHT: É um derivado da testosterona, considerado o hormônio secundário masculino, trás benefícios como aumento de libido, densidade muscular, responsável pelas características secundárias masculinas em geral. Porém tem seu lado negativo em excesso: afeta a próstata, aumento de oleosidade da pele, ataca os folicos capilares, você fica careca etc etc.. Progesterona: Esse é o hormônio secundário feminino, que trazem as características que todos os homens( ou quase todos) gostam nas MULHERES, e o excesso podem prejudicar tanto elas quanto nós, que no caso tem ligação com prolactina, cortisol entre outras taxas ruins! Além desses, temos outros hormônios que fazem mudar demais nosso biotipo, T3, T4, GH, IGF entre outros.. Vamos agora a parte que interessa. A partir desses conhecimentos básicos, podemos ver nas pessoas em voltas, sinais e tendências hormonais: Gordinhos: Geralmente temos 2 tipos de gordinhos, os preguiçosos que geralmente eles têm baixo metabolismo, podendo ser causados por baixa taxa de hormônios tiroidianos. E temos os gordinhos que tem tendência a acumular tecido adiposo por produzirem MUITA testosterona e essa testosterona acaba convertendo muito em estrogêneos e isso normalmente causa que os homens tenham voz mais fina, lipo/ginecomastia, são mais "sensíveis" etc.. Pergunta: Ué Carlão, se ele produz muita testo porque então ele não é um monster? Porra, ele produz muita, ele tem tendência a ganho de massa, tanto gorda quanto magra, porém nos homens o excesso de estradiol é UMA MERDA. ISSO MESMO, uma MERDA, assim como mulheres que tomam testo em baixíssimas doses se virilizam, homens com estradiol elevado naturalmente vão se "feminilizar" desculpe a palavra. Ah, e tem o terceiro tipo de gordo que é aquele safado, que come besteira demais, tem uma má alimentação e é sedentário, dai nem Jesus ajuda né. Magricelos forever: Esses sofrem também, pode ser por metabolismo acelerado, excesso de T3 e T4 no organismo ( o que faz queimar tanta massa gorda quanto magra), excesso de GH ( esses normalmente são bem altos). E tem os magricelos que simplesmente tem baixa taxa de estradiol no organismo, e isso causa um déficit de massa gorda e também uma dificuldade de ganhar massa magra, pois o mesmo auxilia e ajuda no ganho de massa! Os magricelos que possuem poucas características masculinas, também podem sofrer de baixa testo além do baixo estradiol, não sou guru isso só com EXAMES né pessoal. Dai tu me pergunta: Porra então os caras "mesomorfos" são aqueles que tem as taxas todas ideais, que nascem pra serem fortes e com baixa gordura? Sim e Não, Porque as chances de um mesomorfo de plantão ter as taxas boas são altas, mas lembramos que cada CORPO é ÚNICO, ele pode simplesmente ter muitos receptores androgênicos e quase NENHUM receptor estrogênico, o que acontece com a maioria dos caras que se dão bem com os AES e atingem níveis profissionais. Bom pessoal, escrevi demais eu sei, mas quis passar um pouco do que eu estudo por ai.. rsrs. Se gostou da joinha, qualquer dúvida pode perguntar. E não to mandando ninguém sair tomando nada sem acompanhamento médico hein? MUITO MENOS HORMÔNIOS DE TIREOIDE! ahuah Ah, e os caras peludões, bem viris e carecas, normalmente é alto DHT..
  20. 9 points
    Oi gente! As coisas estão um pouco mais corridas agora, mas senti saudade de por atualizações, fotos e interagir com vocês... Eu estou bem. Não tão bem quanto estava durante o ciclo, hehe, mas estou bem. Aumentei as kcal e sigo conforme o Apollo sugeriu pra mim, da cerca de 1600kcal. Não engordei e não me sinto inchada ou retida. Meu peso parou nos 59kgs. Uso metformina todos os dias pra melhorar a insulina. Reduzi minha dose de testo para 4ui dsdn.. Minha libido diminuiu, sinto muuuito sono, me sinto muito calma, é como se não estivesse usando quase nada 😆 To quase voltando a usar 8ui... Sobre os treinos, não estão tão intensos como antes, não estou ainda conseguindo aumentar minhas cargas, mas estou conciliando os treinos e os aeróbicos do jeito que posso. As pernas não melhoraram ainda, eu as acho muito finas. Acho que fica para o próximo bulk uns cm a mais de perna. Recebi umas oxan manipuladas. Esperava por landerlan e acabei me decepcionando. Talvez use brevemente. e se não der resultado, reclame e peça outra. Vou por uma foto de costas pra mostrar que eu acho que estou conseguindo mudar o formato do glúteo e um pinguinho a mais de definição. A saga pelo popô de maça/gota/pêssego ta funcionando. Entendo que algumas meninas prefiram ter um bf um pouco maior, porque o glúteo fica mais redondinho assim.. Ele vai perdendo gordura e ficando diferente, denso, geométrico...
  21. 9 points
    Não está a dizer nada que já não se saiba! A maior parte (se não todos), dos moderadores e praticantes assíduos deste fórum quando dão a sua opinião, a primeira coisa que dizem é que " a melhor forma de resolver é consultar um especialista"! Cada caso é um caso e tem varios casos que são comuns e debatidos várias vezes, com variadíssimos relatos na primeira Pessoa. E desses relatos e debates, podemos tirar varias elações que depois podem ser validas para outros casos! Você já ajudou 300 e ganhou o seu! Aqui o fórum já ajudou bem mais do dobro disso, (apenas especulação, pode ter sido muito mais), sem ganhar nada com isso! Consegue ver a diferença!? Cada um ajuda como pode! Voçe ajuda os seus contribuintes! O fórum ajuda quem precisa, como pode! Ninguém manda ninguém fazer nada! Apenas opina! Só falta dizer que as experiências com ratos, tem mais valor que milhares de relatos de varios tipos de usuários. E para terminar deixo uma reflexão! Todos aqui no fórum (os sem especialidades), aludem ao facto de começar devagar para sentir o efeito, começando com uma dose mínima segura, que lhe permita controlar qualquer possivel colateral! Ai vêm o especialista e diz que não! O melhor é usar 15mg, por causa da meia vida e por não saber como dividir a dose!
  22. 9 points
    Joana Darc sb

    Ciclo feminino de boldenona

    Ola senhores !! Demorei mas cheguei! Estou tendo problemas ao acessar o forum, apenas consigo logar em um notebook antigo que as vezes me deixa na mao, porque faco login com o google e o site está com problemas no certificado de autenticacao. Sobre o ciclo: Estou entrando agora na 11 semana com a boldenona e 9 com o propionato, se nao me engano. Fiz dois meses de ciclo e por enquanto estou satisfeita. Colaterais: Praticamente sumiram, parece que deu uma estabilizadda em tudo, estou usando a pomada Acnezil e meu rosto está limpo, e estou com poucas espinhas nas costas. Aparecimento de mais pelos, bem finos no buco e no queixo. Mas sao fininhos, nao sao barba e bigode nao 😂 Peso: Estou com 63kg , nao estou muito preocupada com isso , mas se chegasse ao fim do ciclo entre 64 e 65 chegaria bem feliz. DIETA: Aqui eu tive que me virar , quando aumentei os carbos, logo nos primeiros dias eu inchei !! fiquei fofa, sei que nao e gordura, mas eu nao estava me sentindo bem e vi que ali poderia estar sendo um excesso pra mim, aí tive que fazer algo.. @Apollo Galeno nao fique chateado, mas eu diminui o carbo em alguns dias da semana (pouca coisa, tirei uns 20-30g ) em alguns dias da semana e deixei para consumir mais nos dias de treino mais intenso. Como aumentei a refeicao pre treino, nunca mais senti fome, e me sinto bem alimentada e bem recuperada, alem de nao estar me sentindo mais inchada. Posso nao ter perdido gordura mas tenho certeza de que ganhei massa, meu posterior tem melhorado muito, mesmo que nao de pra ver nas fotos. Nao me sinto estagnada, acho que ainda estou evoluindo, meus treinos tem melhorado. Por isso se tiver o ok de voces estendo para 14 ou 16 semanas. De qualquer forma tem chegado o fim do ciclo... Eu tenho algumas ideias em mente ja sobre o que fazer quando cessar o uso da bold e meu cut leve comecar , depois coloco aqui minhas ideias e peco a sugestao de voces.
  23. 9 points
    Whey30

    Oxandrolona - Relato feminino

    Oi oi gente bom dia Tirei minhas medidas para comparar, estou com um pouco de retenção porque estou menstruada, então não sei se isso influencia diretamente nas medidas. Só fiz isso agora porque queria muito compartilhar com vcs rs. Medidas: início ~ final Cintura: 74cm ~ 72cm Coxa média: 46cm ~ 58cm Peito: 89cm ~ 90cm Panturrilha: 34cm ~ 36cm Glúteo: 100cm ~ 102cm
  24. 9 points
    Sereiafit

    Relato da Sereia

    Então eu era super magra, pesava mto pouco, comia mto e não engordava... já tinha dois filhos e pesava entre 45kg a 47kg... em 2013 comecei a treinar, acho q aqui tem algo de extrema importância. Como eu morria de vergonha de ir p academia por causa da magreza, pesquisei mto sobre treinamento e comecei a treinar em casa. Desde q comecei, meus treinos sempre foram bem divididos, com cargas relativamente moderadas a altas, e comecei fazer dieta. Em poucos meses eu já estava com um corpo legal e com uma bunda enorme, sendo que antes eu tinha bunda negativa! Kkkk dai engravidei de novo, passei por um processo depressivo, perdi toda massa magra e acumulei gordura localizada que antes eu não tinha. Fiz um primeiro ciclo com doses altas por 8 semanas, alimentação restrita na “intenção” de perder a banha que eu fiquei pós gestação. Eu Estava me definhando de magra mas a gordura localizada dos flancos não saia de jeito nenhum. Aí iniciei o ciclo que está relatado no fórum, com intuito de ganhar massa. alimentaçao limpa, porém para ganho muscular. Conforme fui ganhando massa, o bf diminuiu. Também fiz uma criolopolise nos flancos p ajudar pq tava crítica à situação! Ganhei média de 6kg de massa magra e perdi 1kg de gordura segundo as avaliações físicas que fiz. terminei o ciclo de oxan e iniciei um de bold com 100mg/sem, querendo aumentar o volume principalmente dos membros inferiores. Ganhei cerca de 5kg, estava com um volume considerável, porém minha imunidade abaixou mto. Peguei uma gripe atrás da outra, daquelas de parar no pronto atendimento com 40 graus de febre, tomar antibióticos para garganta, dor no corpo, foi pesado mesmo! Então eu perdi cerca de uns 4kg novamente. Parei o ciclo e aumentei as kcal, recuperei uns 2kg sendo que o bf subiu tbem, mas prefiro assim pq tenho trauma de emagrecer kkkkk agora iniciei esse e vamos ver o que vai dar! Pelo menos estou me entupindo de vitamina C e tudo q dizem q evita ficar doente! Espero que de tudo certo dessa vez. Minha vida está 100% voltada à musculação, a dieta já tá incorporada, passo mal se não treino, até no meu serviço montei uma cozinha p facilitar a dieta kkkkkk outra coisa que considero essencial é o treino. Não é por nada mas eu treino igual macho kkkkkk, sem dó, muitas vezes já desmaiei, vomitei, fiquei deitada sem conseguir ir embora, vou até o limite mesmo! Acredito que isso influencia mto, pois acreditem, eu tenho dificuldade em ganhar massa, sou ecto lascada! Então tenho q fazer mais do que mtos p conseguir algo, e eu sou meia masoquista.
  25. 9 points
    A maioria das pessoas tem a convicção de que os exercícios aeróbicos são a chave para a perda de gordura e isso é um equívoco. As atividades aeróbicas tem uma utilidade limitada e precisam ser complementadas ou até mesmo substituídas por exercícios mais eficientes e específicos. O fato de se ter um bom condicionamento aeróbio em nada ajuda o seu metabolismo, o condicionamento aeróbio em si nada tem a ver com o gasto de energia no metabolismo de repouso. Você pode correr na esteira a vida inteira e até mesmo se tornar um maratonista que continuará com o mesmo metabolismo de sempre, a menos que ganhe massa muscular. Ressaltando, a maioria das evidências sugere que o metabolismo basal é relacionado à quantidade de músculos que você tem. Aqui reside uma inigualável vantagem do treino com sobrecargas, a capacidade de reduzir a gordura corporal e simultaneamente manter ou até mesmo aumentar sua massa muscular, o que evita o ganho futuro de peso, melhora a estética e parâmetros funcionais, principalmente na força, coisas que os exercícios aeróbios não fazem. A musculação é um excelente meio de reduzir o percentual de gordura, o uso de sobrecarga pode atuar diretamente na redução do tecido adiposo. O treinamento com pesos estimulará a síntese de proteínas musculares melhorando sua estética e as funções do aparelho locomotor. Além disso, os benefícios obtidos com o uso de exercícios sobrecarregados serão mais duradouros devido a manutenção e até mesmo elevação do metabolismo de repouso, que parece ser relacionado com a massa muscular. A musculação torna-se uma das melhores opções em todos os aspectos além de ser extremamente eficiente para produzir alterações positivas no seu percentual de gordura. Alguns benefícios da musculação: a prática da musculação tonifica os músculos e ajuda na perda de calorias. O treinamento com o uso do peso, melhora ainda mais essa resistência muscular; -a pessoa que pratica musculação tem menos chance de desenvolver uma doença chamada de osteoporose, pois ela auxilia no fortalecimento dos ossos do corpo humano; a musculação deixa a pessoa mais forte, auxiliando na resistência para o trabalho diário e possíveis momentos que exijam de você o uso da força; auxilia na prevenção de problemas na coluna vertebral, além de fortalecer a parte inferior das costas, diminuindo dores locais; assim como a prática dos demais exercícios, a musculação também auxilia no funcionamento do sistema imunológico; a prática de exercícios físicos é uma grande aliada à prevenção de doenças como a diabete. A musculação é uma das práticas benéficas, que pode ajudar a evitar o aparecimento da doença e para quem já tem diabete, pode auxiliar no tratamento e equilíbrio da taxa de glicemia sanguínea; a musculação praticada regularmente auxilia a melhorar o equilíbrio e a coordenação motora do praticante; as pessoas que sofrem com prisão de ventre podem notar uma melhora no funcionamento intestinal nos primeiros dias de prática da musculação, pois ela auxilia no bom funcionamento do sistema digestório; as gestantes que praticam musculação têm uma melhor recuperação pós-parto, menor incidência de câimbras durante a gestação, menor probabilidade de desenvolver varizes e ainda diminuem o ganho de peso; a prática da musculação melhora o humor, a auto-estima e com isso as interações sociais; a musculação podem prevenir as doenças do envelhecimento e, assim, diminuir os efeitos na saúde do mesmo, deixando-o mais magro e jovem; a musculação ajuda nas correções de desvios posturais; a musculação ajuda nos desgaste das articulações. Quando os músculos estão fortalecidos, a estabilidade das articulações é maior, promovendo menor desgaste entre os ossos; pessoas que realizam regularmente exercícios prescritos na intensidade adequada, e no tempo adequado, desfrutam de melhor qualidade do sono. Eles dormem mais rapidamente e mais profundamente. Além disso despertam menos frequentemente à noite, permitindo então um sono reparador. Tal como acontece com a depressão, os benefícios da Musculação Terapêutica no sono são comparáveis com o tratamento com a utilização da medicação, mas sem os efeitos secundários que a mesma oferece; a musculação ameniza, e muito, a celulite, pois aumentando a massa muscular, sua pele fica mais lisa. Só a redução da gordura não melhora a aparência da pele, pode ficar flácida e cheia de furinhos, mas associando exercícios com pesos, evitará a flacidez e definirá os músculos, minimizando a celulite; a musculação pode retardar o relógio do envelhecimento fisiológico. Sabendo os inúmeros benefícios proporcionados pela musculação, procure um profissional capacitado em sua academia para organizar um treino que seja adequado a sua necessidades e disponibilidade. Ref: Paulo Gentil / forcaeinteligencia KRAEMER WJ, VOLEK JS, CLARK KL, GORDON SE, PUHL SM, KOZIRIS LP, MCBRIDE JM, TRIPLETT-MCBRIDE NT, PUTUKIAN M, NEWTON RU, HAKKINEN K, BUSH JA, SEBASTIANELLI WJ. Influence of exercise training on physiological and performance changes with weight loss in men. :Med Sci Sports Exerc 1999 Sep;31(9):1320-9 MELBY, C., C. SCHOLL, G. EDWARDS, AND R. BULLOUGH. Effect of acute resistance exercise on postexercise energy expenditure and resting metabolic rate J. Appl. Physiol. 75:1847-1853, 1993
  26. 8 points
    E deu a largada para a bold, que é sucesso nas musas do fórum!! Vou me esforçar para não me inflenciar!! Kkkk . O sucesso no ciclo creio que é certo. Vc é dedicada e esclarecida. Vai ser jumenta/ monstra / ogra/ Ou prefere uma grande mulher.. kkk Vamos que vamos!!! 😍
  27. 8 points
    Estou treinando bem, focando em dorsal. E tenho paciência..
  28. 8 points
    duduhaluch

    CRUISE / TRH - artigo (DUDU)

    Cruise ou ponte é a fase em que usuários de esteroides que ficam hormonizados constantemente usam basicamente para 3 finalidades principais: 1) Manutenção dos ganhos do ciclo (BLAST); 2) Manutenção da saúde, regulação das taxas alteradas durante o ciclo (TGO, TGP, creatinina, colesterol (total, HDL, LDL), hemograma, painel hormonal, etc); 3) Quebrar platô, uma vez que os ganhos tendem a estagnar em ciclos muito longos (>10-12 semanas), diminuindo significativamente o custo-benefício de se manter em altas doses de esteroides androgênicos. 1) Manutenção dos ganhos: Na terapia de reposição homonal (TRH) convencional as doses usadas de testosterona costumam ficar na faixa de ~100mg por semana (ou 200-250mg a cada 2-3 semanas), com o objetivo de melhora da função sexual, restabelecimento da sensação de bem-estar geral, manutenção da massa muscular, queima de gordura, etc. No caso do bodybuilding como a finalidade é a manutenção dos ganhos do ciclo as doses de testosterona no Cruise devem ser suprafisiológicas, uma vez que não é possível manter muita massa muscular com baixo percentual de gordura com doses de testosterona em níveis fisiológicos. Alguns atletas podem optar por outra droga como base no Cruise (deca, boldenona, primobolan, etc), mas em geral a maioria vai preferir testosterona como base, e eu acredito ser a melhor escolha pelos seus efeitos e também por uma manutenção mais equilibrada e controlada dos níveis hormonais. A dose usada no Cruise vai depender da estrutura corporal e experiência do usuário, como também das doses total de andrógenos usadas no BLAST e da dose de esteroides androgênicos auxiliares que ele possivelmente pode querer usar com a testosterona no Cruise, mas acredito que uma boa dose fica na média de ~200-300mg de testosterona por semana (~900-1400 ng/dl). A fim de manter níveis de testosterona mais estáveis os esteres enantato e cipionato são as melhores opções. 2) Regulação das taxas: A escolha das drogas no Cruise depende fundamentalmente das drogas que foram usadas durante o BLAST. Taxas como TGO, TGP, bilirrubinas podem estar alteradas se drogas 17 AA (hemogenin, dianabol, oxandrolona, turinabol, halotestin, stanozolol) foram usadas durante ou no final do ciclo, então essas drogas deveriam ser evitadas durante o Cruise ou usadas cuidadosamente, e cuidados com a dieta devem ser fundamentais para regularizar essas taxas. Taxas hormonais como hormônios da tireoide (T3, T4, TSH) não costumam sofrer alterações significativas como o uso de esteroides androgênicos. A maior preocupação dos usuários em geral é com os níveis de estradiol (E2), que naturalmente estarão elevados com o uso de drogas aromatizantes durante o ciclo, e não deve ser uma preocupação se a relação entre testosterona e estradiol permanecer aproximadamente constante (T:E2), já que a redução dos níveis de testosterona durante o Cruise devem levar a uma redução nos níveis de estradiol. No entanto se foram usados inibidores de aromatase (IA: anastrozol, letrozol, exemestano) durante o BLAST, deve-se tomar cuidado para que a suspensão deles durante o Cruise não leve a um efeito rebote do estrogênio enquanto níveis de testosterona são menores nessa fase. Portanto recomendo que as doses de IA devam ser reduzidas gradativamente e que se use drogas anti-estrogênicas (SERM’s: tamoxifeno ou clomid; proviron) durante o Cruise para controlar possíveis colaterais estrogênicos (ginecomastia, pressão alta, retenção, etc) devido a um desequilíbrio entre andrógenos e estrógenos. Portanto os níveis de estradiol não precisam ficar necessariamente no intervalo normal (10-50 pg/mL), uma vez que a relação entre T:E2 permaneça aproximadamente constante, o mesmo valendo para a relação T:DHT, já que níveis de DHT serão maiores com doses maiores de testosterona. Alguns usuários também se preocupam com níveis de prolactina, mas em geral esse hormônio fica dentro dos intervalos de referência, e sua alteração em geral não é uma preocupação, já que os principais colaterais são ginecomastia (que em geral pode ser resolvida com o uso de Dostinex ou Parlodel), inibição do eixo HPT (que não é uma preocupação para quem está on fire). Uma das principais taxas alteradas durante o uso constante de esteroides androgênicos é o colesterol (total, LDL, HDL), principalmente por drogas como stanozolol, hemogenin, portanto essas drogas devem ser evitadas durante o cruise, mesmo porque a própria testosterona já reduz níveis de HDL, assim como deca. Esse é mais um motivo para adicionar tamoxifeno no seu Cruise, já que além bloquear efeitos estrogênicos ele mostrou melhorar perfil lipídico (reduzindo colesterol total e LDL). A alternativa mais eficiente para aumentar níveis de HDL significativamente é o uso de Niacina, considerando que o usuário já mantém uma alimentação saudável durante o ciclo, mas o cuidado com as drogas escolhidas é fundamental. 3) Quebra de platô e escolha das drogas no Cruise: Como disse anteriormente a melhor escolha para droga base no Cruise é a testosterona (~200-300mg por semana), mas o usuário também pode combinar drogas anabólicas auxiliares para ajudar na manutenção dos ganhos pensando numa possível sinergia com a testosterona. Se orais 17 AA não foram usados durante o ciclo podem ser uma boa escolha para o Cruise, principalmente os que não alteram significativamente o colesterol (dianabol, oxandrolona, primobolan, turinabol) em doses de ~10-30mg por dia. Drogas injetáveis em doses baixas também podem ser uma opção (masteron, primobolan, deca, boldenona). Para potencializar a quebra de platô para o próximo BLAST é importante que as doses totais de esteroides androgênicos usadas no Cruise não sejam muito altas, e acredito que uma média boa seja que a dose semanal total de androgênicos usadas no Cruise seja ~1/4 – 1/5 da dose semanal total usada no BLAST. O tempo de duração do Cruise também não deve ser muito curto (<4 semanas), e acredito que um tempo razoavelmente bom para quebrar platô e regular as taxas seja da ordem de ~6-8 semanas, sendo muito aconselhável que os exames para verificar suas taxas sejam feitos aproximadamente no final do Cruise. Alguns usuários também podem querer usar HCG durante o cruise, principalmente se tiverem muita atrofia testicular durante o ciclo ou se desejar aumentar volume ejaculatório (mais por uma questão de bem-estar por sentir suas bolas vivas, do que uma necessidade). O uso do proviron também é uma boa opção, já que além do efeito anti-estrogênico ele também reduz níveis de SHBG significativamente (aumentando testosterona livre, disponibilidade dos andrógenos), e muitos usuários relatam grande melhora na libido e na sensação de bem estar usando essa droga. Para finalizar, acredito que o treinamento no Cruise deve ser menos volumoso, com cargas boas, a fim de manter um bom estímulo para segurar os ganhos, mas também dar mais descanso para o corpo, por se tratar de um período recuperativo e de manutenção dos ganhos. Dieta de bulk ou cutting jamais devem ser feitas no Cruise, é totalmente contraprodutivo para ganhos, já que como disse é uma fase para tentar manter o máximo possível dos ganhos e regular suas taxas, a fim de manter sua saúde da melhor forma possível usando esteroides androgênicos constantemente. Fonte: Dudu Haluch Abraços, DUDU HALUCH
  29. 8 points
    Ai que bom, que alívio um tópico completo com alguém com dieta relativamente boa, e com um corpo com bf adequado pra ciclar. Bota o treino também. Tava ficando triste já com o tanto de gente querendo ciclar pra secar 😕
  30. 8 points
    Que lindas palavras! Você tem toda razão. Vejo poucas pessoas ativas porém vejo que os poucos presentes fazem um trabalho valiosissimo. Aqui se tornou um refúgio para mim, no meio de tanta ignorância e gente arrogante que não vale nem metade do que acha ser. Também deixo o meu muito obrigada a todos os que ajudam de alguma forma, relatando ou respondendo uma dúvida boba que seja. Eu to tentando fazer um pouquinho também, como retribuição ao que já recebi.
  31. 8 points
    Uma vez finalizado o cutting resolvi criar um diário para quem se interessar poder acompanhar os próximos ciclos, bem como o treinamento que mantenho, sem que sejam criados vários tópicos para tal. INFORMAÇÕES ATUAIS Idade: 21 anos Início de treino: 14 anos Altura: 1,68 Peso: 71,5kg Bf: Não consigo estimar muito bem visualmente e os resultados pelas fórmulas com dobra cutânea e bioimpedância não parecem coerentes, mas chuto na casa dos 9% no final do cutting. Braço: 38,5cm Cintura: 73cm Coxa: 62cm Panturrilhas: 40cm Deixo abaixo as comparações entre quando eu era natural e as últimas semanas do cutting: Abaixo comparações entre antes de me matricular na academia (em uma situação lamentável) e hoje: Aos 14 anos eu tinha os mesmos 1,68 e pesava apenas 48kg. Natural cheguei aos 71kg (acredito que 23kg seja uma quantidade razoável de peso) com uma quantidade relativamente aceitável de gordura (ênfase no relativamente, porque esteticamente não estava bom), entretanto com diversas falhas principalmente na dieta e um pouco relaxado no treino nos últimos meses. Iniciei um ciclo pensando em fazer um bulk e em 4 semanas fui de 71 para 76kg (com muita retenção e uma quantidade considerável de gordura). Iniciei então um trabalho com o @Toxi e de um bulk fui para um cutting, que é relatado no tópico linkado. Gostei do resultado apesar de ter sido abaixo do possível (mas não do esperado) pois não houve uma completa dedicação por alguns percalços, cansaço (principalmente mental) e falta de tempo por estar no pior período da faculdade, o que não é muito bem motivo para vacilar, mas tem horas que realmente não rola. No momento estou em cruise com 300mg de cipionato e fazendo o desmame de T4. Uso tamoxifeno 20mg/dia devido a uma ginecomastia fisiológica que persistiu desde a puberdade. Tenho síndrome do aprisionamento da artéria poplítea bilateralmente (a quem interessar saber mais sobre a condição: http://jvascbras.com.br/pdf/03-02-03/03-02-03-210/03-02-03-210.pdf) portanto não treino panturrilhas (mas adoro treiná-las). Em 6 semanas, se tudo correr bem e minha saúde estiver dentro do aceitável, iniciarei um bulking. TREINO Costumo treinar 2 ou 3 dias e dar 1 dia de descanso a depender de como estiver meu nível de cansaço. Não sigo uma divisão ou série pré-estabelecida, porém estabeleço pontos que necessitam ser mais trabalhados (no momento estou dando um pouco mais de ênfase em braços e ombros). Gosto de treinar instintivamente, obviamente seguindo uma sequência lógica e mantendo os levantamentos básicos, sem inventar moda. Procuro manter os treinos semelhantes ao HIT de Dorian Yates (mas nem sempre consigo ?). Eventualmente aplico alguns drop-sets, bi-sets ou até tri-sets. CARGAS Gosto de treinar usando cargas elevadas mantendo a forma, postura e roubando apenas se necessário para conseguir 1 ou 2 repetições a mais (costumo treinar sozinho, mas quando há um parceiro de treino evito ao máximo roubar). Levantamento terra: 155kg para 6 repetições / Agachamento livre: 155kg para 5 repetições / Supino reto: 115 para 5 repetições. DIETA Está por conta do Toxi, o que ele mandar eu faço. Atualmente estou mantendo a última dieta do cutting, ciclando carboidratos e com uma média de 2000-2100kcal/dia. Há bastante salada e frutas. Suplementação apenas Whey (só 15g ?), Ômega 3 e Vitamina D3. Acredito ter me delongado, mas gostaria de detalhar o que já fiz, estou fazendo e vou fazer. Espero que o diário agregue de alguma forma para quem acompanhar. Abraços.
  32. 8 points
    Whey30

    Oxandrolona - Relato feminino

    Oioi gente! Inicio hoje a minha 6ª semana de ciclo os colaterais permanecem os mesmos sem nenhuma mudança grande. O principal que tem me incomodado um pouco é a oleosidade mas estou levando da forma que dá, lavando o rosto 5x ao dia e o cabelo todos os dias. Por esse motivo meu cabelo tem ressecado bastante (preciso investir num cronograma capilar - reconstrução/hidratação). Ontem me pesei e subi 5kg! Eu sei que nem tudo é massa muscular mas me deixou extremamente feliz, pois como já falei anteriormente, minha expectativa é baixa mesmo, sem pretensão de ficar monstra logo no primeiro ciclo. Eu quero ganhos consistentes! Mas fiquei feliz demais porque não é fácil essa rotina, na maioria das vezes acordo às 4h pra organizar minhas marmitas, comer e treinar, aí você tem que comer e tomar água mesmo que não esteja com fome e com sede. Falando assim parece sacrifício, mas não é, eu gosto, só que não significa que eu não canse pq ainda tem as outras tarefas de mãe, mulher, profissional.... Então ao subir na balança e ver esse 5kg a +, mesmo que não seja só de mm, elevou mais ainda minha autoestima e me mostrou que tá valendo mto a pena!!!!
  33. 8 points
    Atualizando Galera estou na terceira semana de ciclo , na segunda semana decidi diminuir a dose um pouco , to aplicando 0,3 ml, colaterais os de sempre, voz já engrossou um pouco, clítoris aumentou, pele bem oleosa, queda (em pequenas quantidades, muito pouco mesmo) de cabelo, um estresse fora do comum , e muita fome (vontade de comer o mundo), to observando que to conseguindo crescer seca, ja ganhei um pouco de volume fotos de hoje
  34. 8 points
    É tenso a testo rolando solta aqui sem uma mutchatcha rsss Junto com a caixa de durateston tinha que vir um vale-namoro temporário pra suprir esses colaterais
  35. 8 points
    Olá, amigos, vim apresentar uma ferramenta muito fácil e prática que eu uso (e muito) pra encontrar proteções, medicações pra intra-ciclo e TPC. Trata-se do site Consulta Remédios, é como se fosse uma espécie de Buscapé ou Bondfaro, só que pra medicamentos. Existem várias farmácias credenciadas e com isso você pode comparar e encontras os melhores preços. Basta digitar o nome do medicamento (exemplo Nolvadex) ou o princípio ativo (Tamoxifeno) e ele acha pra você, eu recomendo sempre procurar pelo princípio ativo pois você pode encontrar opções de genéricos e medicamentos sem impostos, ficando assim mais barato. Link do consulta remédios: http://consultaremedios.com.br/ Os medicamentos que eu geralmente procuro e encontro ótimos descontos são: - Anastrozol; - Tamoxifeno; - Cabergolina; - Letrozol; Espero que vos seja útil, assim como é pra mim. Se a moderação achar interessante, pode fixar esse tópico, pra ficar visível a todos.
  36. 8 points
    Se me perguntassem qual a melhor opção de stanozolol para mulheres (oral ou injetável) eu certamente diria para usar o injetável. Não só pela questão de hepatoxicidade (já que stano oral é um dos esteroides mais tóxicos para o fígado), que pode não vir a ser um problema se você fizer o uso da droga oral de maneira inteligente com alimentação ideal, mas a questão está no que o Oral faz muito melhor do que o Injetável: diminuir a Globulina Transportadora de Hormônio Sexual (SHBG). A SHBG é uma proteína cuja função é o transporte plasmático de alguns hormônios sexuais (estradiol, testosterona e outros andrógenos). Enquanto estão ligados a essa proteína, os hormônios não tem seu real efeito, quando eles se desvinculam dela ficam livres no sangue é que realizam suas atividades. E aí é que mora o perigo. Como o Stanozolol oral baixa de mais o SHBG, acaba que há mais testosterona livre circulante, e essa testosterona acaba gerando efeitos virilizantes na mulher (engrossamento da voz, aumento do clitóris, crescimento de pelos). Pra se ter uma ideia, 10 a 15mg de Stanozolol é suficiente pra baixar METADE da SHBG em uma pessoa de 50 a 75kg. Há uma correlação entre baixos níveis de SHBG em mulheres e hirsutismo (crescimento de pelos) e outros efeitos virilizantes, como citei. Além disso, baixos níveis do SHBG ainda contribuem para irregularidades menstruais. Vemos também uma maior incidência de acne e aumento do clitóris quando a versão Oral de Stanozolol é usada por mulheres, se comparada a Injetável. As razões para isso são óbvias. Quando aumenta a testosterona livre, diminuindo SHBG, aumenta a quantidade de testosterona que é capaz de ser convertida em DHT (dihidrotestosterona) pea enzima 5-alfa redutase. O DHT é o culpado principal pela acne induzida por esteroides e também é o hormônio responsável pelo alargamento genital externo (no caso, crescimento do clítoris). Para se comparar o Oral com o Injetável em termos de redução da SHBG, 10mg por dia de Stano Oral (70mg/semana) são mais potentes pra diminuir a proteína do que usar 57mg por dia de Stano Injetável (400mg por semana). Curiosamente, quando você injeta Stanozolol, em vez de tomá-lo por via oral, você realmente tem mais retenção de nitrogênio (e, portanto, pode-se supor, mais tecido muscular está sendo construído). Então, se você está tentando usar Stano para aumentar a massa muscular, a versão injetável vai ser muito superior à versão oral.
  37. 8 points
    A mão pesou @Jaraqui ? Hahaha.. irmão , você expôs bem o perigo do emagrecimento rápido demais em relação a PELE. Eu tive essa preocupação e dosei essa perda, conversamos sobre isso no meu processo... @Gordaooo mete musculação nesse processo, ela é indispensável. Eu tiraria qualquer termo do processo neste momento. Você está MUITO acima do peso, então você vai perder peso se seguir a dieta e treinos de qualquer maneira. No entanto em algum momento desse seu processo, vai estagnar, talvez nos benditos 100 KG, e ai então, se uma mexida nos treinos e dieta não mudar, voce pode apelar aos termos, mas se ja tiver queimado a largada, seu corpo não vai reagir a esse plano B, porque seus receptores estarão saturados.. Penso assim, demoramos ANOS para engordar, não cabe querermos eliminar esse peso em poucos meses.. a mudança é pra vida. Segue firme meu brother, o caminho é longo mas a vista é linda !
  38. 8 points
    Elias, acrescentando sobre creatina. Não é ultrapassar dose de 20 g ao dia, mas sim utilizar de 0,03 g a 0,05 g por kg de peso corporal ao dia. Divididas em 2 a 4 doses pra não ter desconforto gástrico. Cafeína é um neuroestimulante e a creatina contribuirá para fornecimento de energia pela via ATP-CP, portanto dois sítios de ligações completamente diferentes...definitivamente uma não irá interferir na ação da outra. O estrutura molecular (ou o sal) para consumo deverá ser sempre a monoidratada, devido a sua bioequivalência com a forma que produzimos. A forma micronizada é o tamanho da particula, apenas. Outro ponto: a creatina é uma amina saturável...pode ser tomada a qualquer momento do dia, mas os estudos indicam que tomar junto às refeições melhoram seu transporte intracelular. abraços
  39. 8 points
    Whey Protein é o suplemento mais conhecido entre ospraticantes de musculação e um dos mais vendidos no mundo, qualquer frequentadorde academia já ouviu falar desse produto. Muitos acreditam que se trata de umpó mágico capaz de alavancar ganhos até para os mais hardgainers. As indústrias de suplementos, famosas por exagerar no marketing de seus produtos, foram uma das principais responsáveis por criar essa fama de que a proteína do soro deleite é de alguma forma, superior as demais. Quantos adolescentes já não foramlevados por maliciosos vendedores de suplementos a acreditar que essa era a soluçãopara sua magreza? Você foi um deles? Montamos uma lista com 10 desculpas esfarrapadas usadas por vendedores e indústrias de suplementos para te convincer a comprar Whey. Não seja enganado novamente! #1 - Whey Protein tem valor biológico superior às outras proteínas. A grande verdade sobre o valor biológico é que ele étotalmente irrelevante para quem consome grandes quantidades de proteínasdiariamente (2g/kg ou mais). Se você for um refugiado uruguaio que mora em umacomunidade carente e consome 30g de proteína por dia, é até importante queestas 30g sejam de alto VB. Nesse caso o valor biológico faz diferença. Porém,se você for um marombeiro que consome facilmente 150-200g de proteína por diavocê já está no limite da retenção protéica, aumentar o valor biológico nãofará diferença alguma, pois como dito, você já está no limite. Existem atébodybuilders vegans que conseguem excelentes resultados consumindo apenasproteínas de fontes vegetais. Se você garante seus 2g ou 3g de proteína por kgde peso corporal, não é necessário se importar com valor biológico de nenhumaproteína. #2 - Whey Protein é uma proteína de rápida absorção. Shake pós-treino só é algo urgentemente necessário para quemtreina em jejum ou semi-jejum. Se você faz uma refeição pré-treino, você jágarante aminoácidos durante todo o período intra e pós-treino. O fato de o Wheyser de rápida absorção não faz qualquer diferença na prática, já que diversosestudos comparam o uso de 30g de Whey x 30g de Caseína x 30g de proteína sólidae todos tiveram a exatamente a mesma resposta na síntese protéica. Não temporque achar que só porque ela é absorvida mais rápida, significa maismúsculos.Exemplo prático: Se você quer encher um copo com 200ml de água,faz diferença se você coloca de 20ml em 20ml ou 200ml de uma vez só, no final ocopo não está com 200ml do mesmo jeito? A velocidade mais rápida fez o copoficar mais cheio? Da mesma forma que 200ml de água sempre serão 200ml de águaindependente da velocidade que se coloca no copo, 30g de proteína sempre serão30g de proteína independente da velocidade absorvida. #3 - Whey Protein tem maior quantidade de BCAA que as outras proteínas. Qualquer proteína completa tem pelo menos 15-20% de BCAA. Umadieta hiperprotéica comum tem 30-40g só de BCAA. Você acha que os 5,5g a maisque o Whey Optimum possui irão fazer qualquer diferença na prática? Comparadoao resto da dieta, essa quantidade chega a ser insignificante. #4 - Whey Protein possui maior quantidade de glutamina que as outras proteínas. Mesmo caso do item anterior. Adicionar 4g de glutamina em umadieta hiperprotéica é adicionar uma gota d’agua em uma piscina. #5 - Whey Protein eleva a síntese protéica, é anti-catabólico e ajuda na recuperação muscular. Assim como toda e qualquer proteína. Próximo! #6 - Whey Protein causa pico de insulina, portanto é anabólico. Se o seu interesse é apenas na insulina, faça uma refeiçãopré-treino que sua insulina ficará elevada durante todo o treino e por váriashoras após o mesmo. #7 - Whey Protein é antioxidante. Se o seu interesse é apenas na ação antioxidante, use um bommultivitamínico. #8 - Whey Isolado é melhor do que Whey Concentrado. Mito. Para quem é intolerante/sensível a lactose pode até serinteressante apenas pela ausência desse carboidrato específico. Já que emalguns pode causar desconforto, diarréias, flatulências, e acne. Para todo orestante da população, Whey Protein Isolado tem exatamente os mesmos efeitosque o Concentrado. Com a desvantagem que durante o processo de filtragem sãoperdidos muitos nutrientes importantes. Outro ponto negativo é que quanto maisrápida a velocidade de absorção da proteína, mais chances ela tem de ser oxidada(usada como energia) já que os receptores dos peptídeos são ocupados com maiorrapidez. #9 - Whey Hidrolisado é melhor que Whey Isolado. Usar quantidades maiores do que 30g de Whey Hidrolisado deuma única vez é o mesmo que rasgar dinheiro. Nosso intestino tem quantidadeslimitadas de receptores de aminoácidos e peptídeos (os monômeros das proteínas).Quando se coloca na corrente sanguínea, grandes quantidades de proteína hidrolisada,todos os receptores são ocupados de uma vez só. E os aminoácidos que nãoconseguem encontrar um receptor vazio para serem absorvidos, são usados comosubstrato para a gliconeogênese (transformados em energia). Uma proteína sólidaou de lenta digestão não corre esse risco, pois os aminoácidos são liberados namesma velocidade que são absorvidos, e não ocupam todos os receptores de umavez (não há “fila” para usar os receptores, pois sempre tem um vazio). Quantomais rápida a absorção da proteína, mais receptores são usados de uma vez só, emais chances ela tem de ser oxidada. #10 - Whey é uma proteína limpa de gorduras, colesterol e açúcares. Outro grande mito que surgiu nos anos 70 e que até hojeassusta os menos informados é que gordura é o vilão da alimentação e deve sereliminado a todo custo. Gorduras possuem uma enorme lista de benefícios para ocorpo humano, inclusive as saturadas que foram injustamente acusadas de seremcausadoras de problemas cardíacos. Muitos estudos comparam 300kcal de leitedesnatado com 300kcal de leite integral e mostram que a resposta anabólicadesse último é superior ao primeiro. Colesterol tem importantes funções noprocesso de hipertrofia, é usado como carregador de testosterona, precursor de vitaminaD3, regulador da membrana plasmática. Açúcar pode até ser um problema paradiabéticos, mas pra quem tem hábitos de vida saudáveis e pratica musculação eleé útil como fonte de calorias e estimulador de insulina. Afinal, existe vantagem em usar Whey Protein? Sim, existe. Os vendedores de suplementos conseguem usar de suacriatividade e listar 300 “vantagens” para te convencer a comprar seus produtos.Infelizmente apenas 1% delas são verdadeiras e estão citadas a seguir: #1 - Whey Protein émais prático que uma proteína sólida. Uma das reais vantagens de usar uma proteína em pó é apraticidade. Basta misturar com leite/água e que já está pronto. Rápido e sembagunça. #2 - Whey Protein émais fácil de ser ingerido.Para os ectomorfos que não conseguem comer o suficiente, ouso de proteína em pó pode ser interessante. Já que é mais fácil consumir200kcal de um shake líquido do que de carne.Conclusão Talvez você esteja se perguntando: Devo tirar o Whey Protein da minha alimentação? A resposta é NÃO. Você não deve eliminar o Whey simplesmente porque remover 30g de qualquer fonte protéica (e conseqüentemente 120 kcal) da dieta não faz nada além de atrasar seu crescimento. O grande ponto desse artigo é mostrar que o Whey Protein tem exatamente o mesmo potencial anabólico que 30g de proteína de carne ou 30g de proteína de ovo. Retirar qualquer uma destas da dieta não traz benefício algum. Entretanto você está completamente livre para trocá-las entre si. Em vez de tomar um scoop de Whey de R$259,00, apenas adicione duas ou três porções de frango ao seu jantar.Não substitua qualquer parte de sua dieta por suplementos, em vez disso, apenas adicione-os a sua dieta original. Não cometa o mesmo erro de muitos iniciantes em pensarem que estarão crescendo mais porque trocaram 30g de carne por 30g de Whey. Você cresceria mais se tomasse os 60g juntos. #3 - Uso de proteínas hidrolisadas intra-treino: Muitos praticantes de musculação notam uma significativa melhora na recuperação muscular quando usam uma pequena dosagem (15 a 20g) de proteínas hidrolisadas ou BCAAs ao longo do treino. O que permite treinar o mesmo músculo várias vezes na semana. REFERÊNCIAS Lyle McDonald - The Protein Book Brad Pilon - How Much Protein
  40. 8 points
  41. 7 points
    Saranda

    Propionato com Primobolam

    Hello Forum Boa tarde @Apollo Galeno hoje lembrei de finalizar justamente por que notei as diferencas no corpo, mesmo mantendo a dieta legal, a semana em que finalizei tive o abdômen que jamais tive na vida. So por isso valeu todo o esforço, que na real é super recompensador pela sensação de superação que fica! Pronta para o próximo desafio! Por que o caminho é longo mas devagar a gente chega🙂 O unico real colateral que tive foram pelo e acne na regiao do pescoço . Aqui vao as ultimas fotos! CABELO/PELOS= Ficaram mais secos e tive pelos no pescoço e aumentou no corpo em geral ACNE= So na região queixo/pescoço LÍBIDO= Aumentou e voltou ao normal CLÍTORIS= Aumentou e depois normalizou VOZ= Modificou e agora ja esta quase 100% normal OUTROS= 0 a 100% A DIETA= Nas ultimas duas semanas segui 100% e durante as outras semanas foi uns 90% Agradeço o tempo de todos aqui do forum!💪🏽 Obrigada!! PS: dieta a partir de agora? Alguma sugestão ?
  42. 7 points
    @Agan81 só tenho uma coisa pra dizer: I N S P I R A Ç Ã O ♡ São pessoas como você que nos inspiram a continuar, a fazer melhor, pq assim vendo vc, sabemos que vamos chegar onde queremos, demore o tempo que for, afinal... quem tem pressa? O objetivo é chegar lá, com força de vontade, dedicação e o mais importante "PACIÊNCIA". Parabéns lindona, desejo que seu shape melhore cada vez mais, e que você só olhe pra trás pra ver que realmente valeu apena.
  43. 7 points
  44. 7 points
    Bravo Costa

    Relato da Sereia

    Pessoal, estou fazendo uma aposta, quem quiser participar, me chama no particular. EM QUANTO TEM VC ACHA QUE A SEREIAFIT SUPERA O SHAPE DE ANTES? (A) 1 a 3 semanas (B) 4 a 6 semanas (C) 7 a 9 semanas (D) 10 a 12 semanas (E) quem é SereiaFit? Quem optar pela opção (E) terá automaticamente o perfil deletado
  45. 7 points
    Sereiafit

    Oxandrolone

    Oi tudo bem? Então... Vou responder aqui sua dúvida, pois eu que converso mto com mulheres, e esse tema é comum... Inclusive conheço mtas tomando para hipertrofiar o clitóris. Oxandrolona não é tão virilizante, embora a resposta a cada AES seja bem particular, para ter uma hipertrofia do clitóris teria que tomar uma dose um pouco alta, o que não é indicado. Para esse fim, funciona mais a testosterona e pelos relatos de amigas o stanozolol. Sobre ficar mais exposto, fica sim! Ele cresce! Durante o ciclo há um inchaço maior causado por uma maior irrigação sanguínea na área e também por a mulher estar com a libido alta ocorre mais ereções (sim mulher tem ereção!), o que gera um incômodo no contato com roupas até pq ele fica mais sensível. Para quem já tem um clitóris um pouco grande, pode incomodar o crescimento pelo fator estético, temos que confessar que ainda no fisiculturismo existe mto preconceito quanto o padrão de tamanho do clitóris, o q mais vemos são os próprios usuários de anabolizantes zoando as mulheres por terem um clitóris avantajado! Mas isso é padrão idiota que assim como outros aspectos corporais a mulher sofre, então não deveríamos nos incomodar com isso, até pq para chegar naquele nível absurdo que as mulheres aparentam ter um minipau no meio das pernas, depende de fatores além de um uso recreativo de AES como genética, uso de bombas de sucção, ou abuser total nas paradinhas... Se fica melhor na hora do sexo.... Óbvio!!!!!!!!!!!!!!!!! Mais área de contato, facilita o orgasmo e se tiver com testosterona alta na veia a mulher fica pior que vcs homens. Isso tem que deixar de ser tabu, os homens tem que parar com esse nojinho, pq mulher se depara com cada coisa por ai, e parabéns por vc procurar ajuda para sua esposa!!! Abraços!
  46. 7 points
    "Magra" Tem mulher que cicla pra ficar com o teu corpo.
  47. 7 points
    Oh meu Deus... Para vai... caiu até uma lágrima aqui agora. Não sei como agradecer não, sei que nunca estive tão feliz e com a sensação de estar no caminho certo. Tô recebendo muita energia positiva , quase todos os dias uma pessoa diferente aparece pra me fazer elogios ou mandar eu seguir em frente. Aqui então, eu tô feliz de mais e aprendendo muito. Se Deus quiser daqui a pouco eu tô melhor . Muito obrigada mais uma vez.
  48. 7 points
    Joana Darc sb

    Ciclo feminino de boldenona

    Oi gente, hora de prestar contas. Não tô muito feliz não, só vou postar porque quero manter organizado o relato e foi solicitado. Não sei se tem a ver com meu humor hoje mas eu sei que não tô achando nada melhor visualmente ainda. Já me disseram que estou um pouco maior, tem dias que me sinto bem e tem dias como hoje que eu me sinto gorda. Sei lá se é gordura ou retenção. O peso tá um pouco maior e amanhã posso atualizar ele. Não teve um dia sequer que exagerei na dieta, na verdade é mais fácil eu comer menos do que mais do que o que foi proposto, apesar da fome de leão. Consegui um propionato da landerlan por 130 reais estou pensando em pegar amanhã pra usar 25mg por semana. Acho que ele vai me ajudar na questão da libido e visual também. Torçam por mim, no momento tô com aquela sensação de se esforçar e não receber nada em troca, não sei se é coisa da Bold mas hoje eu tô pra baixo.. Fiz a sexta aplicação e tô assim agora: As de antes são de calcinha preta e parte de cima de croche. A última foto é do meu braço, onde to gostando, botei a medida errada no primeiro post, tenho 31, 5 de bíceps. Ele fica bem bonito quando treino e até aparece uma veia ou outra
  49. 7 points
    Boa noite pessoal! Gostaria muito de compartilhar com vocês meu primeiro ciclo com Oxandrolona, pois depois que comecei que fui buscar informações. Treino a 2 anos e meio, nunca usei anabolizantes por medo dos colaterais, porém queria (ainda quero) aumentar meu volume, pois meu biotipo é ectomorfo e acho extremamente difícil ganhar mais volume de forma correta. Bom vamos começar a detalhar. Mandei manipular a Oxandrolona oral com um farmacêutico que não pedia receita, não tomei nada antes para preparar ou fortalecer o fígado. Tomava anticoncepcional Tâmisa 20, parei de tomá-lo na segunda semana de ciclo, pois pesquisei sobre e achei melhor parar, ainda não voltei a tomar o anticoncepcional. Lembrando que gostaria no ciclo de ganhar e não perder, e li que a Oxandrolona poderia fazer esse efeito caso minha dieta fosse adequada. Idade: 25 anos Altura: 1,58 Peso início do ciclo: 52 kg Peso final do ciclo: 58,5 kg Como fiz o ciclo sem muita informação, não tirei minhas medidas e nem fiz Bioimpedância antes. Ciclo Oxandrolona de 10mg : 1ª semana: 20mg por dia, de 12 em 12 horas; 2ª e 3ª semana: 30mg por dia, de 8 em 8 horas; 4ª e 5ª semana: 40mg por dia, de 6 em 6 horas; 6ª e 7ª semana: 30mg por dia, de 8 em 8 horas; 8ª semana: 20mg por dia, de 12 em 12 horas. Dieta: 07:00 - Café da manhã: Panquecas (4 colheres de farinha de aveia, 4 ovos, 1 banana e 1 colher de pasta de amendoim) 09:30 - Lanche da manhã: Albumina (30 gr) com farinha de aveia (20 gr) + 4 castanhas do Pará 12:00 - Almoço: Arroz branco, feijão, carne e salada 14:30 - Lanche da tarde (pré treino): Frango + batata doce 17:00 - Pós treino: Whey + Dextrose + Creatina 20:00 - Jantar: Frango + batata doce + salada Treino (horário de treino 16:00): Segunda-feira: Inferiores (Leg + extensora + adução + abdução + passada + agachamento livre) 3x10 Terça-feira: Superiores (Supino reto + crucifixo reto + desenvolvimento com halter + testa + pulley corda + remada) Quarta-feira: Descanso Quinta-feira: Inferiores (Elevação de quadril, stiff, flexor deitado, flexor em pé, glúteo, agachamento sumo) Sexta-feira: Superiores (Rosca scott + rosca alternada + pulley aberto e fechado + extensão de lombar + elevação lateral) Relatos do ciclo: Como disse anteriormente morria de medo de usar anabolizantes, porém a vontade de crescer era maior, pesquisei sobre os mais indicados para mulheres e acabei optando pela Oxandrolona, principalmente porque todos diziam que não engrossava a voz e realmente para mim não ouve alteração. Comecei meu ciclo na segunda semana de Abril/2017. Sobre os colaterais, na primeira semana aumento da oleosidade da pele, mas bem discreto e isso se manteve por todo o ciclo. Já na quarta semana para frente começaram aparecer mais colaterais, como oleosidade no cabelo, espinhas (principalmente colo, pescoço e costas), aumento do clítoris (nada assustador e volta ao normal depois que para de tomar a droga), aumento da libido (isso realmente foi monstro) e os pelos crescem mais rápidos, nenhum colateral é exagerado, mas são coisas que aconteceram de diferente no meu corpo. Li bastante relatos sobre aumento de força, porém não senti isso, mas sim minha vontade e foco de treinar era maior, para ver aquilo dar certo, tanto é que nesse período muitas vezes tinha câimbras nas coxas, isso nunca tinha acontecido comigo antes. A parte emocional realmente fica bastante abalada (quando li sobre isso achava que era exagero, porém é tudo verdade), você se estressa mais, fica mais sensível, não consegue controlar suas emoções, fica bem bipolar e você não vê isso na hora, só consegue analisar depois. Então se está com o relacionamento não muito bem ou com algum rolinho que queria algo sério, espere para começar um ciclo. Não realizei nenhum TPC, li que para a Oxandrolona não seria necessário. Concluindo fiquei feliz com o resultado, pois ganhei 6kg, nunca pesei tanto, lógico que ganhei gordura, mas sei que precisamos de um ciclo para ganhar e outro para secar, por isso não fiquei neurótica. Também li que não será no meu primeiro ciclo que verei resultados estratosféricos (realmente achava isso, achava que já ia ficar Panicat). Outro ponto positivo é que fica tudo bem durinho. Orientações: Gostaria que colaborassem para me dizerem o que fiz de errado no ciclo ou o que poderia ter melhorado para ter maiores ganhos. Pretendo iniciar novo ciclo em Julho/2017, estava pensando em usar Boldenona + Oxandrolona, é uma boa opção? Tenho que tomar algo antes do ciclo? Momento desabafo: Li em bastantes fóruns falando que mulher só tem que ficar na Oxandrolona, não podem usar outros esteroides, mas acho engraçado porque a maioria adora mexer, sente maior atração e valorizam o biotipo das gostosonas, sendo que em muitos casos são essas mulheres que usaram anabolizantes mais pesados. Lógico que cada um tem sua opinião e fórum é pra isso mesmo, não só ler aquilo que quer, mas coisas contrárias também. Não sou aprofundada nessa área, então nem posso opinar muito, porém acredito muito na genética de cada indivíduo, pois me uso como exemplo, quando ganho alguns quilos a mais vai tudo para o abdome e não para pernas ou bumbum como em algumas pessoas, afinal cada um tem seu biotipo. Dá mesma forma que algumas pessoas conseguem ganhar massa magra com mais facilidade que outras. Concluindo: Espero ter ajudado algumas mulheres, pois esses fóruns me ajudaram muito no decorrer do ciclo e queria muito ter acompanhado eles antes de começar meu ciclo, mas para o próximo vou fazer tudo com mais cautela. Aguardo retorno de todos que lerem
  50. 7 points
    Fatores que podem influenciar: 1. Estresse. Cortisol é um grande catabólico então o estresse pode prejudicar seus ganhos 2 . Dieta, como já falaram. Aliás, é bom dar um "sustinho" na dieta as vezes pois ela, assim com o treino, também deve ser mudada. Então fazer um dia de alto carbo e alguns dias de baixo carbo podem dar um empurrão no metabolismo. Aliás, é bom lembrar que conforme você ganha peso a sua necessidade energética muda, então a dieta anterior era pra uma mulher daquela faixa de peso, agora você está mais pesada e tem que ajustar os nutrientes pra isso. 3. Treino. Eu lembro que passei um treino mas foi pra outra menina, pode ser que aquele não sirva pra você. Coloque aqui o treino anterior pra eu avaliar melhor. 4. Tô na pista? To na pista sim. Desde então minha caixa de email recebeu...deixa eu ver....0 mensagens libidinosas.
This leaderboard is set to Sao Paulo/GMT-03:00
×
×
  • Create New...