Ir para conteúdo

Panturrilha no leg press 45º

ou panturrilha no leg press ou flexão plantar no leg press

Panturrilha no leg press 45º: posição inicial Panturrilha no leg press 45º: posição intermediária Panturrilha no leg press 45º: posição final Panturrilha no leg press 45º: posição intermediária

Ampliar posições do movimento:

  • Panturrilha no leg press 45º: posição inicial
  • Panturrilha no leg press 45º: posição intermediária
  • Panturrilha no leg press 45º: posição final

Vídeo explicativo:

Execução correta ou padrão:

  1. Posicionar os pés na largura dos ombros e de forma natural (ponta dos pés voltadas para frente);
  2. Apoiar os pés na parte mais calosa;
  3. Manter o joelho firme, realizando hiperextensão (encaixe articular) ou mantendo uma leve flexão;
  4. Alongar ao máximo e fazer a flexão plantar com o máximo de amplitude.

Erros comuns ou movimentos evitados:

  • Executar com amplitude encurtada ou reduzida, geralmente somente a parte final do movimento;
  • Mexer os joelhos.

Músculos envolvidos:

  • Gastrocnêmio;
  • Sóleo.
Luan Viana
  • , 1.277 visualizações

Participaram da produção do(a) Panturrilha no leg press 45º:


Comentários

Comentários Destacados

Não há comentários para mostrar.



Participe nos comentários

Você pode postar agora e se registrar em seguida. Se você já tem uma conta, entre agora para postar pela sua conta.

Visitante
Adicionar um comentário

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   O link foi incorporado automaticamente.   Exiba como um link normal

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por Leena Fabrini
      A "negativa" é positiva para se conquistar panturrilhas grandes!
      A gente sabe como é difícil que as panturrilhas cresçam, não é mesmo?! Mas apostamos que você ainda não experimentou de tudo...
      Segundo o PhD Jim Stoppani, uma pesquisa realizada na França demonstrou que você deve dar mais ênfase à contração negativa (fase excêntrica) no treino de panturrilhas, pois há ganho real ao se treinar forçando a “negativa”!
      No estudo francês, um grupo de homens seguiu um programa de treinamento de contração negativa de 7 semanas, o qual consistia em utilizar 120% de sua força máxima no exercício de panturrilha no leg press e no panturrilha sentado (burrinho), de 2 a 3 vezes por semana.
      O treino de contração negativa levou a aumentos significativos no tamanho, bem como na força muscular da panturrilha.
      Para utilizar a técnica, descubra o seu 1RM (carga máxima para uma única repetição perfeita). Com essa carga, execute quantas repetições negativas você puder, devendo cada uma durar de 5 a 8 segundos, sendo de 2 a 3 séries de cada exercício. Não deixe de fazer a sua série regular de panturrilha antes, sendo os exercícios de fase negativa meramente complementares.
      Fonte: STOPPANI, Jim. Negatives are Positives for Big Calves, Revista Flex, março de 2010, pp. 92.
    • Por ksimo
      Alguém poderia me dar um auxílio sobre dor na panturrilha? Treinei na segunda panturrilha em pé na máquina, não alonguei, sempre fiz no leg press. No momento em que fazia o exercício, sentia um repuxo mas achei normal por ser a primeira vez na máquina, mas, durante o dia foi um desconforto e fadiga. Ao acordar na terça, não consegui manter os pés retos no chão, a dor na panturrilha era absurda.
      Em primeiro momento ficar na ponta dos pés e ir ajeitando na posição certa ao poucos. Hoje, quarta fui para academia e fiz, extensora, abdutor, adutora, afundo. Sinto que não deveria ter ido, pois a dor está froids. Enfim, já tomei dorflex, paracetamol, e agora parti para tandrilax (estou no segundo comprimido e não senti muita diferença).
      Será que foi algo mais grave? Indicam algo? Massagem pode nessa região? Fico grato se alguém, puder me ajudar.
    • Por gamemaniaco
      Eu treino panturrilha 3 vzs por semana dia sim dia nao em casa qual a maneira mais rapida de desenvolver elas? eu faço com a maoi apoiada na parede e sentado no banco reto
    • Por Talles Sucesso
      Posicionar a barra na parte anterior do Deltóide; Tirar a barra da gaiola; Posicionar os pés de modo paralelo, próximos à largura do quadril; Descer jogando o quadril para trás, mantendo o alinhamento reto da coluna; Evitar o encaixe articular ao final; Fazer a contração voluntária do glúteo ao final.
    • Por Talles Sucesso
      Posicionar a barra no trapézio (não posicionar na cervical); Colocar os cotovelos para baixo ou para frente; Fixar os pés paralelos, com abertura próxima à da largura dos ombros; Orientar a ponta dos pés ligeiramente para fora (posição mais anatômica); Manter a coluna ereta (lombar estável, em isometria); Fazer a força nos calcanhares e não na ponta dos pés; Realizar o movimento completo de descida e subida, sem descansar embaixo ou em cima.
×
×
  • Criar Novo...