Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Supino inclinado com barra


Como fazer supino inclinado com barra do jeito certo. Orientação do personal trainer Talles Sucesso. Conheça os erros mais comuns. Obtenha mais benefícios para os seguintes músculos: peito, ombro, tríceps.



Supino inclinado com barra: posição inicial Supino inclinado com barra: posição intermediária Supino inclinado com barra: posição final Supino inclinado com barra: posição intermediária Supino inclinado com barra: posição inicial
Baixar animação

Passo a passo para execução correta:

  1. Pegar a barra com abertura que considere o alinhamento dos punhos com os cotovelos no ângulo de 90º (formado entre braço e antebraço);
  2. Manter o tronco e quadril encostados no banco;
  3. Firmar os pés no solo;
  4. Descer a barra completamente até a linha média do tórax, com os cotovelos voltados para baixo;
  5. Estender completamente os cotovelos, sem fazer o encaixe articular.

Músculos trabalhados:

  • Peito;
  • Ombro;
  • Tríceps.

Erros comuns:

  • Elevar o quadril;
  • Descer a barra até 90º, diminuindo a amplitude do movimento, que deve ser máxima (até quase tocar o peito ou com suave toque no peito);
  • Quicar a barra no peito.

Imagens do movimento:

  • Supino inclinado com barra: posição inicial
  • Supino inclinado com barra: posição intermediária
  • Supino inclinado com barra: posição final

Vídeo explicativo:

Participaram da produção deste exercício:

Publique seu conteúdo como colaborador


Comentários

Comentários Destacados

Não há comentários para mostrar.



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma conta em nossa comunidade! É rápido, fácil e grátis!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora

  • Conteúdo similar

    • Por Vinicius Idelfonso Tonioli
      Acredito que os braços são o cartão de visita de qualquer homem que treina. É o grande foco de 99% dos iniciantes, e muitas vezes a ânsia de se atingir braços gigantes ocasionam alguns erros que podem ser prejudiciais no resultado final. Seguem algumas dicas incomuns para aumentar o volume dos seus braços:
      Antebraços:
      Além da simetria, que é importante para a aparência, um treinamento intenso e bem elaborado de antebraços irão consequentemente apoiar seus ganhos significativamente. A maioria das pessoas deixa o antebraço para fim do treino e apenas, "treina por treinar". Mal sabem que o treinamento de antebraços te proporcionará melhor pegada, e muito mais força para exercicios de biceps. Mais força = mais carga = mais dano = mais músculos!
      Barra fixa:
      A barra fixa é um exercicio chave para ganho de massa muscular. Um dos principais movimentos para as costas, recruta intensamente seu bíceps, e deve ser incluído em qualquer rotina de treino, principalmente para quem quer mais massa nos braços.
      Bíceps + Tríceps:
      Treinar os dois musculos no mesmo dia é uma tática antiga e eficaz para gerar mais ganhos nos braços. Aumenta-se o tempo de recuperação dos músculos, fator essencial para a hipertrofia.
      Bons treinos!!
    • Por Leena Fabrini
      O peitoral maior ou pectoralis major é um músculo localizado no tórax.
      Na academia você percebe que aqueles que treinam pesado podem apresentar uma abertura no peito, causada pela lesão do tendão do peitoral maior. Normalmente, essa lesão ocorre quando os atletas fazem supino ou banco inclinado pesados.
      Os ortopedistas têm debatido há anos como tratar o problema – é melhor deixá-lo para lá? Operar imediatamente? Esperar para ver e operar depois se não melhorar?
      Um estudo em cadáver feito por pesquisadores do Centro Médico da Universidade Rush, em Chicago, mostrou que o tendão operado não fica tão bom como o original e que várias técnicas cirúrgicas não foram capazes de modificar o resultado.
      Outros estudos mostraram que a reparação cirúrgica do tendão grande peitoral funcionou muito melhor do que os tratamentos não-operatórios.
      Os pacientes devem reduzir a atividade após a cirurgia até que o tendão tenha tempo de se recuperar.
      Fontes: Jornal Americano de Medicina Esportiva, 40: 1887-1894, 2000 e Revista Muscular Development, janeiro/2013, pg. 80.
    • Por fisiculturismo
      O campeão brasiliense de fisiculturismo de 2016, Alexandre Cardoso, revela seu treino completo de peito. O treino é dividido da seguinte maneira:
      Aquecimento:
      Rotação externa Exercícios:
      Crucifixo na Máquina em bi-set com Crucifixo na Polia; Supino Inclinado em bi-set com Supino Inclinado com Halteres; Supino Reto no Smith com 3 drop-sets; Execução:
      Número de séries: 3; Número de repetições: 6 a 8; Tempo de intervalo: 1 a 2 minutos; Dicas:
      Músculo não sabe contar, treine até a exaustão; Treine com um parceiro. Conheça mais sobre o campeão de fisiculturismo Alexandre Cardoso na entrevista que gravou para o nosso site:
       
    • Por Luan Viana
      Posicionar as mãos na barra na largura dos ombros; Subir o corpo com a coluna reta; Manter os joelhos com uma pequena flexão; Trazer a barra próximo ao queixo, levantando bem os cotovelos e contraindo voluntariamente os ombros e bíceps; Descer a barra alongando a musculatura até embaixo, sem relaxar os ombros, que devem permanecer contraídos.
    • Por Luan Viana
      Ajustar o banco da máquina para que o punho fique na altura dos ombros; Manter o olhar direcionado para frente; Manter as escápulas unidas; Fazer a extensão do ombro sem encaixar o cotovelo ao final; Manter o abdome contraído durante todo o movimento; Descer bem, com a amplitude máxima do movimento; Manter a tensão constante, sem deixar a placa do aparelho encostar embaixo; Manter o cotovelo sempre alinhado com o punho na pegada frontal; Manter o cotovelo embaixo do punho o tempo inteiro; Manter o punho firme.
Sinedrol

Emagreça rápido sem passar fome!

Conheça o suplemento que tem feito grande sucesso nas redes sociais com vários relatos de emagrecimento

Clique aqui para conhecer



×
×
  • Criar novo...